Primazia de S. Pedro, Intercessão dos Mortos e Livre Exame

49

“(…) Católica Romana é uma contradição de termos, como “romana” diz respeito a algo local, logo ela sozinha não poderia corresponder a todos os cristãos salvos em Cristo.A Igreja de Cristo é Católica (Universal), e assim não pertence a alguma nacionalidade em específico. (…) Intercessão – Não há exemplo algum nas Escrituras onde vivos pedissem o auxílio de pessoas já falecidas (isso é necromancia). (…)”

Recebido em 24/7/99
Assunto: A Una Santa Igreja Católica

Que a Gloriosa Paz de Nosso Único Senhor Jesus Cristo possa estar com todos vocês Graças à Deus, sou cristão e sirvo ao meu bom Deus em uma Igreja Evangélica onde o nome de Jesus Cristo é exaltado acima de todas as coisas, e onde amamos os nossos irmãos em Cristo.

Gostaria de explanar um pouco sobre a doutrina prostestante levando em consideração o tema da página que é Apologética, onde, infelizmente, há discussões infindáveis que como podemos ver não levam a nada.

Antes de tudo, gostaria de falar sobre o que é religião: religião é um vocábulo de origem latina que significa re-ligar, ligar novamente o que estava ligado. E pelas Sagradas Escrituras podemos ler que o homem estava em comunhão com o Criador, ele estava ligado a Ele, mas veio o pecado e desatou essa união. Perguntemos: qual é a religião que pode novamente nos unir a Deus?

“Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigênito para que todo aquele que nele crer não pereça, mas tenha vida eterna” João 3:16Jesus Cristo é o Único que pode sanar a nossa inimizade contra o Criador, Jesus é o Único que pode nos unir novamente em comunhão com o Deus Eterno. A nossa salvação não está dentro de uma organização, mas ela vem do próprio Deus. Jesus Cristo é o nosso Senhor e Deus.

Algumas questões:

A Igreja Católica (Universal) – A Igreja de Cristo recebeu o nome de Católica já no século II para atestar a fé da maioria dos cristãos e aquela que era crida desde o início. Tal característica era distintiva dos heréticos que se circunscreviam-se a pequenos grupos.

Obs.: Católica Romana é uma contradição de termos, como “romana” diz respeito a algo local, logo ela sozinha não poderia corresponder a todos os cristãos salvos em Cristo. A Igreja de Cristo é Católica (Universal), e assim não pertence a alguma nacionalidade em específico.

A Unidade da Igreja – Como organização, desde o início as comunidades eram livres ou interdependentes, não havia um poder central que regia e ditava as regras para todos os cristãos. Um bom exemplo sobre a questão da unidade da Igreja Antiga, podemos tirar de Irineu e Cipriano onde a unidade da Igreja era representada pela união dos bispos. Nenhum deles concebia uma primazia de jurisdição do bispo de Roma sobre os demais bispos. Irineu mesmo só lhe concedia uma primazia de honra e assim mesmo como “primo entre iguais”.

Muitos Pais da Igreja viam Pedro como símbolo da unidade da Igreja por ter sido o primeiro a receber o poder das chaves, no entanto a maioria não ensinou que fosse ele superior aos demais apóstolos.

A Suficiência das Escrituras Sagradas – Cremos que a Bíblia é a Palavra de Deus, e que toda ela é inspirada para intruir no caminho da justiça. A Bíblia foi escrita na língua do povo simples, assim não hácomo argumentar que ela seja monopólio de uma classe sacerdotal. Na Igreja Antiga todos os cristãos possuíam exemplares da Bíblia e a liam constantemente. Agostinho, bispo de Hipona, se converteu a Cristo pela leitura da Bíblia, e como ele muitos outros que encontraram a paz para as suas almas na leitura da Bíblia.
E sendo a Bíblia a Palavra de Deus, não podemos aceitar outras fontes que venham contradizer as Escrituras, pois Deus não se contradiz.

Cristologia – Assim como Tertuliano e Atanásio, cremos em Um só Cristo com duas naturezas, Jesus é Verdadeiro Deus e Verdadeiro Homem, dessa forma podemos afirmar que Maria foi “theotokos segundo a humanidade”. Com reservas podemos afirmar que Maria é Mãe de Deus ou Portadora de Deus, na medida que usamos esse título para reafirmar a Unidade que há em Cristo. Ficamos com o bispo Ambrósio de Milão quando disse: “Maria era o templo de Deus, não o Deus de templo. Deve-se adorar então somente aquele que operava no templo”.

Imagens – Sabemos pelas catacumbas que os cristãos desde o início tiveram amor pelas artes, onde ardonavam grandemente seus lugares de culto, no entanto com respeito a imagens de esculturas, esse sempre foi um tema grandemente controvertido na História Eclesiástica. Cristãos como Eusébio de Cesaréia e Epifânio de Salamina eram contrários ao uso de imagens no culto cristão, e outros que eram favoráveis argumentavam a favor dos analfabetos. Interessante é estudar a crise Iconoclasta.

Intercessão – Não há exemplo algum nas Escrituras onde vivos pedissem o auxílio de pessoas já falecidas (isso é necromancia). Como disse o Apóstolo Paulo “Há um só Deus e um só mediador entre Deus e os Homens, Jesus Cristo-homem.”

Temos uma promessa do Senhor Jesus, que disse: “onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome eu ali estarei”. Desde o início os cristão confiaram na presença de Jesus e assim não necessitavam de intermediário que fossem até Ele.

Jesus é Verdadeiro Deus e Verdadeiro Homem. Como Deus, Ele é Poderoso para nos ajudar, para nos curar, para nos sustentar na presença do Pai; como Homem, Ele nos entende e pode ser o nosso Sumo Sacerdote. Assim, exaltamos e confiamos somente no nome de Jesus Cristo para o perdão dos nossos pecados. Leiam o texto do Evangelho de Lucas onde Jesus fala sobre o rico e Lázaro

No momento acho que é só.

Bibliografia: Altaner, B e Ituiber, A. “Patrologia”, ed. Paulinas; Kelly,
J.N.D. “Doutrinas Centrais da Fé Cristã”
J.H.

* Resposta

Respondido em 25/7/99

Prezado J., Salve Maria!

Vamos por parte. A terminologia “Romana” diz respeito à sede da Igreja e não à sua nacionalidade. Portanto, não há contradição nos termos. A Igreja de Nosso Senhor é universal (católica) e tem um chefe visível, o Papa, que fica em Roma (Romana).

A primazia de S. Pedro sobre os demais apóstolos é claramente afirmada em diversas passagens das Sagradas Escrituras. Mesmo porque foi a ele que foi dada as “chaves” do Céu e da Terra.

O primado de S. Pedro sobre os outros fica claramente expresso quando ele: 1) preside e dirige a escolha de Matias para o lugar de Judas (At 1,1-25); 2) É o primeiro a anunciar o evangelho no dia de Pentecostes (At 2, 14); 3) Testemunha, diante do Sinédrio, a mensagem de Cristo (At 10, 1); 4) Acolhe na Igreja o primeiro Pagão (At 10,1); 5) Fala primeiro no Concílio dos Apóstolos, em Jerusalém, e decide sobre a questão da circuncisão: “Então toda a assembléia silenciou”(At 15, 7-12), etc. Todos os sucessores dos apóstolos atestam o primado de Pedro e dos seus sucessores, como, por exemplo:

1) Tertuliano: “A Igreja foi construída sobre Pedro”; 2) S. Cipriano: “Sobre um só foi construída a Igreja: Pedro”; Santo Ambrósio: “Onde há Pedro, aí há a Igreja de Jesus Cristo”.

S. Mateus enumerando os apóstolos, confirma o primado de S. Pedro: “O primeiro, Simão, que se chama Pedro”(Mt 10, 2).

Depois, basta pegar o trecho em que nosso Senhor se vira para Simão e diz: “Eu te digo: tu és Pedro (em aramaico pedra) e sobre esta pedra eu edificarei a minha Igreja, e as portas do inferno  nunca prevalecerão contra ela”. (Mt. 16, 18).

Como isso é claro e positivo! Jesus Cristo muda o nome de Simão, em pedra (aramaico: Kephas, significa pedra e pedro, numa única palavra, como em francês Pierre é o nome de uma pessoa e o nome do minério pedra).

Deus fez diversas vezes tais mudanças para que o nome exprimisse o papel especial que deve representar a pessoa. Assim mudou o nome de Abrão em Abraão (Gn 17, 5), para exprimir que devia ser o pai de muitos povos.

Mudou ainda o nome de Jacob em Israel (Gn 32, 28) para significar a “força contra Deus”. Assim Jesus Cristo mudou o nome de Simão em Pedro, sobre a qual estará fundada a Igreja, sendo o seu construtor o próprio Cristo.

Em todo o trecho em que Nosso Senhor confirma S. Pedro como primeiro Papa, fica evidente que Ele se dirige, exclusivamente, a S. Pedro, sem um mínimo desvio: “Eu te digo… Tu és Pedro… Sobre esta pedra edificarei… Eu te darei… O que desatares…”

S. Pedro é a pessoa a quem tudo é dirigido … é ele o centro de todo este texto.

Esse ponto é muito importante, pois a interpretação truncada dos protestantes quer admitir o absurdo de que Nosso Senhor não sabia se exprimir corretamente. Eles dizem que Cristo queria dizer: “Simão, tu és pedra, mas não edificarei sobre ti a minha Igreja, por que não és pedra, senão sobre mim.” Ora, é uma contradição, pois Nosso Senhor alterou o nome de Simão para “Kephas”.

A lista dos primeiros Papas é a seguinte S. Pedro, 42 – 67; S. Lino, 67 – 78; S. Cleto, 78 – 91; S. Clemente, 91 – 100; Santo Evaristo, 100 – 109; Santo Alexandre I, 109 – 119; S. Sixto I, 119- 128; S. Telésforo, 128 – 139; Santo Higino, 139 – 142; S. Pio I, 142 – 150; Santo Aniceto, 150 – 162; S. soter, 162 – 170; Santo Eleutério, 170 – 186; S. Vitor, 186 – 197; S. Zefirino, 197 – 217; S. Calisto I, 217 – 222; Santo Urbano I, 222 – 230; S. Ponciano, 230 – 235; Santo Antero, 235 – 236; S. Fabiano, 236 – 251; S. Cornélio, 251 – 252; S. Lúcio I, 252 – 254; Santo Estêvão I, 254 – 257; S. Sixto II, 257 – 259; S. Dionísio, 259 – 269; S. Félix, 269 – 275; Santo Eutiquiano, 275 – 283; S. Caio, 283 – 295; S. Marcelino, 295 – 304; S. Marcelo, 304 – 310; Santo Eusébio, 310 – 311; S. Melcíades, 311 – 313; S. Silvestre I, 313 – 336; S. Silvestre batizou o imperador Constantino Magno.

A Bíblia é, de fato, a palavra de Deus, como afirma a Igreja. Contudo, sem a Igreja, a Bíblia de nada valeria, pois quem conferiria autenticidade ao papel? Veja como sua interpretação é complicada…

É através do poder dado por Cristo à sua Igreja, única, que se pode conhecer a verdade.

Vamos analisar as Sagradas Escrituras. Lá existe não só a investidura de S. Pedro como chefe visível da Igreja, mas a investidura perpétua dos apóstolos, para serem os “enviados” de Cristo (Mt. 28, 18 – 20): “É me dado todo o poder no céu e na terra; ide pois e ensinai a todos os povos e eis que estou convosco todos os dias até a consumação do mundo”.

Que quer dizer isso?

1 – Cristo tem todo poder, é a primeira parte

2 – Cristo transmite este poder, é a segunda parte (Lembremo-nos, no mesmo sentido, da frase: “tudo que ligares na terra será ligado no céu e tudo o que desligares na terra será desligado no céu”)

3 – A quem Ele transmite? Aos apóstolos.

4 – Até quando? Até a consumação do mundo

Ora, Cristo transmitiu este poder unicamente aos apóstolos presentes? Não pode ser, pois os apóstolos deviam morrer um dia, como todos os homens morrem. Ele diz: “estarei convosco até à consumação do mundo”.

Se Ele promete estar com os apóstolos até o fim do mundo, é claro que ele não está se dirigindo aos apóstolos como pessoas físicas, mas como um “corpo moral”, que deve perpetuar-se nos seus sucessores, e hão de durar atá o fim dos tempos.

Pelo já exposto, eis uma prova evidente que o bispo de Roma, que é o Papa, é o sucessor de S. Pedro e de sua “jurisdição”.

Sobre a intercessão dos santos após a morte, diz o Profeta Jereminas: “E o Senhor disse-me: ainda que Moisés e Samuel se pusessem diante de mim, a minha alma não se inclinaria para este povo; tira-os da minha face e retirem-se” (Jer 15, 1 ss). No tempo de Jeremias, estavam mortos Moisés e Samuel, mas intercederam, sem sucesso, diante de Deus.

E depois, como negar a intercessão após a morte e reconhecê-la durante a vida? Se podiam interceder enquanto vivos, muito mais poderiam após a morte, se morreram na graça de Deus.

No evangelho de S. Mateus (20, 30), Jesus Cristo ensina que os “santos são como os anjos de Deus no céu”. Zacarias diz: “que o anjo intercedeu por Jerusalém ao Senhor dos exércitos” (1, 12 -13).

O arcanjo Rafael diz a Tobias: “Quando resavas com lágrimas, e sepultavas os mortos, eu oferecia tua oração a Deus (Tob. 7, 12) (Os protestantes tiraram esse livro).

E, por acaso, sua “Bíblia” não tem a passagem do Rico avarento? Ele, após a morte, queria avisar os seus ‘amigos’ na terra. Ora, se um réprobo se interessou pelos seus, quanto mais um santo se interessará por seus irmãos na Fé.

Sobre Nossa Senhora, sua interpretação não é muito protestante… Os protestantes negam que Nossa Senhora seja “Theotokos”. Ela é, realmente, mãe de Deus, mas não da divindade. É mãe de Deus e mediadora entre nós e seu divino filho. Sendo Nosso Senhor o mediador entre nós e Deus Pai.

O Culto a Nossa Senhora desde os primórdios do cristianismo:

Em 340, S. Atanásio, resumindo  os dizeres de seus antecessores nos primeiros séculos, S. Justino, S. Irineu, Tertuliano, e Orígenes, exclama: Todas as hierarquias do céu vos exaltam, ó Maria, e nós, que somos vossos filhos da terra, ousamos invocar-vos e dizer-vos: Ó vós, que sois cheia de graça, ó Maria, rogai por nós!”

Nas catacumbas encontram-se, em toda parte, imagens e estátuas da Virgem Maria; prova de que tal culto existia no tempo dos apóstolos e foi por eles praticado, ensinado e transmitido à posteridade.

O problema dos protestantes, Jorge, é terem negado a Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo, fundada sobre um homem mortal, tendo como Pedra angular um Deus. “Olhai, pois, por vós e por todo o rebanho, sobre que o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a Igreja de Deus a qual santificou pelo seu próprio sangue” (At 20, 28)

Portanto, está provada, segunda a própria Bíblia, a primazia de S. Pedro, a intercessão dos santos vivos ou mortos (incluindo os anjos), o culto à Nossa Senhora como mãe de Deus.

Espero que perceba o erro do protestantismo e volte ao seio da Igreja fundada por Nosso Senhor Jesus Cristo.

Seu em Cristo e Maria,
Frederico Viotti
Frente Universitária Lepanto
https://lepanto.com.br

Tréplica em 3/8/99

Sobre o livre-exame: “Tão-somente esforça-te, e sê muito corajoso. Cuida em fazer conforme toda a lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvies, nem para a
direita e nem para a esquerda, para que sejas bem-sucedido por onde quer que andares. Não se apoarte da tua boca o livro desta lei; medita nela dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme prosperar o teu caminho, e serás bem sucedido.” Josué 1.7,8

“Estas palavras que hoje te ordeno estarão no teu coração. Tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, andando pelo caminho, deitando-te e levantando-te. Também as atarás na tua mão por sinal, e te serão por faixa entre os teus olhos. E as escreverás nos umbrais da casa, e nas portas.”  Deuteronômio 6.6-9

“Como purificará o jovem o seu caminho?  Observando-o segundo a tua palavra. De todo o meu coração te busco; não me deixes desviar dos teus mandamentos. Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti.” Salmos 119.9-11

“Toda palavra de Deus é perfeita; escudo ele é para os que nele confiam.” Provérbios 30.5

“Toda Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça; a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente preparado para toda boa obra.” II Timóteo 3.16,17

“Ora, estes foram mais nobres do que os de Tessalônica, pois de bom grado receberam a palavra, EXAMINANDO cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim. De sorte que creram muito deles, e também mulheres gregas de alta posição, e não poucos homens.” Atos 17.11,12

“Pois primeiramente vos entreguei o que também recebi: que Cristo morreu por nossos pecados, SEGUNDO AS ESCRITURAS, e que foi sepultado, e que ressurgiu ao terceiro dia, SEGUNDO AS ESCRITURAS.” Coríntios 15.3,4

“À lei e ao Testemunho! Se eles não falarem segundo esta palavra, nunca verão a alva.” Isaías 8.20

“Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos anunciamos, seja anátema.” Gálatas 1.8

Pegunto eu:  Será que os católicos romanos lêem a Bíblia? Como poderiam esconder a Palavra de Deus em seus corações se nem a conhecem?

Como cristãos cremos que a Palavra de Deus está exarada nas Escrituras, e que a Bíblia é suficiente para instrução e para nos conduzir ao caminho da verdade que é Jesus Cristo.

Como os católicos romanos saberão que o que ouvem na Missa não é outro evangelho se não conhecem a Bíblia?

Concordo plenamente com o escritor Rick Jones quando disse que o catolicismo romano é uma religião para gente preguiçosa, que só ouve mas não julga aquilo que ouve, aceitando tudo o que a hierarquia católica romana diz e ensina.

Outra coisa: vocês me disseram que nós, protestantes, não temos igreja. Correto.  Nós não temos igreja, porque NÓS SOMOS IGREJA. Disse Jesus:

“Pois onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, ali estou eu no meio deles.”  Mateus 18.20

Nós, protestantes, temos o privilégio de viver da suficiência do nome de Jesus, é no nome dele que nós nos reunimos para adorar ao Único Deus, Jesus Cristo.  E como diz uma das antigas fórmulas da Igreja:  “Onde estiver Jesus Cristo, ali estará a Igreja Universal.”

Todo aquele que invocar o nome do Único Senhor Jesus Cristo será salvo, e será membro da Única Igreja Universal que tem por cabeça a Jesus Cristo, o Rei da Glória, que vive para todo o sempre.

Jesus é o Único Deus, é o Único Senhor, é o Único Advogado, é o Único que merece a glória, a honra e a majestade.

Só Jesus Cristo é digno da nossa confiança.

Disse certa vez Bispo Agostinho acerca da liberdade do cristão:  “No essencial unidade, no não essencial liberdade, em tudo caridade.”

Como cristãos,  todos nós temos a mesma fé essencial para a salvação, que é a salvação pela graça somente, e no demais temos liberdade de pensamento, nos respeitando mutuamente (I Coríntios 10. 22-33).  E assim, como cristãos, exercemos a democracia na Igreja de Cristo.

Que Jesus Cristo, que é o Deus e o Senhor de Maria e dos Apóstolos, e Única Cabeça da Verdadeira Igreja Universal vos dê a Paz que excede a todo o entendimento.

Deus abençõe.

Resposta em 3/8/99
Prezado J., Salve Maria!

Vamos responder suas objeções.

Primeiramente, em nenhum trecho que você citou há a defesa do “livre exame”, que consiste em uma interpretação pessoal da Sagrada Escritura. Estou esperando, ainda, algum trecho da Bíblia que refute os seguintes:

A) “Nenhuma profecia da Escritura é de interpretação pessoal” (2Pd, 1,20).

B) “Assim vos escreveu também o nosso caríssimo irmão Paulo, segundo a sabedoria que lhe foi dada, falando-vos dessas coisas, como faz também em todas as suas cartas. Nelas há, porém, alguma coisa difícil de compreender, que as pessoas pouco instruídas ou pouco firmes deturpam, como fazem também com as outras escrituras, para sua própria ruína” (2Pd 3, 15-16).

C) “Muitas são as opiniões dos homens, e as más imaginações levam ao engano” (Eclo 3,24).

Ora, está clara a proibição do “livre exame”.

Você apenas mencionou trechos que confirmam o ensinamento católico, isto é, do dever de cumprir a vontade de Deus, amando-o e servindo-o de todo o coração e de toda a alma.

Onde está escrito que qualquer um pode interpretar ‘livremente’ o texto Sagrado?

Muito pelo contrário, como você mesmo transcreveu: “Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos anunciamos, seja anátema.” Gálatas 1.8

Ou seja, não há liberdade de modificar, ainda que com interpretações diversas, o que está escrito e foi transmitido pela Igreja.

Se houvesse o Livre Exame, cada um poderia interpretar segundo sua ‘inspiração’ ou ‘iluminação’ pessoal, subjetiva, quebrando a unidade e colocando em perigo sua própria salvação.

Os católicos conhecem a Bíblia muito mais do que os protestantes, que apenas lêem segundo seus olhos e sua interpretação.

Você disse: “…e que a Bíblia é suficiente para instrução e para nos conduzir ao caminho da verdade que é Jesus Cristo.”

Lembre-se do que disse S. Pedro: “Assim vos escreveu também o nosso caríssimo irmão Paulo, segundo a sabedoria que lhe foi dada, falando-vos dessas coisas, como faz também em todas as suas cartas. Nelas há, porém, alguma coisa difícil de compreender, que as pessoas pouco instruídas ou pouco firmes deturpam, como fazem também com as outras escrituras, para sua própria ruína” (2Pd 3, 15-16).

Como pode a Bíblia ser “suficiente para instrução” se ela mesma nega isso!

Você pergunta (afirma): “Como os católicos romanos saberão que o que ouvem na Missa não é outro evangelho se não conhecem a Bíblia?”

Agora, como você pode saber se sua bíblia é autêntica se ela foi escrita por protestantes? Você confia neles…

Depois, você não conhece a Missa Católica, onde há a leitura da Sagrada Escritura, interpretada, é claro, pela autoridade do Padre: “Olhai, pois, por vós e por todo o rebanho, sobre que o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a Igreja de Deus a qual santificou pelo seu próprio sangue” (At 20, 28).

Você coloca alguns pensamentos seus, na maior parte com pouca substância, visto que não são negados pelos católicos. Nós reconhecemos a Nosso Senhor como Deus, cabeça da Igreja (seu Corpo Místico), etc. Também acreditamos na presença de Nosso Senhor junto ao seu povo, etc.

Sobre a graça como única fonte de salvação, você entra em contradição com a mesma Bíblia. Diz S. Paulo: “Que diremos então? Que devemos permanecer no pecado a fim de que a graça atinja sua plenitude? De modo algum!”(Rom 6, 1-2). Ou: A “fé sem obras é morta” (S. Tiago 2, 17).

Mais radical ainda é S. Paulo nessa passagem: “Agora eu me regozijo nos meus sofrimentos por vós, e completo, na minha carne, o que falta das tribulações de Cristo” (Colossenses 1, 24).

É necessária a colaboração, a participação, da criatura, através de sua vida, isto é, de suas boas obras, para a sua salvação.

J., você se colocou em uma posição de juiz da Igreja. E esse é o problema dos protestantes. Eles não aceitam a autoridade da Igreja.

In Jesu et Maria,
Frederico Viotti
Frente Universitária Lepanto

49 COMENTÁRIOS

  1. Primado Papal – Pensamentos patrísticos

    VAMOS LÁ:

    “Apesar de arte Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja” – Mateus 16:18
    Palavras dos Padres da Igreja Primitiva, Santos, Conselhos etc que confirmam que Pedro é a pedra de que fala Mateus 16:18
    Tertuliano [AD 200]
    Era nada retido a partir do conhecimento de Pedro, que é chamado de “a rocha sobre a qual a Igreja seria construída” [Matt. 16:18] com o poder de “ligar e desligar no céu e na terra” [Matt. 16:19] “(_Demurrer Contra o Heretics_ 22).
    //
    Tertuliano [AD 220]
    Eu agora investigar a sua opinião, para ver onde você usurpar esse direito para a Igreja. Você presumo, porque o Senhor disse a Pedro: “Sobre esta pedra edificarei a minha Igreja, eu lhe dei as chaves do reino dos céus” [Mateus 16:18-19a] que o poder de ligar e desligar tem, assim, foi entregue a você, isto é, para cada igreja semelhante a Pedro? Que tipo de homem é você, subvertendo e mudando o que era a intenção manifesta do Senhor, quando ele conferiu isso pessoalmente a Pedro? Sobre vós, diz ele, eu edificarei a minha Igreja, e eu te darei as chaves, não para a Igreja, e tudo o que você deve ter ligado ou que você tenha desligado, não o que deve ter ligado ou que tenha desligado “( _on Modesty_ 21:09-10_).
    //
    ORIGENES [AD 249]
    Olhe para [Pedro], a grande fundação da Igreja, que a mais sólida das rochas, sobre a qual Cristo edificou a Igreja [Matt. 16:18]. E o que nosso Senhor disse a ele? “Oh gente de pouca fé”, diz ele, “por que duvidaste?” [Matt. 14:31] (Homilias sobre Êxodo 05:04).
    //
    ST. Cipriano [AD 251]
    O Senhor diz a Pedro: “Eu digo a você”, diz ele, “que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela E a ti darei as chaves. do reino dos céus, e tudo o que ligares na terra será ligado no céu, e tudo o que desligares na terra, que será desligado também no céu “[Matt.16:18-19] …. Por que ele constrói a sua Igreja, e para ele, ele dá o comando para alimentar as ovelhas [João 21:17], e embora ele atribui um poder como a todos os apóstolos, ainda que ele fundou uma única cadeira, e ele estabeleceu pela sua própria autoridade de uma fonte e uma razão intrínseca para que a unidade. Na verdade, os outros estavam também o que Pedro foi, mas a primazia foi dada a Pedro, em que fica claro que não há senão uma Igreja e uma cadeira. Assim, também, todos são pastores, o rebanho é mostrado para ser um, alimentado por todos os apóstolos em single-minded acordo. Se alguém não se apegam a essa unidade de Pedro, ele pode imaginar que ele ainda mantém a fé? Se ele abandonar a cátedra de Pedro sobre a qual a Igreja foi construída, ele ainda pode ter a certeza de que ele está na Igreja? (A Unidade da Igreja Católica).
    //
    “Com um falso bispo nomeado por si mesmos, os hereges, eles se atrevem sequer a zarpar e levar cartas de cismáticos e blasfemos à Cátedra de Pedro e com a Igreja diretor [em Roma], em que a unidade sacerdotal tem a sua fonte, nem eles ter pensado que estes são romanos, cuja fé foi elogiado pelo apóstolo pregação, e entre os quais não é possível a perfídia ter entrada. ” (Cipriano, Carta 59 (55), 14 a Cornélio de Roma, c. AD 252)
    //
    “[Depois de citar Mateus 16:18 f, João 21:15 ff] … Sobre ele [Pedro] Ele edifica a Igreja, e para ele, Ele dá o comando para alimentar as ovelhas, e embora Ele atribuiu um poder como a todos os Apóstolos , no entanto, ele fundou uma única cadeira, e Ele estabeleceu pela sua própria autoridade de uma fonte e uma razão intrínseca para que a unidade De fato, os outros estavam também o que Pedro era;., mas a primazia é dada a Pedro, pelo que é claro que há apenas uma Igreja e uma cadeira. Assim também, todos são pastores, o rebanho é mostrado para ser um, alimentado por todos os Apóstolos em single-minded acordo. Se alguém não se apegam a essa unidade de Pedro, ele pode imaginar que ele ainda mantém a fé? Se ele abandonar a cátedra de Pedro sobre a qual a Igreja foi construída, ele ainda pode ter a certeza de que ele está na Igreja? ” (Cipriano, A Unidade da Igreja Católica [primeira edição] 4, c. 251 dC)
    //
    “Não há um só batismo e um só Espírito Santo, e uma Igreja fundada por Cristo, nosso Senhor a Pedro, como fonte e princípio da unidade» (Epístola 60, Anúncio Januar).
    Firmilian [AD 255]
    Mas o que é o seu erro, e como é grande a sua cegueira, que diz que a remissão dos pecados pode ser dada nas sinagogas dos hereges e que não permanecem na base da única Igreja que foi fundada sobre a rocha por Cristo [Mateus . 16:18], pode ser aprendido com isso, o que Cristo disse Peter sozinho para: “Tudo o que ligardes na terra será ligado no céu, e tudo o que desligares na terra, que será desligado nos céus” [Matt. 16:19] (_Letter para Cyprian_ 74 [75], 16).
    //
    E nesse sentido eu sou justamente indignado com essa loucura tão aberto e manifesto de [Papa] Stephen [i], que aquele que assim se orgulha do lugar de seu episcopado, e afirma que ele segura a sucessão de Pedro, a quem os fundamentos da Igreja foram estabelecidas [Mateus 16:18], deve introduzir muitas outras rochas e estabelecer novos edifícios de muitas igrejas, sustentando que não há batismo neles por sua autoridade … [o Papa] Stephen, que anuncia que ele tem por sucessão o trono de Pedro é agitada sem zelo contra [donatista] hereges, quando ele admite a eles, não a moderado, mas a muito maior poder de graça, tão longe para dizer e afirmar que, pelo sacramento do batismo, a sujeira do velho homem é lavado por eles, para que perdoe os pecados mortais formais, que tornam filhos de Deus pela regeneração celeste, e renovar a vida eterna pela santificação da pia divina [Tito 3:04] (ibid., 74 [75]: 17).
    //
    ST. IRENEU SÉCULO 2
    “Todas as outras igrejas estão eram obrigados a estar unidos na fé com a Igreja (de Roma) por conta de sua maior principado” – Contra as Heresias, Livro III, cap.III).
    //
    Efrém, o Sírio [AD 350]
    [Jesus disse:] Simon meu seguidor, eu fiz-lhe a fundação da Santa Igreja [Mateus 16:18] Eu cedo chamá-lo de Pedro, porque você vai apoiar todos os seus edifícios. Você é o inspetor de quem vai construir na terra uma igreja para mim. Se eles desejam construir o que é falso, você, a fundação, irá condená-los. Você é o chefe da fonte da qual brota a minha palavra, você é o chefe dos meus discípulos. (Homilias 4:1).
    //
    ST. Optatus DE MILEVIS (AD 370)
    “Para o bem da unidade bem-aventurado Pedro, por quem teria sido o suficiente, se depois de sua negação tinha obtido pardone só, merecia ser colocado antes de todos os apóstolos, e só recebeu as chaves do reino dos céus, deve ser comunicada à o resto. ” (De Schismate Donatistorum, 7:3).
    “Você não pode negar, mas você sabe que, na cidade de Roma, a cadeira episcopal foi conferida pela primeira vez em Peter, onde pode sentar-se de todos os Apóstolos a cabeça, Peter, de onde ele foi chamado Cefas, que naquela cadeira unidade pode ser preservada por todos, nem os outros apóstolos cada disputar uma cadeira diferente para si mesmo, e que quem deveria criar outra cadeira contra a cadeira só pode ao mesmo tempo ser um cismático e um pecador ….. por isso Peter ocupado pela primeira vez que cadeira preeminente, que é a primeira das marcas [da Igreja], para o sucedeu Linus, para Linus Clement conseguiu, etc .. Você que desejam reclamar para si mesmos a santa Igreja, diga-nos a origem do seu. cadeira “- De Cisma. Donat. Lib. 2.
    //
    São Pedro, bispo de Alexandria (306-311 dC):
    Chefe da escola catequética em Alexandria, tornou-se bispo em torno de 300 dC, reinando por cerca de 11 anos, e morrendo uma morte de mártir.
    Peter, situado acima dos Apóstolos. (Peter de Alexandria, Canon. Ix, Galland, iv. P. 98)
    Santo Antônio do Egito (330 dC):
    Pedro, o Príncipe dos Apóstolos (Anthony, Epist. Xvii. Galland, iv p. 687).
    //
    Santo Atanásio (362 dC):
    Roma é chamado o trono Apostólica. (Atanásio, Hist. Arian, ad Monach. N. 35).
    O chefe, Peter. (Athan, In Ps. Xv. 8, tom. Iii. P. 106, Migne)
    //
    São Macário do Egito (371 dC):
    O chefe, Peter. (Macário, De patientia, n. 3, p. 180)
    Moisés foi sucedido por Pedro, que havia se comprometido a suas mãos a nova Igreja de Cristo, eo verdadeiro sacerdócio. (Macário, Hom. Xxvi. N. 23, p. 101)
    Dâmaso I [AD 382]
    Da mesma forma está decretado … [W] e ter sido considerado que deveria ser anunciado que, apesar de todas as Igrejas católicas espalhadas no exterior através do mundo incluem uma câmara nupcial de Cristo, no entanto, a Santa Igreja Romana foi colocado na vanguarda não por decisões conciliares de outras igrejas, mas recebeu a primazia pela voz evangélica de nosso Senhor e Salvador, que diz: “Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra -lo, e eu vou dar-lhe as chaves do reino dos céus, e tudo o que você deve ter ligado na terra será ligado nos céus, e tudo o que você deve ter desligado na terra será desligado nos céus “[Matt. 16:18-19]. O primeiro ver, portanto, é o de Pedro, o apóstolo, o da Igreja Romana, que não tem mancha nem defeito nem nada parecido (_O Decreto de Damasus_ 3).
    ////////////////
    Santo Epifânio, o arcebispo de Salamina (385):
    . “Em Roma, os primeiros apóstolos e bispos eram Pedro e Paulo e, depois, Linus, em seguida, Cletus, então Clement, o contemporâneo de Pedro e Paulo, a quem Paulo lembra em sua Epístola aos Romanos …. A sucessão dos bispos de Roma é a seguinte: Pedro e Paulo, Lino e Cleto, Clemente, Evaristo, Alexandre, Sisto, Telephorus, Higino, Pio, Aniceto, que eu já mencionei acima, em minha enumeração dos bispos (a panacéia contra todas as heresias 27,6. )
    “Os homens santos são, portanto, chamado o templo de Deus, porque o Espírito Santo habita neles;. Que como chefe dos Apóstolos testemunha, ele que foi encontrado para ser abençoado pelo Senhor, porque o Pai havia revelado a ele Para ele, em seguida, fez o Pai revelar seu verdadeiro Filho, eo mesmo (Peter), além disso, revela que o Espírito Santo Este foi condizente no primeiro dos Apóstolos, que a rocha firme sobre a qual a Igreja de Deus é edificada e as portas do inferno não prevalecerão contra. que As portas do inferno são hereges e heresiarcas Pois em todos os sentidos foi a fé confirmada naquele que recebeu as chaves do céu,…. quem perde na Terra e liga nos céus Pois nele se encontram todas as questões sutis de fé Ele era . auxiliado pelo Pai, a fim de ser (ou seculares) da Fundação da segurança (firmeza) da fé Ele (Pedro) ouviu do mesmo Deus: ‘Apascenta os meus cordeiros “, que lhe confiou o rebanho, ele lidera o maneira admirável no poder de seu próprio Mestre “. (Epifânio, T. II. Na Anchor).
    Epiphanaius não só afirma o fato histórico de que Pedro foi bispo de Roma, que ele usa em sua refutação dos hereges.
    //////////////
    JEROME [AD 393]
    “Eu falo com o sucessor do pescador, e que o discípulo da cruz. Seguindo nenhum chefe, mas Cristo, eu sou. Unidos em comunhão com vossa Santidade, isto é, em comunhão com a Cátedra de Pedro. Sei que é sobre que o rock que a Igreja foi construída. Quem come o cordeiro fora desta casa é profano. Se alguma não estar na arca de Noé, ele perecerá enquanto o dilúvio prevalece …. Quem não se reúne com você, espalha. ” – Carta ao Papa Dâmaso, Ep. xv. Damas pap.
    “Mas”, você [Jovinian] vai dizer, “era sobre Pedro que a Igreja foi fundada” [Matt. 16:18]. Bem … um entre os doze é escolhido para ser sua cabeça, a fim de remover qualquer ocasião de divisão. Mas por que não foi John [o discípulo amado] escolhido? (Contra Jovinian 1:26).
    //////////
    AMBROSE [AD 380]
    [Cristo] fez resposta: “Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja …” Ele não poderia, então, fortalecer a fé do homem a quem, agindo por sua própria autoridade, ele deu o reino, a quem ele chamou de rocha, declarando assim que ele é o fundamento da Igreja [Matt. 16:18]? (Da fé cristã 04:05).
    “Pois eles não têm a herança de Pedro, que não têm a cadeira de Pedro, que, com a discórdia ímpio, eles rasgam em pedaços” – De Poen. Tom 2. Lib. 5.
    AMBROSE [AD 394]
    É a Pedro que ele diz: “Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja” [Matt. 16:18]. Onde está Pedro, aí está a Igreja. E onde a Igreja, a morte não existe, mas a vida eterna (_on Doze Psalms_ 40:30).
    /////
    São Júlio I (337-52)
    O Eusebianos acreditava que desde Roma reservava o direito de depor sem Novation Oriente do Oriente devem ter a liberdade para depor Atanásio sem a interferência do Ocidente. Julius respondeu a eles em uma carta que foi preservado por Atanásio:
    Convinha vós, amados, para vir para cá [a Roma], e não recusar, a fim de que este negócio poderá ser rescindido, por esta razão requer … Ó amado! … Pois mesmo que as infracções foram cometidas por estes homens, como você diz, o julgamento deveria ter sido, de acordo com a regra da igreja, e não assim … E por que nós não escrito especialmente no que diz respeito à igreja de Alexandria? Ou você é ignorante que este tem sido o costume, o primeiro a escrever para nós, e que, portanto, o que é apenas ser decretada a partir daqui? Se, portanto, qualquer suspeita caiu sobre o bispo lá [em Alexandria], era condizente para escrever a esta igreja. Não, portanto, eram as ordenanças de Paul, não têm assim os Padres entregou até nós. Este é um novo decreto, e uma nova instituição. Tenha paciência comigo, exorto-vos, pois o que eu escrevo é para o bem comum. Para o que temos recebido do bendito apóstolo Pedro, o mesmo que eu manifestarei a você.[Apol., 35. PG 25: 305-8]
    ///
    São Cirilo de Jerusalém, Patriarca (363)
    Nosso Senhor Jesus Cristo, então, tornou-se um homem, mas por muitos Ele não era conhecido. Mas querer ensinar o que não era conhecido, de ter reunido os discípulos, Ele perguntou: “Quem dizem os homens ser o Filho do homem é?” … E tudo ficar em silêncio (pois foi além do homem de aprender) Pedro, o primeiro dos Apóstolos, o Chefe Arauto da Igreja, não usando a linguagem de sua própria descoberta, nem convenceu pelo raciocínio humano, mas com a mente iluminado pelo Pai, disse-lhe: ‘Tu és o Cristo, não apenas isso, mas’ o Filho do Deus vivo. ” (Cyril, Catech. Xi. N. 3)
    Para Pedro estava ali, que a traz as chaves do céu. (Cyril, Palestras Catequético AD 350).
    /
    Pedro, o líder principal e mais importante dos apóstolos, antes, uma menina três vezes negou o Senhor, mas mudou-se para a penitência, ele chorou amargamente.(Cyril, Catech ii. N. 15)
    /
    Em poder do mesmo Espírito Santo, Pedro, também o lugar dos Apóstolos ea chave portador do Reino dos Céus, curou o paralítico Enéias, em nome de Cristo.(Cyril, Catech. Xviii. N. 27)
    ////////////////////////
    São João Crisóstomo, Patriarca de Constantinopla (c. 387):
    “O próprio Chefe ou coroa dos Apóstolos, o primeiro na Igreja, o amigo de Cristo, que recebeu uma revelação, não do homem, mas da parte do Pai, como o Senhor dá testemunho dele, Pedro, dizendo:” Bendito és tu , & c. ‘ Esta mesma Peter, – e quando eu citar Pedro, nome que ininterrupta Rock, que firma Foundation, o grande apóstolo, o primeiro dos discípulos “- Homilia 3, On Penitência.
    ////////
    “E, no entanto, após um mal tão grande [negação de Nosso Senhor de São Pedro], ele voltou a levantar-lhe a sua antiga honra, e confiou ao seu lado, o primado sobre a Igreja universal”. – Homilia 5, sobre a penitência.
    /
    Pedro, o líder do coro dos Apóstolos, a boca dos discípulos, a Coluna da Igreja, o contraforte da fé, a Fundação da confissão, o Pescador do universo.(Crisóstomo, Hom T. iii).
    /
    Peter, que líder do coro, que a boca do resto dos Apóstolos, que o chefe da fraternidade, que um conjunto ao longo de todo o universo, que a Fundação da Igreja.(Chrys. Em illud hoc Scitote)
    /
    (Peter), a fundação da Igreja, os Corifeu do coro dos Apóstolos, o amante veemente de Cristo … que corriam por todo o mundo, que pescou o mundo inteiro, este Corifeu sagrados do coral abençoado, o ardoroso discípulo, que foi confiada com as chaves do céu, que recebeu a revelação espiritual. Peter, a boca de todos os Apóstolos, o chefe dessa empresa, o governante de todo o mundo. (De Eleemos, iii 4;… Hom de Dezem mille tal 3)
    /
    Naqueles dias levantou-se Pedro no meio dos discípulos (Atos 15), tanto como sendo ardente, e como confiada por Cristo com o rebanho … ele primeiro age com autoridade na matéria, como ter todos colocados em suas mãos; pois para ele, Cristo disse: “E tu, que está sendo convertido, confirma os teus irmãos. (Crisóstomo, Hom. Iii Act Apost. Tom. Ix).
    /
    Ele passou por cima de sua queda, e nomeou-o primeiro dos Apóstolos, por isso Ele disse: “Simão, Simão”, etc (em Ps CXXIX 2..). Deus permitiu que ele cair, porque Ele queria fazê-lo governador de todo o mundo, que, recordando a sua própria queda, ele poderia perdoar aqueles que deveriam escorregar no futuro. E isso o que eu disse não é adivinhar, ouvir o próprio Cristo dizendo: “Simão, Simão, etc ‘ (Chrys, Hom. Quod frequentador conveniendum sit 5, cf. Hom 73 em Joan 5).
    /
    E por que, então, passando pelos outros, que Ele conversa com Pedro sobre essas coisas? (João 21:15). Ele era o escolhido dos Apóstolos, ea boca dos discípulos, eo líder do coro. Por conta disso, Paulo também subiu em um tempo de vê-lo em vez do que os outros (Gálatas 1:18). E, além disto, para mostrar a ele que ele deve thenceforward ter confiança, como a negação foi feito com a distância, Ele coloca em suas mãos a presidência ao longo dos irmãos. E Ele não antecipa a negação, nem reproches-lo com o que tinha passado, mas diz: ‘Se você me ama, presidir os irmãos, … e pela terceira vez, Ele dá-lhe a mesma liminar, mostrando o que é um preço que define Presidência sobre suas ovelhas. E se alguém disser: “Como, então, James receber o trono de Jerusalém? ‘, Isso eu responderia que Ele nomeou este homem (Peter) professor, não de que o trono, mas de todo o mundo. (Crisóstomo, In Joan. Hom. 1xxxviii. N. 1, tom. Viii)
    /
    “Com que propósito que Ele derramou o Seu sangue? Foi para que pudesse vencer estas ovelhas que ele confiou a Pedro e seus sucessores.” (De sacerdotio, 53)
    “O próprio chefe dos Apóstolos, o primeiro na Igreja, o amigo de Cristo, que recebeu uma revelação não do homem, mas da parte do Pai, como o Senhor dá testemunho a Pedro, dizendo:” Bem-aventurado és tu, Simão Bar -Jona, porque carne e osso não revelou a ti, mas o meu Pai que está no céu “, o que muito Peter, – e quando eu nome de Pedro, os grandes Apóstolos, nome que o rock ininterrupta, que a fundação da empresa, o grande Apóstolo, o primeiro dos discípulos, a primeira chamada ea primeira que obedecia “. (Homilia 3 de poenit. 4)
    /////

    //
    São Cirilo de Alexandria (c. 424):
    Ele sofre ele não deve mais ser chamado Simon, autoridade e domínio sobre ele já ter se tornado o seu próprio exercício. Por um título adequado para a coisa, Ele mudou seu nome para Pedro, a partir da palavra “petra” (rock), pois nele Foi depois para fundar a Sua Igreja. (Cyril, T. iv. Comm. Na Joan., P. 131)
    Ele (Cristo) promete fundar a Igreja, atribuindo immovableness a ele, como Ele é o Senhor da força, e sobre isto ele define Pedro como pastor. (Cyril, Comm. Sobre Matt., Ad loc.)
    Portanto, quando o Senhor tinha insinuado negação do discípulo, nas palavras que ele usou: “Eu roguei por ti para que a tua fé não desfaleça” Ele imediatamente introduziu uma palavra de consolo, e disse (a Pedro): “E fazer tu, quando te converteres, confirma teus irmãos. ” Ou seja, ‘Sê um apoio e um professor daqueles que pela fé veio a mim.’ Mais uma vez, a Marvel também na percepção de que a dizer e no integralidade da mansidão divina do espírito. Por isso que Ele não deve reduzir o discípulo ao desespero ao pensar que depois de sua negação, ele teria que ser excluído da gloriosa distinção de ser um apóstolo, ele enche de boa esperança, que ele alcançará as coisas boas prometeu. … O bondade amorosa! O pecado ainda não foi cometido, e ele já estende o Seu perdão e define ele (Peter) novamente em seu escritório Apostólica. (Cyril Comm. Sobre o Evangelho de Lucas)
    Para o Peter wonderous, vencer pelo medo incontrolável, negou o Senhor três vezes. Cristo cura o erro feito, e as demandas de várias maneiras a confissão tríplice … Pois, embora todos os discípulos fugiram santos, … ainda falta de Pedro na negação tríplice foi, além disso, especial e peculiar a si mesmo. Portanto, com a tríplice confissão de S. Pedro, a culpa da tríplice negação foi aniquilado. Além disso, ao dizer do Senhor: Apascenta os meus cordeiros, devemos entender uma renovação como se fosse do Apostolado já dado a ele, lavando a desgraça intervenção de sua queda, e da pequenez de enfermidade humana. (Cyril, Comm. Sobre o Evangelho de João).
    Eles (os apóstolos) se esforçou para aprender através de um, que um proeminente, Peter. (Cyril, Ib. 1. Ix. P. 736).
    E mesmo abençoado Pedro, apesar de definir sobre os discípulos santos, diz: “Senhor, seja longe de ti, este deve ser feito para ti. (Cyril, Ibid. 924).
    Se o próprio Pedro, aquele príncipe dos discípulos sagrados, era, em cima de uma ocasião, escandalizados, assim como de repente a exclamar: “Senhor, seja longe de ti”, não admira que a mente do concurso de mulher deve ser levado? (Cyril, Ibid, p. 1.064)
    Que o Espírito é Deus devemos também aprender daí. Que o príncipe dos Apóstolos, a quem “carne e sangue”, como diz o Salvador, “não revelar” o mistério divino, diz a Ananias: “Por que tem Satanás tentou o teu coração, & c. ‘ (Cyril, T. v Par. 1. Thesaur. P. 340)
    Além de tudo isso, vamos lá avançar que o líder dos discípulos santos, Pedro, que, quando o Senhor, em uma determinada ocasião, perguntou-lhe: “Quem dizem os homens ser o Filho do homem é?” gritou instantaneamente, ‘Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo’. (Cyril, T. v P.2, Hom. Viii. De Fest. Pasch. P. 105)
    ‘Se eu não te lavar, não terás parte comigo. ” Quando o Corifeu (Peter) ouviu estas palavras, ele começou a mudar. (Cyril, Ib. Hom.)
    Este homem ousado (Julian), além de tudo isso, cavils em Pedro, o escolhido dos Santos Apóstolos. (Cyril, T. vi.l. ix. Contr. Julian. P. 325).
    //
    São Proclus, patriarca de Constantinopla (434):
    Um discípulo de São João Crisóstomo, …
    Peter, o corifeu dos discípulos, e um conjunto mais (ou chefe de) dos Apóstolos. Não és tu que disseste: ‘Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo “? Tu Bar-Jonas (filho da pomba) tens visto tantos milagres, e Tu és ainda, mas Simon (ouvinte)? Ele nomeou-te a chave portador do Céu, e embora ainda não deitou de lado roupas de teu pescador? (Proclus, Or. Viii Em Dom. Transfig. T. Ix. Galland)
    ///
    LEO I [AD 442]
    [T] O Senhor diz: “Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque carne e sangue não revelaram isso a você, mas meu Pai, que está nos céus E eu vos digo, que tu és Pedro, e sobre. esta pedra edificarei a minha Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela … ” [Matt. 16:18] A dispensação da verdade, portanto, permanece, eo bem-aventurado Pedro perseverante na força da rocha, que recebeu, não abandonou o comando da Igreja, que ele entendeu. Para ele foi ordenado antes do resto de tal forma que a partir de seu ser chamado de rocha, a partir de seu ser pronunciada a fundação, a partir de seu ser constituído o porteiro do reino dos céus, a partir de seu ser definido como o árbitro para ligar e desligar, julgamentos cujos mantêm a sua validade nos céus, de todos esses títulos místicos podemos conhecer a natureza de sua associação com Cristo (Sermões 3:2-3).
    //
    Nosso Senhor Jesus Cristo … colocou o principal responsável no bem-aventurado Pedro, chefe de todos os apóstolos, e com ele a partir da cabeça deseja que seus presentes a fluir para todo o corpo, de modo que quem se atreve a separar Peter sólida do rocha pode entender que ele não tem parte ou lote no mistério divino. Ele desejou-lhe que tinha sido recebido em parceria em sua unidade indivisível de ser chamado o que ele era, quando ele disse: “Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja” [Matt. 16:18], que a construção do templo eterno pode descansar sobre a rocha de Pedro, fortalecendo sua Igreja, assim, certamente que nem poderia imprudência humana assaltar ele nem as portas do inferno prevalecerão contra ela (Letters 10:01).
    //
    Uma vez que, portanto, a Igreja universal tornou-se uma pedra na edificação do que o rock original eo primeiro dos apóstolos, o mais bem-aventurado Pedro, ouvi a voz do Senhor, dizendo: “Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja “[Matt. 16:18], que há que se atrevem a atacar tal força inexpugnável, a menos que ser o Anticristo ou o diabo, que, respeitando não convertido na sua maldade, está ansioso para semear mentiras pelos vasos da ira, que são adequados para a sua traição, enquanto sob o nome falso de diligência ele finge estar em busca da verdade? (_Letters_ 156:2).
    //
    Teodoreto, bispo de Ciro na Síria (450):
    Um nativo de Antioquia, Teodoreto governou sob o Patriarca de Antioquia.
    A grande fundação da Igreja foi abalada, e confirmada pela graça divina. E o Senhor lhe ordenou que se aplicar a mesma atenção para com os irmãos. “E tu,” Ele diz: ‘convertido, confirma os teus irmãos “. (Teodoreto, Tom. Iv. Haeret. Fab. Lib. Vc 28)
    “Porque, assim como eu”, Ele diz: “não te despreze quando jogou, então sê um suporte para os teus irmãos em dificuldade, e com a ajuda por que tu foi salvo fazer tu mesmo transmitir aos outros, e exortá-los, enquanto eles não são cambaleante, mas que o ressuscite em sua conta e risco. Por esta razão sofro também a ti a escorregar, mas não permitem a ti a cair, assim, por ti ganhando firmeza para aqueles que são atiradas. Portanto, este grande pilar apoiou a jogar e mundo afundando, e permitiu que ele não cair totalmente e deu-lhe de volta a estabilidade, tendo sido condenada a apascentar as ovelhas de Deus. (Teodoreto, Oratio de Caritate em JP Minge, ed, Partrologiae Curses Completus:. Series Graeca).
    Por isso peço a vossa santidade para persuadir o mais sagrado e abençoado bispo (Papa Leão) para usar seu poder apostólico, e para mim a fim de apressar a seu Conselho. Para que o trono santíssimo (Roma) tem a soberania sobre as igrejas em todo o universo de muitos motivos. (Teodoreto, Tom. Iv. Epist. CXVI. Renato, p. 1.197).
    Se Paulo, o arauto da verdade, a trombeta do Espírito Santo, apressou-se a grande Peter, para transmitir-lhe a solução para os de Antioquia, que estavam em questão de viver sob a lei, quanto mais nós, pobres e humilde, corra para o Trono Apostólica (Roma) para receber de você (o Papa Leão) a cura para as feridas das Igrejas. Para que se refere a você ter a primazia em todas as coisas, para o seu trono é adornada com muitas prerrogativas. (Teodoreto Ibid, Epístola Leoni)
    //
    Teodoreto, bispo de Ciro na Síria (450):
    Um nativo de Antioquia, Teodoreto governou sob o Patriarca de Antioquia.
    A grande fundação da Igreja foi abalada, e confirmada pela graça divina. E o Senhor lhe ordenou que se aplicar a mesma atenção para com os irmãos. “E tu,” Ele diz: ‘convertido, confirma os teus irmãos “. (Teodoreto, Tom. Iv. Haeret. Fab. Lib. Vc 28)
    “Porque, assim como eu”, Ele diz: “não te despreze quando jogou, então sê um suporte para os teus irmãos em dificuldade, e com a ajuda por que tu foi salvo fazer tu mesmo transmitir aos outros, e exortá-los, enquanto eles não são cambaleante, mas que o ressuscite em sua conta e risco. Por esta razão sofro também a ti a escorregar, mas não permitem a ti a cair, assim, por ti ganhando firmeza para aqueles que são atiradas. Portanto, este grande pilar apoiou a jogar e mundo afundando, e permitiu que ele não cair totalmente e deu-lhe de volta a estabilidade, tendo sido condenada a apascentar as ovelhas de Deus. (Teodoreto, Oratio de Caritate em JP Minge, ed, Partrologiae Curses Completus:. Series Graeca).
    Por isso peço a vossa santidade para persuadir o mais sagrado e abençoado bispo (Papa Leão) para usar seu poder apostólico, e para mim a fim de apressar a seu Conselho. Para que o trono santíssimo (Roma) tem a soberania sobre as igrejas em todo o universo de muitos motivos. (Teodoreto, Tom. Iv. Epist. CXVI. Renato, p. 1.197).
    Se Paulo, o arauto da verdade, a trombeta do Espírito Santo, apressou-se a grande Peter, para transmitir-lhe a solução para os de Antioquia, que estavam em questão de viver sob a lei, quanto mais nós, pobres e humilde, corra para o Trono Apostólica (Roma) para receber de você (o Papa Leão) a cura para as feridas das Igrejas. Para que se refere a você ter a primazia em todas as coisas, para o seu trono é adornada com muitas prerrogativas. (Teodoreto Ibid, Epístola Leoni)
    “Este é o mais santo Veja preservou a supremacia sobre todas as Igrejas na Terra, por uma razão especial, entre muitos outros, a saber, que se manteve intacto da contaminação de heresia Ninguém jamais se sentou na cadeira, que tem ensinado. doutrina herética, mas sim que vê tem sempre preservada imaculada a graça Apostólica “. (Epístola 116 a Renatus).
    //
    São João Cassiano, Monk (c. 430):
    Esse grande homem, o discípulo de discípulos, que o mestre entre os mestres, que empunhando o governo da Igreja Romana possuía a autoridade princípio na fé e no sacerdócio. Diga-nos, portanto, imploro, Pedro, príncipe dos Apóstolos, diga-nos como as Igrejas devem acreditar em Deus (Cassiano, Contra Nestorium, III, 12).
    São Nilo de Constantinopla (448):
    Um discípulo de São João Crisóstomo, ….
    Peter, chefe do coro dos Apóstolos. (Nilo, Lib. Ii Epistl).
    Peter, que estava em primeiro lugar no coro dos Apóstolos e sempre governou entre eles. (Nilo, Tract. Anúncio. Magnam).
    Concílio de Calcedônia, 451
    Extratos dos Atos. SESSÃO I.
    Paschasinus, o mais reverendo bispo e legado da Sé Apostólica, levantou-se no meio com a maioria dos seus colegas reverendos e disse: Recebemos orientações para as mãos do bispo mais abençoado e apostólico da cidade romana, que é a cabeça de todo as igrejas, que as direções dizem que Dióscoro não deve ser permitido um assento nessa assembléia, mas que, se ele deve tentar tomar o seu lugar, ele deve ser expulso. Esta instrução devemos realizar, se agora a sua santidade para os comandos que ele seja expulso ou então deixamos.
    /
    Lucentius, o mais reverendo bispo ter o lugar da Sé Apostólica, disse: … E ele [Dióscoro] ousou realizar um sínodo sem a autoridade da Sé Apostólica, uma coisa que nunca tinha acontecido, nem pode ter lugar. Paschasinus o mais reverendo bispo, segurando o lugar da Sé Apostólica, disse: Nós não podemos ir contra os decretos do bispo mais abençoado e apostólico [“Papa” para “bispo” em latim], que governa a Sé Apostólica, nem contra os cânones eclesiásticos, nem as tradições patrísticos.
    /
    Lucentius, o mais reverendo bispo e legado da Sé Apostólica, disse: Uma vez que a fé de Flaviano de abençoada memória concorda com a Sé Apostólica e da tradição dos pais, é justo que a sentença pela qual ele foi condenado pelos hereges deveriam se voltou a eles por este sínodo santíssimo.
    /
    continuação
    Eulógio de Alexandria (581 dC):
    Nascido na Síria, ele se tornou o abade do mosteiro Mãe de Deus em Antioquia. Em 579, ele foi nomeado Patriarca de Alexandria, e tornou-se um associado de São Gregório Magno, enquanto visitava Constantinopla. Grande parte de sua correspondência posterior ainda existe.
    Nem João, nem a qualquer outro dos discípulos, que o nosso Salvador diz: “Eu te darei as chaves do Reino dos Céus”, mas apenas a Pedro. (Eulógio, Lib. Ii. Cont. Novaciano. Ap. Photium, Biblioth, bacalhau. 280)
    Hilário de Potiers
    “Bem-aventurados Simon, que depois de sua confissão do mistério foi criado para ser a pedra fundamental da Igreja, e recebeu as chaves do reino dos céus.”(Sobre a Trindade, 20, NPNF2, 9:105)
    Stephen Ray comentários sobre o livro de James White, a controvérsia católica romana, e uso de Branca de Hilary:? “Por que não Branco informar seus leitores que Hilary, no mesmo tratado, refere-se a Pedro como a pedra fundamental da Igreja é Hilary confuso? É Pedro ou a sua fé? Será que Hilary ver duas aplicações da passagem como mutuamente exclusivas, como protestantes, como Branca estão acostumados a fazer, forçando-os em dois compartimentos, separados, estanques? Por que é tão difícil para os adversários do papado para ver, não há conflito aqui? Até o Papa João Paulo II, no seu livro “Cruzando o Limiar da Esperança” refere-se a pedra de Mateus 16 como Pedro e como Cristo. ”
    AGOSTINHO
    “[In] da Igreja Católica, há muitas outras coisas que a maioria justamente me manter em seu seio o consentimento dos povos e nações me mantém na Igreja;. Assim faz a sua autoridade, inaugurada por meio de milagres, alimentada pela esperança, ampliado pelo amor , instituído pela idade. A sucessão de sacerdotes me mantém, a partir da própria sede do Apóstolo Pedro, a quem o Senhor, depois de sua ressurreição, deu-lhe no comando para alimentar suas ovelhas, até o presente episcopado. Então, por último , será que o próprio nome de Católica, que, não sem razão, em meio a tantas heresias, a Igreja tem, assim, manteve, de modo que, embora todos os hereges desejam ser chamados católicos, mas quando um estranho pergunta onde a Igreja Católica se encontra, não herege vai se aventurar para apontar para sua própria capela ou casa. Tal então em número e importância são os laços preciosos pertencentes ao nome cristão que manter um crente na Igreja Católica, pois é certo que deveriam …. Com você, onde não não é nenhuma dessas coisas para atrair ou manter-me …. Ninguém deve mover-me da fé que liga a minha mente com laços tantos e tão forte à religião cristã …. De minha parte, eu não deveria acreditar no evangelho exceto quando movido pela autoridade da Igreja Católica. ” (Contra a Epístola de Manichaeus [Contra Epistolam Manichaei Quam Fundamenti vagos).
    “Eu deveria sim ó medo de ser contumelious para Peter. Para quem não sabe que esse primado (ou principado) do Apostolado é preferível antes de qualquer episcopado qualquer? … A posse de que o primado é declarado ter sido a causa de Peter está com as chaves. ” – Ennar. em Ps. 108
    Basílio, o Grande
    “Quando ouvimos o nome de Pedro, que o nome não faz com que nossas mentes para morar em sua substância, mas descobrir a nossa mente as propriedades que estão conectados com ele. Pois nós de uma só vez, ao ouvir esse nome, acho que do filho daquele que veio de Betsaida, irmão de André, ele que foi chamado de pescadores entre até o ministério do Apostolado;. aquele que por conta da preeminência de sua fé recebeu sobre si a edificação da Igreja ” (Adv. Eunom 4.)
    “Uma dessas montanhas foi Pedro, rocha sobre a qual o Senhor prometeu construir a Sua Igreja (Com. em Esai 2,66)
    “Pareceu-me ser desejável para enviar uma carta ao bispo de Roma, pedindo-lhe para examinar a nossa condição, e uma vez que existem dificuldades no caminho de representantes a ser enviados a partir do Ocidente por um decreto synodial geral, para assessorá-lo ( o bispo de Roma) para exercer a sua autoridade pessoal na matéria, escolher as pessoas adequadas para manter os trabalhos de uma viagem, -. adequados, também, com brandura e firmeza de caráter, para corrigir o rebelde entre nós, aqui ” (Carta 69 a Anathasius).
    O Vicariato de Tessalônica
    Desde o final do século IV ao tempo do Papa Leão Magno, o bispo de Tessalônica atuou como vigário do Bispo de Roma.
    O Vicariato sob o Papa Bonifácio (418-422) foi chefiada por Rufus. Boniface havia escrito aos bispos da Tessália:
    A instituição da Igreja universal em seu nascimento teve o seu início a partir do escritório do bem-aventurado Pedro, em cuja pessoa o seu governo e cúpula consiste. Para a partir de sua fonte a corrente da disciplina eclesiástica fluiu adiante em todas as Igrejas, como a cultura da religião progressivamente avançado. Os preceitos do Concílio de Nicéia testemunham nada mais: para que ele não se atrevia a nomear qualquer coisa sobre ele, vendo que nada poderia ser conferido acima de seu escritório: além disso, ele sabia que tudo tinha sido concedido a ele pela palavra do Senhor … certos bispos … estão se esforçando para separar-se da comunhão da Sé Apostólica, ou se eu posso falar com mais precisão, a sua autoridade, pedindo ajuda a quem de regras eclesiásticas não sancionou nenhuma autoridade maior … [PL 20: 777-79]
    Com o Vicariato sob Celestine tinha escrito a vários bispos da Ilíria durante um certo incidente envolvendo um bispo e disse:
    Especialmente são obrigados a ter o cuidado de todos, a quem Cristo impôs a necessidade de lidar com tudo, no santo apóstolo Pedro, quando ele lhe deu as chaves para abrir e fechar … [PL 50: 427-8]
    O Vicariato sob o Papa São Leão viu um incidente de abuso de autoridade e esta em uma reprimenda ao vigário Anastatius Leo escreveu:
    … Tenho delegado o lugar da minha autoridade para que, à imitação da minha humildade, que você pode ajudar no cuidado que devemos a todas as igrejas e principalmente por instituição divina, e em certo sentido ampliar a presença da nossa visita às províncias distante de nós … Pois temos confiado o nosso lugar para sua caridade, de tal maneira que você é chamado para uma participação em nossa solicitude, e não a plenitude da autoridade. [PL 54: 668-671]
    Cyril e Celestine
    Celestine instrui St. Cyril que Nestório tem que retirar em dez dias ou cara excomunhão:
    Por isso, depois de ter assumido para si mesmo a autoridade de nossa Sé, e usar o nosso lugar e do nosso lugar, com autoridade, você deve executar essa frase com o máximo rigor … Nós escrevemos as mesmas coisas para os nossos irmãos e companheiros bispos John, Rufus, Juvenal e Flaviano, para que a nossa frase, ou melhor, a sentença divina de Cristo, nosso Deus, a respeito dele, pode ser conhecido. [PL 50: 463]
    Macedônio, patriarca de Constantinopla (466-516)
    Macedonius declarou, quando desejado pelo imperador Anastácio para condenar o Concílio de Calcedônia, de que “tal passo sem um Sínodo Ecumênico presidido pelo Papa de Roma é impossível. ‘ . (Macedonius, Patr Graec 108:. 360A (Theophan. Chronogr pp. 234-346 seq.).
    Imperador Justiniano (520-533)
    Escrevendo para o Papa, …
    Rendendo homenagem à Sé Apostólica e à Sua Santidade, e honrando a sua santidade, como se deve honrar um pai, temos apressou-se a submeter todos os sacerdotes de todo o distrito oriental, e uni-las à Sé de Vossa Santidade, por nós não permitimos que de qualquer ponto, no entanto manifesto e incontestável que seja, que se relaciona com o estado das Igrejas, não sendo levado ao conhecimento de Vossa Santidade, já que você é o chefe de todas as Igrejas sagrados.(Justiniano Epist. Anúncio. Pap. Joan. Ii. Cod. Justin. Lib. I. tit. 1).
    Deixe seu Apostolado mostrar que tem dignamente sucedeu ao apóstolo Pedro, já que o Senhor irá trabalhar através de você, como Surpreme Pastor, a salvação de todos. (Coll. Avell. Ep. 196 de 09 de julho, 520, Justiniano ao papa Hormisdas).
    São Hormisdas (514-23)
    A fórmula do Papa Hormisdas diz, em parte:
    … O ensino de nosso Senhor Jesus Cristo não pode ser esquecido, que diz: “Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei minha Igreja”, essas coisas que foram ditas são comprovados pelos acontecimentos, pois na Sé Apostólica a religião católica sempre foi preservada imaculada … nós anatemizar todas as heresias … nós Eutiques anatemizar e Dioscorus de Alexandria, que foram condenados no Conselho de Calcedônia santo … Consequentemente, receber e aprovar todas as letras do Beato Papa Leo, que ele escreveu sobre a verdadeira fé. Portanto, como já dissemos, seguindo todas as coisas a Sé Apostólica e pregação o que foi decretado por ele, espero que eu mereço estar em uma comunhão com você, que a Sé Apostólica prega, em que é a completa e verdadeira solidez da religião cristã. [CSEL 35: 520-22]
    Perseguições no Oriente resultou em derramamento de sangue. Hormisdas recebeu um apelo de vários archimandrites e monges da Segunda Síria ter quase 200 centenas de assinaturas:
    Ministrado pela graça de nosso Salvador para recorrer a Vossa Beatitude como a um porto tranquilo em uma tempestade, acreditamos que já foram entregues dos males que pesam sobre nós … Como Cristo, nosso Deus constituiu-lhe o príncipe dos pastores … Nós te peço, nós pedimos que você, ó bem-aventurado Pai, levantar-se cheio de zelo e ardor, tem compaixão de o corpo despedaçado, já que você é o chefe de todos; vingar a fé que tem sido desprezado, os cânones pisado, os pais blasfemado, o conselho santo atingiu com anátema. Deus lhe deu o poder ea autoridade de ligar e desligar. [CSEL 35: 565 m²]
    Os armênios estavam perdendo fiéis Monofisita. John, o patriarca de Jerusalém, escreveu aos Catholicos de Caucasiano Albânia:
    Quanto a nós, que é a santa Igreja, temos o seguinte pronunciamento dominical, o que ele falou a Pedro, chefe dos apóstolos, dando-lhe a superintendência da fé imóveis das igrejas, [dizendo]: “Tu és pedra e sobre essa pedra edificarei a minha Igreja, e as portas [do inferno] não prevalecerão contra ela “. Ele também deu a Pedro as chaves do céu e da terra, de modo que até hoje os seus discípulos e os doutores da igreja católica seguir sua fé … especialmente os herdeiros de seu santo e venerável Veja [que isso] com fé som, infalivelmente [anskhal], de acordo com o pronunciamento dominical … [Ararat, 9 (1896), 253]
    Quinto Concílio Ecumênico: Constantinopla II, 553
    Extratos dos Atos. SESSÃO VII.
    Mas nós, bispos, respondeu-lhe [o Papa Virgílio]: “Se o seu bem-aventurança está disposto a se reunir com a gente e os Patriarcas santíssimo, e os bispos mais religiosos, e para tratar dos três capítulos e dar, em uníssono com a gente de tudo, uma forma adequada de a fé ortodoxa, como os Santos Apóstolos e dos santos Padres e os quatro Conselhos ter feito, vamos realizar ti como nossa cabeça, como [o pai] e primatas …. ”
    São Gregório Magno (590-604)
    EPÍSTOLA XLI. A CASTORIUS, bispo. Gregory para Castorius, Bispo de Ariminum (Rimini). Nós, portanto, interditar, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, e por proibir a autoridade do bem-aventurado Pedro, príncipe dos apóstolos, em cujo lugar que presidir esta Igreja Romana, que qualquer bispo ou pessoa secular seguir presumem de qualquer forma de conceber ocasiões de interferir no que diz respeito às receitas, a propriedade ou escritos dos mosteiros, ou das células ou vills pertencentes aos mesmos, ou recorrer a quaisquer truques ou extorsões, mas, se houver caso deve por acaso surgir como a terra disputada entre suas igrejas e qualquer mosteiros, e não podem ser organizadas de forma amigável, que seja encerrado sem atraso intencional antes abades selecionados e outros pais que temem a Deus, que jurou sobre os Evangelhos santíssimas.
    EPÍSTOLA XLVIII. De Colombo, Bispo. Gregory para Columbus, & c. Sabe-se, mais querido irmão em Cristo, que o antigo inimigo, que por persuasão astúcia deposto o primeiro homem a partir das delícias do Paraíso para esta vida de cuidado, e nele mesmo, em seguida, infligiu a pena de morte sobre a raça humana, não agora com a mesma astúcia, assim como mais facilmente para aproveitar o rebanho, se esforçar para infectar os pastores de ovelhas do Senhor com venenos infundido, e já para reclamá-los como sua por direito. Mas nós, que, embora indigno, assumiram o governo da Sé Apostólica no lugar de Pedro, o príncipe dos apóstolos, são obrigados pelo próprio escritório do nosso pontificado para resistir ao inimigo geral por todos os esforços em nosso poder.
    EPÍSTOLA CXXVII. DE S. COLUMBANUS ao Papa Gregório. Para o Santo Senhor, e meu pai em Cristo, o Roman [papa], enfeite mais justa da Igreja, uma certa mais flor agosto, por assim dizer, de toda a Europa murchando, distinto especulador, como desfrutar de uma contemplação divina de pureza . I, Bargoma, pobre pomba em Cristo, envia saudação. … Nem se convir nosso lugar ou posição que nada deve ser sugerida na forma de discussão para o teu grande autoridade, e que as minhas cartas ocidentais deveriam ridiculamente solicitar-te, que te sentas legitimamente na sede do apóstolo e key-portador Pedro, no tema da Páscoa.
    São Sofrônio, Patriarca de Jerusalém (c. 638):
    Transverse rapidamente por todo o mundo a partir de uma extremidade à outra, até chegar à Sé Apostólica (Roma), onde estão as bases da doutrina ortodoxa.Faça claramente conhecido pelos personagens mais santos do que o trono das questões agitadas entre nós. Não cesso de orar e pedir-lhes até que sua sabedoria apostólica e Divino deve ter pronunciado o julgamento vitorioso e destruiu desde a fundação … a nova heresia. (Sofrônio, [citado por Stephen Bishop de Dora ao Papa Martinho I, no Concílio de Latrão]).

    Concílio de Latrão (649)
    Chamado pelo Papa Martinho da abertura dos atos chamá-lo:
    … sínodo santa e apostólica, que ocorreu na Roma antiga o mais comemorado, de acordo com o comando sagrado e aquisição canônica do santíssimo e três vezes o Beato Papa Martin, que presidiu toda a hierarquia divina sob o sol, para o estabelecimento e defesa dos os dogmas dos pais e sínodos da igreja católica e apostólica, de acordo com o Evangelho. [Mansi X, 863-64]
    Stephon de Dora, bispo em São Sofrônio de Jerusalém, aborda o conselho:
    E por isso, às vezes, pediu … as asas de uma pomba … para que possamos voar para longe e anunciar estas coisas para que presidente que governa e preside sobre tudo, que é a sua, a cabeça e mais alto … Para isso, está acostumado a fazer desde os tempos antigos e, desde o início com o poder de sua autoridade canônica ou espiritual, porque o verdadeiramente grande Peter, o líder dos apóstolos, claramente foi considerado digno não só para ser confiada com as chaves do céu, sozinho [e] à parte do resto … [Mansi X, 893]
    Stephen tinha sido instruído por Sofrônio:
    Atravessar rapidamente, portanto, de um fim do mundo para o outro, até chegar à Sé Apostólica, onde estão as bases das doutrinas sagradas … Não cesso de orar e pedir-lhes até que sua sabedoria apostólica e divina tenha pronunciado o julgamento vitorioso e destruiu a nova heresia desde a sua fundação. [Mansi X, 895]
    Monges gregos e armênios liderados por John, abade de São Sabas, seguido Stephen descrevendo o conselho como reunião:
    … por ordem do um divinamente presidir você, sacerdote de sacerdotes e pai de pais de pré-eminentes acima de tudo, nosso senhor Martin, a três vezes o Beato Papa … Os corações de todos olham para você, depois de Deus, sabendo que você foi estabelecida por Cristo, nosso Deus, como líder e cabeça das igrejas.[Mansi X, 903-8]
    Depois do Concílio o Papa nomeou John Martin, bispo de Filadélfia, como um vigário especial, a leste com a autoridade de largura. Martin disse a João para:
    … Corrigir as coisas que ainda restam, e nomear bispos, padres e diáconos em cada cidade daqueles que estão sujeitos ao ver de Jerusalém e de Antioquia, com a gente cobrando para fazer isso em todos os sentidos, em virtude da autoridade apostólica que nos foi dada pelo Senhor, na pessoa da Santíssima Pedro, príncipe dos apóstolos, por conta das necessidades do nosso tempo, ea pressão das nações. [Mansi X, 806 m²]
    São Máximo, o Confessor (c. 650)
    Ele considerou o Concílio de Latrão como o sexto ecumênico. Ele escreveu Roma, dizendo:
    … como foram explicadas piedosamente e com toda a pureza dos seis conselhos santos [os cinco concílios ecumênicos, além do Concílio de Latrão], que foram inspiradas e ditadas por Deus para proclamar de forma muito clara o Símbolo da Fé. Porque, desde que a Palavra de Deus condescendeu a nós e tornou-se o homem, todas as Igrejas cristãs em todos os lugares têm realizado, e mantenha a grande Igreja existe como única base e fundamento, porque, segundo as próprias promessas do Senhor, as portas do inferno não prevaleceram sobre ela … [PG 91: 137-40]
    Maximus foi preso e levado a julgamento por traição. Quando perguntado por que ele não se comunicar com a Igreja de Constantinopla, ele disse:
    Eles estão condenados por sua própria ação, e … pelos romanos … e pelo [de Latrão] Conselho. [PG 90: 120]
    “As extremidades da terra, e todos em cada parte dela quem puramente e justamente confessam o Senhor, olha diretamente para a Santíssima Igreja Romana ea sua confissão e fé, como um sol de luz infalível espera dela o brilhante esplendor de os dogmas sagrados de nossos pais, de acordo com o que os conselhos inspirados e santos têm stainlessly e piedosamente decretada. Pois, a partir da descida do Verbo encarnado entre nós, todas as igrejas em todas as partes do mundo têm mantido a maior Igreja sozinha para ser sua base e fundamento, visto que, de acordo com a promessa de Cristo, nosso Salvador, as portas do inferno nunca prevalecerão contra ela, que tem as chaves da confissão ortodoxa e fé verdadeira nele, que ela abre a verdadeira e exclusiva religião para homens como aproximação com a piedade, e ela cala e tranca toda boca herética que fala contra o Altíssimo “. (Maximus, Opuscula theologica et polemica, Migne, Patr. Graec. Vol. 90)
    “Quanto mais no caso do clero e da Igreja dos romanos, que a partir de idade até agora preside todas as igrejas que estão debaixo do sol? Tendo certamente recebeu esta canonicamente, bem como de conselhos e dos apóstolos, a partir da príncipes deste último (Peter & Paul), e sendo contados em sua companhia, ela está sujeita a nenhum escrito ou questões em documentos sinodais, por causa da eminência de seu pontificado ….. mesmo que em todas estas coisas todas são igualmente sujeitos a ela (a Igreja de Roma), de acordo com a lei sacerodotal. E assim, quando, sem medo, mas com todos os santos e tornando-se confiança, aqueles ministros (os Papas) são da rocha realmente firme e imóvel, que é da mais grande e Apostólica Igreja de Roma. ” (Maximus, em JB Mansi, ed. Amplissima Collectio Conciliorum, vol. 10)
    “Se a Sé Romana reconhece Pirro a ser não só um reprovado mas um herético, é certamente claro que todo mundo que anatematiza aqueles que rejeitaram Pirro também anatematiza a Sé de Roma, isto é, ele anatematiza da Igreja Católica. Que eu preciso acrescentar que excomunga-se também, se de fato ele está em comunhão com a Sé Romana ea Igreja Católica de Deus … Deixe-o apressar antes de todas as coisas para satisfazer a Sé Romana, pois se ele está satisfeito, todos concordam em chamá-lo piedoso e ortodoxa. Pois ele só fala em vão quem pensa que ele deveria pursuade ou aprisionam as pessoas como eu, e não satisfaz e implorar o bem-aventurado Papa da Igreja Católica mais sagrado dos romanos, isto é, a Sé Apostólica, que é de a encarnação do Filho de Deus, e também de todos os sínodos sagrados, accodring ao cânones e definições santo recebeu universal e Surpreme domínio, autoridade e poder de ligar e desligar sobre todas as santas igrejas de Deus em todo o mundo. ” (Maximus, Carta de Pedro, em Mansi x, 692).
    Stephen, Bispo de Dora na Palestina (645):
    [Dirigida ao Papa Martinho I] E por isso, às vezes, pedimos para que a água nossa cabeça e aos nossos olhos numa fonte de lágrimas, por vezes, as asas de uma pomba, segundo o santo David, para que possamos voar para longe e anunciar essas coisas ao presidente [da Cátedra de São Pedro em Roma] que governa e preside sobre tudo, eu quero dizer para vocês, da cabeça e mais alto, para a cura de toda a ferida. Para isso, está acostumado a fazer a partir de idade e desde o início, com o poder de sua autoridade canônica ou apostólica, pois o verdadeiramente grande Pedro, chefe dos apóstolos, foi claramente considerado digno não só de confiança com as chaves do céu, sozinho além do resto, para abri-lo dignamente aos crentes, ou para fechá-la justamente para aqueles que não crêem no evangelho da graça, mas porque ele também foi contratado para alimentar as ovelhas de toda a Igreja Católica, por ‘Peter’, diz ele, ‘Amas-me? Apascenta as minhas ovelhas “. E mais uma vez, porque ele tinha de uma maneira peculiar e especial, a fé no Senhor, mais forte do que tudo e imutável, a ser convertido e para confirmar os seus companheiros e irmãos espirituais quando agitada, como tendo sido adornado pelo próprio Deus encarnado para nós com poder e autoridade sacerdotal ….. E Sofrônio de abençoada memória, que era Patriarca da cidade sagrada de Cristo, nosso Deus, e com quem eu era bispo, conferindo não com a carne eo sangue, mas apenas para cuidar das coisas de Cristo com respeito à sua Santidade, apressou-se a enviar o meu nada sem demora sobre este assunto só para esta Sé Apostólica, onde estão os fundamentos da doutrina sagrada.
    Sérgio, Metropolitain de Chipre (649 AD)
    [Escrevendo ao Papa Theodore] O chefe Santo, Cristo, nosso Deus destinado a tua Sé Apostólica ser uma fundação imóveis e um dos pilares da fé. Pois tu és, como o Verbo Divino verdadeiramente diz, Pedro, e sobre ti como uma pedra fundamental ter as colunas da Igreja foi corrigido. (Sérgio Ep. Anúncio Theod. Lecta em Sess. Ii. Concil. Lat. Anno 649)
    St. Maximos, o Confessor (c. 650)
    As extremidades da terra, e todos em cada parte dela quem puramente e justamente confessam o Senhor, olha diretamente para a Santíssima Igreja Romana ea sua confissão e fé, como um sol de luz infalível espera dela o brilhante esplendor do dogmas sagrados de nossos pais, de acordo com o que os conselhos inspirados e santos têm stainlessly e piedosamente decretou. Pois, a partir da descida do Verbo encarnado entre nós, todas as igrejas em todas as partes do mundo têm mantido a maior Igreja sozinha para ser sua base e fundamento, visto que, de acordo com a promessa de Cristo, nosso Salvador, as portas do inferno nunca prevalecerão contra ela, que tem as chaves da confissão ortodoxa e fé verdadeira nele, que ela abre a religião verdadeira e exclusiva a tais homens como aproximação com a piedade, e ela cala e tranca toda boca herética que fala contra o Altíssimo. (Maximus, Opuscula theologica et polemica, Migne, Patr. Graec. Vol. 90)
    Quanto mais no caso do clero e da Igreja dos romanos, que a partir de idade até agora preside todas as igrejas que estão debaixo do sol? … E assim, quando, sem medo, mas com todos os santos e tornando-se confiança, aqueles ministros [os papas] são da rocha realmente firme e imóvel, que é da mais grande e Apostólica Igreja de Roma. (Maximus, em JB Mansi, ed. Amplissima Collectio Conciliorum, vol. 10)
    Se a Sé Romana reconhece Pirro a ser não só um reprovado mas um herético, é certamente claro que todo mundo que anatematiza aqueles que rejeitaram Pirro também anatematiza a Sé de Roma, isto é, ele anatematiza da Igreja Católica. Não preciso acrescentar que ele excomunga-se também, se de fato ele está em comunhão com a Sé Romana ea Igreja Católica de Deus … Deixe-o apressar antes de todas as coisas para satisfazer a Sé Romana, pois se ele está satisfeito, todos concordarão em chamá-lo piedosa e ortodoxa. Para ele só fala em vão quem pensa que ele deveria persuadir ou aprisionam as pessoas como eu, e não satisfaz e implorar o bem-aventurado Papa da Igreja Católica santíssima dos romanos, isto é, a Sé Apostólica, que é a partir da encarnação de o próprio Filho de Deus, e também de todos os sínodos sagrados, segundo os cânones e definições santo recebeu universal e supremo domínio, autoridade e poder de ligar e desligar sobre todas as santas igrejas de Deus em todo o mundo. (Maximus, Carta de Pedro, em Mansi x, 692).
    João VI, Patriarca de Constantinopla:
    O Papa de Roma, a cabeça do sacerdócio cristão, quem em Pedro, o Senhor ordenou para confirmar os seus irmãos. (João VI, Epist. Anúncio Constantin. Pap. Anúncio. Combefis, Auctuar. Bibl. PP Graec.tom. Ii. P. 211, seq.)
    São Nicéforo, Patriarca de Constantinopla
    Sem os quais [os romanos presidente no Conselho sétimo] uma doutrina apresentadas na Igreja não poderia, embora confirmada por decretos canônicos e pelo uso eclesiástico, alguma vez obter a aprovação total ou moeda. Por que é que eles [os Papas de Roma] que tinha atribuído a eles a regra em coisas sagradas, e que receberam em suas mãos a dignidade da liderança entre os Apóstolos. (Nicéforo, Niceph. Cpl. Profissional. S. Imag. C 25 [Mai N. Bibl. Pp ii. 30]).
    St. Bede (673-731) – O Grande Inglês Doutor da Igreja
    “E, portanto, se S. Pedro, depois de ter confessado a Cristo com uma fé verdadeira e seguiu-o com um amor verdadeiro, receber de uma maneira especial as chaves do Reino dos céus e da soberania do poder judicial, que todos os fiéis de todo o mundo possam entender que todo aquele que separar-se da unidade da fé ou da sua comunhão não pode ser liberado das cadeias de seus pecados, nem entrar no portão do Reino celestial. ” – Hom. Lib. 16.
    Sexto Concílio Ecumênico: Constantinopla III, 680-681
    A CARTA DO PAPA Agatho ao imperador.
    E que ninguém pode ser ignorante dessa intenção piedosa de vocês, ou suspeitar que temos sido obrigados pela força, e não ter consentido livremente ao exercício em vigor do decreto imperial tocando a pregação da fé evangélica, que foi dirigida a nossa Donus antecessor, um pontífice de memória Apostólica, eles têm através do nosso ministério foram enviados ao e totalmente aprovado por todas as nações e povos …
    Portanto, senhores mais cristãos e filhos, de acordo com o jussio mais piedoso de sua clemência protegida por Deus, tivemos um cuidado de enviar, com a devoção de um coração orante (a partir da obediência que lhe devo, não porque contamos com o [superabundante] conhecimento daqueles a quem enviamos para você), os nossos companheiros de servidores aqui presentes, Abundantius, John, e John, a maioria dos nossos irmãos bispos reverendos, Theodore e George nossos mais queridos filhos e presbíteros, com o nosso mais amado filho João , um diácono e, com Constantino, um subdiácono desta mãe espiritual santo, a Sé Apostólica, bem como Theodore, o legado presbítero da Igreja santa de Ravenna e os servos de Deus religiosas dos monges. Pois, entre os homens colocados no meio dos gentios, e ganhando o seu pão de cada dia através do trabalho corporal com distração considerável, como poderia um conhecimento das Escrituras, em sua plenitude, ser encontrado a menos que o que foi canonicamente definido pelos nossos antecessores santa e apostólica, e por os veneráveis cinco conselhos, preservamos em singeleza de coração, e sem qualquer distorção manter a fé chegou até nós desde os Padres, sempre desejoso e esforçando-se por possuir um só eo chiefest bom, a saber:. que nada ser diminuída das coisas canonicamente definidos e, para que nada se alterou nem adicionado à mesma, mas que essas mesmas coisas, tanto em palavras e sentidos, ser guardado intocado? Para esses mesmos comissários também deram o testemunho de alguns dos santos Padres, a quem esta Igreja Apostólica de Cristo [ie Roma] recebe, juntamente com os seus livros, de modo que, tendo obtido a partir do poder de seu cristianismo mais benigna o privilégio de sugerindo, talvez, destes se esforçar para dar satisfação (quando a sua mansidão imperial tenha assim ordenara), como o que esta Igreja Apostólica de Cristo [Roma], sua mãe espiritual e mãe de seu império de Deus surgiram, acredita e prega , não com palavras de eloqüência mundana, que não estão sob o comando de homens comuns, mas na integridade da fé apostólica, em que, tendo sido ensinado desde o berço, oramos para que possamos servir e obedecer ao Senhor do céu, o propagador de seu império cristão, até o fim. Consequentemente, nós lhes concedeu faculdade ou autoridade com o seu poderio mais tranquilo, para permitir a satisfação com a simplicidade sempre que sua clemência deve comandar, sendo intimados sobre eles como uma limitação que eles presumem não acrescentar, tirar ou mudar nada; mas que eles estabelecida essa tradição da Sé Apostólica, com toda a sinceridade, tal como foi ensinada pelos pontífices apostólicas, que eram os nossos predecessores.
    E brevemente vamos insinuar para o seu Piedade divinamente instruído, o que a força da nossa fé apostólica contém, o que temos recebido através da tradição apostólica e pela tradição dos pontífices Apostólicas, e que dos cinco santos sínodos gerais, através das quais os fundamentos da Igreja Católica de Cristo foram reforçadas e estabelecido;
    Esta é a tradição apostólica e evangélica, que a mãe espiritual de seu império mais feliz, a Igreja Apostólica de Cristo, se mantém. Esta é a pura expressão de piedade. Esta é a verdadeira profissão e imaculada da religião cristã, não foi inventado pela astúcia humana, mas que foi ensinada pelo Espírito Santo através dos príncipes dos Apóstolos. [O “príncipes dos Apóstolos” referem-se Papas, uma vez que são os sucessores de Pedro, e Pedro é muitas vezes chamado de o “Príncipe dos Apóstolos”? Ou, talvez, Pedro e Paulo?]
    E, portanto, peço-vos, com um coração contrito e rios de lágrimas, com a mente prostrada, dignai-vos estender a sua mão mais clemente direito à doutrina apostólica, que o colega de trabalho de seus trabalhos piedosos, o bem-aventurado apóstolo Pedro [o Papa está se referindo Agatho para si mesmo aqui], foi entregue, para que não seja escondido debaixo do alqueire, mas que ser pregado em toda a terra mais estridente do que uma corneta:? porque os verdadeiros mesma confissão de que Pedro foi pronunciado abençoado pelo Senhor de todas as coisas , foi revelado pelo Pai do céu, pois ele recebeu o Redentor de toda a si mesmo, por três comendas, o dever de alimentar as ovelhas espiritual da Igreja, sob cuja proteção escudo, esta Igreja Apostólica da sua [ie Roma] nunca afastou-se do caminho da verdade em qualquer direção do erro, cuja autoridade, como a do príncipe de todos os Apóstolos, toda a Igreja Católica e os Concílios Ecumênicos fielmente abraçou, e seguiu em todas as coisas, e todos os veneráveis Padres adotaram sua doutrina Apostólica, através do qual, como as luminárias mais aprovados da Igreja de Cristo ter brilhado, e os médicos ortodoxos santos veneraram e seguiram, enquanto os hereges têm prosseguido com falsas criminations e com ódio depreciativo.
    Pois esta é a regra da verdadeira fé, que esta mãe espiritual de seu império mais tranquila, a Igreja Apostólica de Cristo, tem tanto na prosperidade e na adversidade sempre realizada e defendeu com energia, o que, será provado, pela graça de Deus Todo-Poderoso, nunca desviaram do caminho da tradição apostólica, nem tem ela sido depravado cedendo às inovações heréticas, mas desde o início ela recebeu a fé cristã de seus fundadores, os príncipes dos Apóstolos de Cristo, e permanece imaculada até ao fim, de acordo com a promessa divina do Senhor e do próprio Salvador, que ele proferiu no Santos Evangelhos, o príncipe de seus discípulos, dizendo: “Pedro, Pedro, eis que Satanás vos pediu para tê-lo, para que pudesse cirandar como trigo, mas eu roguei por ti, para que a (tua) fé não desfaleça E tu, quando te converteres, confirma teus irmãos. “. Vamos, portanto, sua Clemência tranquilo considerar, uma vez que é o Senhor e Salvador de todos, cuja fé é, que prometeu que a fé de Pedro não deve falhar e exortou-o a fortalecer seus irmãos, como é sabido de todos que os pontífices Apostólicos, o predecessores da minha pequenez, sempre fizeram com confiança esta mesma coisa: de quem também nossa pequenez, uma vez que recebi este ministério por designação divina, quer ser o seguidor, embora desigual para eles e o menor de todos. [O que se segue descreve o que Honório foi condenado por (incumprimento do dever de “pregar a verdade”), que não é algo que é impedido pela infalibilidade Papal.] E ai de mim, se eu deixar de pregar a verdade do meu Senhor , que eles sinceramente pregada. Ai de mim, se cobrir com o silêncio sobre a verdade que eu sou convidado para dar aos banqueiros, ou seja, para ensinar ao povo cristão e imbuir-lo com isso. O que devo dizer no futuro exame pelo próprio Cristo, se eu coro (que Deus nos livre!) Para pregar aqui a verdade de suas palavras? Que satisfação serei capaz de dar para mim mesmo, para que as almas comprometidas com a mim, quando ele exige estrita conta do escritório que recebi? … Portanto o

  2. AS TESTEMUNHAS OCULARES DE SÃO PEDRO EM ROMA POR RELATOS NÃO CRISTÃO.
    //

    Nero tinha um grande amigo de nome Lúcio Aneu Sêneca Data de nascimento 4 a.C. — Roma, 65).Sêneca foi um dos mais célebres advogados, escritores e intelectuais do Império Romano.
    //
    Agora um dos amigos de Nero, de nome Sêneca que foi um grande escritor, e deixou em seus registros uma carta em que ele viu criminosos sendo crucificado de cabeça para baixo em torno da época da suposta execução de São Pedro.
    //
    E MAIS…
    Uma geração mais tarde, como o Evangelho de São João continha uma passagem em que Cristo profetizou a morte de São Pedro :
    QUE DIZ:
    Quando você é velho, você estenderá as mãos e outro te ligar e te levará para onde você não quer ir.
    //
    A frase “para esticar as mão é encontrado na literatura da época referindo-se a crucificação.
    //
    Certamente a igreja cristã em Roma, afirmou São Pedro como um mártir e fundador, juntamente com São Paulo, logo no final do primeiro século dC .
    //
    E outra não existe um só escritor ou historiador que contestou a alegação de que São Pedro tinha morrido em Roma do período que vai do primeiro século ao ano 1320 agora qual quer afirmação contra isso é fantasiosa e refutado.
    //
    SÃO PEDRO O PRIMEIRO PAPA MORREU EM ROMA

    E asseguro que não existe outra cidade país etc… Que reivindicou os ossos do apóstolo São Pedro? Sabe por quê? Porque não existiu um só país que afirmasse que São Pedro morreu nela.
    VAMOS AO FATO:

    “Estrabão, Foi um geógrafo romano data (60BC-21ad) ele disse que a nação judaica era uma força para todo o mundo habitado …. Eles tinham sido em Roma, por 200 anos e, agora, ele formou uma colônia substancial ali, e de Roma que havia se espalhado por toda a cidade na Itália, e, em seguida, para a Gália e na Espanha e em todo o mar, a noroeste da África.
    //
    Irmão a influência dos judeus em Roma foi tão forte, que um escritor de nome
    Caio Suetónio Tranquilo Data Roma, 69 — ca. 141) diz: “Porque os judeus continuaram a fazer barulho sobre a influência do” Cresto .
    //
    E MAIS…

    Claudius (41-57) expulsou os judeus de Roma. Os historiadores estimam que, em cerca de 49 anos, houve a expulsão dos judeus, em que os governantes romanos naquela época achava que São Pedro era “(CRESTO) “, que fundou a religião cristã.
    //
    AGORA VAMOS A PROVAS DOS FATOS COM TESTEMUNHAS OCULARES DA ÉPOCA DOS FATOS.
    EU DIGO E ASSEGURO E PROVO FÁCILMENTE QUE…

    Acidade de babilônia citada por São Pedro é a cidade de Roma.
    VEJA:
    1 Pedro 5, 13. A igreja escolhida de Babilônia saúda-vos, assim como também Marcos, meu filho.
    Com certeza esta é uma das principais provas de que Pedro esteve em Roma, visto que Roma era tida como a babilônia na época pela semelhança que tinha com a babilônia (Ap 17,5; 18, 10).
    //
    Assim, na mente de Pedro, a Roma dos seus dias lembrava a antiga Babilônia em riqueza, luxúria e licenciosidade isso é incontestável pois existem livros de historiadores contemporâneos com testemunhas oculares e com fatos verídicos e com fontes históricas da época que afirmam que na época de são Pedro a cidade de babilônia estava em ruína.
    //
    VEJA AQUI ALGUMAS GRANDES PROVAS

    E para quem não sabe ‘Babel’ pode significar a cidade de Babilônia, que estava na Mesopotâmia …. mas no reinado de Cláudio, a comunidade judaica tinha deixado a Babilônia para ir para Selêucia ( historiadorFlávio Josefo, 37 — ca. 100 ). Antiguidades dos Judeus. 18.9.8-9),Veja que é aproximadamente o mesmo tempo quando Pedro saiu de Jerusalém após a perseguição realizada por ordem do imperador Herodes Agripa I.
    //
    Além disso, a Babilônia tornou-se extinto ,guerras disputas e general declínio no primeiro século para que no ano de 115 nações se reúnem Trajano como uma cidade fantasma obra escrita pelo historiador (Dio Cassius,Data (ca. 155 – 229 Roman History 68.30).
    //
    E MAIS OUTRA REFUTAÇÃO INCONTESTÁVEL

    Não existe tradição na Síria, que dizem que o apóstolo Pedro teve que viajar para lá ou viveu por lá/ ou que viveu em deareh na Mesopotâmia.

    E MAIS…
    Sabemos da evidência histórica de que ela ocorre em um mal-entendido do imperador romano (Claudius) de que há ruído causado por um “(CRESTO)nome dado a São Pedro por muitos historiador escritores e imperadores de fora da igreja que viviam em seu tempo “, e que provavelmente se refere a Cristo, sendo São Pedro o líder, e que era considerado uma seita judaica do reino de Cristo aos líderes de Roma.
    //
    Esta situação também está escrito em Atos 18:12.[11] Não era um cristão, que quer expor Pedro aos outros líderes desta pena, tornando-se um alvo para o império romano.

    E MAIS…
    TODAS ESSAS OBRAS AQUI DE BAIXO SÃO DO PRIMEIRO E DO SEGUNDO SÉCULO E TODAS ELAS FAZEM REFERÊNCIAS DE SÃO PEDRO EM ROMA
    //
    A IGREJA AS TEM COMO APÓCRIFOS MAS ELAS SERVEM COMO PROVAS E COMO DOCUMENTOS HISTÓRICO POIS TODAS ELAS FORAM CRIADAS NA ÉPOCA DOS FATOS E SÃO TESTEMUNHAS OCULARES.DE SÃO PEDRO EM ROMA

    //
    ANOTE AÍ:

    ( A Vida dos Apóstolos , Oxford 1840).
    //
    ( As Contendas dos Apóstolos , Londres 1901. P. 137).
    //
    Ensino de Simão, o Mago, na cidade de Roma
    //
    “( Os Padres Ante-Nicéia , p. 656).
    //
    O Ensino dos Apóstolos
    //
    Babilônia Religião de Mistério: Antiga e Moderna . Ralph Woodrow Associação Evangelística, Inc. Riverside, CA. 1992. P. 73.
    //
    The Search for dos Doze Apóstolos
    //
    A Pregação de Pedro
    //
    Praedicatio Pauli
    //
    Atos de Pedro

  3. IRMÃOS FÍLON DE ALEXANDRIA NASCIDO EM 25 ANTES E CRISTRO E MORTO NO ANO 50 DA ERA CRISTÃ
    FOI UM DOS GRANDES HISTORIADORES E ESCRITORES DE TODOS OS TEMPOS E ELE DEU TESTEMUNHO EM SEU LIVRO RELATANDO QUE SÃO PEDRO ESTEVE EM ROMA:
    VAMOS LÁ:
    RESUMINDO ESSE FÍLON DE ALEXANDRIA É NARADO POR EUSÉBIO DE CESARÉIA QUE TAMBÉM TESTEMUNHA QUE FÍLON DE ALEXANDRIA
    NARRA SÃO PEDRO EM ROMA EM SUA OBRA HISTÓRIA ECLESIÁSTICA DE 5000 MIL PAGINAS COM 10 VOLUMES.
    //
    Fílon de Alexandria (grego: Φίλων ο Αλεξανδρινός Fílon o Alexandrinós, hebraico פילון האלכסנדרוני, Pilon ha-Alexandroni) foi um filósofo judeo-helenista (25 a.C. — ca. 50) que viveu durante o período do helenismo.
    VEJA AQUI ALGUMAS DAS SUAS OBRAS :
    • De Aeternitate Mundi

    • De Abrahamo
    • /
    • De Migratione Abrahami
    • /
    • De Mutatione Nominum
    • /
    • De Plantatione
    • /
    • De Agricultura
    • /
    • De Confusione Linguarim
    • /
    • De Congressu Eruditiones Gratia
    • /
    • De Decalogo
    • /
    • De Sacrificius Abelis et Cainis
    • /
    • De Posteritate Caini
    • /
    • De Ebrietate
    • /
    • De Escrecationibus
    • /
    • De Fuga et Inventione
    • /
    • De Gigantibus
    • /
    • De Josepho
    • /
    • De Opificio Mundi
    • /
    • De Vita Contemplativa
    • /
    • De Vita Mosis
    • /
    • De Sobrietate
    • /
    • De Somniis
    • /
    • /
    • De Specialibus Legibus
    • /
    • De Virtutibus
    • /
    • De Praemiis et Poenis
    • /
    • Legum Allegoriae
    • /
    • Legatio ad Gaium
    • /
    • In Flaccus
    • /
    • Quaestiones in Genesim
    • /
    • Quaestiones in Exodum
    • /
    • Quis Serem Divinarum Heres Sit
    • /
    • Quod Deterius Potiori Insidari Soleat
    • /
    • Quod Deus Sit Immutabilis
    • /
    • Quod Omnis Probus Líber Sit
    ///////////////

    Fílon de Alexandria grego : Φίλων , Philon ..; c 20 aC – c 50 CE),
    No verão de 38 AD Agripa I visitou Alexandria, no Egito, onde ele apoderou-se da oportunidade para desfilar sua “magnificência”, antes de os judeus da cidade. Este incitou os gregos de Alexandria para motim e perseguir os judeus. O conflito inter-racial que se seguiu tornou-se tão ruim que se espalhou para outras partes do Império Romano.
    //
    Gaius Caligula – o imperador louco – exacerbou o problema, exigindo que os judeus de Alexandria viessem a adorá-lo como Deus. Bo Reicke, na era do Novo Testamento , diz: “Agripa queixou-se a Caio Calígula, assim como uma delegação de judeus de Alexandria pelo filósofo Fílon de Alexandria , cujos livros In Flaccum e De Legatione anúncio Gaium discutir essa importante luta” (Fortress Press Pensilvânia. 1981).
    //
    E a delegação, liderada por Fílon de Alexandria, viajou para Roma, em 39 ou 40 dC, mas não teve sucesso em obter qualquer ajuda de Calígula, que estava praticamente insano por esta altura.
    //
    Quando Claudius subiu ao trono em 41, ele tentou resolver este conflito – ordenando representantes de ambos os grupos étnicos a comparecer perante ele em Roma. A segunda delegação, mais uma vez dirigido por Fílon de Alexandria, fez a viagem a Roma.Quando eles chegaram,
    //
    Eusébio historiador nascido no ano 265 afirma em sua obra história eclesiástica que Fílon de Alexandria “Diz-se que antes de ler todo o Senado dos romanos sua descrição da impiedade do [Imperador] Caio, que ele intitulou, com ironia montagem, Quanto Virtudes, e suas palavras eram tão admirado como a conceder um lugar nas bibliotecas.
    //
    AGORA ENQUANTO FÍLON DE ALEXANDRIA…
    Estava em Roma ele se encontrou com Pedro!
    //
    Observe o que diz William Caverna:
    Aqui [em Roma], dizem-nos, ele [Pedro] se reuniu com Fílon de Alexandria, o judeu, recentemente vêm em sua segunda EMBAIXADA até Roma, em nome de seus compatriotas em Alexandria, e de ter contraído uma íntima amizade e familiaridade com ele. – As Vidas dos Apóstolos . Oxford 1840. Pp. 200-201.
    //
    Comentários Eusébio que “a tradição diz que ele [Fílon de Alexandria] chegou a Roma em tempo de Cláudio para falar com Pedro, que era naquele tempo pregando para pessoas lá. Isso, de fato, não ser improvável uma vez que o tratado a que nos referimos, composto por ele [Fílon de Alexandria] muitos anos depois, obviamente, contém as regras da igreja que ainda são observados em nosso próprio tempo “(Eusébio,” História Eclesiástica . Harvard University Press, em Londres. 1.975. P. 145).

  4. A Lenda de Ouro
    da vida de São Pedro Apóstolo
    ere segue de São Pedro Apóstolo, e primeiro lugar do seu nome. Peter tinha um grande nome, porque ele foi chamado Simão Barjonas. E Simon é tanto dizer como direito obediente ou cometer grande tristeza. Barjona é tanto para dizer como o filho de uma pomba, ou de um bueiro Ele foi obediente quando o nosso Senhor o chamou, para a voz de uma única chamada, ele obedeceu ao Senhor. Ele estava cometendo peso e tristeza quando ele alugou Jesu Cristo, pois ele saiu e chorou amargamente. Ele era filho da pomba, pois ele serviu a Deus com a intenção simples. Em segundo lugar, ele foi chamado Cefas, que é tanto dizer como chefe, ou pedra, ou culpando com a boca. Foi dito chefe por causa do principado em prelation; uma pedra por causa de sua firmeza em sua paixão; culpando com a boca por causa da constância em sua pregação. Em terceiro lugar, ele foi chamado Peter, que é tanto dizer como saber ou unhosing e calçar ou saber desligamento, pois sabia que a dignidade de Cristo, quando disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo. Em unhosing e calçar, quando seus pés descalços do carinho de todo o trabalho mortal e terrena, dizendo: Olhai! deixamos todas as coisas, etc Libertação, pois ele tem unbounden os laços de pecado, e que foi por as chaves que ele recebeu de Nosso Senhor. E ele tinha três sobrenomes. Ele se disse Simon Johanna, que é tanto para dizer como a beleza do nosso Senhor. Em segundo lugar, ele se disse Simon Johannis, ou seja, a quem é dado. E em terceiro lugar, ele é dito Barjona, isto é, filho da pomba, pelo que é dado a entender que ele tinha beleza dos costumes, presente de virtudes, e abundância de lágrimas, pois a pomba tem lamentando por sua canção . Este nome de Pedro, Jesus prometeu colocar-lhe: Johannis primo tu serás chamado Cefas, ou seja, Peter. Em segundo lugar, ele fez o que prometeu, como se diz, Mathei Quarto: E deu o nome de Simão Pedro, etc Em terceiro lugar, ele confirmou que, Mathei XVI:. E eu digo-te que tu és Pedro, e sobre esta pedra, etc . Seu martírio escreveu Marcelo, Linus papa, Hegésipo, e Leo papa. de São Pedro. São Pedro, o apóstolo entre todos os outros, e acima de todos os outros, era de amor mais fervoroso e ardente, para que ele teria conhecido o traidor que deveria trair nosso Senhor Jesu Cristo, como diz São Austin: Se ele soubesse que ele teria arrancado-lhe os dentes, e, portanto, nosso Senhor não iria chamá-lo para ele, pois como diz Crisóstomo: Se ele tivesse chamado a ele, Peter tinha surgido e todos dilacerado ele. Peter entrou no mar, ele foi escolhido por Deus para ser a sua transfiguração, e levantou uma empregada da morte para a vida, ele encontrou o stater ou peça de dinheiro na boca do peixe, ele recebeu do Senhor as chaves do reino dos céu, ele levou a carga para alimentar as ovelhas de Jesu Cristo. Ele se converteu em um Pentecostes três mil homens, ele curou Claude com John, e depois convertido cinco mil homens, disse a Ananias e Safira a sua morte antes, ele curou Enéias da paralisia, ele levantou Tabitha, ele batizou Cornelia, com a sombra de seu corpo, ele curou os homens doentes, ele foi preso por Herodes, mas o anjo do Senhor, ele foi entregue. Qual a sua carne era e sua roupa, o livro de São Clemente testifica, porque ele disse: Pão só com azeitonas, e raramente com mostos, é meu uso, e eu tenho essas roupas como vês, um casaco e um manto, e quando Eu tenho que, eu exijo mais. Diz-se por certo que ele levou sempre uma sudary no seu seio com a qual ele enxugou as lágrimas que corriam de seus olhos, pois quando ele se lembrou da doce presença do nosso Senhor, pois o grande amor que ele tinha com ele, ele não pode abster chorando. E também quando ele se lembrou de que ele havia alugado, chorou abundantemente grande abundância de lágrimas, de tal modo que ele estava tão acostumado a chorar que o seu rosto foi queimado com lágrimas como parecia, assim como já diz Clement. E disse também que no meio da noite quando ouviu o galo cantar ele chorava customably. E depois que ele é lido em Historia Ecclesiastica que, quando a esposa de São Pedro foi levado a sua paixão, ele tinha grande alegria e chamou pelo seu nome próprio, e disse-lhe:. Minha esposa, lembre-te de nosso Senhor Em um tempo quando São Pedro mandou dois dos seus discípulos para pregar a fé ot Jesu Cristo, e quando eles tinham ido jornada 20 dias “, um deles morreu, e aquele outro em seguida, retornou a São Pedro e disse-lhe o que tinha acontecido, alguns dizem que era São Marcial que assim morreu, e alguns dizem que foi São Maternus, e outros dizem que foi São Frank. Então São Pedro deu a ele sua equipe e ordenou que ele deve retornar ao seu companheiro, e colocá-lo em cima dele, que ele assim o fez, então ele que tinha sido 40 dias morto, Anon surgiu todos os viventes. Dessa vez Simon o feiticeiro estava em Jerusalém, e ele disse que era a primeira verdade, e afirmou que quem que iria acreditar nele, ele iria fazê-los perpétua. E ele também disse que nada lhe era impossível. Ele é lido no livro de S Clemente que ele disse que deve ser adorado de todos os homens como Deus, e que ele poderia fazer tudo o que ele faria. E disse ainda mais: Quando minha mãe Rachel me mandou que eu deveria ir colher milho no campo, e viu a foice pronto para colher, com, ordenei a foice para colher por si só, e colheram dez vezes mais do que qualquer outro . E ainda acrescentou mais presente regulamento, depois de Jerome, e disse: Eu sou a Palavra de Deus, eu sou o Espírito Santo, eu sou Todo-Poderoso, eu sou tudo o que é de Deus. Ele fez as serpentes de bronze para se mover, e fez as imagens de ferro e de pedra de rir, e cães para cantar e, como diz Santo Linus, ele iria disputar com São Pedro e show, num dia designado, que ele era Deus. E Pedro entrou para o lugar onde o conflito deve ser, e disse aos que estavam ali: Paz seja convosco irmãos que verdade pomba. Para quem Simon disse: Não temos nenhuma necessidade de tua paz, pois se a paz ea concórdia foram feitas, não devemos aproveitar para encontrar a verdade, para os ladrões a paz entre eles. E, portanto, não desejam a paz, mas a batalha, pois, quando dois homens e uma luta é superada, então, é a paz. Então, disse Pedro: Por que dreadest tu ouvir falar de paz? Dos pecados crescer batalhas, onde há pecado há paz, em disputa é verdade que se encontra, e em justiça obras. Então, disse Simon: Não é como tu dizes, mas vou mostrar-te o poder de minha dignidade, que Anon tu me adorar, eu sou o primeiro a verdade e pode fugir pelo ar, eu posso fazer novas árvores e transformar pedras em pão , resistir ao fogo, sem ferir, e tudo o que eu quero eu posso fazer. São Pedro disputava também contra todos estes, e divulgados todos os seus malefices. Simão, o Mago, vendo que ele não poderia resistir Pedro, lançar todos os seus livros para o mar, para que São Pedro deve provar que ele estava um mágico, por seus livros, e foi para Roma, onde foi tido e reputado como um deus. E quando Pedro sabia que, ele seguiu e chegou a Roma. O quarto ano de Claudius imperador, Pedro veio a Roma, e ficou lá 25 anos, e ordenou dois bispos como seus ajudantes, Linus e Cletus, um dentro das paredes, e que outros sem. Ele emendou muito a pregação da Palavra de Deus, pela qual ele se converteu muita gente à fé de Cristo, e curou muitos homens doentes, e em sua pregação sempre elogiou e castidade preferido. Ele converteu quatro concubinas de Agripa o reitor, para que eles não mais vir a ele, por isso o reitor procuraram ocasião contra Peter. Após isso, nosso Senhor apareceu a São Pedro, dizendo-lhe: Simão, o Mago e Nero propósito contra ti, medo ti não, porque eu sou contigo, e dará a ti o consolo do meu servo Paulo, que a manhã virá a Roma. Então Pedro, sabendo que ele não deve permanecer muito tempo aqui, reuniu todos os seus irmãos e tomou Clement pela mão e ordenou um bispo, e fê-lo sentar-se em seu próprio assento. Depois disso, como nosso Senhor tinha dito tofore, Paulo chegou a Roma, e com Pedro começou a pregar a fé de Cristo. Simon Magus era muito amada de Nero que ele weened que ele tinha sido o guardião de sua vida, de sua saúde e de toda a cidade. Em um dia, como Leo diz o papa, como ele ficou tofore Nero, de repente, seu rosto mudou, agora velho e agora jovem, que, quando Nero viu, ele supôs que ele tinha sido o filho de Deus. Então, disse Simon Magus para Nero: Porque tu sabe me ser o próprio Filho de Deus, manda a minha cabeça para ser ferido off e eu vou surgir de novo no terceiro dia. Então Nero ordenou a seu irmão para ferir-lhe a cabeça, e quando ele deveria ter decapitado Simon, ele decapitou um carneiro. Simon, por sua mágica arte saiu ileso, reuniram-se os membros do carneiro, e escondeu-o três dias. O sangue do carneiro morada e congelados. O terceiro dia ele veio e mostrou-lhe a Nero, dizendo: Command meu sangue para ser lavada, pois eis que eu sou aquele que foi decapitado, e como eu prometi que subiram ao terceiro dia. Quem Nero vendo, era envergonhado e curvou-se, na verdade, que ele havia sido o filho de Deus. Tudo isso diz Leo. Algum tempo também, quando ele estava com Nero secretamente dentro de seu conclave, o diabo em sua semelhança falou sem ao povo. Em seguida, os romanos tinham ele em tal adoração que eles fizeram para ele uma imagem e escrevi acima, este título: Para Simão, o santo Deus. Peter e Paul entrou para Nero e descobriu todos os encantos e malefices de Simão, o Mago, e Peter adicionado à mesma, visto que, como em Cristo haver duas substâncias que é de Deus e do homem, por isso estão nesta mágico duas substâncias, isto é, do homem e do diabo. Então, disse Simon Magus, como São Marcelle e Leo testemunha, para que eu não sofra mais esse inimigo, vou comandar os meus anjos que hão de vingar-me dele. Para quem Pedro disse: eu temo nada anjos brilho, mas eles me pavor. Nero disse: Dreadest tu não Simon, que por certas coisas affirmeth sua divindade? Para quem Pedro disse: Se a dignidade ou divindade ser nele que ele diga agora o que eu penso ou o que eu faço, o que eu pensei primeiro que dizer para ti, para que ele não deve cortar mentir que eu penso. Para quem Nero disse: Vem cá e dizer o que tu pensas. Então, Pedro foi até ele e disse-lhe secretamente: Comanda um homem para trazer-me um pão de cevada, e entregá-lo para me secretamente. Quando foi levado para ele, ele abençoou-o e escondeu-o sob sua manga, e, em seguida, ele disse: Agora Simon dizer o que penso, e dito e feito. Simão respondeu: Vamos Peter dizer o que penso. Pedro respondeu: O que Simon pensa que eu sei, vou fazê-lo quando ele tem pensamento. Então Simon ter indignação, clamou em alta voz: Eu ordeno que os cães vêm e devorá-lo. E, de repente, apareceu grandes cães e fez um assalto contra Peter. Ele lhes deu o pão que ele tinha abençoado, e de repente ele fez para fugir. Então disse a Pedro para Nero: Lo! Eu mostrei-lhe o que ele achava contra mim, não em palavras, mas em atos, para onde ele prometeu anjos para vir contra mim ele trouxe cães, assim não mostra o que ele tem nenhum anjos mas os cães. Então, disse Simon: Ouvi, Pedro e Paulo, se eu não posso chorar aqui, tiverdes onde me deve convinha para julgá-lo. Vou poupá-lo aqui. HAEC Leo. Simão, o Mago, como Hegésipo e Linus dizer, elate no orgulho avaunted que ele pode levantar os mortos à vida. E happed que havia um jovem morto, em seguida, Nero deixou chamada Pedro e Simão, e tudo deu sentença pela vontade de Simon que ele deve ser morto, que não pode surgir o homem morto à vida. Simon, então, como ele fez os seus encantamentos sobre o corpo morto, ele foi visto mover sua cabeça de que ali estavam, então todos gritaram para a pedra de Pedro. Peter unnethe ficando silêncio, disse: Se o corpo do morto vivo, que se levante, ande e fale, então sabeis que ele é uma fantasia que a cabeça do morto se move. Deixe Simon ser feita a partir do leito. E o corpo permaneceu imóvel. Peter pé longe de fazer sua oração clamou ao cadáver, dizendo: Jovem, levanta-te em nome de Jesu Cristo de Nazaré crucificado, e logo, levantou-se vivo, e andou. Então, quando as pessoas teriam apedrejado Simon Magus, Pedro disse: Ele está com dor suficiente, sabendo-o a ser superado em seu coração; vos o nosso mestre nos ensinou a fazer o bem para o mal. Então disse a Pedro Simon e Paul: Ainda não é con e para você que desejais, para vos não ser digno de ter o martírio, o qual respondeu: Ou seja, que o desejo de ter, para ti nunca mais será assim, por te deitares tudo o que dizes. Então, como diz Marcel: Simon foi até a casa de Marcel e vinculados há um grande cão preto na porta da casa, e disse: Agora vou ver se Peter, que está acostumado a vir para cá, virão, e se ele vir este cão deve estrangulá-lo. E um pouco depois disso, Pedro e Paulo foi para lá, e logo Peter fez o sinal da cruz e não ligado o cão, eo cão era tão manso e manso como um cordeiro, e perseguiu ninguém, mas Simon, e foi até ele e deu e lançá-lo para o chão debaixo dele, e teria estrangulado ele. E, em seguida, correu-lhe Pedro e chorou sobre o cão que ele não deveria fazer-lhe qualquer dano. E logo o cão à esquerda e não tocou em seu corpo, mas tudo Torent e tara seu vestido de tal modo que ele estava quase nu. Então, todas as pessoas, especialmente as crianças, correu com o cão em cima dele e caçado e perseguido para fora da cidade, ele tinha sido um lobo. Então, para a repreensão e pena que ele não se atreveu a vir para a cidade de todos um ano inteiro depois. Então Marcel, que foi discípulo de Simão, o Mago, vendo esses grandes milagres, chegou a Pedro, e foi a partir de então forthon seu discípulo. E depois, no final do ano, Simon voltou e foi recebido novamente na amizade de Nero. E então, como diz Leo, este Simão, o Mago reuniu o povo e mostrou-lhes como tinha sido irritou dos galileus, e, portanto, ele disse que iria deixar a cidade que ele estava acostumado a defender e manter, e estabeleceu um dia em que ele iria subir ao céu, pois ele não mais se dignou habitar na terra. Em seguida, no dia em que ele tinha estabelecido, como, como tinha dito, ele foi até uma torre alta, que estava no Capitólio, e há de ser coroada de louros, atirou-se para fora de lugar para lugar, e começou a voar no ar. Então disse São Paulo a São Pedro: É caberá a mim para orar, ea ti, para comandar. Então, disse Nero: Este homem é o próprio Deus, e vós estareis dois traidores. Então disse São Pedro a São Paulo: Paul, irmão, levante a cabeça brilho e ver como Simon flyeth. Então disse São Paulo a São Pedro quando o viu voar tão alto: Peter, por que te demoras? executar que tens começado, Deus agora nos chamaram. Então, disse Pedro: I cobrar e conjuro anjos de Sathanas, que carregam-lo no ar, com o nome de nosso Senhor Jesu Cristo, que deis ne sustentá-lo mais, mas deixá-lo cair por terra. E logo eles deixá-lo cair no chão e quebrou-lhe o pescoço e cabeça, e ele morreu ali imediatamente. E quando Nero ouviu dizer que Simon estava morto, e que ele tinha perdido um homem, ele estava triste, e disse aos apóstolos: Ye ter feito isso, a despeito de mim e, portanto, eu vou destruí-lo por mau exemplo certo. HAEC Leo. Em seguida, ele os entregou ao Paulin, que era um homem muito nobre, e Paulin entregou a Mamertin sob a guarda de dois cavaleiros, Processadas e Martinian, a quem São Pedro convertidos à fé. E, em seguida, abriu a prisão e deixá-los todos para fora que iria, portanto, após a paixão dos apóstolos, Paulin, quando ele sabia que eles eram cristãos, ambos decapitados Processe e Martinian. Os irmãos, então, quando a prisão foi aberta , orou Pedro para ir lá, e ele não o faria, mas no fim, ele está sendo superada por suas orações foram embora. E quando chegou ao portão, como, Leo testifica, que é chamado Sancta Maria ad passus, ele conheceu Jesu Cristo que vem contra ele, e disse-lhe Pedro: Senhor, para onde vais? E ele lhe disse: Eu vou a Roma para ser crucificado novamente, e Peter perguntou-lhe: Senhor, tu deverás ser crucificado novamente, e ele disse: Sim, e Pedro disse então: Senhor, vou voltar novamente depois de ser crucificado contigo. Dito isto, nosso Senhor subiu ao céu, Peter contemplando ele, que chorou muito. E quando Pedro entendeu que o Senhor tinha dito a ele de sua paixão, ele voltou, e quando ele chegou a seus irmãos, disse-lhes o que o Senhor tinha dito. E logo ele foi levado dos ministros do Nero e foi entregue ao reitor Agripa, então era o rosto dele tão clara como o sol, como se diz. Então Agripa disse-lhe: Tu és aquele que glorifiest nas pessoas, e nas mulheres, que te apartando-se da cama de seus maridos. Quem o apóstolo culpado, e disse-lhe que ele glorificado na cruz de nosso Senhor Jesu Cristo. Então, Pedro foi ordenado para ser crucificado como um estranho, e por que Paulo era um cidadão de Roma, foi ordenado que sua cabeça deve ser golpeado fora. E desta sentença proferida contra eles, São Dionísio, em uma epístola a Timóteo diz assim: O meu irmão Timóteo, se tu viu a agonia do fim delas deves ter falhado de tristeza e pesar. Quem não deve chorar naquela hora quando o mandamento da sentença foi dada contra eles, que Peter deve ser crucificado e Paul ser decapitado? Tu deves então ter visto os turbes ot judeus e dos paynims que os feriu e cuspir em seus rostos. E quando o tempo horrível veio de seu fim de que eles se retirado aquele daquela outra, amarraram os pilares do mundo, mas que não foi sem choro e choro dos irmãos. Então disse São Paulo a São Pedro: Paz seja contigo que foundement arte da igreja e pastor das ovelhas e cordeiros de nosso Senhor. Pedro, então, disse a Paul: Vai tu em paz, pregador de boas maneiras, mediador, líder, e consolo de legítimos pessoas. E quando eles foram retirados longe de outro eu segui meu mestre. Eles não estavam ambos mortos em uma rua. Este diz São Dionísio, e como Leo do papa e Marcel testemunha, quando Peter chegou à cruz, ele disse: Quando o meu Senhor, descendo do céu para a terra, ele foi colocado no lado direito cruz, mas me quem lhe agrada para chamar da terra para o céu, a minha cruz deve mostrar a minha cabeça para a terra e resolver os meus pés para o céu, porque eu não sou digno de ser posto na cruz como o meu Senhor estava, portanto, transformar a minha cruz e crucificar-me a minha cabeça para baixo. Em seguida, eles voltaram a cruz, e prendeu os pés para cima ea cabeça para baixo. Em seguida, as pessoas estavam com raiva contra Nero eo reitor, e teria matado eles, porque eles fizeram São Pedro para morrer, mas ele exigiu-lhes que eles não devem deixar sua paixão, e como Leo witnesseth, nosso Senhor abriu os olhos dos que estavam lá, e chorou de modo que, eles viram os anjos com coroas de rosas e lírios que estão por Peter que estava na cruz com os anjos. E, em seguida, Peter recebeu um livro de nosso Senhor, onde ele aprendeu as palavras que ele disse. Então, como diz Hegesippus: Pedro disse assim: Senhor, eu tenho desejado muito para seguir-te, mas para ser crucificado em pé eu não usurpou, tu és sempre justo, alto e soberano, e nós sermos filhos do primeiro homem que tem a cabeça inclinada em relação à terra, sendo que a queda significa a forma da geração humana. Também nascer que ser visto inclinado para a terra por efeito, ea condição é alterada para o weeneth mundo que tal coisa é boa, o que é mau e ruim. Senhor, tu és tudo para mim, e nada é para mim, mas tu só, eu me rendo a ti thankings com todo o espírito do que eu vivo, por que eu entendo, e por quem eu chamo-te. E quando São Pedro viu que os homens bons cristãos viram a sua glória, em ceder thankings a Deus e elogiando pessoas boas para ele, prestou o espírito. Em seguida, Marcel e Apuleio, seu irmão, que eram seus discípulos, tirou o corpo da cruz, quando ele estava morto, e ungiu-o com muito ungüento, eo sepultaram honrosamente. Diz Isidoro no livro da Natividade e da morte dos santos assim: Pedro, depois que ele havia governado Antioquia, ele fundou uma igreja sob o imperador Cláudio, ele foi para Roma contra Simon Magus, lá ele pregou o evangelho 25 anos e ocupou o bispado, e trinta e seis anos após a paixão de Nosso Senhor Jesus foi crucificado por Nero virou a cabeça para baixo, pois ele seria tão crucificado: HAEC Isidorus. Naquele mesmo dia, Peter e Paul apareceu a São Dionísio, como ele diz em sua epístola foresaid com estas palavras: Entenda o milagre e ver o prodígio, meu irmão Timóteo, do dia do martírio ot-los, pois eu estava pronto no tempo da partida deles. Depois de sua morte, eu os vi juntos, de mãos dadas, entrando nas portas da cidade, e vestida com roupas de luz, e vestida com coroas de clareza e luz. HAEC Dionísio. Nero não foi punido por sua morte e outros grandes pecados e tiranias que ele cometeu, pois ele matou com as próprias mãos, o que tiranias eram demasiado longa para contar, mas logo vou ensaiar aqui alguns. Ele matou seu mestre Seneca porque ele tinha medo dele quando ele foi para a escola. Também Nero matou sua mãe e cortou a barriga para ver o lugar onde ele estava dentro Os médicos e mestres culpa dele, e disse que o filho não deve matar sua mãe, que tinha dado a ele com tristeza e dor. Então disse ele: Faze-me com a criança, e depois de dar à luz, para que eu possa saber o que minha mãe sofreu dor. Que, por ofício, deram a ele um jovem sapo para beber, e cresceu em sua barriga, e então ele disse: Mas se fazeis me para ser entregue Vou matar todos vocês, e por isso deram-lhe como uma bebida que ele tinha um vomitar e expulsou o sapo, e lhe deu na mão que, por causa que ele não se firmou seu tempo era disforme, que ainda que ele fez para ser mantido. Então, para seu prazer pôs Roma em chamas, que queimaram sete dias e sete pontos turísticos, e estava em uma torre alta e gostava de o ver tão grande chama de fogo, e cantavam alegremente. Ele matou os senadores de Roma para ver o que tristeza e lamentação suas esposas faria. Ele casou um homem para sua esposa. Ele pescou com redes de fio de ouro, ea roupa que ele usava um dia ele nunca iria usá-lo ne vê-lo depois. Em seguida, os romanos vendo seu woodness, assaltaram e perseguiram-no até fora da cidade, e quando viu que ele não poderia escapar deles, tomou uma estaca e afiadas com os dentes, e com isso preso a si mesmo através do corpo e por isso se matou. Em outro lugar, lê-se que ele foi devorado por lobos. Em seguida, os romanos voltaram e encontraram o sapo e atirou-o para fora da cidade e não queimou. No tempo de São Cornélio, o papa, os gregos roubaram os corpos dos apóstolos Pedro e Paulo, mas os demônios que estavam nas ídolos foram constrangidos pela virtude divina de Deus, e clamando, disse: Varões de Roma, socorrer às pressas seus deuses que ser roubado de você, por que coisa que os bons cristãos entenderam que eles eram os corpos de Pedro e Paulo. E os paynims supunha que tinha sido seus deuses. Em seguida, reuniu grande número de homens e de cristãos paynims também, e perseguiu desde os gregos que duvidava de ter sido morto, e jogou os corpos em um poço nas catacumbas, mas depois eles foram atraídos por homens cristãos. Diz São Gregório que a grande força de um trovão e raio que veio do céu fez com tanto medo que eles partiram cada um dos outros, e assim deixaram os corpos dos apóstolos nas catacumbas em um poço, mas duvidava que os ossos eram Pedro e que Paulo: Por que os homens bons cristãos colocá-los para orações e jejuns, e foi Respondeu-lhes do céu que os grandes ossos desejava o pregador, e menos para o pescador, e assim se retirado, e os ossos foram colocados na igreja dele que era de dedicar. E outros dizem que Silvester o papa iria santificar as igrejas e tomou todos os ossos juntos, e partiu-os pelo peso, grandes e pequenos, e que ponha metade em uma igreja, e que a outra metade no outro. E São Gregório recounteth em seus diálogos que, na igreja de São Pedro, onde os ossos de descanso, era um homem de grande santidade e de mansidão chamado Genciana, e veio uma empregada para a igreja que era aleijado, e chamou o seu corpo e as pernas atrás dela com as mãos, e quando ela tinha muito tempo exigido e orou São Pedro para a saúde, ele apareceu-lhe numa visão, e disse-lhe: Vai para Genciana, meu servo, e ele deve restaurar a tua saúde. Então ela começou a arrastar-se aqui e ali, por meio da igreja, e perguntou quem era Genciana, e de repente ele happed que ele veio para ela que ele procurou, e ela disse-lhe: O santo apóstolo São Pedro, me enviou a ti, para que tu deverias fazer me todo e livra-me de minha doença, e ele respondeu: Se tu és enviado para me dele, levanta-te tu Anon e ir em teus pés. E tomou-a pela mão e logo ela estava inteira, de tal modo que ela não sentiu nada de sua dor, nem doença, e então ela agradeceu a Deus e São Pedro. E no mesmo livro diz São Gregório, quando que um santo sacerdote era chegar ao fim de sua vida, ele começou a chorar em grande alegria: Vós sois bem-vindos, meus senhores, vós bem-vinda para que vos vouchsafe vir para tão pequeno e pobre servo, e ele disse: Eu virei e obrigado. Então, os que ali estavam exigiu que eles eram de que ele falou, e ele disse-lhes perguntando: Não tendes visto o Santos Apóstolos Pedro e Paulo e como ele chorou de novo, a sua alma bendita partiu da carne. Alguns têm dúvida se Peter e Paul sofreu a morte em um dia, para alguns dizem que foi o mesmo dia, mas um ano após o outro. E Jerome e todos os santos que tratam deste assunto acordo que estava em um dia e um ano, e assim é contido em uma epístola de Denis e Leo diz o papa o mesmo em um sermão, dizendo: Nós supomos, mas que ele não foi feito sem justa causa que sofreu em um dia e em um só lugar a sentença do tirano, e sofreu a morte de uma só vez, a fim de que eles devem ir juntos para Jesu Cristo, e ambos sob um perseguidor até o fim que a crueldade igual deve forçar aquele e aquele outro. O dia para o seu mérito, o lugar para a sua glória, ea perseguição superado pela virtude. HAEC Leo. Apesar de terem sofrido tanto a morte em um dia e em uma hora, mas ele não estava em um lugar, mas em diversas dentro de Roma, e disse deste instrumento um versejador desta maneira: Ense coronatus Paulus, cruce Petrus, eodem-Sub duce, luce, loco, dux Nero, Roma lugar. Ou seja, Paulo coroado com a espada, e Pedro teve a cruz invertida, o lugar era a cidade de Roma. E contudo o que sofreu a morte em um dia, mas São Gregório ordenou que naquele dia especial deve ser a solenidade de São Pedro, e no próximo dia de comemoração de São Paulo, para a igreja de São Pedro foi consagrado nesse mesmo dia, e também porquanto como ele era mais digna, e pela primeira vez na conversão, e manteve o principado em Roma. E depois que ele é lido em Historia Ecclesiastica que, quando a esposa de São Pedro foi levado a sua paixão, ele tinha grande alegria e chamou pelo seu nome próprio, e disse-lhe:. Minha esposa, lembre-te de nosso Senhor Em um tempo quando São Pedro mandou dois dos seus discípulos para pregar a fé ot Jesu Cristo, e quando eles tinham ido jornada 20 dias “, um deles morreu, e aquele outro em seguida, retornou a São Pedro e disse-lhe o que tinha acontecido, alguns dizem que era São Marcial que assim morreu, e alguns dizem que foi São Maternus, e outros dizem que foi São Frank. Então São Pedro deu a ele sua equipe e ordenou que ele deve retornar ao seu companheiro, e colocá-lo em cima dele, que ele assim o fez, então ele que tinha sido 40 dias morto, Anon surgiu todos os viventes. Dessa vez Simon o feiticeiro estava em Jerusalém, e ele disse que era a primeira verdade, e afirmou que quem que iria acreditar nele, ele iria fazê-los perpétua. E ele também disse que nada lhe era impossível. Ele é lido no livro de S Clemente que ele disse que deve ser adorado de todos os homens como Deus, e que ele poderia fazer tudo o que ele faria. E disse ainda mais: Quando minha mãe Rachel me mandou que eu deveria ir colher milho no campo, e viu a foice pronto para colher, com, ordenei a foice para colher por si só, e colheram dez vezes mais do que qualquer outro . E ainda acrescentou mais presente regulamento, depois de Jerome, e disse: Eu sou a Palavra de Deus, eu sou o Espírito Santo, eu sou Todo-Poderoso, eu sou tudo o que é de Deus. Ele fez as serpentes de bronze para se mover, e fez as imagens de ferro e de pedra de rir, e cães para cantar e, como diz Santo Linus, ele iria disputar com São Pedro e show, num dia designado, que ele era Deus. E Pedro entrou para o lugar onde o conflito deve ser, e disse aos que estavam ali: Paz seja convosco irmãos que verdade pomba. Para quem Simon disse: Não temos nenhuma necessidade de tua paz, pois se a paz ea concórdia foram feitas, não devemos aproveitar para encontrar a verdade, para os ladrões a paz entre eles. E, portanto, não desejam a paz, mas a batalha, pois, quando dois homens e uma luta é superada, então, é a paz. Então, disse Pedro: Por que dreadest tu ouvir falar de paz? Dos pecados crescer batalhas, onde há pecado há paz, em disputa é verdade que se encontra, e em justiça obras. Então, disse Simon: Não é como tu dizes, mas vou mostrar-te o poder de minha dignidade, que Anon tu me adorar, eu sou o primeiro a verdade e pode fugir pelo ar, eu posso fazer novas árvores e transformar pedras em pão , resistir ao fogo, sem ferir, e tudo o que eu quero eu posso fazer. São Pedro disputava também contra todos estes, e divulgados todos os seus malefices. Simão, o Mago, vendo que ele não poderia resistir Pedro, lançar todos os seus livros para o mar, para que São Pedro deve provar que ele estava um mágico, por seus livros, e foi para Roma, onde foi tido e reputado como um deus. E quando Pedro sabia que, ele seguiu e chegou a Roma. O quarto ano de Claudius imperador, Pedro veio a Roma, e ficou lá 25 anos, e ordenou dois bispos como seus ajudantes, Linus e Cletus, um dentro das paredes, e que outros sem. Ele emendou muito a pregação da Palavra de Deus, pela qual ele se converteu muita gente à fé de Cristo, e curou muitos homens doentes, e em sua pregação sempre elogiou e castidade preferido. Ele converteu quatro concubinas de Agripa o reitor, para que eles não mais vir a ele, por isso o reitor procuraram ocasião contra Peter. Após isso, nosso Senhor apareceu a São Pedro, dizendo-lhe: Simão, o Mago e Nero propósito contra ti, medo ti não, porque eu sou contigo, e dará a ti o consolo do meu servo Paulo, que a manhã virá a Roma. Então Pedro, sabendo que ele não deve permanecer muito tempo aqui, reuniu todos os seus irmãos e tomou Clement pela mão e ordenou um bispo, e fê-lo sentar-se em seu próprio assento. Depois disso, como nosso Senhor tinha dito tofore, Paulo chegou a Roma, e com Pedro começou a pregar a fé de Cristo. Simon Magus era muito amada de Nero que ele weened que ele tinha sido o guardião de sua vida, de sua saúde e de toda a cidade. Em um dia, como Leo diz o papa, como ele ficou tofore Nero, de repente, seu rosto mudou, agora velho e agora jovem, que, quando Nero viu, ele supôs que ele tinha sido o filho de Deus. Então, disse Simon Magus para Nero: Porque tu sabe me ser o próprio Filho de Deus, manda a minha cabeça para ser ferido off e eu vou surgir de novo no terceiro dia. Então Nero ordenou a seu irmão para ferir-lhe a cabeça, e quando ele deveria ter decapitado Simon, ele decapitou um carneiro. Simon, por sua mágica arte saiu ileso, reuniram-se os membros do carneiro, e escondeu-o três dias. O sangue do carneiro morada e congelados. O terceiro dia ele veio e mostrou-lhe a Nero, dizendo: Command meu sangue para ser lavada, pois eis que eu sou aquele que foi decapitado, e como eu prometi que subiram ao terceiro dia. Quem Nero vendo, era envergonhado e curvou-se, na verdade, que ele havia sido o filho de Deus. Tudo isso diz Leo. Algum tempo também, quando ele estava com Nero secretamente dentro de seu conclave, o diabo em sua semelhança falou sem ao povo. Em seguida, os romanos tinham ele em tal adoração que eles fizeram para ele uma imagem e escrevi acima, este título: Para Simão, o santo Deus. Peter e Paul entrou para Nero e descobriu todos os encantos e malefices de Simão, o Mago, e Peter adicionado à mesma, visto que, como em Cristo haver duas substâncias que é de Deus e do homem, por isso estão nesta mágico duas substâncias, isto é, do homem e do diabo. Então, disse Simon Magus, como São Marcelle e Leo testemunha, para que eu não sofra mais esse inimigo, vou comandar os meus anjos que hão de vingar-me dele. Para quem Pedro disse: eu temo nada anjos brilho, mas eles me pavor. Nero disse: Dreadest tu não Simon, que por certas coisas affirmeth sua divindade? Para quem Pedro disse: Se a dignidade ou divindade ser nele que ele diga agora o que eu penso ou o que eu faço, o que eu pensei primeiro que dizer para ti, para que ele não deve cortar mentir que eu penso. Para quem Nero disse: Vem cá e dizer o que tu pensas. Então, Pedro foi até ele e disse-lhe secretamente: Comanda um homem para trazer-me um pão de cevada, e entregá-lo para me secretamente. Quando foi levado para ele, ele abençoou-o e escondeu-o sob sua manga, e, em seguida, ele disse: Agora Simon dizer o que penso, e dito e feito. Simão respondeu: Vamos Peter dizer o que penso. Pedro respondeu: O que Simon pensa que eu sei, vou fazê-lo quando ele tem pensamento. Então Simon ter indignação, clamou em alta voz: Eu ordeno que os cães vêm e devorá-lo. E, de repente, apareceu grandes cães e fez um assalto contra Peter. Ele lhes deu o pão que ele tinha abençoado, e de repente ele fez para fugir. Então disse a Pedro para Nero: Lo! Eu mostrei-lhe o que ele achava contra mim, não em palavras, mas em atos, para onde ele prometeu anjos para vir contra mim ele trouxe cães, assim não mostra o que ele tem nenhum anjos mas os cães. Então, disse Simon: Ouvi, Pedro e Paulo, se eu não posso chorar aqui, tiverdes onde me deve convinha para julgá-lo. Vou poupá-lo aqui. HAEC Leo. Simão, o Mago, como Hegésipo e Linus dizer, elate no orgulho avaunted que ele pode levantar os mortos à vida. E happed que havia um jovem morto, em seguida, Nero deixou chamada Pedro e Simão, e tudo deu sentença pela vontade de Simon que ele deve ser morto, que não pode surgir o homem morto à vida. Simon, então, como ele fez os seus encantamentos sobre o corpo morto, ele foi visto mover sua cabeça de que ali estavam, então todos gritaram para a pedra de Pedro. Peter unnethe ficando silêncio, disse: Se o corpo do morto vivo, que se levante, ande e fale, então sabeis que ele é uma fantasia que a cabeça do morto se move. Deixe Simon ser feita a partir do leito. E o corpo permaneceu imóvel. Peter pé longe de fazer sua oração clamou ao cadáver, dizendo: Jovem, levanta-te em nome de Jesu Cristo de Nazaré crucificado, e logo, levantou-se vivo, e andou. Então, quando as pessoas teriam apedrejado Simon Magus, Pedro disse: Ele está com dor suficiente, sabendo-o a ser superado em seu coração; vos o nosso mestre nos ensinou a fazer o bem para o mal. Então disse a Pedro Simon e Paul: Ainda não é con e para você que desejais, para vos não ser digno de ter o martírio, o qual respondeu: Ou seja, que o desejo de ter, para ti nunca mais será assim, por te deitares tudo o que dizes. Então, como diz Marcel: Simon foi até a casa de Marcel e vinculados há um grande cão preto na porta da casa, e disse: Agora vou ver se Peter, que está acostumado a vir para cá, virão, e se ele vir este cão deve estrangulá-lo. E um pouco depois disso, Pedro e Paulo foi para lá, e logo Peter fez o sinal da cruz e não ligado o cão, eo cão era tão manso e manso como um cordeiro, e perseguiu ninguém, mas Simon, e foi até ele e deu e lançá-lo para o chão debaixo dele, e teria estrangulado ele. E, em seguida, correu-lhe Pedro e chorou sobre o cão que ele não deveria fazer-lhe qualquer dano. E logo o cão à esquerda e não tocou em seu corpo, mas tudo Torent e tara seu vestido de tal modo que ele estava quase nu. Então, todas as pessoas, especialmente as crianças, correu com o cão em cima dele e caçado e perseguido para fora da cidade, ele tinha sido um lobo. Então, para a repreensão e pena que ele não se atreveu a vir para a cidade de todos um ano inteiro depois. Então Marcel, que foi discípulo de Simão, o Mago, vendo esses grandes milagres, chegou a Pedro, e foi a partir de então forthon seu discípulo. E depois, no final do ano, Simon voltou e foi recebido novamente na amizade de Nero. E então, como diz Leo, este Simão, o Mago reuniu o povo e mostrou-lhes como tinha sido irritou dos galileus, e, portanto, ele disse que iria deixar a cidade que ele estava acostumado a defender e manter, e estabeleceu um dia em que ele iria subir ao céu, pois ele não mais se dignou habitar na terra. Em seguida, no dia em que ele tinha estabelecido, como, como tinha dito, ele foi até uma torre alta, que estava no Capitólio, e há de ser coroada de louros, atirou-se para fora de lugar para lugar, e começou a voar no ar. Então disse São Paulo a São Pedro: É caberá a mim para orar, ea ti, para comandar. Então, disse Nero: Este homem é o próprio Deus, e vós estareis dois traidores. Então disse São Pedro a São Paulo: Paul, irmão, levante a cabeça brilho e ver como Simon flyeth. Então disse São Paulo a São Pedro quando o viu voar tão alto: Peter, por que te demoras? executar que tens começado, Deus agora nos chamaram. Então, disse Pedro: I cobrar e conjuro anjos de Sathanas, que carregam-lo no ar, com o nome de nosso Senhor Jesu Cristo, que deis ne sustentá-lo mais, mas deixá-lo cair por terra. E logo eles deixá-lo cair no chão e quebrou-lhe o pescoço e cabeça, e ele morreu ali imediatamente. E quando Nero ouviu dizer que Simon estava morto, e que ele tinha perdido um homem, ele estava triste, e disse aos apóstolos: Ye ter feito isso, a despeito de mim e, portanto, eu vou destruí-lo por mau exemplo certo. HAEC Leo. Em seguida, ele os entregou ao Paulin, que era um homem muito nobre, e Paulin entregou a Mamertin sob a guarda de dois cavaleiros, Processadas e Martinian, a quem São Pedro convertidos à fé. E, em seguida, abriu a prisão e deixá-los todos para fora que iria, portanto, após a paixão dos apóstolos, Paulin, quando ele sabia que eles eram cristãos, ambos decapitados Processe e Martinian. Os irmãos, então, quando a prisão foi aberta , orou Pedro para ir lá, e ele não o faria, mas no fim, ele está sendo superada por suas orações foram embora. E quando chegou ao portão, como, Leo testifica, que é chamado Sancta Maria ad passus, ele conheceu Jesu Cristo que vem contra ele, e disse-lhe Pedro: Senhor, para onde vais? E ele lhe disse: Eu vou a Roma para ser crucificado novamente, e Peter perguntou-lhe: Senhor, tu deverás ser crucificado novamente, e ele disse: Sim, e Pedro disse então: Senhor, vou voltar novamente depois de ser crucificado contigo. Dito isto, nosso Senhor subiu ao céu, Peter contemplando ele, que chorou muito. E quando Pedro entendeu que o Senhor tinha dito a ele de sua paixão, ele voltou, e quando ele chegou a seus irmãos, disse-lhes o que o Senhor tinha dito. E logo ele foi levado dos ministros do Nero e foi entregue ao reitor Agripa, então era o rosto dele tão clara como o sol, como se diz. Então Agripa disse-lhe: Tu és aquele que glorifiest nas pessoas, e nas mulheres, que te apartando-se da cama de seus maridos. Quem o apóstolo culpado, e disse-lhe que ele glorificado na cruz de nosso Senhor Jesu Cristo. Então, Pedro foi ordenado para ser crucificado como um estranho, e por que Paulo era um cidadão de Roma, foi ordenado que sua cabeça deve ser golpeado fora. E desta sentença proferida contra eles, São Dionísio, em uma epístola a Timóteo diz assim: O meu irmão Timóteo, se tu viu a agonia do fim delas deves ter falhado de tristeza e pesar. Quem não deve chorar naquela hora quando o mandamento da sentença foi dada contra eles, que Peter deve ser crucificado e Paul ser decapitado? Tu deves então ter visto os turbes ot judeus e dos paynims que os feriu e cuspir em seus rostos. E quando o tempo horrível veio de seu fim de que eles se retirado aquele daquela outra, amarraram os pilares do mundo, mas que não foi sem choro e choro dos irmãos. Então disse São Paulo a São Pedro: Paz seja contigo que foundement arte da igreja e pastor das ovelhas e cordeiros de nosso Senhor. Pedro, então, disse a Paul: Vai tu em paz, pregador de boas maneiras, mediador, líder, e consolo de legítimos pessoas. E quando eles foram retirados longe de outro eu segui meu mestre. Eles não estavam ambos mortos em uma rua. Este diz São Dionísio, e como Leo do papa e Marcel testemunha, quando Peter chegou à cruz, ele disse: Quando o meu Senhor, descendo do céu para a terra, ele foi colocado no lado direito cruz, mas me quem lhe agrada para chamar da terra para o céu, a minha cruz deve mostrar a minha cabeça para a terra e resolver os meus pés para o céu, porque eu não sou digno de ser posto na cruz como o meu Senhor estava, portanto, transformar a minha cruz e crucificar-me a minha cabeça para baixo. Em seguida, eles voltaram a cruz, e prendeu os pés para cima ea cabeça para baixo. Em seguida, as pessoas estavam com raiva contra Nero eo reitor, e teria matado eles, porque eles fizeram São Pedro para morrer, mas ele exigiu-lhes que eles não devem deixar sua paixão, e como Leo witnesseth, nosso Senhor abriu os olhos dos que estavam lá, e chorou de modo que, eles viram os anjos com coroas de rosas e lírios que estão por Peter que estava na cruz com os anjos. E, em seguida, Peter recebeu um livro de nosso Senhor, onde ele aprendeu as palavras que ele disse. Então, como diz Hegesippus: Pedro disse assim: Senhor, eu tenho desejado muito para seguir-te, mas para ser crucificado em pé eu não usurpou, tu és sempre justo, alto e soberano, e nós sermos filhos do primeiro homem que tem a cabeça inclinada em relação à terra, sendo que a queda significa a forma da geração humana. Também nascer que ser visto inclinado para a terra por efeito, ea condição é alterada para o weeneth mundo que tal coisa é boa, o que é mau e ruim. Senhor, tu és tudo para mim, e nada é para mim, mas tu só, eu me rendo a ti thankings com todo o espírito do que eu vivo, por que eu entendo, e por quem eu chamo-te. E quando São Pedro viu que os homens bons cristãos viram a sua glória, em ceder thankings a Deus e elogiando pessoas boas para ele, prestou o espírito. Em seguida, Marcel e Apuleio, seu irmão, que eram seus discípulos, tirou o corpo da cruz, quando ele estava morto, e ungiu-o com muito ungüento, eo sepultaram honrosamente. Diz Isidoro no livro da Natividade e da morte dos santos assim: Pedro, depois que ele havia governado Antioquia, ele fundou uma igreja sob o imperador Cláudio, ele foi para Roma contra Simon Magus, lá ele pregou o evangelho 25 anos e ocupou o bispado, e trinta e seis anos após a paixão de Nosso Senhor Jesus foi crucificado por Nero virou a cabeça para baixo, pois ele seria tão crucificado: HAEC Isidorus. Naquele mesmo dia, Peter e Paul apareceu a São Dionísio, como ele diz em sua epístola foresaid com estas palavras: Entenda o milagre e ver o prodígio, meu irmão Timóteo, do dia do martírio ot-los, pois eu estava pronto no tempo da partida deles. Depois de sua morte, eu os vi juntos, de mãos dadas, entrando nas portas da cidade, e vestida com roupas de luz, e vestida com coroas de clareza e luz. HAEC Dionísio. Nero não foi punido por sua morte e outros grandes pecados e tiranias que ele cometeu, pois ele matou com as próprias mãos, o que tiranias eram demasiado longa para contar, mas logo vou ensaiar aqui alguns. Ele matou seu mestre Seneca porque ele tinha medo dele quando ele foi para a escola. Também Nero matou sua mãe e cortou a barriga para ver o lugar onde ele estava dentro Os médicos e mestres culpa dele, e disse que o filho não deve matar sua mãe, que tinha dado a ele com tristeza e dor. Então disse ele: Faze-me com a criança, e depois de dar à luz, para que eu possa saber o que minha mãe sofreu dor. Que, por ofício, deram a ele um jovem sapo para beber, e cresceu em sua barriga, e então ele disse: Mas se fazeis me para ser entregue Vou matar todos vocês, e por isso deram-lhe como uma bebida que ele tinha um vomitar e expulsou o sapo, e lhe deu na mão que, por causa que ele não se firmou seu tempo era disforme, que ainda que ele fez para ser mantido. Então, para seu prazer pôs Roma em chamas, que queimaram sete dias e sete pontos turísticos, e estava em uma torre alta e gostava de o ver tão grande chama de fogo, e cantavam alegremente. Ele matou os senadores de Roma para ver o que tristeza e lamentação suas esposas faria. Ele casou um homem para sua esposa. Ele pescou com redes de fio de ouro, ea roupa que ele usava um dia ele nunca iria usá-lo ne vê-lo depois. Em seguida, os romanos vendo seu woodness, assaltaram e perseguiram-no até fora da cidade, e quando viu que ele não poderia escapar deles, tomou uma estaca e afiadas com os dentes, e com isso preso a si mesmo através do corpo e por isso se matou. Em outro lugar, lê-se que ele foi devorado por lobos. Em seguida, os romanos voltaram e encontraram o sapo e atirou-o para fora da cidade e não queimou. No tempo de São Cornélio, o papa, os gregos roubaram os corpos dos apóstolos Pedro e Paulo, mas os demônios que estavam nas ídolos foram constrangidos pela virtude divina de Deus, e clamando, disse: Varões de Roma, socorrer às pressas seus deuses que ser roubado de você, por que coisa que os bons cristãos entenderam que eles eram os corpos de Pedro e Paulo. E os paynims supunha que tinha sido seus deuses. Em seguida, reuniu grande número de homens e de cristãos paynims também, e perseguiu desde os gregos que duvidava de ter sido morto, e jogou os corpos em um poço nas catacumbas, mas depois eles foram atraídos por homens cristãos. Diz São Gregório que a grande força de um trovão e raio que veio do céu fez com tanto medo que eles partiram cada um dos outros, e assim deixaram os corpos dos apóstolos nas catacumbas em um poço, mas duvidava que os ossos eram Pedro e que Paulo: Por que os homens bons cristãos colocá-los para orações e jejuns, e foi Respondeu-lhes do céu que os grandes ossos desejava o pregador, e menos para o pescador, e assim se retirado, e os ossos foram colocados na igreja dele que era de dedicar. E outros dizem que Silvester o papa iria santificar as igrejas e tomou todos os ossos juntos, e partiu-os pelo peso, grandes e pequenos, e que ponha metade em uma igreja, e que a outra metade no outro. E São Gregório recounteth em seus diálogos que, na igreja de São Pedro, onde os ossos de descanso, era um homem de grande santidade e de mansidão chamado Genciana, e veio uma empregada para a igreja que era aleijado, e chamou o seu corpo e as pernas atrás dela com as mãos, e quando ela tinha muito tempo exigido e orou São Pedro para a saúde, ele apareceu-lhe numa visão, e disse-lhe: Vai para Genciana, meu servo, e ele deve restaurar a tua saúde. Então ela começou a arrastar-se aqui e ali, por meio da igreja, e perguntou quem era Genciana, e de repente ele happed que ele veio para ela que ele procurou, e ela disse-lhe: O santo apóstolo São Pedro, me enviou a ti, para que tu deverias fazer me todo e livra-me de minha doença, e ele respondeu: Se tu és enviado para me dele, levanta-te tu Anon e ir em teus pés. E tomou-a pela mão e logo ela estava inteira, de tal modo que ela não sentiu nada de sua dor, nem doença, e então ela agradeceu a Deus e São Pedro. E no mesmo livro diz São Gregório, quando que um santo sacerdote era chegar ao fim de sua vida, ele começou a chorar em grande alegria: Vós sois bem-vindos, meus senhores, vós bem-vinda para que vos vouchsafe vir para tão pequeno e pobre servo, e ele disse: Eu virei e obrigado. Então, os que ali estavam exigiu que eles eram de que ele falou, e ele disse-lhes perguntando: Não tendes visto o Santos Apóstolos Pedro e Paulo e como ele chorou de novo, a sua alma bendita partiu da carne. Alguns têm dúvida se Peter e Paul sofreu a morte em um dia, para alguns dizem que foi o mesmo dia, mas um ano após o outro. E Jerome e todos os santos que tratam deste assunto acordo que estava em um dia e um ano, e assim é contido em uma epístola de Denis e Leo diz o papa o mesmo em um sermão, dizendo: Nós supomos, mas que ele não foi feito sem justa causa que sofreu em um dia e em um só lugar a sentença do tirano, e sofreu a morte de uma só vez, a fim de que eles devem ir juntos para Jesu Cristo, e ambos sob um perseguidor até o fim que a crueldade igual deve forçar aquele e aquele outro. O dia para o seu mérito, o lugar para a sua glória, ea perseguição superado pela virtude. HAEC Leo. Apesar de terem sofrido tanto a morte em um dia e em uma hora, mas ele não estava em um lugar, mas em diversas dentro de Roma, e disse deste instrumento um versejador desta maneira: Ense coronatus Paulus, cruce Petrus, eodem-Sub duce, luce, loco, dux Nero, Roma lugar. Ou seja, Paulo coroado com a espada, e Pedro teve a cruz invertida, o lugar era a cidade de Roma. E contudo o que sofreu a morte em um dia, mas São Gregório ordenou que naquele dia especial deve ser a solenidade de São Pedro, e no próximo dia de comemoração de São Paulo, para a igreja de São Pedro foi consagrado nesse mesmo dia, e também porquanto como ele era mais digna, e pela primeira vez na conversão, e manteve o principado em Roma. E depois que ele é lido em Historia Ecclesiastica que, quando a esposa de São Pedro foi levado a sua paixão, ele tinha grande alegria e chamou pelo seu nome próprio, e disse-lhe:. Minha esposa, lembre-te de nosso Senhor Em um tempo quando São Pedro mandou dois dos seus discípulos para pregar a fé ot Jesu Cristo, e quando eles tinham ido jornada 20 dias “, um deles morreu, e aquele outro em seguida, retornou a São Pedro e disse-lhe o que tinha acontecido, alguns dizem que era São Marcial que assim morreu, e alguns dizem que foi São Maternus, e outros dizem que foi São Frank. Então São Pedro deu a ele sua equipe e ordenou que ele deve retornar ao seu companheiro, e colocá-lo em cima dele, que ele assim o fez, então ele que tinha sido 40 dias morto, Anon surgiu todos os viventes. Dessa vez Simon o feiticeiro estava em Jerusalém, e ele disse que era a primeira verdade, e afirmou que quem que iria acreditar nele, ele iria fazê-los perpétua. E ele também disse que nada lhe era impossível. Ele é lido no livro de S Clemente que ele disse que deve ser adorado de todos os homens como Deus, e que ele poderia fazer tudo o que ele faria. E disse ainda mais: Quando minha mãe Rachel me mandou que eu deveria ir colher milho no campo, e viu a foice pronto para colher, com, ordenei a foice para colher por si só, e colheram dez vezes mais do que qualquer outro . E ainda acrescentou mais presente regulamento, depois de Jerome, e disse: Eu sou a Palavra de Deus, eu sou o Espírito Santo, eu sou Todo-Poderoso, eu sou tudo o que é de Deus. Ele fez as serpentes de bronze para se mover, e fez as imagens de ferro e de pedra de rir, e cães para cantar e, como diz Santo Linus, ele iria disputar com São Pedro e show, num dia designado, que ele era Deus. E Pedro entrou para o lugar onde o conflito deve ser, e disse aos que estavam ali: Paz seja convosco irmãos que verdade pomba. Para quem Simon disse: Não temos nenhuma necessidade de tua paz, pois se a paz ea concórdia foram feitas, não devemos aproveitar para encontrar a verdade, para os ladrões a paz entre eles. E, portanto, não desejam a paz, mas a batalha, pois, quando dois homens e uma luta é superada, então, é a paz. Então, disse Pedro: Por que dreadest tu ouvir falar de paz? Dos pecados crescer batalhas, onde há pecado há paz, em disputa é verdade que se encontra, e em justiça obras. Então, disse Simon: Não é como tu dizes, mas vou mostrar-te o poder de minha dignidade, que Anon tu me adorar, eu sou o primeiro a verdade e pode fugir pelo ar, eu posso fazer novas árvores e transformar pedras em pão , resistir ao fogo, sem ferir, e tudo o que eu quero eu posso fazer. São Pedro disputava também contra todos estes, e divulgados todos os seus malefices. Simão, o Mago, vendo que ele não poderia resistir Pedro, lançar todos os seus livros para o mar, para que São Pedro deve provar que ele estava um mágico, por seus livros, e foi para Roma, onde foi tido e reputado como um deus. E quando Pedro sabia que, ele seguiu e chegou a Roma. O quarto ano de Claudius imperador, Pedro veio a Roma, e ficou lá 25 anos, e ordenou dois bispos como seus ajudantes, Linus e Cletus, um dentro das paredes, e que outros sem. Ele emendou muito a pregação da Palavra de Deus, pela qual ele se converteu muita gente à fé de Cristo, e curou muitos homens doentes, e em sua pregação sempre elogiou e castidade preferido. Ele converteu quatro concubinas de Agripa o reitor, para que eles não mais vir a ele, por isso o reitor procuraram ocasião contra Peter. Após isso, nosso Senhor apareceu a São Pedro, dizendo-lhe: Simão, o Mago e Nero propósito contra ti, medo ti não, porque eu sou contigo, e dará a ti o consolo do meu servo Paulo, que a manhã virá a Roma. Então Pedro, sabendo que ele não deve permanecer muito tempo aqui, reuniu todos os seus irmãos e tomou Clement pela mão e ordenou um bispo, e fê-lo sentar-se em seu próprio assento. Depois disso, como nosso Senhor tinha dito tofore, Paulo chegou a Roma, e com Pedro começou a pregar a fé de Cristo. Simon Magus era muito amada de Nero que ele weened que ele tinha sido o guardião de sua vida, de sua saúde e de toda a cidade. Em um dia, como Leo diz o papa, como ele ficou tofore Nero, de repente, seu rosto mudou, agora velho e agora jovem, que, quando Nero viu, ele supôs que ele tinha sido o filho de Deus. Então, disse Simon Magus para Nero: Porque tu sabe me ser o próprio Filho de Deus, manda a minha cabeça para ser ferido off e eu vou surgir de novo no terceiro dia. Então Nero ordenou a seu irmão para ferir-lhe a cabeça, e quando ele deveria ter decapitado Simon, ele decapitou um carneiro. Simon, por sua mágica arte saiu ileso, reuniram-se os membros do carneiro, e escondeu-o três dias. O sangue do carneiro morada e congelados. O terceiro dia ele veio e mostrou-lhe a Nero, dizendo: Command meu sangue para ser lavada, pois eis que eu sou aquele que foi decapitado, e como eu prometi que subiram ao terceiro dia. Quem Nero vendo, era envergonhado e curvou-se, na verdade, que ele havia sido o filho de Deus. Tudo isso diz Leo. Algum tempo também, quando ele estava com Nero secretamente dentro de seu conclave, o diabo em sua semelhança falou sem ao povo. Em seguida, os romanos tinham ele em tal adoração que eles fizeram para ele uma imagem e escrevi acima, este título: Para Simão, o santo Deus. Peter e Paul entrou para Nero e descobriu todos os encantos e malefices de Simão, o Mago, e Peter adicionado à mesma, visto que, como em Cristo haver duas substâncias que é de Deus e do homem, por isso estão nesta mágico duas substâncias, isto é, do homem e do diabo. Então, disse Simon Magus, como São Marcelle e Leo testemunha, para que eu não sofra mais esse inimigo, vou comandar os meus anjos que hão de vingar-me dele. Para quem Pedro disse: eu temo nada anjos brilho, mas eles me pavor. Nero disse: Dreadest tu não Simon, que por certas coisas affirmeth sua divindade? Para quem Pedro disse: Se a dignidade ou divindade ser nele que ele diga agora o que eu penso ou o que eu faço, o que eu pensei primeiro que dizer para ti, para que ele não deve cortar mentir que eu penso. Para quem Nero disse: Vem cá e dizer o que tu pensas. Então, Pedro foi até ele e disse-lhe secretamente: Comanda um homem para trazer-me um pão de cevada, e entregá-lo para me secretamente. Quando foi levado para ele, ele abençoou-o e escondeu-o sob sua manga, e, em seguida, ele disse: Agora Simon dizer o que penso, e dito e feito. Simão respondeu: Vamos Peter dizer o que penso. Pedro respondeu: O que Simon pensa que eu sei, vou fazê-lo quando ele tem pensamento. Então Simon ter indignação, clamou em alta voz: Eu ordeno que os cães vêm e devorá-lo. E, de repente, apareceu grandes cães e fez um assalto contra Peter. Ele lhes deu o pão que ele tinha abençoado, e de repente ele fez para fugir. Então disse a Pedro para Nero: Lo! Eu mostrei-lhe o que ele achava contra mim, não em palavras, mas em atos, para onde ele prometeu anjos para vir contra mim ele trouxe cães, assim não mostra o que ele tem nenhum anjos mas os cães. Então, disse Simon: Ouvi, Pedro e Paulo, se eu não posso chorar aqui, tiverdes onde me deve convinha para julgá-lo. Vou poupá-lo aqui. HAEC Leo. Simão, o Mago, como Hegésipo e Linus dizer, elate no orgulho avaunted que ele pode levantar os mortos à vida. E happed que havia um jovem morto, em seguida, Nero deixou chamada Pedro e Simão, e tudo deu sentença pela vontade de Simon que ele deve ser morto, que não pode surgir o homem morto à vida. Simon, então, como ele fez os seus encantamentos sobre o corpo morto, ele foi visto mover sua cabeça de que ali estavam, então todos gritaram para a pedra de Pedro. Peter unnethe ficando silêncio, disse: Se o corpo do morto vivo, que se levante, ande e fale, então sabeis que ele é uma fantasia que a cabeça do morto se move. Deixe Simon ser feita a partir do leito. E o corpo permaneceu imóvel. Peter pé longe de fazer sua oração clamou ao cadáver, dizendo: Jovem, levanta-te em nome de Jesu Cristo de Nazaré crucificado, e logo, levantou-se vivo, e andou. Então, quando as pessoas teriam apedrejado Simon Magus, Pedro disse: Ele está com dor suficiente, sabendo-o a ser superado em seu coração; vos o nosso mestre nos ensinou a fazer o bem para o mal. Então disse a Pedro Simon e Paul: Ainda não é con e para você que desejais, para vos não ser digno de ter o martírio, o qual respondeu: Ou seja, que o desejo de ter, para ti nunca mais será assim, por te deitares tudo o que dizes. Então, como diz Marcel: Simon foi até a casa de Marcel e vinculados há um grande cão preto na porta da casa, e disse: Agora vou ver se Peter, que está acostumado a vir para cá, virão, e se ele vir este cão deve estrangulá-lo. E um pouco depois disso, Pedro e Paulo foi para lá, e logo Peter fez o sinal da cruz e não ligado o cão, eo cão era tão manso e manso como um cordeiro, e perseguiu ninguém, mas Simon, e foi até ele e deu e lançá-lo para o chão debaixo dele, e teria estrangulado ele. E, em seguida, correu-lhe Pedro e chorou sobre o cão que ele não deveria fazer-lhe qualquer dano. E logo o cão à esquerda e não tocou em seu corpo, mas tudo Torent e tara seu vestido de tal modo que ele estava quase nu. Então, todas as pessoas, especialmente as crianças, correu com o cão em cima dele e caçado e perseguido para fora da cidade, ele tinha sido um lobo. Então, para a repreensão e pena que ele não se atreveu a vir para a cidade de todos um ano inteiro depois. Então Marcel, que foi discípulo de Simão, o Mago, vendo esses grandes milagres, chegou a Pedro, e foi a partir de então forthon seu discípulo. E depois, no final do ano, Simon voltou e foi recebido novamente na amizade de Nero. E então, como diz Leo, este Simão, o Mago reuniu o povo e mostrou-lhes como tinha sido irritou dos galileus, e, portanto, ele disse que iria deixar a cidade que ele estava acostumado a defender e manter, e estabeleceu um dia em que ele iria subir ao céu, pois ele não mais se dignou habitar na terra. Em seguida, no dia em que ele tinha estabelecido, como, como tinha dito, ele foi até uma torre alta, que estava no Capitólio, e há de ser coroada de louros, atirou-se para fora de lugar para lugar, e começou a voar no ar. Então disse São Paulo a São Pedro: É caberá a mim para orar, ea ti, para comandar. Então, disse Nero: Este homem é o próprio Deus, e vós estareis dois traidores. Então disse São Pedro a São Paulo: Paul, irmão, levante a cabeça brilho e ver como Simon flyeth. Então disse São Paulo a São Pedro quando o viu voar tão alto: Peter, por que te demoras? executar que tens começado, Deus agora nos chamaram. Então, disse Pedro: I cobrar e conjuro anjos de Sathanas, que carregam-lo no ar, com o nome de nosso Senhor Jesu Cristo, que deis ne sustentá-lo mais, mas deixá-lo cair por terra. E logo eles deixá-lo cair no chão e quebrou-lhe o pescoço e cabeça, e ele morreu ali imediatamente. E quando Nero ouviu dizer que Simon estava morto, e que ele tinha perdido um homem, ele estava triste, e disse aos apóstolos: Ye ter feito isso, a despeito de mim e, portanto, eu vou destruí-lo por mau exemplo certo. HAEC Leo. Em seguida, ele os entregou ao Paulin, que era um homem muito nobre, e Paulin entregou a Mamertin sob a guarda de dois cavaleiros, Processadas e Martinian, a quem São Pedro convertidos à fé. E, em seguida, abriu a prisão e deixá-los todos para fora que iria, portanto, após a paixão dos apóstolos, Paulin, quando ele sabia que eles eram cristãos, ambos decapitados Processe e Martinian. Os irmãos, então, quando a prisão foi aberta , orou Pedro para ir lá, e ele não o faria, mas no fim, ele está sendo superada por suas orações foram embora. E quando chegou ao portão, como, Leo testifica, que é chamado Sancta Maria ad passus, ele conheceu Jesu Cristo que vem contra ele, e disse-lhe Pedro: Senhor, para onde vais? E ele lhe disse: Eu vou a Roma para ser crucificado novamente, e Peter perguntou-lhe: Senhor, tu deverás ser crucificado novamente, e ele disse: Sim, e Pedro disse então: Senhor, vou voltar novamente depois de ser crucificado contigo. Dito isto, nosso Senhor subiu ao céu, Peter contemplando ele, que chorou muito. E quando Pedro entendeu que o Senhor tinha dito a ele de sua paixão, ele voltou, e quando ele chegou a seus irmãos, disse-lhes o que o Senhor tinha dito. E logo ele foi levado dos ministros do Nero e foi entregue ao reitor Agripa, então era o rosto dele tão clara como o sol, como se diz. Então Agripa disse-lhe: Tu és aquele que glorifiest nas pessoas, e nas mulheres, que te apartando-se da cama de seus maridos. Quem o apóstolo culpado, e disse-lhe que ele glorificado na cruz de nosso Senhor Jesu Cristo. Então, Pedro foi ordenado para ser crucificado como um estranho, e por que Paulo era um cidadão de Roma, foi ordenado que sua cabeça deve ser golpeado fora. E desta sentença proferida contra eles, São Dionísio, em uma epístola a Timóteo diz assim: O meu irmão Timóteo, se tu viu a agonia do fim delas deves ter falhado de tristeza e pesar. Quem não deve chorar naquela hora quando o mandamento da sentença foi dada contra eles, que Peter deve ser crucificado e Paul ser decapitado? Tu deves então ter visto os turbes ot judeus e dos paynims que os feriu e cuspir em seus rostos. E quando o tempo horrível veio de seu fim de que eles se retirado aquele daquela outra, amarraram os pilares do mundo, mas que não foi sem choro e choro dos irmãos. Então disse São Paulo a São Pedro: Paz seja contigo que foundement arte da igreja e pastor das ovelhas e cordeiros de nosso Senhor. Pedro, então, disse a Paul: Vai tu em paz, pregador de boas maneiras, mediador, líder, e consolo de legítimos pessoas. E quando eles foram retirados longe de outro eu segui meu mestre. Eles não estavam ambos mortos em uma rua. Este diz São Dionísio, e como Leo do papa e Marcel testemunha, quando Peter chegou à cruz, ele disse: Quando o meu Senhor, descendo do céu para a terra, ele foi colocado no lado direito cruz, mas me quem lhe agrada para chamar da terra para o céu, a minha cruz deve mostrar a minha cabeça para a terra e resolver os meus pés para o céu, porque eu não sou digno de ser posto na cruz como o meu Senhor estava, portanto, transformar a minha cruz e crucificar-me a minha cabeça para baixo. Em seguida, eles voltaram a cruz, e prendeu os pés para cima ea cabeça para baixo. Em seguida, as pessoas estavam com raiva contra Nero eo reitor, e teria matado eles, porque eles fizeram São Pedro para morrer, mas ele exigiu-lhes que eles não devem deixar sua paixão, e como Leo witnesseth, nosso Senhor abriu os olhos dos que estavam lá, e chorou de modo que, eles viram os anjos com coroas de rosas e lírios que estão por Peter que estava na cruz com os anjos. E, em seguida, Peter recebeu um livro de nosso Senhor, onde ele aprendeu as palavras que ele disse. Então, como diz Hegesippus: Pedro disse assim: Senhor, eu tenho desejado muito para seguir-te, mas para ser crucificado em pé eu não usurpou, tu és sempre justo, alto e soberano, e nós sermos filhos do primeiro homem que tem a cabeça inclinada em relação à terra, sendo que a queda significa a

  5. BRUNO COLECIONADOR DE FABULAS OLHA ESSA AQUI É…

    A verdade sobre Galileu e a Igreja Católica

    Julgamento de Galileu
    Durante os séculos a Igreja Católica tem sido alvo de controvérsias que envolvem desde o seus ensinamentos doutrinários e teológicos, até suas práticas e tradições. De um modo muito especifico, constatamos também o desafeto daqueles que, em nome da ciência e da razão, afirmam que a Igreja seja um obstáculo ao progresso científico.
    Tais “defensores” da razão seguramente não teriam essa opinião se conhecem o apoio incondicional da Igreja para o exercício da verdadeira ciência. Durante séculos, pensadores católicos, como Agostinho e Tomás de Aquino têm argumentado que a nossa capacidade de raciocinar e de se envolver em investigação empírica é um dom de nosso Criador. Ha alguns anos atrás, o Papa João Paulo II publicou uma encíclica Fides at Ratio (Fé e Razão), na qual ele reafirmou esta longa tradição. O então Papa, o Bem-aventurado João Paulo II deu muitas palestras para grupos de cientistas elogiando seu trabalho como um cumprimento de boa humano.
    Em vista dessas afirmações, o objetor da Igreja poderia perguntar: Se isso fosse verdade, por que a Igreja condenaria Galileu?
    Infelizmente, muitos mal-entendidos têm ocorrido em torno de Galileu, por isso é difícil para algumas pessoas distinguirem entre a realidade histórica e mito criado mais tarde como consequência da controvérsia. Para entender o encontro de Galileu com a Igreja, devemos distinguir entre dois eventos distintos históricos e nos esforçarmos para entendê-las do ponto de vista dos participantes da época, não a partir de nossa perspectiva atual-dia.
    O primeiro evento é a sua condenação de 05 de março de 1616, pela Congregação do Índice. Galileu precipitou essa condenação, mas nenhuma de suas obras foram mencionadas no texto em si. O documento condenava a crença no movimento da Terra como contrária à razão e às Escrituras. Concumitantemente, foi proibido o livro de Copérnico Sobre as Revoluções das Esferas Celestes, “até ser corrigido” e completamente condenava vários outros livros de teólogos que defenderam que o movimento da Terra não era contrário à Sagrada Escritura. Galileu havia escrito uma carta semelhante em 1615 no início argumentando que a Sagrada Escritura não ensina nada sobre o movimento da Terra, seja positiva ou negativamente.
    Nesse contexto, Robert cardeal Bellarmino, ele próprio um cientista jesuíta bem-sucedido, informou Galileu em 06 de marco de 1616, da decisão da Congregação de proibir o sistema de Copérnico ou heliocêntrica. Nós não temos nenhum documento confiável dessa conversa, mas é bastante aceito que o cardeal disse a Galileo que ele poderia discutir o sistema de Copérnico como uma hipótese científica, oferecendo argumentos astronômicos e físicos a favor e contra, mas que ele não deveria defender a teoria como uma lei. Qualquer cientista conhece esta distinção comum. Você pode e deve discutir as teorias que são questionáveis, mas isso é diferente de defender uma teoria. Galileu concordou em seguir a liminar da Congregação. Ele continuou a trabalhar em argumentos a favor e contra a teoria, mas ele não defendia que, apesar de ele ainda acreditar que era verdade, que bons argumentos a favor estariam por vir.
    Sendo assim, Galileu voluntariamente obedeceu a liminar de não ensinar/defender a teoria do Universo heliocêntrico, o que o possibilitou continuar suas investigações científicas. Mas alguns acontecimentos posteriores levaram ao seu segundo encontro com a Igreja no julgamento de 1633.
    Antes de fazer um julgamento negativo, devemos pelo menos entender o que levou a este segundo julgamento. Como Galileu desenvolveu argumentos para o sistema heliocêntrico após a condenação pela Congregação do Índice em 1616, ele sentiu-se muito encorajado quando um velho amigo seu foi eleito para a cadeira de Pedro em 1623, Maffeo Barbarini.
    Maffeo Barbarini ocupou o trono papal 06 de agosto de 1623, como Urbano VIII. O novo papa convidou Galileo para visitá-lo, e os dois conversavam enquanto caminhavam nos jardins pontifícios. Alegadamente, Urbano VIII disse a Galieu que a decisão de 1616 fora infeliz, mas que ela não poderia ser revogada ou, pelo menos, que não era prudente fazê-lo. O Papa Urbano VIII incentivou Galileu a escrever um novo livro sobre o sistema heliocêntrico, mas o avisou para ter cuidado para não defender a teoria nova, mas somente oferecer argumentos contra e a favor.
    Nos próximos sete ou oito anos Galileu escreveu o famoso diálogo sobre os dois máximos sistemas do grande mundo, que foi publicado em 1632. O censor de Florença, onde Galileu viveu, aprovou o livro, mas ele foi condenado por certos clérigos. É ai onde a histórica se divide. Alguns pensaram que Galileu não estava defendendo a teoria de Copérnico, enquanto outros achavam que o livro claramente o fazia. Em essência, a questão no julgamento de 1633 foi se Galileu tinha de fato desobedecido a liminar de 1616 ou não. Galileu manteve em seu julgamento que ele não defendia a teoria do Diálogo. Os leitores oficiais do livro concluíram de forma diferente.
    No final, Galileu foi considerado culpado por desobedecer a ordem anterior. Assim, a sua abjuração, em 22 de junho de 1633, foi motivada por sua crença de que ele deve submeter ao juízo da Igreja, porque ele sempre disse de si mesmo que ele era um filho fiel da Igreja. Ele foi colocado sob prisão domiciliar em sua casa de campo em Arcetri, do outro lado do rio a partir de Florença, para o resto de sua vida como sua penitência. Ele morreu em 1642 aos 78 anos de idade. Mas ele não foi prejudicado em seu trabalho, haja visto que nesse período ele publicou sua maior obra científica em 1638, O Discurso sobre as Duas Novas Ciências.
    Mas ainda resta a pergunta: Então Galileu não foi proibido de continuar seu trabalho científico. Mas o fato é que a Igreja condenou uma teoria científica comprovada, invocando a Bíblia.
    É preciso lembrar que ninguém- nem mesmo Galileu, como ele reconheceu – tinha a prova para o movimento da Terra em 1632. Evidência viria mais tarde, mas essa evidência não estava disponível para os juízes em 1633. A primeira confirmação experimental de paralaxe estelar, por exemplo, não veio até o século XIX com as observações de Friedrich Wilhelm Bessel. Assim, a crença de que a Terra era imóvel não era um absurdo no século XVII.
    Objector: Mesmo se não houvesse prova firme para o sistema heliocêntrico e, assim, para o movimento da Terra, a Igreja ainda usou a Bíblia para condenar uma teoria estritamente científica. Isso é falso.
    Por isso mesmo, precisamos nos concentrar para pensar contexto-historicamente. A maioria das pessoas hoje não usaria a Bíblia para resolver uma controvérsia científica, mas isso não era o caso no século XVII. Muitos pensadores daquela época acreditavam que a Bíblia ensinava que a terra não se movia. Por exemplo, o grande observacional astrônomo Tycho Brahe, ele mesmo luterano, pensava dessa forma. Ele acreditava que isso estava de acordo com a física do movimento, como era então entendida. Lembremo-nos, simplesmente não havia evidências convincentes de movimento da Terra naquela época. Para as pessoas naquela época, se a física e a Bíblia pareciam concordar, isso constituíam fortes razões para rejeitar uma teoria científica como a do movimento da Terra.
    A Igreja reconhece que a decisão foi equivocada, mas que o reconhecimento ocorreu muito antes de João Paulo II fazer o pedido formal de desculpas em 1992. Livro de Copérnico e, portanto, o sistema heliocêntrico foi retirado do Índice de Livros Proibidos no século XVIII. A Igreja, muito antes das duas últimas décadas, aceitou a abordagem de Galileu para a reconciliação da ciência e da Escritura como bem fundamentada. Por exemplo, o Papa Léo XIII publicou uma encíclica Providentissimus Deus (18 de novembro de 1893), na qual, basicamente, aprovou a abordagem de Galileu para a conciliação de conflitos aparentes entre a fé e a ciência. Eu digo “conflitos aparentes” porque nem Galileu, nem a Igreja oficial nunca acreditou que poderia haver conflitos reais entre a fé cristã e a ciência. Léo no século XIX, Galileu e Bellarmino no século XVII, todos firmaram o acordo final entre as verdades de fé e verdades da ciência.
    Finalmente, o objetor da fé Católica se pergunta: Mas os católicos dizem que a Igreja é infalível, que não pode errar. No entanto, a Igreja mesma reconhece o seu erro. O caso de Galileu não é uma clara contradição com o princípio da infalibilidade da Igreja?
    A infalibilidade da Igreja é um assunto grande, complexo demais para agora, mas resumidamente deve-se entender que a infalibilidade da Igreja atribui apenas aos seus dogmas proclamados oficialmente, como a duas naturezas de Cristo, a Santíssima Trindade. Estas são questões da mais alta autoridade. A Igreja não pode estar errada nesses assuntos. Mas em matéria de ciência empírica ou qualquer coisa que não é o que é chamado de fé , a Igreja pode e tem feito muitas revisões. As decisões no caso de Galileu foram disciplinares ou processuais, não envolvem questões doutrinárias, apesar de algumas pessoas na Igreja na época pensarem que eram. Se tivessem sido matéria de dogma, a Igreja não poderia tê-las revertido jamais.
    A fé Católica ensina que a busca do conhecimento é sempre um processo de humildade. E isso é bom, porque a humildade é uma das maiores virtudes.

    • O Octavius ​​de Minucius Felix
      Minucius Felix 150 e 215 dC.

      Octavius
      CHAP. I. – argumento: Minucius relata como DELIGHTFUL para ele é a lembrança do que tinha acontecido a ele com OCTAVIUS enquanto ele estava a ele associadas, em Roma, e, especialmente, ESTE disputa.

      Quando eu considero e mentalmente rever minha lembrança de Otávio, meu excelente e mais fiel companheiro, a doçura eo encanto do homem para se apega a mim, que eu aparecer para mim em algum tipo como se eu estivesse voltando ao passado, e não apenas lembrando em minha lembrança as coisas que há muito tempo já aconteceu e passou. Assim, na medida em que a contemplação real dele é retirado dos meus olhos, ela está ligada no meu coração e nos meus sentimentos mais íntimos. E não foi sem razão que esse homem notável e santo, quando ele partiu desta vida, deixou-me uma tristeza sem limites para ele, especialmente porque ele próprio também brilhou com tal amor por mim em todos os momentos, para que, quer em matéria de de diversões ou de negócios, ele concordou comigo em semelhança da vontade, em qualquer gostar ou não gostar das mesmas coisas. Você pensaria que uma mente tinha sido compartilhado entre nós dois. Assim, só ele era meu confidente em meus amores, meu companheiro em meus erros, e quando, após a escuridão tinha sido dispersa, saí do abismo das trevas para a luz da sabedoria e da verdade, ele não abandonou seu associado, mas – o que é mais glorioso ainda – ele superou ele. E assim, quando os meus pensamentos estavam atravessando todo o período de nossa intimidade e amizade, a direção da minha mente se fixou principalmente em que o discurso dele, onde por argumentos muito pesadas ele convertidos Cecílio, que ainda estava aderindo a vaidades supersticiosos, a verdadeira religião.

      CHAP. II – ARGUMENTO: A chegada do OCTAVIUS em Roma, durante o tempo das férias de público foi muito agradável para Minucius. Ambos estavam desejosos de ir aos banhos MARINE de Ostia, COM Cecílio a eles associados, companheiro de Minucius. Em seu caminho JUNTOS PARA O MAR, CAECILlUS, VENDO UMA IMAGEM DE SERAPIS, levanta a mão para sua boca, e se prostra diante dele.

      Pois, para o bem da empresa e de me visitar, Octavius ​​tinha apressou-se em Roma, tendo deixado sua casa, sua esposa, seus filhos, e que é mais atraente em crianças, enquanto ainda os seus anos inocentes estão tentando apenas meia proferidas palavras – uma linguagem mais doce para a própria imperfeição da língua vacilante. E nesta sua chegada, eu não posso expressar em palavras com o quão grande e impaciente com a forma como a alegria que eu exultava, pois a presença inesperada de um homem muito querido para mim melhorado muito a minha alegria. Portanto, após um ou dois dias, quando o gozo freqüente da nossa associação contínua tinha satisfeito o desejo de afeto, e quando tínhamos verificado por mútuo narrativa tudo o que eram ignorantes sobre o outro por causa da nossa separação, nós concordamos em ir para que muito agradável cidade de Ostia, que o meu corpo pode ter um remédio calmante e apropriado para a secagem de seus humores do banho marinha, especialmente porque as férias dos tribunais a tempo de vindima tinha me liberado de minhas preocupações. Porque naquele tempo, depois dos dias de verão, a estação do outono estava cuidando de uma temperatura mais branda. E assim, quando no início da manhã estávamos indo em direção ao mar ao longo da costa (do Tibre), que tanto o ar respirável pode atualizar suavemente os nossos membros, e que a areia rendimento pode afundar-se sob os nossos passos fáceis com prazer excessivo; Cecílio, observando-se uma imagem de Serapis, levantou a mão à boca, como é o costume das pessoas comuns supersticiosos, e deu um beijo nele com seus lábios.

      CHAP. III – argumento:. OCTAVIUS, Descontente no ato deste homem supersticioso, acentuadamente censuras Minucius, alegando que a desgraça desse ato WICKED se reflete não menos com si mesmo, como Cecílio “/ b> HOST, do que Cecílio.

      Em seguida, Otávio disse: “Não é o papel de um bom homem, meu irmão Marcus, de modo a abandonar um homem que permanece ao seu lado, em casa e no exterior, esta cegueira da ignorância vulgar, como que você deve sofrer lo em tão ampla luz do dia como este a entregar-se às pedras, no entanto, podem ser esculpidos em imagens, ungido e coroado, uma vez que você sabe que a desgraça desta seus redunda erro em não menor grau para o seu descrédito do que a sua própria. ” Com este discurso de sua passamos ao longo da distância entre a cidade eo mar, e agora estávamos andando na ampla e aberta costa Há a onda ondulando gentilmente foi alisando as areias de fora como se fosse nivelar-los para um passeio, e como o mar é sempre agitado, mesmo quando os ventos são embalados, veio acima na costa, embora não com ondas com crista e espumando, mas com ondas Crespo e cuffing. Só então fomos excessivamente encantado com seus caprichos, como no limiar da água que molhavam as solas dos nossos pés, e agora por turnos aproximando quebrou em cima dos nossos pés, e agora a onda se aposentar e refazendo o seu curso, sugou-se voltar para dentro de si. E assim, devagar e silenciosamente indo junto, acompanhamos a costa da costa delicadamente flexão, sedutora a forma de histórias.Estas histórias foram relacionados por Otávio, que estava discursando sobre navegação. Mas quando ocupava um tempo suficientemente razoável de nossa caminhada com o discurso, refazendo o mesmo caminho novamente, trilhou o caminho com passos revertidos. E quando chegamos ao lugar onde os pequenos navios, elaborados com um quadro de carvalho, estava deitado em repouso apoiado sobre o (risco de) terra-rot, vimos alguns meninos ansiosamente gesticulando como eles jogaram em jogar conchas no mar. Este jogo é a seguinte: Para escolher um shell a partir da costa, esfregou e fez bom pelo arremesso das ondas, para tomar posse da shell em uma posição horizontal com os dedos, a brisa que ao longo inclinado e descer tão baixo quanto possível sobre o ondas, que, quando lançada pode ou roçar a parte de trás da onda, ou pode nadar enquanto desliza ao longo de um impulso lisa, ou pode surgir, se cliva o topo das ondas, e sobem como se levantado com molas repetidas. Aquele garoto alegou ser conquistador cuja concha tanto saiu mais distante, e saltou com mais freqüência.

      CHAP. IV – argumento:. Cecílio, um pouco triste para esse tipo de repreensão que por Minucius CAUSA DELE TINHA teve de suportar DE OCTAVIUS, implora para discutir com OCTAVIUS na verdade de sua religião. OCTAVIUS CONSENTIMENTOS com sua companheira e Minucius fica no meio termo entre Cecílio E OCTAVIUS.

      E assim, enquanto estávamos todos os envolvidos no gozo deste espetáculo, Cecílio não estava prestando atenção, nem rindo da competição, mas em silêncio, inquieto, de pé à parte, confessado pelo seu rosto que ele estava triste porque não sabia o quê. Para quem eu disse: “Qual é o problema Por isso é que eu não reconheço, Cecílio, sua vivacidade habitual e por isso que eu procuro em vão para que a alegria que é característica de seus olhares, mesmo em assuntos sérios??” Então ele disse: “Há algum tempo fala nosso amigo Octavius” tem amargamente irritado e preocupado comigo, em que ele, atacá-lo, censurou-o com negligência, para que pudesse ao abrigo de que a carga me condenar mais seriamente para a ignorância Por isso farei. prosseguir:. questão é agora totalmente e inteiramente entre mim e Octavius ​​Se ele quer que eu, um homem dessa forma de opinião, deve discutir com ele, ele vai agora ao mesmo tempo perceber que é mais fácil manter uma discussão entre seus camaradas, do que se envolver em conflito próximo à maneira dos filósofos. Vamos ser assentado sobre essas barreiras rochosas que são lançados lá para a proteção dos banhos, e que correr muito para águas mais profundas, para que possamos ser capazes tanto para descansar após a viagem, e para discutir com mais atenção: “E a sua palavra nos sentamos, de modo que, cobrindo-me de cada lado, que me abrigou no meio dos três. E isso não foi uma questão de observância, ou de classificação, ou de honra, porque a amizade sempre ou recebe ou faz igual, mas que, como um árbitro, e estar perto de ambos, eu poderia dar a minha atenção, e estar no meio, Eu poderia separar os dois. Então Cecílio começou assim:

      CHAP. V. – argumento: Cecílio COMEÇA seu argumento antes de tudo, lembrando-lhes que nos assuntos humanos TODAS AS COISAS são duvidosas e incertas, e que, portanto é para ser lamentado que os cristãos, que durante a maior parte são pessoas sem formação e analfabetos, devem DESAFIO PARA DETERMINAR EM NADA COM CERTEZA SOBRE O CHEFE das coisas e da majestade divina: portanto, ele argumenta que o mundo é governado por NO PROVIDÊNCIA, e conclui que é melhor a respeitar os formulários recebidos da religião.

      “Apesar de você, Marcus meu irmão, o assunto sobre o qual especialmente estamos investigando não está em dúvida, na medida em que, sendo cuidadosamente informados por ambos os tipos de vida, você rejeitou um e concordou com o outro, mas no arquivo presente caso sua mente deve ser tão antiquado que você pode manter o equilíbrio de um só juiz mais, nem magra com uma disposição para um lado (mais do que o outro), a fim de que sua decisão pode não parecem surgir tanto de nossos argumentos, como a origem a partir de suas próprias percepções. Assim, se você se sentar em julgamento sobre mim, como uma pessoa que é novo, e como um ignorante de ambos os lados, não há nenhuma dificuldade em fazer todas as coisas simples que nos assuntos humanos é duvidoso, incerto e instável e que todas as coisas são bastante provável do que verdade. Portanto, é o menos maravilhoso que alguns, do cansaço da investigando verdade, deve precipitadamente sucumbir a qualquer tipo de opinião, em vez de perseverar em explorá-la com diligência persistente. E, assim, todos os homens devem estar indignados, todos os homens devem sentir dor, que certas pessoas – e estes não qualificados na aprendizagem, estranhos à literatura, mesmo sem o conhecimento das artes sórdidas – se atreve a determinar em qualquer certeza sobre a natureza em geral, eo (divina ) majestade, dos quais muitos da multidão de seitas em todas as idades (ainda dúvida), e da própria filosofia delibera ainda nem sem razão;. desde a mediocridade da inteligência humana é tão longe (a capacidade) investigação divino, que nem é-nos dado a conhecer, nem está autorizado a procurar, nem é religiosa para violentar, as coisas que são suportados em suspense no céu acima de nós, nem as coisas que estão profundamente submersos abaixo da terra, e que pode parecer justamente suficientemente feliz e suficientemente prudente, se, de acordo com esse antigo oráculo do sábio, devemos nos conhecer intimamente. Mas mesmo que entrar em um trabalho sem sentido e inútil, e se afaste para além dos limites adequados para a nossa humildade, e embora, inclinado para a terra, transcendemos com ousada ambição próprio céu, e as próprias estrelas, vamos pelo menos não complicar este erro com opiniões vãs e com medo. Deixe as sementes de todas as coisas têm sido no início condensado por uma natureza combiná-los em si mesmo ? – que Deus é o autor aqui Que os membros de todo o mundo por ser coincidências fortuitas unidos digeridos, formado – o que Deus é o inventor Embora o fogo pode ter acendeu as estrelas;? embora (a leveza de) seu próprio material pode ter suspenso o céu, embora o seu próprio material pode ter estabelecido a terra pelo seu peso, e embora o mar possa ter fluiu da umidade, de onde é essa religião?

      De onde esse medo? O que é essa superstição? Homem, e cada animal que nasce, inspirado com a vida, e nutrido, é como uma concreção voluntária dos elementos, em que mais uma vez o homem e todos os animais é dividido, resolvido, e se dissipou. Assim, todas as coisas fluir de volta para a sua fonte, e são transformados novamente em si, sem qualquer artífice, ou juiz, ou criador. Assim, as sementes de incêndios, estando reunidos, causar outros sóis, e, novamente, os outros, sempre a brilhar. Assim, os vapores da terra, sendo exalado, porque as névoas sempre a crescer, que está sendo condensado e coletado, fazer com que as nuvens para subir mais alto, e quando eles caem, porque as chuvas de fluxo, os ventos a soprar, o granizo a chacoalhar para baixo, ou quando as nuvens se chocam em conjunto, eles causam o trovão a berrar, os relâmpagos para crescer vermelho, os raios de brilho diante. Por isso, eles caem em todos os lugares, eles correm para as montanhas, eles atacam as árvores, sem qualquer escolha, eles lugares explosão sagrado eo profano; feriram homens travessos, e muitas vezes, também, os homens religiosos. Por que eu deveria falar de tempestades, vários e incertos, onde o ataque sobre todas as coisas é jogado sobre sem qualquer ordem ou discriminação – em naufrágios, que o destino dos bons e maus homens estão misturados, confundidos seus desertos – no incêndios, que a destruição de inocentes e culpados está unido – e, quando com a praga mancha do céu a região é manchado, que perecemos todos sem distinção – e quando o calor da guerra está sendo travada, que é o homens melhores que geralmente caem? Em paz também, não é só maldade colocar no mesmo nível com (o lote) aqueles que estão melhor, mas também é considerado de tal estima que, no caso de muitas pessoas, você não sabe se sua depravação é mais ser detested, ou a sua felicidade a desejar. Mas se o mundo fosse governado pela providência divina e pela autoridade de qualquer divindade, Phalaris e Dionísio nunca teria merecido a reinar, Rutilius e Camilo nunca teria merecido banimento, Sócrates nunca teria merecido o veneno. Olhai para as árvores frutíferas, eis aí a colheita já branco, o vintage, já caindo, é destruída pela chuva, é derrotado pelo granizo. Assim, quer uma verdade incerta está escondido de nós, e reteve, ou, o que é bastante para ser acreditado, nestes vários e rebelde chances, fortuna, desenfreada por leis, está governando sobre nós.

      CHAP. VI – argumento:. DO OBJETO de todas as nações, e especialmente dos romanos, DE ADORAÇÃO suas divindades, tem sido o de alcançar por seu culto SUPREMO o domínio sobre a terra inteira.

      “Desde então, tanto a fortuna é certo ou natureza é incerto, quanto mais reverente e que é melhor, como os sumos sacerdotes da verdade, para receber o ensinamento de seus antepassados, para cultivar as religiões proferidas para você, para adorar o deuses que foram treinados pela primeira vez por seus pais a temer ao invés de saber com familiaridade, para não afirmar um parecer sobre as divindades, mas acredita que seus antepassados, que, enquanto a idade ainda era inexperiente no nascimento vezes do próprio mundo , merecia ter deuses ou propícias para eles, ou como seus reis Daí, portanto, vemos por todos os impérios, e as províncias e cidades, que cada povo tem seus ritos nacionais de culto, e adora seus deuses locais:. que o Eleusinians Ceres culto, os frígios, Mater, os Epidaurians, Esculápio, e os caldeus, Belus, os sírios, Astarte, a Taurians, Diana, os gauleses, Mercurius;. os romanos, todos divindades Assim, seu poder e autoridade ocupou o circuito do mundo inteiro: assim ele tem propagado o seu império além das veredas do sol, e os limites do próprio oceano, em que em seus braços praticam um valor religioso, na medida em que fortalecer a sua cidade, com as religiões de ritos sagrados, com casto virgens, com muitas honras, e os nomes dos sacerdotes, em que, quando sitiada e tomada, todos, mas só no Capitólio, eles adoram os deuses que quando está com raiva qualquer outro povo teria desprezado, e através das linhas dos gauleses, maravilhando-se a audácia da sua superstição, eles se movem desarmado com armas, mas armado com o culto de sua religião, enquanto que na cidade de um inimigo, quando tomado ainda no furor da vitória, eles veneram as divindades conquistados, enquanto em todas as direções que procurar os deuses estranhos, e torná-los seus próprios;. enquanto eles constroem altares até divindades desconhecidas, e os Manes Assim, na medida em que reconhecem as instituições sagradas de todas as nações, eles também têm merecido o seu domínio Daí a. curso permanente de sua veneração continuou, o que não é enfraquecida pelo longo lapso de tempo, mas aumentou, porque a antiguidade está acostumado a atribuir a cerimônias e templos tanto de santidade como tem atribuído de idade.

      CHAP. VII – argumento:. QUE OS AUSPÍCIOS E augúrios romanos têm sido negligenciadas com consequências doente, mas foram observados com boa sorte.

      “Nem ainda por acaso (para eu arriscaria, entretanto, mesmo a dar como certo o ponto em debate, e assim por errar no lado seguro) que os nossos antepassados ​​conseguiram as suas empresas, quer pela observância dos augúrios, ou consultando o entranhas, ou pela instituição de ritos sagrados, ou a dedicação de templos. Considere o que é o registro de livros. Você vai logo descobrir que eles inauguraram os ritos de todos os tipos de religiões, ou que a condescendência divina pode ser recompensado , ou que a ira ameaçadora pode ser evitado, ou que a ira já inchaço e fúria pode ser apaziguado. Testemunhe a mãe Idaean, que na sua chegada ambos aprovados a castidade da matrona, e entregou a cidade a partir do medo do inimigo. Testemunhe as estátuas dos irmãos equestre, consagrados, mesmo quando eles tinham mostrou-se no lago, que, com os cavalos sem fôlego, espumando e tabagismo, anunciou a vitória sobre os persas, no mesmo dia em que tinha ganhado dele. Testemunhe a renovação dos jogos da Jupiter ofendido, por conta do sonho de um homem do povo. e uma testemunha reconheceu é a devoção do Decii. Testemunha também Curtius, que encheu a abertura do profundo abismo, quer com a massa, ou . com a glória de seu cavaleiro Além disso, com mais freqüência do que queríamos ter os augúrios, quando desprezado, testemunho de presença dos deuses:, assim Allia é um nome infeliz, assim a batalha de Claudius e Junius não é uma batalha contra . os cartagineses, mas um naufrágio fatal Assim, Thrasymenus que pode ser tanto inchado e descolorido com o sangue dos romanos, Flamínio desprezou os augúrios, e que possamos novamente exigir nossos padrões de os partos, Crasso tanto merecia e zombou das imprecações das irmãs terríveis. omito as velhas histórias, que são muitos, e eu passar pelas canções dos poetas sobre os nascimentos e os presentes, e as recompensas dos deuses. Além disso, apresso-me sobre o destino previsto pelos oráculos , para que a antiguidade deve aparecer para você excessivamente fabuloso Olhe para os templos e pistas dos deuses pelos quais a cidade romana é simultaneamente protegido e armado:. eles são mais agosto pelas divindades que são os seus habitantes, que estão presentes e constantemente habitando neles , que opulento pelas insígnias e presentes de adoração. Daí, portanto, os profetas, cheios com o deus, e misturado com ele, coletar futuro de antemão, dar cautela para perigos, medicamentos para as doenças, a esperança para os aflitos, ajudar ao miserável, consolo a calamidades, redução de trabalho. Mesmo no nosso repouso, vemos, ouvimos, nós reconhecemos os deuses, que no tempo do dia em que impiedosamente negar, recusar, e abjurar.

      CHAP. VIII – argumento:. A temeridade ímpio Teodoro, DIAGORAS E Protágoras não é tudo para ser tolerado, que desejava SEJA COMPLETAMENTE para se livrar da religião dos deuses, ou pelo menos enfraquecê-lo. MAS infinitamente menos a ser suportado É QUE escondendo E LIGHT-omitir PEOPLE dos cristãos, que rejeitam os deuses, e que, com medo de morrer depois de morte, não no temor entretanto, para morrer.

      “Portanto, uma vez que o consentimento de todas as nações sobre a existência dos deuses imortais permanece estabelecido, apesar de sua natureza ou a sua origem permanece incerta, eu sofro ninguém inchaço com tal ousadia, e com não sei o que a sabedoria sem religião, que iria se esforçar para minar ou enfraquecer esta religião, tão antigo, tão útil, tão saudável, mesmo embora ele pode ele Teodoro de Cirene, ou aquele que está diante dele Diagoras a Melian, a quem antiguidade aplicado o sobrenome do Ateu, – ambos os quais, pelo então afirmar que não havia deuses, tirou todo o medo de que a humanidade é governada, e todos absolutamente veneração; ainda nunca se prevalecer nesta disciplina de impiedade, com o nome ea autoridade de sua filosofia pretensa Quando os homens de Atenas ambos expulsos. Protágoras de Abdera e, em assembléia pública queimou seus escritos, porque disputou deliberadamente ao invés de profana sobre a divindade, por que não é uma coisa a ser lamentada, que os homens (para você arcará com o meu uso making bastante livremente da força de a alegação de que tenho realizado) – que os homens, digo, de um réprobo, facção ilegal, e desesperado, deve enfurecer contra os deuses que, tendo reunido desde as mais baixas borra a mais não qualificados, e as mulheres, crédulo e,? pela facilidade de seu sexo, produzindo, estabelecer um rebanho de uma conspiração profano, que é coligados entre si por reuniões noturnas, e jejuns solenes e carnes desumanas – e não por qualquer rito sagrado, mas por aquilo que exige expiação – um povo se escondendo . e evitando a luz, silêncio em público, mas tagarela em cantos Desprezam os templos como morto-casas, eles rejeitam os deuses, eles riem de coisas sagradas; miserável, que pena, se eles são permitidos, os sacerdotes; seminua-se , eles desprezam as honras e vestes roxas Oh, loucura maravilhosa e audácia incrível desprezam presente tormentos, embora eu temo aqueles que são incertos e futuro;.! e enquanto eles temem morrer após a morte, eles não tem medo de morrer para o presente : assim é que uma esperança enganosa acalmar seu medo com o consolo de um avivamento.

      CHAP. IX – argumento:. A religião dos cristãos é insensato, na medida em que eles adoram um homem crucificado, e até mesmo o próprio instrumento de sua punição. Disse que estão a adorar a cabeça de burro, e mesmo a natureza de seu pai. Eles são iniciados pela matança eo sangue de uma criança, e no escuro SHAMELESS todos eles são misturados em AN MEDLEY incerto.

      “E agora, como as coisas Wickeder avançar mais frutífera e costumes abandonados rastejar no dia a dia, esses santuários abomináveis ​​de uma montagem irreverente estão amadurecendo-se por todo o mundo. Seguramente esta confederação deve ser erradicado e execrado. Eles sabem um do outro por marcas secretas e insígnias, e amam um ao outro quase antes que eles se conhecem. Everywhere também não se confunde entre eles uma determinada religião da luxúria, e chamam um ao outro promiscuamente irmãos e irmãs, que até mesmo um deboche não é incomum maio pelo intervenção de que o nome sagrado tornar-se incestuoso: é assim que suas glórias superstições vãs e sem sentido em crimes Nem, a respeito destas coisas, seria relatório inteligente falar de coisas tão grandes e variados, e exigindo a ser antecedido por um pedido de desculpas, a menos que a verdade fosse. . na parte inferior do que ouvi dizer que eles adoram a cabeça de um jumento, que mais vil das criaturas, consagrada por eu não saber o que persuasão bobo, -. uma religião digna e adequada para tais maneiras Alguns dizem que eles adoram a virilia de seu pontífice e sacerdote, e adoro a natureza, por assim dizer, de seu pai comum eu não sei se essas coisas são falsas;. certamente suspeita é aplicável a ritos secretos e noturno, e quem explica suas cerimônias por referência a um homem punido por sofrimento extremo por sua maldade, e à madeira mortal da cruz, se apropria altares montagem de réprobos e os homens maus, para que possam adorar o que eles merecem. Agora, a história sobre a iniciação de jovens noviços é tanto para ser detestado como É sabido Uma criança coberto com refeição, que pode enganar os incautos, é colocado diante daquele que está a ser manchada com seus ritos:. esta criança é morto pelo jovem aluno, que tem sido instado sobre como se a golpes inofensivos sobre a superfície da refeição, com ferimentos escuras e secreta.

      ! Avidamente – O horror – eles lamber o seu sangue; ansiosamente eles dividem seus membros. Por esta vítima estão empenhados juntos, com esta consciência da maldade que estão convênio de silêncio mútuo. Tais ritos sagrados como estes são mais falta do que todos os sacrilégios. E de seu banquete é sabido que todos os homens falam dele em todos os lugares, até mesmo o discurso do nosso Cirtensian atesta isso. Em um dia solene, eles se reúnem na festa, com todos os seus filhos, irmãs, mães, pessoas de todos os sexo e de qualquer idade. Lá, depois de muita festa, quando o grupo cresceu quente, eo fervor de desejo incestuoso cresceu quente com embriaguez, um cão que foi amarrado ao candelabro é provocado, lançando um pequeno pedaço de miudezas além do comprimento de uma linha pelo qual ele está vinculado, se apressar e primavera, e assim a luz consciente de ser anulada e extinta na escuridão sem vergonha, as conexões de luxúria abominável envolvê-los na incerteza do destino. Embora nem todos na verdade, mas na consciência de todos são iguais incestuosa, já que pelo desejo de todos eles tudo é procurado para o que pode acontecer no ato de cada indivíduo.

      CHAP. X. – ARGUMENTO: O QUE QUER DA ADORAÇÃO cristãos, eles se esforçam por todos os meios esconder: eles não têm altares, nenhum templo, nenhuma imagem reconhecida. SEU DEUS, como a dos judeus, diz-se ser um, quem, embora eles nem podem ver, nem mostrar, ELES PENSAM, não obstante, ser travesso, inquieto, e excepcionalmente curiosos.

      “Eu propositadamente passar por cima de muitas coisas, para aqueles que mencionei já são muitos, e que tudo isso, ou a maior parte deles, são verdadeiras, a obscuridade de sua religião vil declara Pois, por que eles se esforçam com essas dores. para ocultar e manto que eles adoram, desde que as coisas honrosas alegrar sempre em publicidade, enquanto os crimes são mantidos em segredo? Por que eles não têm altares, sem templos, sem imagens reconhecidas? Por que eles nunca falam abertamente, nunca se reúnem livremente, a não ser para o razão de que o que eles adoram e esconder ou é digno de castigo, ou algo para se envergonhar? Além disso, de onde ou quem é ele, ou onde está o Deus único, solitário, desolado, a quem nenhum dos homens livres, não reinos, e nem mesmo superstição romana, ter conhecido a nacionalidade solitário e infeliz dos judeus adoravam um só Deus, e um peculiar a si mesmo;? mas eles adoraram abertamente, com templos, com altares, com as vítimas e com cerimônias, e ele tem tão pouca força ou poder, que ele está escravizado, com a sua própria nação especial, às divindades romanas mas os cristãos, além disso, o que se pergunta: o que monstruosidades que eles fingem -.! que aquele que é o seu Deus, a quem não pode nem mostrar nem contemplar, indaga diligentemente para o personagem de todos os atos de todos, e, in fine, em suas palavras e pensamentos secretos, que ele é executado em todos os lugares, e está presente em toda parte: eles fazem-lo para ser problemático, inquieto, mesmo descaradamente curioso, uma vez que ele está presente em tudo o que é feito, vagueia dentro e para fora em todos os lugares, embora, sendo ocupada com o todo, ele não pode dar atenção aos detalhes, nem pode ser suficiente para o todo, enquanto ele está se ocupou com detalhes. What! porque eles ameaçam a conflagração de todo o mundo, e para o próprio universo, com todas as suas estrelas, eles estão meditando sua destruição – como se quer o fim eterno constituído pelas leis divinas da natureza seriam perturbados, ou a liga de tudo os elementos seria quebrado, e a estrutura celeste dissolvido, e que o tecido no qual está contida e ligados entre si seria derrubada.

      CHAP. . XI – ARGUMENTO: Além de afirmar a CONFLAGRAÇÃO FUTURO DO MUNDO INTEIRO, eles prometem depois a ressurreição de nossos corpos: E para os justos AN eternidade da vida Santíssima, para o perverso, de castigo extremo.

      “E, não contente com esta opinião selvagem, eles acrescentam a ele e associar-se com fábulas ele velha das mulheres: eles dizem que vai subir novamente após a morte, e as cinzas e poeira, e com não sei que confiança, que eles acreditam por turnos em mentiras um do outro: você pensaria que eles já tinham vivido novamente É um mal casal e uma loucura duplo para denunciar a destruição do céu e as estrelas, que deixamos como vamos encontrá-los e prometer a eternidade para nós mesmos. que estão mortos e extintos – que, como nós nascemos, assim também perecem É por esta causa, sem dúvida, também, que eles execrar nossos piras funerárias, e condenar os nossos enterros pelo fogo, como se todo o corpo, mesmo apesar de ser retirado das chamas, não foram, no entanto, resolvida na terra por lapso de anos e idades, e como se não se importasse feras rasgou o corpo em pedaços, ou mares consumidos, ou o solo coberto, ou as chamas levou-a para longe, uma vez que para as carcaças todos os modos de sepultura é uma pena se eles sentem que,. se eles sentem que não, na própria rapidez de sua destruição não há alívio Enganados por esse erro, eles prometem a si mesmos, como sendo um bom , uma vida abençoada e eterna após a sua morte,. aos outros, como sendo injusto, castigo eterno Muitas coisas ocorrem para me dizer, além disso, se os limites do meu discurso não me apressar já mostrei, e não ter mais. dores de provar, que eles próprios são injustos;. embora, mesmo que eu deveria permitir que eles sejam justos, mas seu contrato também concorda com as opiniões de muitos, que a culpa e inocência são atribuídos pelo destino para tudo o que fazemos, como alguns atribuem para o destino, assim você apresentá-lo a Deus: assim está de acordo com sua seita a acreditar que os homens, e não por vontade própria, mas como eleito à vontade.

      Assim, você fingir um juiz iníquo, que pune os homens, e não a sua vontade, mas o seu destino. No entanto, eu deveria estar feliz de ser informado ou não, você ressuscitar com corpos, e em caso afirmativo, com que corpos – se com o mesmo ou com os corpos renovados? Sem um corpo? Então, tanto quanto eu sei, não vai ser nem a mente, nem alma, nem vida. Com o mesmo corpo? Mas isto tem já sido previamente destruídos. Com outro corpo? Então é um novo homem que nasce, não o anterior restaurado, e ainda tanto tempo já passou, inúmeras idades fluíram por e único indivíduo que voltou dos mortos, quer pelo destino de Protesilaus, com a permissão para peregrinar até mesmo por algumas horas, ou para que possamos acreditar em um exemplo? Todas essas invenções de uma crença doentia e fontes vãos de conforto, com a qual os poetas enganar ter brincado na doçura de seu verso, foram vergonhosamente remoldados por você, acreditando que sem duvida no seu Deus.

      CHAP. XII – argumento:. ALÉM DISSO, O que acontecerá com os próprios cristãos após a morte, pode ser antecipada pelo fato de que, mesmo agora que sejam miseráveis ​​de todos os meios e estão aflitos com as calamidades e misérias mais pesadas.

      “Nem você, pelo menos, ter a experiência de coisas presente, como as expectativas infrutíferas de promessa vã enganá-lo. Considere, criaturas miseráveis, (a partir de seu lote), enquanto você ainda está vivendo, o que está ameaçando você após a morte. Eis uma parte da você – e, como você declarar, a parte maior e melhor – estão em falta, são frios, estão trabalhando em um trabalho árduo e da fome, e Deus sofre, Ele finge, Ele quer não está disposto ou não capaz de ajudar seu pessoas, e assim ele é fraco ou injusto tu, que dreamest sobre a imortalidade póstuma, quando fores sacudido por perigo, quando fores consumido com febre, quando fores rasgado com a dor, que tu não, então sinto a tua verdadeira condição.? Tu não reconhecer, então a tua fragilidade? miserável pobre, tu és a contragosto convencido da tua enfermidade, e fizeres não confessá-lo? Mas eu omitir questões que são comuns a todos iguais. Lo, pois há ameaças, castigos, torturas, e cruzes e que não mais como objetos de adoração, mas como torturas a ser submetido;. incêndios também, que você tanto prever e medo Onde está esse Deus que é capaz de ajudá-lo quando você vem à vida novamente, pois ele não pode ajudá-lo enquanto você está nessa vida? Não romanos, sem qualquer ajuda de seu Deus, governar, reinar, ter o gozo de todo o mundo, e ter domínio sobre você? Mas nesse meio tempo, em suspense e ansiedade, é abster-se de prazeres respeitáveis ​​Você não visitar exposições;. você não tem nenhuma preocupação em demonstrações públicas; você rejeita os banquetes públicos, e abomino as competições sagradas, as carnes previamente provado por, e as bebidas fez uma libação de cima, os altares Assim você está. . no temor dos deuses que negam Você não coroa a cabeça com flores, você não enfeitar seus corpos com os odores, você reservar ungüentos para ritos funerários; você mesmo recusar guirlandas aos seus sepulcros – pálidos, trêmulos, seres dignos de a pena mesmo de nossos deuses! Assim, miserável como você é, você não subir novamente, nem você viver no entretanto. Portanto, se você tem alguma sabedoria ou modéstia, deixem de espreitar as regiões do céu, e os destinos e segredos do mundo: é suficiente para olhar antes de seus pés, especialmente para os ignorantes, incultos, rudes, as pessoas rústico: os que não têm capacidade para compreender as questões civis, são muito mais negada a capacidade de discutir divina.

      CHAP. . XIII – argumento: Cecílio Por fim conclui que o NOVO religião deve ser repudiado, e que não devemos precipitadamente pronunciar-se sobre questões duvidosas.

      “No entanto, se você tem o desejo de filosofar, deixar qualquer um de vocês que é suficientemente grande, imitar, se puder, Sócrates, o príncipe da sabedoria. A resposta de que o homem, quando ele foi questionado sobre assuntos celestes, é bem conhecida : “O que está acima de nós não é nada para nós.” Bem, por isso, ele merece do oráculo o testemunho de sabedoria singular, que oráculo ele próprio tinha um pressentimento de que ele tinha sido preferido a todos os homens para a razão, não que ele tinha descoberto todas as coisas, mas porque ele tinha aprendido que ele não sabia de nada. E, assim, a confissão de ignorância é a altura da sabedoria. Desta fonte fluiu a duvidar seguro de Arcesilas, e muito tempo depois de Carnéades, e de muito muitos dos acadêmicos, em questões do momento mais alto, em que espécies de filosofia os ignorantes podem fazer muito com cautela, eo erudito pode fazer gloriosamente. quê! não é a hesitação de Simonides, o poeta lírico para ser admirado e seguido por todos? Que Simonides, quando lhe foi perguntado por Hiero o tirano que, e que, como ele achava que os deuses a ser, perguntou, antes de tudo por um dia para deliberar, então adiou sua resposta por dois dias, e então, quando pressionado, ele acrescentou apenas outro e, finalmente, quando o tirano perguntou sobre as causas do um longo atraso, ele respondeu que, quanto mais suas pesquisas continuaram, o obscuro a verdade tornou-se para ele. Na minha opinião também, as coisas que são incertas devem ser deixadas como estão. Nem, enquanto tantos e tão grandes homens são deliberar, devemos precipitadamente e corajosamente dar uma opinião em outra direção, a fim de que seja uma superstição infantil deve ser introduzido, ou todas as religiões devem ser derrubado “.

      CHAP. XIV – argumento: com algo da soberba de auto-satisfação, Cecílio EXORTA OCTAVIUS RESPONDER aos seus argumentos, e Minucius com a modéstia lhe responde, que não deve exultar em sua própria de nenhuma maneira ELOQÜÊNCIA ORDINÁRIA, e ao harmonioso. VARIEDADE DE SEU ENDEREÇO.

      Até agora Cecílio, e sorrindo alegremente (para a veemência de seu discurso prolongada tinha relaxado o ardor da sua ira), deve ser acrescentada “E o que Octavius ​​venture para responder a isso, um homem da raça de Plauto, que, enquanto ele estava chefe entre os moleiros, ainda era o menor dos filósofos? ” “Conter”, disse eu, “a sua auto-aprovação contra ele, pois não é digno de você para exultar na harmonia de seu discurso, antes de o assunto deve ter sido mais plenamente debatida em ambos os lados, especialmente desde que seu raciocínio está se esforçando . após verdade, não louvor E no entanto um grande grau de seu discurso tem me encantado com sua variedade sutil, mas eu estou muito emocionado, não sobre a presente discussão, mas sobre todo o tipo de disputa – que na maior parte do condição da verdade deve ser alterado de acordo com os poderes de discussão, e até mesmo o corpo docente da eloqüência perspicaz. Este é muito conhecido para ocorrer em razão da instalação dos ouvintes, que, se distrair com a sedução das palavras de atenção às coisas , o parecer favorável, sem distinção de tudo o que é dito, e não falsidade separado verdade, sem saber que, mesmo no que é incrível deles é muitas vezes verdade, e em falsidade verossimilhança Portanto, o mais freqüentemente eles acreditam afirmações ousadas, mais freqüentemente eles estão convencidos. por aqueles que são mais inteligentes e, portanto, são continuamente enganado por sua temeridade Eles transferem a culpa do juiz, a denúncia de incerteza;. modo que, tudo sendo condenados, eles preferem que todas as coisas devem ser deixadas em suspense, do que eles devem decidir sobre assuntos de dúvida. Portanto, devemos tomar cuidado para que não o fazemos de tal espécie sofrem com o ódio de uma só vez de todos os discursos, assim como muitos de o tipo mais simples são levados a execração e ódio dos homens em geral. Para aqueles que são descuidadamente crédulos são enganados por aqueles a quem eles achavam digno, e aos poucos, por um erro de parentes, eles começam a suspeitar de cada um como ímpio, e pavor mesmo aqueles a quem eles poderiam ter considerado como excelente, pois, agora somos. ansiosa – porque tudo pode haver argumento em ambos os lados, e por um lado, a verdade é que a maior parte obscura, e no outro lado existe um subtileza admirável, que, por vezes, a sua abundância de palavras imita a confiança da prova reconheceu -. tão cuidadosamente quanto possível pesar cada particular, que pode, ao mesmo tempo pronto para aplaudir agudeza, ainda eleger, aprovar e adotar as coisas que estão bem ”

      CHAP. XV – argumento:. RETORTAS Cecílio Minucius CIMA, COM POUCO alguma aparência de ser ferido, que ele é exposto, a ESCRITÓRIO DE UM ÁRBITRO RELIGIOSA, quando ele está enfraquecendo a força de seu argumento. Ele diz que deve ser deixada para OCTAVIUS para refutar tudo o que tinha avançado.

      “Vocês estão se retirando”, diz Cecílio, “a partir do escritório de um juiz religioso, pois é muito injusto para você enfraquecer a força da minha súplica pela interpolação de um argumento muito importante, uma vez que Otávio tem diante de si a cada coisa que eu já disse, som e perfeita, se ele pode refutá-la. ” “O que você está reprovando,” disse eu, “se não me engano, eu apresentei para a vantagem comum, de modo que através de um exame escrupuloso que pode pesar a nossa decisão, e não pelo estilo pomposo da eloqüência, mas pela sólida caráter da própria matéria. Tampouco deve a nossa atenção, como você reclamar, ser mais longo chamado de distância, mas com absoluto silêncio vamos ouvir a resposta do nosso amigo Januário, que agora está acenando para nós. ”

      CHAP. XVI – argumento:. OCTAVIUS ARRANJA sua resposta, e espera que ELE DEVE ser capaz de diluir a amargura da censura COM O RIO DA palavras verdadeiras. Ele passa a enfraquecer os argumentos individuais DOS Cecílio. Ninguém precisa se queixam de que os cristãos, inculto, embora possam ser, disputa sobre as coisas celestiais, porque não é ENTIDADE de quem defende, mas a verdade do argumento de si mesmo, que deve ser considerado.

      E, assim, Otávio começou: “Eu realmente falar como vou ser capaz de o melhor de meus poderes, e você deve esforçar-se comigo para diluir a tensão muito ofensivo de recriminações no rio de palavras verídica Nem vou disfarçar no início. , que a opinião do meu amigo Natalis tem influenciado para lá e para cá de uma maneira tão errática, vago e escorregadio, que somos obrigados a duvidar de suas informações foi confusa, ou se ele oscilou para trás e para a frente por mero engano. Pois ele variou em um momento de acreditar que os deuses, em outro momento para estar em um estado de hesitação sobre o assunto;. assim que o propósito direto de minha resposta foi estabelecida com a maior incerteza, devido à incerteza de sua proposição, mas no meu amigo Natalis – Eu não vou permitir, eu não acredito, qualquer chicana – longe de sua simplicidade é truques espertos que, em seguida, como quem não sabe o caminho certo, como acontece quando uma estrada é dividida em muitas, porque.? ele não conhece o caminho, permanece em ansiedade, e nem se atreve a fazer a escolha de estradas particulares, nem julgá-los todos, por isso, se um homem não tem juízo firme da verdade, mesmo que sua suspeita descrente é disperso, por isso a sua opinião dúvida é instável . Portanto, não é de admirar se Cecílio, da mesma forma é lançado por sobre a maré, e jogou lá e para cá entre as coisas contrárias e repugnante para o outro, mas que este pode não ser o caso, vou condenar e refutar tudo o que já foi dito, porém diversificada, confirmando e aprovando a verdade sozinho,. e para o futuro, ele não deve nem duvidar nem vacilar E desde que meu irmão quebrou para fora em expressões como estas, que ele estava triste, que ele estava aborrecido, que ele era indignado, que lamentava que analfabetos, pobres, pessoas não qualificadas devem disputar com as coisas celestiais;. deixá-lo saber que todos os homens são gerados da mesma forma, com a capacidade e habilidade de raciocínio e sentimento, sem preferência de idade, sexo ou dignidade Nem eles obter sabedoria por fortuna, mas tê-lo implantado por natureza, além disso, as próprias filósofos, ou quaisquer outros que saíram até celebridades como descobridores de artes, antes de atingido um nome ilustre por suas habilidades mentais, foram plebeu estimado, untaught , semi-nua. Assim é, que os homens ricos, ligados a seus meios, foram acostumados a olhar mais sobre o seu ouro do que sobre o céu, enquanto o nosso tipo de pessoas, apesar de pobre, tem tanto sabedoria descoberto, e ter entregue o seu ensino para os outros, de onde parece que a inteligência não é dada a riqueza, nem é obtido pelo estudo, mas é gerado com a própria formação da mente Por isso, não é nada de estar com raiva ou a entristecer-se sobre, embora qualquer um deve saber,. deve pensar, se expressar seus pensamentos sobre as coisas divinas, uma vez que o que se pretende não é a autoridade do argumentador, mas a verdade do próprio argumento, e até mesmo o mais inexperiente o discurso, o mais evidente o raciocínio, uma vez que não é colorido pela pompa da eloqüência e graça, mas como ele é, ele é sustentado pelo Estado de direito.

      CHAP. . XVII – argumento: o homem deveria, na verdade, conhecer a si mesmo, mas esse conhecimento não pode ser alcançado por ele se ele PRIMEIRO LUGAR RECONHECE todo o escopo das coisas, eo próprio Deus. E DE CONSTITUIÇÃO E MOBILIÁRIO DO MUNDO INTEIRO, todos dotados de razão sustenta que foi estabelecido por Deus, e é regido e administrado por ele.

      “Nem eu me recuso a admitir que Caecilius sinceramente esforçou-se para manter entre os principais assuntos, que o homem deve conhecer a si mesmo, e levou ao redor e ver o que ele é, de onde ele é, porque ele é, se reunidos os elementos, ou harmoniosamente formada por átomos, ou melhor, fez, formou, e animado por Deus e é isso mesmo que nós não podemos procurar e investigar sem inquérito sobre o universo;. desde que as coisas são tão coerente, tão associada juntos, que a menos que você diligentemente examinar a natureza da divindade, você deve ser ignorante do que a humanidade. Também não se pode executar bem o seu dever social, a menos que você sabe que a comunidade do mundo que é comum a todos, especialmente desde que a este respeito que diferem na natureza animais, que, enquanto eles estão propensos e tendendo para a terra, e nascem a olhar para nada, mas a comida, nós, cujo semblante é ereto, cujo olhar está voltado para o céu, como é o nosso inverso ea razão, pelo qual devamos reconhecer, sentir e imitar a Deus, não tem nem direito nem razão de ser ignorante da glória celestial que se forma em nossos olhos e sentidos. Porque é tão ruim quanto a mais grosseira sacrilégio até mesmo, buscar no chão para que você deve encontrar em alta . Pelo o contrário, aqueles que negam que este mobiliário de todo o mundo foi aperfeiçoado pela razão divina, e afirmam que ela foi amontoados por alguns fragmentos casualmente aderem uns aos outros, parece-me não ter mente ou sentido, ou Na verdade, até mesmo a própria visão. Pois o que pode haver de tão manifesta, assim, confessou e tão evidente, quando você levantar os olhos ao céu, e olhar para as coisas que estão abaixo e ao redor, de que há alguma divindade de mais excelente inteligência, por quem toda a natureza é inspirada, é movido, é alimentada, é governado? Eis que o próprio céu, quão amplamente ele é expandido, a rapidez com que ele é girado ao redor, ou como ele se distingue no meio da noite por suas estrelas, . ou como é mais leve no dia do sol, e você vai saber de uma vez como o equilíbrio maravilhoso e divino do Governador Supremo é nele envolvidos Procure também no ano passado, como é feito pelo circuito do sol, e olhar para o mês, como a lua leva-lo em torno de seu aumento, seu declínio e decadência O que direi das mudanças recorrentes de escuridão e luz;. como não é, portanto, providenciou para nós uma restauração alternativa de trabalho e descanso verdade? um discurso mais prolixo sobre as estrelas devem ser deixadas para os astrônomos, quer sobre a forma como eles governam o curso de navegação, ou trazer a época da lavoura ou de colher, cada uma das quais coisas não só precisava de um artista Supremo e uma inteligência perfeita, nem só para criar, construir e organizar, mas, além disso, eles não podem ser sentidas, peceived e compreendido sem a mais elevada inteligência e da razão que, quando a ordem das estações e das colheitas distingue-se pela variedade firme, não.! não atestar o seu autor e parentes, como também a primavera com suas flores, eo verão, com suas safras, e da maturidade grato de outono, eo inverno azeite de coleta, são necessárias;? e esta ordem seria facilmente ser perturbado, a menos que fosse estabelecido pela mais alta inteligência. Agora, quão grande é a providência necessária, para que não haja nada, mas o inverno para acabar com sua geada, ou nada, mas de verão para queimar com seu calor, para interpor a temperatura moderada de outono e primavera, de modo que as transições invisíveis e inofensivo do ano, retornando em seus passos podem deslizar por Olhe atentamente para o mar;! é obrigado pela lei da sua costa Onde houver árvores, olha como eles são animados a partir das entranhas da terra considerar.! o oceano, que flui e reflui com marés alternativas Olhe para as fontes, como eles jorrar em córregos perpétuas olhar sobre os rios;.! eles sempre rolam em cursos regulares Por que eu deveria falar dos picos adequadamente ordenados de montanhas, o. ? encostas dos morros, as extensões de planícies Portanto devo falar da protecção multiforme fornecida por criaturas animadas uns contra os outros – alguns armados com chifres, alguns coberto com os dentes, e calçadas com garras, e farpado com picadas, ou ? de liberdade obtido pela rapidez dos pés, ou pela capacidade de voar fornecidos pela As asas muito beleza da nossa própria figura especialmente confessa que Deus é o seu artífice: nossa estatura vertical, nosso semblante uplooking, nossos olhos colocado na parte superior, uma vez que eram, outlook, e todo o resto dos nossos sentidos, como se dispostos em uma cidadela.

      CHAP. XVIII – argumento:. Além disso, Deus não só cuida DO MUNDO universal, mas de suas partes individuais. QUE pelo decreto de um Deus todas as coisas são governados, é provado pelo ILUSTRAÇÃO DE EMPIRES terrena. Mas, embora ele, sendo infinito e imenso – e quão grande ELE É, é conhecido por se sozinho – não pode tanto ser visto ou nomeado pelo EUA, mas sua glória é contemplado com mais clareza quando o uso de todos os títulos é deixada de lado.

      “Seria uma questão de longo para percorrer casos particulares Não há nenhum membro no homem, que não é calculado, tanto por uma questão de necessidade e de ornamento;. Eo que é mais maravilhoso ainda, todos têm a mesma forma, mas cada um tem certa lineamentos modificado, e, portanto, estamos cada encontrado para ser diferente de um para o outro, enquanto todos nós parecem ser como em geral. Qual é a razão da nossa nascer? que significa o desejo de gerar? Não está dado por Deus, e que os seios deve tornar-se cheio de leite como a prole cresce a maturidade, e que a descendência do concurso deve crescer pelo alimento proporcionada pela abundância da umidade leitoso? Nem Deus tem cuidado apenas para o universo como um todo, mas também . para suas partes Grã-Bretanha é deficiente na luz do sol, mas ele é atualizado com o calor do mar que flui ao redor Os ânimos rio Nilo a secura do Egito,. Eufrates cultiva Mesopotâmia, o rio Indus compensa a falta de chuvas, e é dito tanto para semear e água do Oriente. Agora, se, ao entrar em qualquer casa, você deve contemplar tudo refinado, bem arranjado, e adornada, com certeza você iria acreditar que um mestre presidida-lo, e que ele era muito melhor que todas essas coisas excelentes. Assim, nesta casa do mundo, quando você olhar para o céu, a terra, a sua providência, sua ordenação, a sua lei, acreditam que existe um Deus e Pai do universo, muito mais gloriosa do que as estrelas si, e as peças de todo o mundo A não ser, talvez -., pois não há dúvida quanto à existência da providência – você acha que é um assunto de investigação, se o reino celestial é governado pelo poder de um ou pela regra de muitos, e este assunto em si não envolve muita dificuldade em abrir para fora, para aquele que considera impérios terrenos, para os quais os exemplos certamente são tomadas do céu Quando a qualquer momento, houve uma aliança em autoridade real que quer começou. com a boa-fé ou deixou sem derramamento de sangue eu passar sobre os persas, que reuniu o augúrio para a sua chefia do relinchar dos cavalos;?, e eu não citar que a fábula absolutamente morto dos irmãos de Tebas A história sobre os gêmeos (Rômulo e Remo). , em relação ao domínio de pastores, e de uma casa de campo, é muito conhecido as guerras do filho-de-lei e pai-de-lei foram espalhados por todo o mundo;. ea fortuna de um tão grande império não poderia receber dois governantes Olhe para outros assuntos, as abelhas têm um rei;.. os rebanhos um líder;. entre os rebanhos há um governante Podes acreditar que no céu há uma divisão do poder supremo, e que a autoridade inteiro desse império verdadeiro e divino se separou, quando é evidente que Deus, o Pai de todos, não tem começo nem fim – que aquele que dá a luz a todos dá a perpetuidade Ele mesmo – que aquele que era antes do mundo, foi -Se a Si mesmo, em vez de o mundo Ele ordena tudo, seja o que for, por uma palavra, arranja-lo por sua sabedoria; aperfeiçoa pelo Seu poder Ele não pode ser visto – Ele é mais brilhante do que a luz;?. nem pode ser apreendido, -Ele é mais puro do que o toque, nem estimado, Ele é maior do que todas as percepções;. infinito, imenso, e quão grande é conhecida a si mesmo sozinho Mas o nosso coração é muito limitada para compreendê-lo e, portanto, são, então, dignamente estimando-lo quando dizer que Ele está além estimativa vou falar de que maneira eu sinto Aquele que pensa que sabe a magnitude de Deus, ele está diminuindo;… aquele que deseja para não diminuí-la, sabe que não Nem você deve perguntar a um nome .. porque Deus Deus é o Seu nome Nós temos necessidade de nomes quando uma multidão deve ser separado em indivíduos pelas características especiais de nomes, para Deus, que é por si só, o nome de Deus é o todo Se eu fosse chamá-lo de pai. , você julgaria que Ele é terrena, se um rei, você iria suspeitar dele ser carnal, se um Senhor, você certamente vai entender que Ele ele mortais Tire as adições de nomes, e você vai contemplar Sua glória que..! não é verdade que eu tenho neste assunto o consentimento de todos os homens? ouço as pessoas comuns, quando levantar as mãos para o céu, dizer mais nada, mas Oh Deus, e Deus é grande, e Deus é fiel, e se Deus autorizará. este é o discurso natural das pessoas comuns, ou é a oração de um cristão confessar? E os que falam de Júpiter como o chefe, está enganado em nome de fato, mas eles estão de acordo sobre a unidade da poder.

      CHAP. XIX – argumento:. Além disso, o POETAS tê-lo chamado o pai de deuses e homens, o Criador de todas as coisas, e sua mente e espírito. E, além disso, até mesmo o FILÓSOFOS mais excelente do VIM quase a mesma que a CONCLUSÃO cristãos sobre a unidade de Deus.

      “Ouvi dizer que os poetas também anunciando ‘Aquele pai dos deuses e dos homens’, e que tal é a mente dos homens mortais como o pai de todos os nomeou seu dia Que diz o Maro Mantuan Não é ainda mais simples, muito mais.? pertinente, mais verdadeiro? “No princípio”, diz ele, “o espírito dentro nutre, ea mente infundida agita o céu ea terra”, e os outros membros “do mundo. Daí surge a raça dos homens e do gado , ‘. e qualquer outro tipo de animais O mesmo poeta em outro lugar chama que a mente eo espírito a Deus por estes são suas palavras:.’ Por que Deus permeia todas as terras, e as extensões de mar, eo céu profundo, de quem são os homens e gado, a partir de quais são chuva e fogo “. O que mais é também Deus anunciou a ser por nós, mas a mente ea razão e do espírito? Vamos analisar, se é agradável, o ensinamento dos filósofos. Embora em variados tipos de discurso, mas nesses assuntos você vai encontrá-los concorrer e concordar em um presente parecer. que eu passar ao longo desses inexperientes e antigos que mereciam ser chamados sábios para os seus dizeres. Vamos Thales as Milesian ser o primeiro de todos, pois, antes de tudo disputada sobre coisas celestiais. Isso mesmo o Thales Mileto disse que a água era o princípio das coisas, mas que Deus era que a mente que a partir da água formou todas as coisas. Ah! uma conta maior e mais nobre da água e do espírito do que já foi descoberto pelo homem. Foi entregue a ele por Deus . Você vê que a opinião deste filósofo originais absolutamente concorda com a nossa. Posteriormente Anaxímenes e Diógenes de Apolônia, decidir que o ar, infinito e imensurável, é Deus. A concordância destes também quanto à Divindade é como a nossa. Mas a descrição de Anaxágoras também, que Deus é dito ser o movimento de uma mente infinita, eo Deus de Pitágoras é a alma de passar para lá e para cá e intenção, toda a natureza universal das coisas, de quem também a vida de todos os animais é recebido É um fato conhecido que Xenófanes entregue que Deus era tudo o infinito com a mente;. e Antístenes, que há muitos deuses dos povos, mas que um Deus da natureza era o chefe de todos, que Xeuxippus reconhecido como Deus uma força natural animal pelo qual todas as coisas são governadas. que diz Demócrito? Embora o primeiro descobridor de átomos, que ele não especialmente falar da natureza, que é a base de formas e inteligência, como Deus? Strato também se diz que Deus é a natureza .. Além disso, Epicuro, o homem que finge tanto deuses ociosa ou nenhum, ainda lugares acima de tudo, Natureza Aristóteles varia, mas, no entanto, atribui a uma unidade de poder, para ao mesmo tempo, ele diz que a Mente, em outro mundo, é Deus, em outro momento, ele define Deus acima do mundo Heraclides de Pontus também atribui, apesar de várias maneiras, uma mente divina de Deus Theophrastus, e Zeno e Crisipo, Cleantes e são realmente-se de muitas formas de opinião, mas eles são.. todos trazidos de volta para o fato de a unidade da Providência. Para Cleanthes discorriam de Deus como de uma mente, agora de uma alma, agora de ar, mas a maior parte da razão. Zeno, seu mestre, terá a lei de natureza e de Deus, e às vezes o ar, e às vezes a razão, ser o início de todas as coisas. Além disso, através da interpretação de Juno para ser o ar, o céu de Júpiter, Netuno o mar, Vulcan ser fogo, e da mesma maneira por mostrando os outros deuses do povo comum a elementos, ele forçosamente denuncia e supera o erro público. Crisipo diz quase o mesmo. Ele acredita que uma força divina, a natureza racional, e às vezes o mundo, e uma necessidade fatal, é Deus ,., e ele segue o exemplo de Zeno em sua interpretação fisiológica dos poemas de Hesíodo, de Homero, e de Orfeu Além disso, o ensino de Diógenes da Babilônia é a de expor e argumentar que o nascimento de Júpiter, ea origem da Minerva , e este tipo, são nomes para outras coisas, não para deuses. Para Xenofonte o socrático diz que a forma de o verdadeiro Deus não pode ser visto e, portanto, não deve ser consultado após. Aristo o estóico diz que Ele não pode de todo ser compreendida E ambos foram sensíveis da majestade de Deus, enquanto eles se desesperou de compreendê-lo Platão tem um discurso mais claro a respeito de Deus, tanto nos próprios assuntos e os nomes pelos quais ele expressa-los,.. eo seu discurso seria completamente celestial, se não fosse por vezes contaminada por uma mistura de mera crença civil. Portanto, Deus de seu Timoeus Platão é pelo Seu próprio nome do pai do mundo, o artífice da alma, o fabricante das coisas celestes e terrenas, a quem tanto para descobrir que ele declara é difícil, por conta do seu poder excessivo e incrível,.., e quando você descobriu ele, impossível falar em público O mesmo quase são as opiniões também quais são nossos para nós dois sabemos e falar de um Deus que é o pai de todos, e nunca falar dele em público, a menos que sejam interrogados.

      CHAP. XX – argumento:. Mas, se o mundo é governado pela Providência e governado pela vontade de um só Deus, uma antipatia IGNORANTE não deve LEVAR EUA AUSENTE NO ERRO DE ACORDO COM ELE: Embora deliciado com as suas próprias fábulas, que trouxe Nas tradições ridículo. Nem é MOSTRADO MENOS claramente que a adoração dos deuses SEMPRE FOI bobo e ímpio, já que o mais antigo dos homens têm venerado os seus reis, seus generais ilustres e inventores das artes, por conta de seus feitos notáveis, NO CASO CONTRÁRIO DO QUE como deuses,

      “Expus as opiniões de quase todos os filósofos cuja glória mais ilustre é a, têm apontado que há um só Deus, embora com muitos nomes, de modo que qualquer um poderia pensar também que os cristãos são agora os filósofos, ou que os filósofos foram, então, já cristãos. Mas se o mundo é governado pela Providência, e dirigido pela vontade de um só Deus, antiguidade de pessoas não qualificadas, não deve, no entanto satisfeito e encantado com as suas próprias fábulas, para levar-nos longe no erro de um acordo mútuo , quando é refutada pelas opiniões dos próprios filósofos, que são apoiados pela autoridade da razão e da antiguidade Para os nossos antepassados ​​tinham uma fé tão fácil em falsidades, que imprudentemente acreditavam até mesmo outras monstruosidades como surpresas maravilhosas,. uma variedade Scylla, uma quimera de muitas formas, e uma Hydra subir novamente a partir de suas feridas auspiciosos, e centauros, cavalos entrelaçados com seus cavaleiros, e tudo o Relatório foi autorizado a fingir, eles estavam totalmente dispostos a ouvir Por que eu deveria se referir àqueles de idade. , que os homens foram alteradas esposas fábulas de homens em pássaros e animais e de homens em árvores e flores – que as coisas se tivessem acontecido, poderia acontecer novamente;? e porque não pode acontecer agora, pois nunca aconteceu em Tudo em forma como em relação aos deuses, também, os nossos antepassados ​​acreditavam descuidadamente, credulously, com simplicidade inexperiente;. Enquanto adorando seus reis religiosamente, desejando olhar para eles quando mortos em formas exteriores, ansioso para preservar suas memórias em estátuas, essas coisas tornou-se sagrada que havia sido tomado apenas como consolo. Logo após, e antes que o mundo abriu-se pelo comércio, e perante as nações confundiu seus ritos e costumes, cada nação em particular venerada seu Fundador, ou ilustre Líder, ou modesta rainha corajosa do que ela sexo, ou o descobridor de qualquer tipo de faculdade ou de arte, como um cidadão digno de memória, e assim a recompensa foi dado ao falecido, e um exemplo para aqueles que estavam a seguir.

      CHAP. XXI – argumento:. OCTAVIUS atesta o fato de homens foram adotados como deuses, pelo testemunho de Evêmero, Prodicus, PERSAEUS, e Alexandre o Grande, que enumerar o país, os aniversários, e o enterro-lugares dos deuses. Além disso, ele DEFINIDOS os finais tristes, infortúnios, e as mortes dos deuses. E, além disso, ele ri dos absurdos ridículos e abominações que os pagãos CONTINUAMENTE alegam sobre a forma e aparência de seus deuses.

      . “Ler os escritos dos estóicos, ou os escritos dos sábios, você vai reconhecer estes fatos comigo Por causa dos méritos de sua virtude ou de algum dom, Euhemerus afirma que eles eram deuses estimados, e ele enumera seus aniversários, seus países, seus lugares de sepultura, e em toda a vários pontos das províncias estas circunstâncias do Dictaean Júpiter, e do Apolo de Delfos, e do Pharian Isis, e dos Ceres Elêusis. Prodicus fala de homens que foram levados até entre os deuses , porque eles foram úteis para os usos dos homens em suas andanças, pela descoberta de novos tipos de produtos Persaeus filosofa também para o mesmo resultado;. e acrescenta ao mesmo, que os frutos descobertos, e os descobridores desses mesmos frutos, foram chamados pelos mesmos nomes;. como a passagem das pistas escritor de quadrinhos, que Vênus congela sem Baco e Ceres Alexandre, o Grande, o célebre macedónio, escreveu em um documento notável dirigida a sua mãe, que, sob o medo de seu poder havia traiu a ele pelo sacerdote o segredo dos deuses ter sido homens: para ela, ele faz Vulcan o original de todos, e, em seguida, a corrida de Júpiter e você vê a andorinha, eo prato de Isis, eo túmulo de seus Serapis ou. Osiris vazio, com seus membros espalhados Então, considere os próprios ritos sagrados, e seus próprios mistérios:. você vai encontrar tristes mortes, desgraças e funerais, e as tristezas e gemidos dos deuses miseráveis ​​bewails Isis, lamenta, e procura depois. ela perdeu o filho, com o seu Cynocephalus e seus sacerdotes carecas, e os miseráveis ​​Isiacs bater no peito, e imitar o sofrimento da mãe mais infeliz aos poucos, quando o menino for encontrado, Isis se alegra, e os sacerdotes exultam, Cynocephalus. o descobridor possui, e eles não deixam de ano para ano, quer para perder o que eles encontram, ou para encontrar o que perder. Não é ridículo tanto para lamentar o que você adora, ou a adorar aquilo sobre o qual você se lamentar? No entanto, estes foram ritos anteriormente egípcios, e agora são os romanos. Ceres com suas tochas acesas, e rodeado s com uma serpente, com a ansiedade e solicitude acompanha os passos de Prosérpina, roubado em sua peregrinação, e corruptor. Estes são os mistérios de Elêusis. E são os ritos sagrados de Júpiter Sua enfermeira é uma cabra, e como uma criança, ele é tirado de seu pai ganancioso, que ele não deve ser devorado;? eo tumulto que retine é pontilhada de os pratos dos Corybantes, para que o pai deve ouvir choro do bebê Cybele de Dindymus -. Tenho vergonha de falar sobre isso – que não podia seduzir seu amante adúltera, que infelizmente era agradável para ela, a lascívia, porque ela mesma, como sendo a mãe de m

  6. É MUITO SIMPLES ENTENDER!
    POR QUE NÓS CATÓLICOS REZAMOS PARA OS SANTOS.
    /////////
    Primeiro, não é só os católicos.
    Enfim são todos os grupos históricos de cristãos (católicos, ortodoxos orientais, armênios, coptas, etc) ,
    Agora exceto para as ceitas protestantes.
    /////////

    Pois é pedindo aos santos sua intercessão Que nada mais é do que uma parte fundamental de todo o histórico do cristianismo, que nos traz a resposta para por que os cristãos rezam aos santos:
    /////////
    A fim de pedir-lhes para orar a Deus e de Cristo para nós.
    E MAIS …
    E tens muitos que dizem? Por que não orar diretamente a Jesus?
    Um deve orar diretamente a Jesus. Pois orando a Jesus é absolutamente indispensável para a vida de oração do cristão.
    //
    No entanto, pedir aos outros para orar com um é inteiramente apropriada e benéfica.
    //////////
    EXEMPLO

    O Apóstolo Paulo deu-nos um exemplo disto, pedindo repetidamente para os outros a rezar em seu nome.
    //
    Considere os seguintes versos onde Paulo pede que as pessoas orem por ele, exorta as pessoas a orar por ele, e até mesmo assume as pessoas estarão orando por ele:
    //
    “Rogo-vos, irmãos, por nosso Senhor Jesus Cristo e pelo amor do Espírito, que luteis juntamente comigo nas orações a Deus a meu favor ” (Romanos 15:30).
    //

    Você também deve nos ajudar através da oração, de modo que muitos darão graças por nossa conta para a bênção nos concedeu em resposta às muitas orações “(2 Coríntios 1:11).
    //
    “Orai em todas as vezes em Espírito, com toda oração e súplica. Para o efeito manter-se alerta com toda a perseverança, fazendo súplica por todos os santos, os santos, e também para mim ,
    //
    Que a expressão pode ser me dada no abrir da minha boca com ousadia para proclamar o mistério do evangelho, pelo qual sou embaixador em cadeias, para que eu possa declará-lo livremente, como me convém falar “(Efésios 6:18-20).
    //
     “Sim, e se alegrarão. Porque eu sei que através de suas orações e com a ajuda do Espírito de Jesus Cristo, este vai passar pela minha libertação “(Filipenses 1:19).
    //
     “Perseverai em oração, velando nela com ações de graças, e rezar também por nós, para que Deus nos abra uma porta à palavra, a declarar o mistério de Cristo, por conta de que estou em prisão, para que eu possa deixar claro, como me convém falar “(Colossenses 4:2-4).
    //
     “Irmãos, orai por nós ” (1 Tessalonicenses 5:25).
    //
     “Finalmente, irmãos, orai por nós , para que a palavra do Senhor se propague rapidamente e triunfo, como fez no meio de vós, e que sejamos livres de homens perversos e maus, pois nem todos têm fé “(2 Tessalonicenses 3: 1-2).
    //
     “Ao mesmo tempo, preparar um quarto para mim, porque eu estou esperando por suas orações para ser concedida a vós “(Filemon 22).
    //
    O princípio da oração de intercessão é mais claramente definido por Paulo na seguinte passagem:
    VEJA:
     “Primeiro de tudo, então, peço que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens , pelos reis e por todos os que estão em posições elevadas, para que possamos levar uma vida tranquila e pacífica, piedosa e respeitosa em todos os sentidos .Isso é bom, e é aceitável diante de Deus, nosso Salvador, o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade “(1 Timóteo 2:1-4).
    //
    E TEM PROTESTANTE QUE NÃO 500 anos ainda tem
    E vem com aquela decorada pergunta!
    Mas não é que a Bíblia diz que Jesus é o único mediador entre Deus e o homem?
    ////////
    AÍ EU RESPONDO
    Sim, é verdade, em 1 Timóteo 2:5 (“Porque há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem”), mas apenas citou as quatro versos imediatamente anteriores a esse, e você vai se lembrar que neles Paulo disse: “Eu peço que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens.”
    //
    AGORA ELES NÃO ENTENDEM QUE
    O fato de que Jesus é o único Mediador entre Deus e o homem não impede outras pessoas de agir como intercessores. E nós sabemos que a oração de intercessão, certamente, não desagrada a Deus, pois na mesma passagem que acabamos de citar, Paulo nos diz: “. Isso é bom, e é aceitável diante de Deus, nosso Salvador.
    Às vezes eu fico chocado com a forma como as pessoas podem saltar para cima e para baixo sobre o que Paulo diz em 1 Timóteo 2:5 e ainda falta o sujeito da oração de intercessão, que não é apenas o tema dos quatro versos anteriores, mas o segue para a discussão de mediação única de Jesus.
    //////////////

    Jesus é o único mediador entre Deus e o homem em dois sentidos. Primeiro, porque ele é o único Deus-homem, a única pessoa que se forma uma ponte viva entre a terra e o céu (algo que o próprio Jesus retratado, quando representou a si mesmo como a Escada de Jacó, João 1:51), mas isso não impede que outros pessoas possam orar por nós.
    ///////
    Em segundo lugar, ele é o único Mediador entre Deus e o homem, porque ele é o Mediador da Nova Aliança, pelo qual obtemos a salvação.
    ///////
    Este sentido de sua mediação única, no entanto, não impede outras pessoas de serem mediadores em sentido paralelo, pois Moisés é descrito como o mediador da Antiga Aliança (Gálatas 3:19-20), assim como Jesus é o Mediador da Nova Aliança (Hebreus 8:06, 9:15, 0:24, note que a palavra grega usada em Gálatas e Hebreus passagens, Mesites = mediador, é o mesmo que em 1 Timóteo 2:5). No entanto, uma vez que a aliança mosaica é agora extinta, que deixa Jesus como o único Mediador da aliança hoje.
    ////////////
    Amigo não pode haver dúvida de que a mediação de Jesus de modo nenhum impede a oração de intercessão, pois o próprio Jesus descreve isso como uma parte essencial de ser um filho de Deus:
    ///////////
    VEJA:
     “Mas eu vos digo: Amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem, para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus, porque ele faz nascer o seu sol sobre maus e bons, e faz chover sobre os justos e sobre os injustos “(Mateus 5:44-45)
    ///////
    ENFIM
    A mediação única de Cristo, portanto, não mais impede nosso irmão e nossa irmã cristã no céu de orar por nós que impede nosso irmão e irmã cristã aqui na terra de orar por nós. Pois é uma oração de intercessão em ambos os casos.
    //
    AÍ SE VIER UM PROTESTANTE COM AQUELE PERGUNTA?
    Por que não pedir a outros cristãos aqui na terra para orar por você, então?
    //
    EU LHE RESPONDERIA ASSIM…
    Mais uma vez, pode e deve pedir a outros cristãos aqui na terra para orar por um. No entanto, quanto mais as pessoas tem uma oração para um, o melhor, como sua devoção a Deus é adicionado ao nosso.
    /////
    POIS
    É uma verdade absoluta , que os santos no céu são ainda mais adequado para isso do que os cristãos vivos (os santos na terra), porque eles têm devoção indivisível em direção a Deus. Pois aqui na terra estamos aflitos com letargia, distrações, dificuldade de concentração e falta de fervor na oração, mas no céu, nenhum deles é o caso.
    ////////

    E MAIS…
    Os nossos irmãos e nossas irmãs no céu são os guerreiros de oração perfeita, tendo sido libertado das distrações do corpo.
     “A oração de um justo tem grande poder em seus efeitos” (Tiago 5:16 b).
    //
    Os santos no céu, tendo sido perfeitamente santificados (saintified), são mesmo mais justo do que nós, e por isso suas orações, que têm poder correspondente em seus efeitos. Eles são ainda mais capazes de orar por nós do que nós mesmos.
    //
    Mas não é que a Bíblia diz que é o trabalho do Espírito Santo para interceder por nós?
    Ele certamente diz que o Espírito Santo intercede por nós (Romanos 8:26-27), e para isso devemos ser muito gratos. Mas em nenhum lugar diz que este é exclusivamente sua tarefa.
    //
    De fato, o mesmo capítulo em Romanos também diz que o próprio Jesus intercede por nós (Romanos 8:34), um fato que é enfatizado em outras partes do Novo Testamento ( Hebreus 7:25, 1 João 2:1).
    E certamente não se pode citar o papel de intercessão do Espírito Santo como prova contra a intercessão universal de todos os cristãos para o outro, que já documentados de forma tão clara.
    ////////////
    NOTE QUE…
    O verbo “orar” significa a palavra Inglês “pray” originalmente significava simplesmente “pedir”, e por isso, quando se poderia pedir a Deus alguma coisa, estava orando a Deus, e da mesma forma quando “a fazer.” perguntou um outro para pedir em seu nome, você estava orando a eles para orar por você.
    //
    Olha este uso começou a mudar em Inglês após a Reforma Protestante, quando as pessoas que executam o idioma Inglês tornou-se protestantes. A forma idealizada de Inglês é “Inglês do Rei”, e o rei da Inglaterra era o chefe da Igreja Protestante da Inglaterra. Da mesma maneira, todas as universidades na Inglaterra foi protestante, e assim Inglês começou a assumir uma inclinação ideológica protestante ).
    //
    Protestantismos que foi introduzido em Inglês era começar a restringir o verbo “orar” somente a Deus, e o campo semântico da palavra começou a diminuir na maioria das circunstâncias. Ainda assim, no entanto, houve sobreviventes do, uso mais amplo.
    //
    Um deles é encontrado, por exemplo, na expressão britânica, “prithee”, como em “Prithee, buscar o livro” ou “Prithee, não dizer”. “Prithee” é uma contração de “peço-te” ou, mais contemporaneamente, “Peço a vocês.” (Há uma série de contrações em inglês assim: “adeus” é uma contração de “Deus esteja com vocês” e “zounds!” é uma contração de “por feridas de Deus [de Cristo]!” Confira um dicionário.)
    //
    Agora nos Estados Unidos, onde os agitadores do idioma Inglês também eram protestantes, mesmo este uso caiu fora, mas mesmo aqui há vestígios do uso mais velho, mais amplo do termo, por exemplo, em documentos judiciais.
    //
    Uma vez quando um amigo meu era protestante ele teve a oportunidade de apresentar uma moção a um tribunal, e quando chegou a papelada o seu advogado apresentou, e ficou surpreso ao vê-lo escrevendo coisas como “meu cliente ora para que o tribunal vai fazer assim e assim .
    ////////
    “Os seus sensibilidades protestantes ficaram chocados! “Seu cliente faz nada do tipo ” eu pensei. Mas eu só estava encontrando a sobrevivência do uso mais velho, mais amplo da palavra “orar”, da qual eu era naquela época não sabe, graças aos esforços dos meus antepassados protestantes amputando-a do idioma Inglês.
    //
    E MAIS…
    Outra sobrevivência do uso mais antigo de “orar”, e aquele que nos interessa aqui, é, naturalmente, a sua utilização em ambientes católicos. Católicos de língua Inglês nunca mais largou o uso mais antigo, quando os protestantes ao redor deles começou a restringir o seu significado, e por isso os católicos ainda hoje falam da oração aos santos e significado por ela simplesmente pedindo aos santos para interceder por nós.
    ////////
    Agora no uso religioso protestante moderna, sim, mas como já dissemos, não é esse o significado básico do termo, e que certamente não é o significado do termo em todas as circunstâncias.
    //
    Isso acontece mesmo com outros conceitos bem. Honrar a Deus, por exemplo, é um ato de adoração, mas em outros contextos homenageando uma pessoa é de nenhuma maneira um ato de adoração. Por exemplo, o próprio Jesus nos lembrou do dever de “Honra teu pai e tua mãe” (Marcos 7:10), mas ele certamente não estava comandando-nos a adorar o nosso pai e mãe.
    //
    Orar a Deus certamente pode incluir atos de adoração (louvando-o e proclamando a sua grandeza, por exemplo), mas também pode pedir simplesmente a ajuda de Deus em oração.
    //
    A linha inferior é que, quando usado em referência aos santos, a oração não é, certamente, um ato de adoração, mas é, como já dissemos, simplesmente um pedido de sua intercessão.
    //
    Para quem deseja ser rabugento sobre isso, tudo o que posso dizer é que há algo muito diferente está acontecendo no meu coração e no coração de todos os católicos, quando se diz: “São Pedro e São Paulo, rogai por mim” do que quando uma diz: “Ó Senhor Deus, tu és verdadeiramente supremo, você é o infinitamente Santo, o Todo-Poderoso, o Pai todo-perfeito da criação.”
    //
    E eu ainda pode apenas dizer que, a menos que tenha sido experimentado pessoalmente com a rezar aos santos, não é qualificado para julgar o que se passa no coração do outro, como se tem feito a si mesmo. E, de fato, não se deve julgar o coração dos outros para começar, mas deve levá-los em sua palavra, quando eles dizem que não há uma diferença marcante entre os dois. Devemos sempre lembrar injunção de Paulo:
    //
     “Nada façais por partidarismo ou vanglória, mas com humildade contar os outros superiores a vós mesmos” (Filipenses 2:03).
    Por isso os santos padroeiros são santos que as pessoas rezam para em circunstâncias específicas. Durante suas vidas, todos os santos estavam em situações particulares que lhes deram empatia para aqueles em situações relacionadas. Portanto, é razoável a rezar a eles nesses casos.
    //
    Por exemplo, se um santo viveu em sua cidade ou país, você pode rezar para que o santo como alguém que poderia vir a ter uma preocupação especial para as pessoas de sua área. Da mesma forma, se um santo tinha realizado sua ocupação durante a vida, que você pode rezar para ele como alguém que poderia vir a ter simpatia por pessoas de sua ocupação (tendo sido familiarizado com suas provações e dificuldades, em primeira mão). E se um santo teve uma experiência de vida semelhante ao seu, você pode orar a ele (por exemplo, um viúvo que quer se casar de novo pode pedir a Abraão para orar por uma nova esposa para ele, como Abraham era ele mesmo um viúvo que desejava e foi casar , Gênesis 25:1-4).
    ////////
    Os santos, sendo dotados de perfeito amor divino, não se importaria em tudo, ainda cuidar das situações das pessoas rezando para eles, e orava tão fervorosamente por aqueles pedindo sua intercessão. Em outras palavras, eles se no amor divino assumir o patrocínio daquela coisa.
    //
    AGORA VOU DA UM SIMPLES DETALHE .
    A Bíblia indica claramente que não vamos esquecer tudo sobre esta vida, quando estamos na próxima.
    Considere a parábola de Lázaro e o homem rico, no qual Abraão e o homem rico conversa e tanto a tela uma clara consciência do fato de que os irmãos do homem rico ainda estão vivos e não com eles na vida após a morte, e o homem rico se lembra de que eles não eram seguidores de Deus (Lucas 16:27-31). Abraão e o homem rico certamente não se esqueceu vida terrena ou as pessoas deixadas para trás nele.
    //
    O mesmo é ilustrado por outras passagens, bíblicas a seguir.
    Será que os santos não ser tão apanhados em Deus eles não têm tempo para pensar em nós?
    Olha a Bíblia mostra Abraham ser capaz de pensar em outra coisa que não Deus, e se um objeto que ele era naquela época não no céu (sendo antes da ressurreição de Cristo), então deve-se observar simplesmente que o livro de Apocalipse também retrata aqueles no céu estar ciente do que está acontecendo na Terra.
    //
    Por exemplo, considere os seguintes versos e a preocupação que eles mostram que estão nos céus com o que acontece na Terra:
    //
     “Então, um dos mais velhos [que representam a hierarquia do povo de Deus no céu] se dirigiu a mim, dizendo: ‘Quem são estes, vestidos de vestiduras brancas, e de onde é que eles vêm? ” Eu disse-lhe: ‘Senhor, tu sabes. E ele me disse: ‘Estes são os que vieram da grande tribulação , lavaram as suas vestes e as branquearam no sangue do Cordeiro “(Ap 7:13-14).
    //
     “[A] nd eles E mais …[os presbíteros] cantavam um cântico novo, dizendo: Digno és de tomar o livro e de abrir-lhe os selos, porque foste morto e com o teu sangue fizeste homens resgate por Deus de toda tribo, língua e povo e nação, e te fez um reino e sacerdotes para o nosso Deus, e eles reinarão sobre a terra “(Apocalipse 5:9-10).
    //
     “O sétimo anjo tocou a sua trombeta, e houve altas vozes no céu, dizendo: “O reino do mundo tornou-se o reino de nosso Senhor e do seu Cristo [isto nos diz estas são as vozes dos seres humanos], e ele reinará para todo o sempre “(Apocalipse 11:15).
    //
     “E os vinte e quatro anciãos que estão sentados em seus tronos diante de Deus caíram sobre seus rostos e adoraram a Deus, dizendo: “Damos graças a ti, Senhor Deus Todo-Poderoso, que és e que eras, que tomaste o teu grande poder e começou a reinar. As nações se enfureceu, mas veio a tua ira, e o tempo dos mortos para serem julgados, para premiar os teus servos, os profetas e os santos, e aqueles que temem o teu nome, tanto pequenos como grandes, e para destruir os destruidores da a terra ” (Apocalipse 11:16-18).
    //
     “E ouvi uma grande voz no céu, que dizia: ‘Agora a salvação, e o poder, e o reino do nosso Deus e a autoridade do seu Cristo ter vindo, porque já o acusador de nossos irmãos [isto indica que é uma voz humana] tem foi jogado para baixo, que os acusa dia e noite diante do nosso Deus. E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho, pois eles não amaram as suas vidas até a morte. Alegrai-vos, pois, ó céus, e você que nele habitam! Mas ai de vós, ó terra e mar, porque o diabo desceu a vós com grande ira, porque ele sabe que seu tempo é curto! “(Apocalipse 12:10-12).
    //
     Depois disto, eu ouvi o que parecia ser a voz de uma grande multidão no céu, gritando: “Aleluia! A salvação e a glória e o poder pertencem ao nosso Deus, porque os seus juízos são verdadeiros e justos, ele julgou a grande meretriz que corrompia a terra com a sua prostituição, e vingou nela o sangue dos seus servos “. Mais uma vez clamaram: “Aleluia! A fumaça dela [ela ser uma cidade na terra] sobe para todo o sempre “(Apocalipse 19:1-8).
    //
    E MAIS…
    A Bíblia indica que Deus envia seus anjos para aliviar os nossos sofrimentos). Da mesma forma, ele não arruinaria o paraíso para os seus santos. Pois eles podem estar preocupados em nossos sofrimentos, mas a sua bem-aventurança no céu não é perturbada ou arruinada. Eles sentem preocupação e compaixão, mas sem dor.
    AGORA…
    Imagino que nossos entes queridos, por exemplo, vai ver a nossa tristeza um pouco como nós vemos a ansiedade de uma criança que está alarmado que um de seus pais está deixando a casa, mas é muito jovem para entender que isso não é nada para se preocupar . Eles vão ver nossa tristeza e sentir compaixão e tocou e lisonjeado, e desejo que entendeu que não há nada para se preocupar e que tudo está bem, da mesma forma que sentimos quando uma criança pequena não quer sair. Eles vão se sentir concurso para conosco, em nossa ansiedade, mas não ferido ou ferido por ele.
    ///////////
    Um exemplo final deve fazer o ponto que, no estado beatificado nós simplesmente não vai sentir dor, e isso é tudo que existe para ela: Vamos estar ciente dos sofrimentos dos condenados, e esses são muito mais intensa do que qualquer julgamento que enfrentamos durante esta vida. Deus não vai cortar a parte de nossa mente que está consciente da existência do inferno (na verdade nós não gostaria de receber a plenitude da justiça de Deus e sua misericórdia para nós, se não percebeu a alternativa para estar no céu), mas ele não vou deixar isso arruinar a nossa bem-aventurança para nós, também.
    ///
    A Bíblia nos diz. Uma passagem em que isso fica claro é em 2 Macabeus, onde Judá teve uma visão na qual St. Onias, o sumo sacerdote lhe mostra o profeta Jeremias, agora no céu, e lemos:
     “E Onias falou, dizendo: ‘Este é um homem que ama os irmãos e reza muito pelo povo e da cidade santa, Jeremias, o profeta de Deus “(2 Macabeus 15:14).
    //
    VOCÊ JÁ SABE QUE…
    Os protestantes não tendem a gostar dessa passagem, pois é a partir de um dos livros-os deuterocanônicos sete livros do Antigo Testamento cortada da Bíblia, mas que é ao mesmo tempo ensinado no Novo Testamento, no livro de Apocalipse lemos:
    //
     “E, havendo tomado o livro, os quatro seres viventes e os vinte e quatro anciãos prostraram-se diante do Cordeiro, cada um segurando uma harpa e com taças de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos ” (Apocalipse 5: 8).
    //
    Isso nos mostra os vinte e quatro anciãos, que representam os líderes do povo de Deus no céu, oferecendo a Deus as orações dos santos na terra. Eles, portanto, deve ser intercedendo com Deus, apresentando-lhe as nossas necessidades de oração.
    //
     “E veio outro anjo, e pôs-se junto ao altar, com um incensário de ouro, e foi-lhe dado muito incenso para se misturar com as orações de todos os santos sobre o altar de ouro diante do trono, e a fumaça do incenso subiu com as orações dos santos da mão do anjo diante de Deus “(Apocalipse 8:3-4).
    //
    E MAIS …
    Foi o próprio Jesus que nos disse que os anjos da guarda de crianças pequenas têm acesso garantido ao Pai para interceder em favor de suas cargas:
     “Veja que você não desprezeis algum destes pequeninos, porque eu vos digo que seus anjos nos céus sempre vêem a face de meu Pai que está nos céus” (Mateus 18:10).
    //
    Os próprios versos que acabamos de citar. Escusado será dizer, por exemplo, que os nossos anjos da guarda estão conscientes do que estamos fazendo. É o seu trabalho para proteger -nos, afinal, para que possamos ter certeza de que sabemos o que estamos fazendo e quando estamos a pedir-lhes que orem por nós.
    //
    E da mesma forma, quando lemos sobre os santos no céu, oferecendo nossas orações a Deus, na forma de incenso (Apocalipse 5:08, 8:3-4), sabemos que eles são conscientes de nossas orações.
    //
    Lembre-se: Que a maioria dos santos não têm corpos físicos agora. Eles ainda não têm cartões de oração físicas pedido ou incenso física ou qualquer coisa assim. Isto significa que quando eles são retratados como apresentar a Deus com nossas orações, elas não são fisicamente apresentá-lo com nossas orações, para que eles devem ser mentalmente apresentá-los a ele. Mas se eles estão mentalmente apresentar nossas orações a Deus, então eles devem estar cientes de nossas orações.
    //
    Se um objeto que essas orações não eram dirigidas a eles, mas a Deus, em seguida, uma só cava-se no mais profundo, porque nesse caso eles estariam cientes de orações que não foram ainda dirigidas a eles , mas eles ainda levá-los para cima e interceder por nós na base deles.De qualquer maneira que você vá, os santos estão conscientes de nossas orações.
    //
    EU TI ASSEGURO COM TODA CERTEZA ABSOLUTA QUE…
    Os santos certamente têm mais conhecimento do que nós fazemos nesta vida:
     “Para [agora], em parte conhecemos … mas quando vem a perfeição, o imperfeito desaparecerá. Quando eu era criança, falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança. Quando cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino atrás de mim. Agora , vemos apenas um reflexo obscuro, como em um espelho, então veremos face a face. Agora , conheço em parte, então conhecerei plenamente, como também sou plenamente conhecido “(1 Coríntios 13:9-12).
    //
    Nós nunca iremos ser onisciente e, certamente, não será onipresente, mas vamos estar cientes de muitas coisas que não estão agora cientes.
    //
    A conta padrão de como os santos são conscientes de nossas orações é que, porque eles têm a visão beatífica de Deus, que vê Deus em todo o conhecimento de que necessitam, todo o conhecimento que é relevante para eles, e assim eles vêem o nosso orações para eles. Por conta padrão é, portanto, pela onisciência de Deus que eles se tornam conscientes de nossas orações, embora eles próprios nunca são oniscientes e nunca tomar no âmbito de conhecimento de Deus, apenas as partes que são relevantes para eles.
    //
    AGORA ENTENDA QUE…
    Em primeiro lugar, mesmo que um santo não poderia responder a sua oração devido ao excesso de volume, Deus sabe a sua oração, por isso não se preocupe.
    Segundo, mesmo que um santo não poderia pessoalmente orar por você devido ao excesso de volume, ele ou ela ainda poderia orar por você , geralmente , por exemplo, “Senhor, por favor, ajudar a todos aqueles que estão pedindo a minha intercessão.”
    //
    Em terceiro lugar, quando você escreve o chefe de um grande ministério, que recebe muitas cartas a responder pessoalmente, mesmo que o próprio pessoa não leu a carta, alguém em sua equipe o fará. Desde que o céu é pelo menos tão eficiente quanto as organizações terrenas, se você enviou uma oração para a santos, o popular Virgem Maria, vamos dizer, e ela, por algum motivo não foi capaz de respondê-la, alguém em sua equipe faria?
    //
    Em quarto lugar, o tempo não funciona da mesma forma em vida após a morte. Aqueles no céu tem o “time” tudo que eles precisam fazer cada coisa que eles precisam.
    Em quinto lugar, e mais importante, é simplesmente totalmente falso que aqueles no céu pode ser sobrecarregado com muitas orações. A capacidade de processamento de informação do intelecto humano glorificado e nossos intelectos atual é maior do que a diferença entre o de uma capacidade de um estado da arte supercomputador e um ábaco primitivo.
    //
    Agora considere o seguinte:
    Paulo diz que, enquanto agora sabemos parcialmente, então vamos conhecer plenamente (1 Coríntios 13:9-12)
    //
    Jesus nos diz que no Dia do Juízo, teremos uma revisão de toda a nossa vida, todas as ações que temos realizado. Isso se estende para baixo até o mais trivial de nossas ações, pois ele nos diz:
    //
    “Mas eu vos digo que os homens terão de dar conta no dia do juízo de toda palavra inútil que tiverem falado” (Mateus 12:36).
    //
    Mas a menos que o Dia do Julgamento é tão longa quanto a vida inteira (e mais, na verdade, uma vez que vamos conhecer e entender tudo o que fizemos e seu significado melhor do que nós agora), então a nossa capacidade de processamento de informações deve ser muito, muito maior.
    //
    Além disso, nós não só sabe tudo o que nós temos feito, vamos saber tudo o que todos ao nosso redor tem feito, pois Jesus nos diz:
    “Não há nada escondido que não venha ser revelado, nem oculto que não venha a ser conhecido. O que vocês disseram nas trevas será ouvido à luz do dia, eo que você sussurrou ao ouvido no interior da casa será proclamado dos telhados “(Lucas 12:2-3).
    //
    Isso significa que não só será capaz de processar cada ação de nossas próprias vidas e seu significado, nós seremos capazes de fazer o mesmo para cada ação da vida dos que nos rodeiam, indicando um valor verdadeiramente astronómico de processamento de informação poder para os nossos intelectos uma vez libertados de nossas condições atuais.
    //
    OBSERVE
    Como o Novo Testamento descreve Jesus como intercedendo por nós:
    “Quem é que condena? Cristo Jesus, que morreu – mais do que isso, que foi criado para a vida – está à direita de Deus e também intercede por nós “(Romanos 8:34).
    //
    Jesus vive para sempre, ele tem um permanente sacerdócio . Portanto, ele é capaz de salvar definitivamente aqueles que vêm a Deus por meio dele, pois vive sempre para interceder por eles “(Hebreus 7:24-25).
    //
    ” Meus filhinhos, escrevo isso a vocês para que não pequeis. Mas, se alguém pecar, temos um que fala ao Pai em nossa defesa – Jesus Cristo , o Justo “(1 João 2:1).
    //
    Nessas passagens, Jesus é dito estar intercedendo por nós na sua qualidade de Cristo e, como sacerdote , e não apenas como o Filho de Deus. Porque Cristo e padre são dois papéis que assumiram como resultado da Encarnação, ele está intercedendo por nós em sua capacidade humana como Messias e Sumo Sacerdote. Essas passagens assim fala dele intercedendo por nós através de seu intelecto humano glorificado, não o intelecto divino. Como resultado, se Jesus, o homem com mais pedidos de oração enviados para ele do que qualquer outra pessoa, é capaz de interceder por nós com a sua glória humana intelecto, não pode haver dúvida de que todos os outros santos, que recebe menos orações, será capaz a fazê-lo tão bem.
    COMO EU ME ORGULHO DE SER CATÓLICO.

  7. “A Igreja Católica Nunca Errou”?
    “A Igreja Católica É A Verdadeira”
    Vejamos, quem criou a Igreja Católica foi São Pedro. São Pedro foi um homem santo, a quem Jesus fez um pedido; que pedido será esse ?
    Vamos ver o que Jesus falou para Pedro: “Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a MINHA Igreja,e as portas do inferno não prevalecerão contra Ela’ , (Mt 16,18),e:” Eu estarei convosco todos os dias até o fim do mundo “(Mt 28,20) “E tudo o que ligares na Terra será ligado nos Céus, e tudo o que desligares na Terra será desligado nos Céus.” (Mateus 18:18). Lembrando-se foi São Pedro que deu origem a Igreja Católica, e Jesus confiou em Pedro, Jesus até disse: “Eu te darei as chaves do Reino dos Céus” (Mateus 16:19).
    Tenho certeza que depois que postar isso, os protestantes vão falar: “Essa é a Igreja Verdadeira, como se ela errou ?”.
    1º. A Igreja não erra e jamais errará, esta na Bíblia: “Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, porém santa e irrepreensível, quem erra são os filhos da igreja”.
    Falam que a Igreja matou vários inocentes na “Inquisição Papal” e na “Caça as Bruxas”.
    Os inimigos da igreja usam a falta de conhecimento ou o fanatismo de seus fiéis, para faze-los crer que a inquisição seria ordens da Igreja Católica para matar rebeldes, no entanto jamais apresentaram um único documento (bula papal) que comprove tais acusações. Os tribunais da inquisição realmente existiram e foi criado pelo papa Gregorio IX no ano de 1233, com a finalidade de investigar os casos de Heresias (doutrina contrária a igreja); jamais o papa mandou matar ou castigar alguém,”Não a pena maior do que ser afastado do corpo de Cristo (igreja). Se a Igreja aplicasse a pena de morte Lutero, Calviuno entre outros líderes protestantes seriam mortos. O papa Alexandre III disse: “Mais vale absolver um culpado, do que condenar um inocente, convém a mansidão aos homens da igreja e não a dureza”; esse mesmo papa é acusado injustamente de matar milhares de pessoas, é verdade que alguns réus foram condenados a morte, por aproveitadores que usaram o nome da igreja, porém o papa jamais autorizou esses crimes.
    E naquela época que eram mortos os feiticeiros, e bruxos; (porque naquela época bruxaria era crime”, fala a Bíblia: “Não deixarás viver os feiticeiros”. (Ex 22,18). A Igreja Católica não mandava matar, ela apenas os julgava, e quem aplicava a pena de morte era o Estado. Então como hoje os julgamentos, sempre tem um erro, e hoje estamos numa época bem mais desenvolvida e tem erros, erros que agente nem pode acreditar, imagina a mais de 500 anos atrás ? Pois a justiça sempre falha, como no Brasil, na Europa, e nos países mais desenvolvidos, então veja os padres, bispos não mandavam matar, apenas os julgavas, se os bispos,padres,… erraram no julgamento, lembre-se, não foi a igreja que errou, e jamais errará “Quem erra são os filhos da igreja”. Mais mesmo assim os protestantes julgam, perseguem, e criticam a Igreja Católica, disse Jesus: “Se perseguem a mim, imagine vocês (igreja)”,”Não julgueis, pois, para não serdes julgados”.
    2º O poder de Satanás é tão forte, que ele vai conseguir comandar a “Santa Igreja” (Católica). Como nessa e outras profecias, falam que “Um anticristo vai sentar no trono de Jesus em Jerusalém, e também sentará onde sentou os papas do Deus verdadeiro, e vai dizer: Sou eu, Cristo (o demônio se disfarçará como um Anjo de Luz) vim do céu, e trago uma mensagem do meu pai a vocês”. Esse tal anticristo, porque será que ele quer sentar na cadeira do “papa do Deus verdadeiro” ? Pois ele sabe muito bem, que estará comandando da “Igreja de Jesus”, sabe que a “Igreja de Jesus” é uma grande influência no mundo, e sabes também que ele pode com a igreja em um estalo fazer todo mundo adorar ao Satanás (por ela ser forte, ser a verdadeira, e ter uma influência muito grande). A partir que esse tal papa anticristo entrar no comando da “Santa Igreja Romana”, os dias finais vão começar a ser contados, e o Juiz julgará seu povo. Porque será que Jesus vai querer julgar seu povo, logo depois que esse anticristo entrar no comando da “Sua Igreja” ? Vamos lembrar, o que Jesus falou a Pedro ? “E as portas do inferno jamais prevalecerão contra Ela’ , (Mt 16,18), Jesus prometeu, e eu como outras pessoas temos certeza que o que Jesus promete, ele faz, pois ele não quer ver a sua “Única Igreja” no comando de Satanás. E porque também em todas as profecias a Igreja Católica é citada como ‘ “Santa” Igreja Romana’ ou, ‘ “Santa” Igreja ? Porque ? Porque vejamos, ela veio das mãos de Jesus, é Santa, é una, é apostólica, é católica; “É A VERDADEIRA”

    • Eu, Galileu, filho do falecido Vincenzo Galilei, florentino, de setenta anos de idade, intimado pessoalmente à presença deste tribunal e ajoelhado diante de vós, Eminentíssimos e Reverendíssimos Senhores Cardeais Inquisidores-Gerais contra a gravidade herética em toda a comunidade cristã, tendo diante dos olhos e tocando com as mãos os Santos Evangelhos, juro que sempre acreditei, que acredito, e, mercê de Deus, acreditarei no futuro, em tudo quanto é defendido, pregado e ensinado pela Santa Igreja Católica e Apostólica. Mas, considerando que (… ) escrevi e imprimi um livro no qual discuto a nova doutrina (o heliocentrismo) já condenada e aduzo argumentos de grande força em seu favor, sem apresentar nenhuma solução para eles, fui, pelo Santo Oficio, acusado de veementemente suspeito de heresia, isto é, de haver sustentado e acreditado que o Sol está no centro do mundo e imóvel, e que a Terra não está no centro, mas se move; desejando eliminar do espírito de Vossas Eminências e de todos os cristãos fiéis essa veemente suspeita concebida mui justamente contra mim, com sinceridade e fé verdadeira, abjuro, amaldiçôo e detesto os citados erros e heresias, e em geral qualquer outro erro, heresia e seita contrários à Santa Igreja, e juro que no futuro nunca mais direi nem afirmarei, verbalmente nem por escrito, nada que proporcione motivo para tal suspeita a meu respeito.” só peguei um trecho de um site católico que publicou a carta de Galileu http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/galileu-galilei/galileu-galilei-2.php. TÁ AI SEU ALIENADO.

      • OLHA BRUNO O QUE MAIS TEM NESSE BRASIL E NO MUNDO SÃO PESSOAS AMALDIÇOADAS E SATÂNICAS QUE USAM SITES CATÓLICOS NÃO SENDO CATÓLICOS PARA PREGAR BABOSEIRAS
        EU JÁ ESTOU ACOSTUMADO A REFUTAR VAGABUNDOS E FALASTRÕES SEM ALMA E SEM ESCRÚPULOS QUE USAM DE DOCUMENTOS FALSOS E DESCARADOS PARA ACUSAR A DOUTRINA CATÓLICA.
        //////////////
        VOU TI DA UM EXEMPLO PEGUE OS LIVROS DE INQUISIÇÃO QUE ACUSAM A IGREJA É UMA PIADA UMA AFRONTA SEM NOÇÃO.
        ///////////

        COLOCA NA SUA CABEÇA BRUNO NÃO EXISTE ERROS DE DOGMAS E DE DOUTRINAS NA IGREJA CATÓLICA E OUTRA UM PAPA NUNCA JAMAIS ERROU EM DOUTRINAS OLHA BRUNO ESTUDE A PATRÍSTICA E A HISTÓRIA PRIMITIVA E VERÁS.
        ///////

        UM PAPA PODE TER COMETIDO ERROS COMO MULHER DINHEIRO VÍCIOS MAS EM QUESTÕES DE FÉ JAMAIS ERROU BRUNO.
        /////

        E OUTRA UM PAPA JAMAIS PODE MUDAR UM DOGMA OU UMA DOUTRINA MESMO SE ELE QUISESSE.

  8. BRUNO EU AMO REFUTAR VIBRADORES COMO VOCÊ!
    VOCÊS PROTESTANTES ESTUDANTES DE FABULAS CALUNIA A IGREJA CATÓLICA COM LIVROS FALSOS SEM FONTE HISTÓRICA E TANTAS FALSIFICAÇÕES AMADORES QUE DA ATÉ NOJO.

    VAI UM CONSELHO O MEU COLEGA HEREGE DOUTRINA E DOGMA SÃO VERDADES REVELADAS QUE NEM O PAPA PODE MUDAR.
    ///////
    AGORA O QUE TEORIA DO SOL ETC…
    TEM AVE COM DOUTRINA VAI PLANTAR AMENDOIM NO ASFALTO

  9. O significado de Roma reside principalmente no fato de que é a cidade do papa . O Bispo de Roma , como o sucessor de St. Peter , é o Vigário de Cristo na terra ea cabeça visível da Catholic Church .Roma é, portanto, o centro de unidade na fé , a fonte da jurisdição eclesiástica e da sede da autoridade suprema, que pode ligar por seus decretos a fiel durante todo o mundo. A Diocese de Roma é conhecida como a ” Sé de Pedro “, a “Santa Sé” , o “Santa Igreja Romana “, a “Santa Sé” – títulos que indicam sua posição única na cristandade e sugerir a origem de sua preeminência. Roma, mais do que qualquer outra cidade, tem testemunha , tanto para o esplendor do passado pagão mundo e para o triunfo do cristianismo . É aqui que a história da Igreja pode ser traçada desde os primeiros dias, a partir das humildes origens nas catacumbas para o majestoso ritual de St. Peter é . Em cada turno vem em lugares sagrados pelas mortes dos mártires , as vidas de inúmeros santos , as memórias de sábios e santos pontífices . De Roma, os portadores do Evangelho mensagem saiu para os povos daEuropa e, eventualmente, para os confins da terra. Para Roma, mais uma vez, em todas as épocas incontáveis ​​peregrinos que enchiam de todas as nações, e especialmente de países de língua Inglês.Com a religião dos missionários realizados os melhores elementos da antiga cultura e civilização, queRoma tinha preservado em meio a todas as vicissitudes da invasão bárbara. Para estes tesouros da antiguidade foram acrescentadas as produções de uma arte mais nobre inspirado por ideais mais altos, que encheram Roma com obras de arquitetura , pintura e escultura . Estes apelo de fato a cadamente dotada com percepção artística, mas o seu pleno significado somente o católico crente pode apreciar, porque ele sozinho, em seu mais profundo pensamento e sentimento, é um com o espíritoque pulsa aqui, no coração do mundo cristão .

    Muitos detalhes sobre Roma foram estabelecidas em outros artigos da Enciclopédia Católica. Para as prerrogativas do papado o leitor é remetido ao PAPA , porque o eclesiástico governo da cidade e dadiocese , ao Cardeal Vigário , por litúrgicas assuntos, a rito romano , por educação , para ROMAN FACULDADES , pois literário desenvolvimento, para ROMAN ACADEMIAS ; para a história , para os artigos biográficos sobre os vários papas , e os artigos de Constantino, o Grande , CHARLEMAGNE , etc Há um artigo especial sobre cada um dos religiosos ordens, santos e artistas mencionados neste artigo, enquanto os detalhes da papal administração, tanto espiritual e temporal, será encontrado tratada sob Câmara Apostólica ; AUDIÊNCIAS PONTIFÍCIAS ; EXAMINADORES APOSTÓLICA ; SANTA SÉ ; rescripts PAPAL ; Congregações romanas ; Cúria Romana ; SACRA ROMANA ROTA ; UNIDOS DA IGREJA , etc Dos grandes cristãos monumentos o Eterno Cidade , artigos especiais são dedicados aBASÍLICA DE ST. PETER ; TOMB OF ST. PETER ; Latrão ; VATICANO ; Cátedra de Pedro .

    O presente artigo será dividido:

    Topografia e condições existentes;
    História Geral do Município;
    Igrejas e outros monumentos.
    Topografia e as condições existentes

    A cidade de Roma sobe nas margens do Tibre, a uma distância de 16-19 km da foz daquele rio, que faz com que um sulco profundo na planície que se estende entre o Alban Hills, ao sul, as colinas dePalestrina e Tivoli , e os outeiros Sabine, a leste, e as colinas da Úmbria e Monte Tolfa , ao norte. A cidade fica na latitude 41 ° 54 ‘de latitude e longitude 12 ° 30’ E. de Greenwich. Ocupa, na margem esquerda, não só a planície, mas também as alturas adjacentes, ou seja, partes do Parioli colinas, doPincian , o Quirinal, o Viminal , o Esquilino (que são apenas as extremidades de uma montanha de massa de tufo que se estende ao Alban Hills), o Capitólio, o Célio, o Palatino eo Aventino – colinas que agora estão isolados. Na margem direita é o vale mentir sob Monte Mario o Vaticano , eo Janiculan , o da última chamada que agora se tornou coberto com casas e jardins. O Tibre, que atravessa a cidade,faz duas curvas acentuadas e uma ilha (S. Bartolomeu ), e dentro da cidade os seus bancos estão protegidos por paredes fortes e sublime, que foram iniciadas em 1875. O rio é atravessado por catorze pontes, sendo um deles apenas provisória, enquanto dez foram construídos desde 1870. Há também uma ponte da estrada de ferro perto de São Paulo. navegação no rio é possível apenas para navios de calado de luz, que ancora a Ripa Grande, levando cargas de petróleo e de outras commodities.

    Para a cura de almas , a cidade é dividida em 54 freguesias (incluindo 7 nos subúrbios), administrados em parte pelo clero secular , em parte por regular. Os limites das freguesias foram radicalmente alteradas por Pio X , para atender às novas necessidades decorrentes de mudanças topográficas.Cada paróquia tem, além de sua paróquia padre , um ou dois sacerdotes assistentes , um chefe desacristão , e um número indeterminado de capelães . As paróquias sacerdotes a cada ano elege um camareiro do clero , cuja posição é puramente honorário, a cada mês, eles se reúnem para uma conferência para discutir casos em teologia moral e também as exigências práticas do ministério. Em cada paróquia há uma paroquial comitê para católicos obras, cada um tem as suas diversas confrarias, muitos dos quais têm a sua própria igreja e oratória . Na grande extensão do país fora de Roma, ao longo das principais rodovias, existem capelas para o alojamento dos poucos habitantes se estabeleceram, e os obreiros e pastores que a partir de outubro-julho estão envolvidos no trabalho de campo aberto. Nos tempos antigos a maioria dessas capelas tinham sacerdotes de sua própria, que também mantiveram escolas , hoje em dia, através dos esforços da sociedade para a religiosa ajuda do Agro Romano (ou seja, os distritos do país em torno de Roma), os sacerdotes são levados para lá a partir de Roma a cada domingo para dizer missa , catequizar e pregar sobre o Evangelho . As casas de homem religioso número 160, de fêmea religioso , 205, para a maior parte dedicada à docência,ministrando aos doentes em público e privado hospitais , gerenciando várias casas de retiro , etc Além dos três patriarcais capítulos ( ver abaixo, em “Igrejas”), há pelo Roma onze colegiados capítulos .

    Nos patriarcais basílicas há confessores para todos os principais idiomas. Algumas nações têm os seus nacionais igrejas (alemães, Anima e Campo Santo, francês , S. Luís e S. Claudio; croatas , S. Girolamo dei Schiavoni, belgas , S. Giuliano ; Português , S. Antonio ; espanhóis , S. Maria em Montserrat , para tudo o que pode ser adicionado as igrejas dos orientais ritos ). Além disso, nas igrejas e capelasde muitas casas religiosas , especialmente as generalates, bem como nos vários nacionais faculdades, é possível para os estrangeiros a cumprir os seus religiosos obrigações . Por que falam Inglêspessoas os conventos da Irlanda dominicanos (S. Clemente) e do Irish franciscanos (S. Isidoro), oInglês , irlandês e americano Faculdades , a nova Igreja de S. Patrizio na Via Ludovisi, que de S. Giorgio dos ingleses Sisters no Via S. Sebastianello, e particularmente S. Silvestro em Capite (Pallottini) deve ser mencionado. Nessas igrejas , também, há, regularmente, sermões em Inglês emdia de festa à tarde, durante a Quaresma e do Advento , e em outras ocasiões. Às vezes, há sermõesem Inglês em outras igrejas também, a notificação a ser dada de antemão por letras colocadas fora das igrejas e por anúncios nos jornais. Primeiras Comunhões são feitos principalmente nas paróquiasigrejas , muitos pais colocam suas filhas em reclusão durante o período de preparação imediata, de alguma instituição de ensino . Há também duas instituições para a preparação dos meninos para a sua primeira comunhão , um deles sem acusação (Ponte Rotto). doutrina cristã é ensinado tanto no dia e noite escolas que são dependentes ou na Santa Sé , ou religiosas congregações ou católicasassociações. Para aqueles que frequentam as primárias públicas escolas , paroquial catecismo é fornecido no domingo e dia de festa tarde. Para médio e universitário estudantes adequadas escolasde religiosos instrução ter sido formado, conectado com a linguagem escolas ea escolástica ripetizioni, de modo a atrair os jovens. As confrarias , num total de 92 em número, são ou profissional (para os membros de certas profissões ou ofícios), ou nacional, ou para alguma caridade objeto (por exemplo, para a instituição de caridade para os presos ; S. Lucia del Gonfalone e outros como ele, para dar dotes de pobres jovens mulheres de bom caráter , o Confraternita della Morte, para enterrar os que morrem nos distritos do país, e várias confrarias de acompanhamento de funerais, das quais a principal é a do Sacconi , que de S. Giovanni Decollato, para ajudar pessoas condenadas à morte ), ou ainda têm algum puramente devocional objetivo, como as Confrarias do Santíssimo Sacramento , da Doutrina Cristã , dos vários mistérios da religião , e de alguns santos .

    Para eclesiástica instrução existem na cidade, além de vários italianos e estrangeiros faculdades , três grandes eclesiásticos universidades : o gregoriano , nos jesuítas , as Escolas do Seminário Romano, em S. Apolinário, o Collegio Angelico dos dominicanos , anteriormente conhecido como o Minerva.Vários religiosos ordens também têm escolas de seus próprios – os beneditinos de S. Anselmo, osfranciscanos em S. Antonio , o Redentoristas em S. Alfonso , o Calced Carmelitas , no Colégio de S. Alberto, o arquivo. Capuchina os Menores Conventuais , os Agostinianos , e outros. ( Veja Colégios Romanos .) para estudos clássicos existem, além das escolas de S. Apolinário, o Collegio Massimo , sob os jesuítas , compreendendo também fundamental e técnico escolas , o Colégio Nazareno(Piarists), o ginásio e intermediário escola de que tomar classificar com as do Governo, o InstitutoAngelo Mai (Barnabite). Os Irmãos das Escolas Cristãs têm um instituto técnico florescimento (deMerode ) com uma pensão ( Convitto ). Há oito faculdades para os jovens sob a direção deeclesiásticos ou religiosos . A Santa Sé ea Sociedade para a Protecção dos católicos Interessestambém manter Quarenta e seis elementares escolas para o povo em sua maioria sob os cuidados dereligiosos congregações . Para a educação de meninas há vinte e seis instituições dirigidas por Irmãs , alguns dos quais também recebem dia-alunos . Os orfanatos são em número de nove, e alguns deles estão conectados com técnicas e industriais escolas . O Salesianos , também, ter uma instituição similar, e há duas instituições agrícolas. Hospices são fornecidos para os convertidos dos cristãosseitas e hebraicos neófitos . Trinta outras casas de refúgio, para crianças, órfãos , idosos, etc, são dirigidas por religiosos homens ou mulheres .

    Como a capital da Itália , Roma é a residência da casa reinante, os ministros , os tribunais, e os outros funcionários civis e militares, tanto do governo nacional ea provincial. Para instrução pública há a universidade , dois institutos técnicos, uma escola comercial, cinco ginásio, liceus, oito técnicosescolas , uma fêmea instituto para a preparação de professores do ensino secundário, de nacionalidade embarque escola , e outros leigos instituições, além de um militar faculdade . Existem também vários particulares escolas de línguas, etc – a Vaticana, a Nazionale (formado a partir dasbibliotecas do Colégio Romano , da Aracoeli Convento e outros monásticas bibliotecas parcialmente em ruínas), o Corsiniana (hoje Escola da Accademia dei Lincei ), o Casanatense , a Angelica (anteriormente pertencente à Agostinianos ), o Vallicellana (Oratório, fundada pelo Cardeal Barônio ), a Militare Centrale , o Chigiana , entre outros. (Para as academias ver INSTITUTOS ROMANOS ). nações estrangeiras para manter as instituições artístico, histórico ou arqueológica estudo (Estados Unidos, Grã-Bretanha , Áustria-Hungria , Prússia , Holanda , Bélgica , França ). Há três astronômicos e observatórios meteorológicos: o Vaticano , o Capitólio (Campidoglio), eo Colégio Romano ( jesuíta ), o último nomeado, situado na Janiculan , foi suprimida. Os museus e galerias dignos de menção são oVaticano (ver VATICANO ), os de Christian e de antiguidades profanos no Latrão (famoso pelo “Satyr Dancing”, o “Sófocles”, um dos melhores do retrato estátuas na existência encontrada em Terracina , o “Netuno”, o pagão eo cristão sarcófagos com decorações em relevo, ea estátua de Hipólito ). Na galeria ao Latrão existem pinturas de Crivelli , Gozzoli , Lippi , Spagna, Francia , Palmezzano ,Sassoferrato e Seitz . O Capitólio Museu contém romanos pré-históricos túmulos e mobiliário doméstico, relevos do Arco de Marco Aurélio , uma cabeça de Amalasunta , uma figura metade do comprimento do imperador Commodus , o epitáfio da criança prodígio Quintus Sulpicius Maximus , o Esquilino e os Capitolinos Vênus “Diana dos Efésios “, o Capitolino Wolf (obra etrusca do século V aC ), Marforius, o Morrer Gladiator , bustos de imperadores e outros homens famosos da antiguidade, e de Vespasiano “Lex regia”, o Gallery contém obras de Spagna, Tintoretto , Caracci , Caravaggio , Guercino ( St. Petronila , o original do mosaico na Basílica de São Pedro ), Guido Reni , Ticiano , VanDyke , Domenichino , Paolo Veronese , e outros mestres. Há importantes numismática coleções ecoleções de jóias de ouro. O Villa Giulia tem uma coleção de etrusca de terracota, o Museu Romano, os objetos recentemente escavado, o Museo Kircheriano foi ampliado em uma etnográfico do museu .A Galeria Borghese é na vila do mesmo nome. A Galeria Nacional, na Exposição Construção ( Palazzo dell ‘Esposizione ), é formada a partir do Corsini , Sciarra e Torlona coleções , juntamente com aquisições modernos. Há também várias colecções particulares em diferentes partes da cidade.

    As instituições públicas de caridade estão consolidados no Congregazione di Carità, sob a administração comunal. Há vinte e sete públicas hospitais , o mais importante dos quais são: a Policlínica, que é destinado a absorver todos os outros; S. Spirito , à qual se anexa o hospício eohospital de enjeitado ; S. Salvatore, um hospital, para mulheres , no Latrão ; S. Giacomo, S. Antonio , a Consolação , dois militares hospitais . Há também um instituto para cegos, duas clínicas para doenças dos olhos, vinte e cinco asilos para abandonadas filhos, três deitado em hospitais , e inúmeras clínicas privadas para o pagamento de pacientes. Os grandes passeios públicos são o Pincian, ao lado da Villa Borghese e agora conhecido como Umberto Primo , onde um jardim zoológico foi recentemente instalado eo Janiculum . Vários parques ou jardins privados, como o Villa Pamphili, também estão acessíveis ao público todos os dias.

    A população de Roma em 1901 era 462.783. Destes, 5000 eram protestantes , 7.000 judeus , 8.200 de outras religiões e sem religião . No censo de agora (1910) está sendo feito um aumento de mais de 100 mil é esperado. Roma é agora o mais saudável de todas as grandes cidades da Itália , sua mortalidade para 1907 sendo 18,8 por mil, contra 19,9 no Milan e 19,6 em Turim . A imprensa é representada por cinco agências: existem 17 jornais diários, dois deles Católica (“Osservatore Romano” e “Corriere d’Italia”), 8 periódicos são emitidas uma ou mais vezes na semana (5 católica , 4 em Inglês- “Roma”, “Roman Herald”, “romano mensageiro”, “Roman World ” ); 88 são emitidas mais de uma vez por mês (7 Católica ), há 101 revistas mensais (19 Católica ); 55 periódicos aparecem com menor freqüência do que uma vez por mês.

    História geral da cidade

    Armas e implementos do Paleolítico, encontrados nas proximidades de Roma, testemunham a presença de homem aqui, naqueles tempos remotos. As escavações mais recentes têm demonstrado que, logo no século VIII aC ou, segundo alguns, vários séculos antes, havia um grupo de humanos habitações noPalatine Hill, uma borda tufaceous subindo no meio do terreno pantanoso perto do Tibre. (Esse rio, pode-se observar aqui, era conhecido pelos povos primitivos com o nome de Rumo “, o rio “). Assim é o relato tradicional da origem da Roma substancialmente verificada. Ao mesmo tempo, ou pouco depois, uma colónia de Sabines foi formado no Quirinal, e no Esquilina uma colónia etrusca. Entre oPalatino eo Quirinal subiu o Capitolino, uma vez coberto por duas sagrados bosques, depois ocupados pelo Templo de Júpiter e do rock . Dentro de um pequeno espaço , por isso, foram estabelecidos os guardas avançadas de três povos distintos de diferentes personagens, os latinos , os pastores, as Sabines, lavradores do solo, os etruscos, já muito avançado em civilização e, portanto, do comércio e das indústrias. Como estes três aldeias tornaram-se uma cidade, com, primeiro, o Latin influência preponderante, então a Sabine, então o etrusco (as duas Tarquínios ), é tudo envolto em obscuridade da história dos sete reis (753-509 aC ). A mesma incerteza prevalece quanto às conquistas feitas à custa dos povos vizinhos. é inquestionável que todas essas conquistas tiveram que ser feitas novamente, após a expulsão dos reis.

    Mas o social, organização da nova cidade durante este período, destaca-se claramente: Havia três tribos originais: o Ramnians (latinos), a Titians (Sabines) e os Luceres (etruscos). Cada tribo foi dividida em dez curiœ , cada cúria em dez gentes , cada gens em dez (ou trinta) famílias . Aqueles que pertenciam a estes, os mais antigos, tribos eram patrícios , e os chefes das trezentas gentesformada no Senado. No decorrer do tempo e das guerras com os povos vizinhos, os novos habitantes ocuparam as colinas restantes, assim, sob Tullus Hostilius, o Célio foi designado para a população do arrasada Alba Longa (Albano); as Sabines, conquistados por Ancus Martius, teve o Aventino. Mais tarde, o Viminal estava ocupado. Os novos habitantes formado a Plebeus ( Plebs ), e os seus civisdireitos foram inferiores aos dos sujeitos mais velhos. O interno história de Roma até o período imperial nada mais é que uma luta de plebeus contra os patrícios para a aquisição de mais civis direitos , e essas lutas resultou na organização da sociedade civil, política e jurídica de Roma. O rei era sumo sacerdote , juiz , líder na guerra e chefe do governo, o Senado ea Comitia do Povo foram convocados por ele em seu prazer, e debatidas as medidas propostas por ele. Além disso, a dignidade real erahereditário . Entre as importantes obras públicas neste período mais recente foram os drenos, esgotos ou ( cloacœ ), para drenar os pântanos ao redor do Palatino , o trabalho do etrusco Tarquínio Prisco , o muro da cidade foi construída por Sérvio Túlio , que também organizou o Plebeus , dividindo-os em trinta tribos, a Ponte Sublician foi construído para unir a Roma daquele tempo com o Janiculan .

    Durante o esplêndido reinado de Tarquínio Superbus , Roma era a dona do Lácio, tanto quanto Circeii e Signia. Mas, voltando vitorioso de Ardea , o rei encontrou os portões da cidade fechados contra ele.Roma tomou para si uma forma republicana de governo, com dois cônsules, que ocupou o cargo por apenas um ano, só nos momentos de dificuldade era um ditador eleito , para exercer o poder ilimitado.Na expulsão de Tarquínio Superbus alguns historiadores têm visto a revolta dos Latina elemento contra a dominação etrusca. Além de guerras e tratados com os latinos e outros povos, os principais eventos, até a queima de Roma pelos gauleses , eram a instituição dos tribunos do povo ( Tribuni plebis ), o estabelecimento das leis das Doze Tabelas e a destruição do Veios. Em 390 a romanosforam derrotados pelos gauleses , perto do rio Allia, poucos dias depois a cidade foi tomada e incendiada, e após o gauleses tinham partido foi reconstruída sem plano ou regra. Cumillus, o ditador, reorganizado o exército e, após longa resistência à mudança, finalmente consentido que um dos consuls deve ser uma vulgar. Sul Etruria se tornou sujeito a Roma, com a captura de Nepi e Sutri em 386. A Appian Way e aqueduto foram construídos neste período. Muito em breve, foi possível pensar em conquistar toda a península. As principais etapas desta conquista são formadas por três guerrascontra os samnitas (vitória do Suesaula 343), a vitória do Bovianum , 304, aqueles sobre os etruscos e úmbrios , em 310 e 308; finalmente a vitória de Sentinum , em 295, sobre o samnitas combinado, etruscos e gauleses . O Tarentine (282-272) e as Primeira e Segunda Púnicas Guerra (264-201) determinou a conquista do resto da Itália , com as ilhas adjacentes, bem como a primeira invasão deEspanha .

    Logo após isso, o Reino de Macedonia (Cynoscephalæ, 197; Pidna , 168) e Grécia (captura de Corinto, 146) foram subjugados, enquanto a guerra contra Antíoco da Síria (192-89) e contra a Gálatas (189) trouxe Roman supremacia na Ásia , em 146 Cartago foi destruída, e África reduzido a sujeição, entre 149 e 133 a conquista da Espanha foi concluída. Em todos os lugares romanos colônias surgiram. Com a conquista, os luxuosos vícios dos povos conquistados também veio a Roma, e, assim, o contraste entre patrícios e plebeus foi acentuada. Para defender a causa dos plebeus surgiram os irmãos Tibérioe Calus Graco . Os Servile Guerra (132-171) e da Guerra Jugurthine (111-105) revelou a corrupção absoluta de Roman sociedade . Marius e Sulla, tanto de quem havia vencido glória em estrangeirosguerras , reuniram-se para eles os dois partidos opostos, Democrática e aristocrática , respectivamente. Sulla estabelecido firmemente sua ditadura com a vitória da Colline Gate (83), reorganizou a administração e promulgada algumas boas leis para prender a moral decadência da cidade. Mas os tempos estavam maduros para a oligarquia, que era para levar no natural, curso de eventos para a monarquia. No ano de 60, César , Pompeu e Crasso formaram o primeiro Triunvirato .Enquanto César conquistou a Gália (58-50), e Crasso travaram uma mal sucedida guerra contra os partos (54-53), Pompeu conseguiu ganhar o controle supremo da capital. A guerra entre Pompeu, a quem os nobres aderiram, e César , que tinha a democracia com ele, era inevitável. A batalha deFarsália (48) decidiu a questão, em 45 César já estava pensando em estabelecer um governo monárquico, o seu assassinato (44) não poderia fazer mais do que retardar o movimento em direção à monarquia. Outra triunvirato logo foi formado por Antônio , Lépido e Otávio ; Antony e Octaviandiscordou, e em Actium (32), a questão foi decidida em Octavian favor. Roman poder, entretanto, tinha sido consolidado e ampliado em Espanha , na Gália , e mesmo tão longe como Pannonia, emPontus , na Palestina e no Egito . Daí em diante Roman história não é mais a história da cidade deRoma, embora fosse apenas sob Caracalla ( AD 211) que Roman cidadania foi concedida a todos os sujeitos livres do império.

    Em meio a essas vicissitudes políticas, a cidade foi crescendo e sendo embelezado com templos e outros edifícios, públicos e privados. No Campus Martius e além do Tibre, no sopé da Janiculan , novos e populosos bairros surgiram com teatros (aqueles de Pompeu e de Marcellus ) e circos (o Maximus eoFlamínio , 221 aC ). O centro da vida política foi o Forum , que tinha sido o mercado antes do centro de compra e venda foi transferido, em 388, para o Campus Martius ( Forum Holitorium ), deixando o antigo Forum Romanum aos negócios do Estado. Ali estavam os templos de Concord (366), Saturno (497), os Consentes DI, Castor e Pollux (484), a Basílica Emília (179), a Basílica Julia (45), a CúriaHostilia (S. Adriano), o rostra , etc Mal tinha o império foi consolidada quando Augusto voltou sua atenção para o embelezamento de Roma, e sucederam imperadores seguiram seu exemplo: tijolo construído Roma tornou-se mármore de Roma. Depois da sexta década BC muitos hebreus se estabeleceram em Roma, no bairro Trastevere eo da Porta Capena , e logo tornou-se um poder financeiro. Eles foram incessantemente fazer prosélitos , especialmente entre as mulheres das classes superiores. Os nomes das treze sinagogas são conhecidos como existindo (embora não todos ao mesmo tempo) em Roma, durante o período imperial. Assim foi o caminho preparado para o Evangelho , pela qual Roma, já senhora do mundo, deveria ser dado um novo título sublime e mais duradoura para esse domínio – o domínio sobre as almas de toda a humanidade .

    Mesmo no dia de Pentecostes , “estranhos romanos” ( advenœ Romani , Atos 02:10 ) estavam presentes em Jerusalém , e eles certamente deve ter levado a boa notícia aos seus concidadãos emRoma. Antiga tradição atribui ao ano de 42 a primeira vinda de St. Peter a Roma, porém, de acordo com as pseudo-clementina Epístolas , St. Barnabé foi o primeiro a pregar o Evangelho na eternaCidade . De acordo com Cláudio (c. AD 50), o nome de Cristo tornou-se uma ocasião de discórdia entre os hebreus de Roma que o imperador expulsou todos da cidade, embora não fossem muito em voltar. Cerca de dez anos mais tarde, Paul chegou também, um prisioneiro , e exerceu um vigorosoapostolado durante sua estada. Os cristãos eram numerosos naquele tempo, mesmo na Corte imperial.A queima da cidade – por ordem de Nero , que desejava realizar uma renovação completa – foi o pretexto para o primeiro oficial perseguição do Christian nome. Além disso, era muito natural, que a perseguição , que havia sido ocasional, deve no decorrer do tempo tornaram-se geral e sistemático, portanto não é necessário transferir a data dos Apóstolos o martírio do ano 67, atribuído pela tradição, para o ano 64 (ver SAINT PETER ; SAINT PAUL .) de Domiciano reinado levou suas vítimas, tanto entre os adversários do absolutismo e do cristãos , entre eles alguns que eram de grau muito elevado – Titus Flavius ​​Clemens , Acilius Glabrio (cemitério de Priscilla ) e Flavia Domitila , um parente do imperador. Deve ter sido assim, também, que St. John , de acordo com uma muito antiga lenda (Tertuliano ), foi levado para Roma.

    O reinado de Trajano e Adriano foi o ponto culminante das artes em Roma. Os romanos martíriosatribuídos a este período são, com exceção de St. Inácio de , um pouco duvidoso . Ao mesmo tempo, as cabeças de vários Gnóstico seitas estabeleceu-se em Roma, nomeadamente Valentino , Cerdon eMarcião , mas não parece que eles tinham qualquer grande seguinte. Sob Antonino , Marco Aurélio eCômodo , muitos romanos mártires são conhecidos – Papa São Telesphorus , Santos. Lucius ,Ptolomeu , Justin e companheiros, eo senador Apolônio . Sob Commodus , graças a Martia , sua esposa morganático, a condição dos cristãos melhorou. Ao mesmo tempo, as escolas de Rhodon , St.Justin e outros floresceu. Mas três novas heresias do Oriente trouxe sérios problemas para a paz interna da Igreja : a de Theodotus , o sapateiro de Bizâncio , que de Noetus trazidos por um Epigonus, e montanism . Na luta contra as heresias , especialmente os de último nome, o padre Hipólito , umdiscípulo de St. Irineu , deu à luz uma parte distinta, mas ele, por sua vez, incorreu nas censuras dosPapas Zeferino e Calisto e tornou-se o líder de um schismatical festa. Mas as controvérsias entreHipólito e Calisto não se limitaram a teológicas perguntas, mas também tinha sobre a disciplina , opapa pensamento adequado para introduzir certas restrições. Outra seita transplantadas para Roma neste período foi a dos Elcesaites .

    A perseguição de Septímio Severo não parece ter sido muito aguda em Roma, onde, antes destetempo , muitas pessoas de posição – até mesmo da família imperial – tinha sido cristãos . O longo período de tranquilidade, dificilmente interrompido por Maximino (235-38), promoveu o crescimento deRoman igreja organização, tanto assim que, em Cornelius , após a primeira fúria do Décio perseguição , a cidade contados cerca de 50 mil cristãos . O último nominado perseguição produziu muitos Romanmártires – Papa São Fabiano entre os primeiros – e muitos apóstatas , e que o problema de conciliar o último resultou no cisma de Novaciano . A perseguição de Valeriano , também, caiu primeiro sobre aIgreja de Roma. De acordo com Aureliano (271-76), a ameaça de uma invasão de alemães que já haviam avançado tanto quanto Pesaro obrigou o imperador para restaurar e ampliar os muros deRoma. A perseguição de Diocleciano também tinha suas vítimas na cidade, ainda não há registros confiáveis ​​deles, mas não durou muito tempo, no entanto, no Ocidente . Maxêncio foi tão longe como para restaurar aos cristãos seus cemitérios e outros desembarcaram propriedade , e, se quisermosacreditar Eusébio , acabou mostrando-lhes favor, como um meio de ganhar popularidade. Neste período, vários edifícios foram erguidos pretensiosos – banhos, um circo, uma basílica , etc, no quarto e quinto séculos, a cidade começou a ser embelezado com cristãos edifícios, ea arte moribunda da antiguidade, assim, recebeu uma nova adesão de vitalidade.

    Das heresias deste período, o arianismo sozinho perturbou o religioso paz por um breve espaço, mesmoPelagianiam não conseguiu criar raízes. O conflito entre triunfante cristianismo eo morrer Paganismoera mais amargo. Symmachus , Prætextatus e Nicômaco foram os mais zelosos defensores e mais poderoso da antiga religião . No Milan , St. Ambrose vigiava. Até o final do século IV, os desertostemplos foram se tornando cheio de teias de aranha, pontífices e vestais estavam exigindo batismo .As estátuas dos deuses serviu como ornamentos públicos; objetos preciosos raramente foram saqueadas, e até o ano 526 não um templo foi convertido para os usos de culto cristão . No, 402 anecessidade surgiu mais uma vez de fortificar Roma. A capital do mundo, que nunca viu um exército hostil desde os dias de Aníbal, em 408 resistiu ao duplo cerco de Alaric. Mas o Senado, principalmente por instigação de um pagão minoria, tratados com Alaric, deposto Honório , e entronizado um novo Átalo imperador. Dois anos mais tarde, Alaric voltou, conseguiu tomar a cidade, saquearam-lo. É falso, no entanto, que a destruição de Roma começou então. Sob Alaric, como no Gothic guerra do século VI, só muito foi destruído como exigências militares prestados inevitável. A intervenção de St. Leão Magno salvou o Eterno Cidade da fúria de Átila , mas não conseguiu impedir que os Vândalos , em 456, a partir de demissão sem misericórdia por quinze dias: estátuas , ouro, prata, bronze, latão – se apropriedade do Estado, ou da Igreja , ou de particulares pessoas – foram retirados e enviados paraCartago .

    Roma continua-se a capital do império chamado, mas desde o segundo século que tinha visto os imperadores só em momentos raros e fugazes, até mesmo os reis da Itália preferido Ravenna ., como uma residência de Teodorico , no entanto, fez provisão para a magnificência exterior do cidade, preservando seus monumentos tão longe quanto era possível. Papa São Agapetus e aprendeuCassiodorus entretido a idéia de criar em Roma uma escola de avançados Escrituras estudos, o modelo do que floresceu em Edessa , mas o gótico invasão fez naufrágio este projeto. Nessa titânica guerraRoma ficou cinco cercos. Em 536 Belisário pegou sem um golpe. No próximo ano Vitiges sitiou, cortando os aquedutos, saqueando as casas distantes, e até penetrando nas catacumbas , a cidade teria sido levado não tinha a guarnição de Adriano túmulo defenderam-se com alguns fragmentos deestátuas de heróis e deuses que eles encontraram em aquele monumento. Logo após a saída do Papa Virgílio de Roma (novembro, 545), o rei Totila investiu e capturou uma frota suprimentos rolamento enviados por Virgílio , que por esse tempo tinha passado sobre a Sicília . Em dezembro de 546, a cidade foi capturada, através da traição do Isaurian soldados, e mais uma vez demitido. Totila,obrigado a partir para o sul, obrigou toda a população de Roma para deixar a cidade, de modo que ficou desabitada, mas eles voltaram com Belisário, em 547. Dois anos mais tarde, outro Isauriantraição feita Totila mais uma vez mestre da cidade, que, em seguida, pela última vez, vi os jogos do circo. Após a batalha de Tagina (552), Roma abriu as suas portas para Narces e tornou-se bizantina .A antiga Senado ea Roman nobreza foram extintos. Houve uma respiração espaço de 16 anos, e então os lombardos se aproximou de Roma, saqueando e destruindo as regiões vizinhas. St. Gregório Magnodescreveu a lamentável condição da cidade, o mesmo santo fez o seu melhor para resolver as questões. O século VII foi desastrosa marcada por um violento ataque ao Latrão feita por Mauricius , o chartularius do Exarch de Ravenna (640), pelo exílio do Papa St. Martin (653), e com a visita do imperador Constante I ( 663). A prisão de St. Sergius, que tinha sido ordenada por Justiniano II, foi impedido pelas tropas nativas da exarcado .

    No século VIII os lombardos , com Liutprand , foram apreendidos com a velha idéia de ocupar toda a Itália , e Roma em particular. O papa , de Gregory II em diante, salvo a cidade e Itália a partir deLombard dominação pelo poder de suas ameaças, até que foram finalmente resgatados com a ajuda de Pepin , quando Roma e da península ficou sob franca dominação. Provisão foi feita para o material bem-estar da cidade por reparos nas paredes e os aquedutos, e pelo estabelecimento de colônias agrícolas ( domus cultœ ) para o cultivo dos domínios de largura em torno da cidade. Mas, na própria Roma, havia várias facções – favorecendo tanto os Franks ou os lombardos , ou, mais tarde, francosou nacionalista – e essas facções, muitas vezes causado tumultos, como, em particular, sobre a morte de Paul I (767) e no início de Leo III do pontificado (795). Com a coroação de Carlos Magno(799) Roma tornou-se finalmente separada do Império do Oriente . Embora o papa era o senhor deRoma, o poder da espada era exercido pelo imperial mi , e esse arranjo passou a ser mais claramentedefinida pela Constituição de Lotário (824). Assim, o governo se dividiu. No século IX o papa teve de defender Roma e Central Itália contra os sarracenos . Gregoriopolis , a Leonina Cidade , colocado do lado de fora das muralhas para a defesa da Basílica de São Pedro , e demitido em 846, e Joannipolis, para a defesa de St. Paulo foram construídos por Gregório IV , Leo IV e João VIII . Os dois últimos eJohn X também ganhou vitórias esplêndidas sobre esses bárbaros.

    O declínio do Carlovingian dinastia não era sem seu efeito sobre o papado e sobre Roma, que se tornou um mero domínio dos grandes feudais famílias , especialmente as de Theodora e Marozia.Quando Hugh de Provence queria casar Marozia, de modo a tornar-se senhor de Roma, seu filhoAlberico rebelou-se contra ele e foi eleito seu chefe pelo romanos , com o título de Patrício ( Patrício ) e Consul. O poder temporal do papa poderia, então, ter chegado ao fim, não tinha John , de Albericofilho, reuniu as duas potências. Mas John vida e sua conduta do governo exigiu a intervenção doimperador Otto I (963), que instituiu o cargo de prœfectus urbis , para representar a autoridade imperial. (Este escritório tornou-se hereditário no Vico família .) Ordem não reinou por muito tempo:Crescentius , líder do partido anti-papal, deposto e assassinado papas . Foi apenas por alguns breves intervalos que Otto II (980) e Otto III (996-998-1002) foram capazes de restabelecer a imperial epontifícia autoridade. No início do século XI, três papas da família dos condes de Tusculumimediatamente se sucederam, eo último dos três, Bento IX , levou uma vida tão escandaloso como feznecessário para Henry III de intervir (1046). O cisma de Honório II ea luta entre Gregório VII eHenrique IV exasperado partido paixões em Roma, e em evidência, a luta era outra Crescentius , um membro da imperialista Partido . Robert Guiscard , chamado para o resgate por Gregório VII , saquearam a cidade e queimaram uma grande parte dele, com imensa destruição de monumentos e documentos. A luta foi revivido em Henry V , e Roma foi sitiada várias vezes pelas tropas imperiais.

    Seguiu-se o cisma de Pier Leone (Anacleto II) , que quase não havia sido terminado, em 1143, quando Girolamo di Pierleone, aconselhado por Arnold de Brescia , fez Roma em uma república, modelado após os lombardos comunas, sob o governo de cinqüenta e seis senadores. Em vão Lucius II ataque no Capitólio, na tentativa de expulsar os usurpadores. A comuna estava na oposição não menos à imperial do que o papal de autoridade. No início, o papas pensado para apoiar os imperadores, e, assim, Adrian IV induzida Barbarossa para queimar Arnold vivo (1155). Ainda assim, tal como no século anterior, a cada coroação de um imperador foi acompanhado por discussões e brigas entre os romanose os soldados imperial. Em 1188, um modus vivendi foi estabelecida entre a comuna e Clemente III , as pessoas reconhecem o papa soberania e concedendo a ele o direito de cunhagem , os senadores e militares capitães sendo obrigados a jurar lealdade a ele. Mas o atrito não cessou. Inocêncio III(1203), foi obrigado a fugir de Roma, mas, por outro lado, a disposição amigável da classe média mercantil facilitou seu retorno e garantiu a ele alguma influência nos assuntos das comunas, na qual ele obteve a nomeação de um chefe do Senado, conhecido como “o senador” (1207). O Senado, por isso, foi reduzido para o estado do comum Conselho de Roma, o senador foi o síndico, ou prefeito, e assim permaneceu até 1870. Nos conflitos entre os papas , por um lado, e, por outro Frederick II e seus herdeiros, o Senado era principalmente imperialista , valorizando algum tipo de desejo para a antiga independência, às vezes, no entanto, foi dividida contra si mesma ( como em 1262, por Richard, irmão do rei da Inglaterra , contra Manfred, Rei de Nápoles ).

    Em 1263 Charles de Anjou , retornando a partir da conquista de Nápoles , fez -se a ser eleito senador para a vida ;. mas Urbano IV obrigado -o a contentar-se com um período de dez anos. Nicholas IIIproibiu que qualquer príncipe estrangeiro deve ser eleito senador, e em 1278 ele mesmo ocupou o cargo. A eleição foi sempre sujeita ao papa aprovação. No entanto, essas leis logo caiu em desuso. A ausência de papas de Roma teve os resultados mais desastrosos para a cidade: a anarquiaprevaleceu, as poderosas famílias de Colonna , Savelli, Orsini , Anguillara , e outros dominavam sem ninguém para contradizê-los, o papa vigários eram estúpido ou fraco , os monumentos desmoronou de si mesmos ou foram destruídas, ovelhas e vacas foram escritos na Basílica Lateranense , sem novas construções surgiram, exceto as inúmeras torres, ou mantém, de que Brancaleone degli Andalo, o senador (1252-1256) causou mais do que um cem para ser puxado para baixo, o renascimento da arte, tão promissor no século XIII foi abruptamente cortada. O louco empresa de Cola di Rieuzo só aumentou a confusão geral. A população foi reduzida para cerca de 17.000. O Cisma do Ocidente , com as guerras do rei Ladislau (1408 e 1460, cerco e saque de Roma), manteve a cidade de benefíciopelo papas retorno tão rápido quanto deveria. Notável, no entanto, é o entendimento entre Bonifácio IX e pelo Senado como aos respectivos direitos (1393). Este papa e Inocêncio VII também fez provisão para a restauração da cidade.

    Com Martin V o renascimento de Roma começou. Eugene IV novamente foi expulso pelo romanos , eNicholas V tinha que punir a conspiração de Stefano Porcari, mas o patrocínio de letras pela papas eo novo espírito de humanismo obliterou a memória destes anseios por independência. Roma se tornou a cidade das artes e das letras, do luxo e da devassidão. A população também mudou no caráter e dialeto, que antes tinha mais quase se aproximou do napolitano , mas agora mostrou a influência daimigração de Toscana , Umbria e Marche. O saque de 1527 foi um julgamento e uma salutaradvertência para começar essa reforma dos costumes a que a Irmãos do Oratório do Divino Amor (o núcleo da Ordem Theatine ) e, mais tarde, os jesuítas e St. Philip Neri assíduos. Na guerra entre Paulo IV e Philip II (1556), o Colonna pela última vez mostraram a sua insubordinação à Pontifícia Governo.Até 1799 Roma estava em paz sob a papas , que disputavam com os cardeais em embelezar a cidade com igrejas , fontes, obeliscos, palácios, estátuas e pinturas . Infelizmente, este trabalho de restauração foi acompanhada pela destruição de antigos e, ainda mais, medievais monumentos.Também foi feita uma tentativa de melhorar o plano de chão de Roma por endireitando e alargando as ruas (sextos IV, Sisto V – o Corso, o Ripetta , o Babuino , Giulia, Paola, Sistina, e outras ruas). Osartistas que deixaram sucessivamente a sua marca na cidade são Bramante , Michelangelo , Vignola ,Giacomo della Porta , Fontana , Maderna , Bernini , Borromini , e, no século XVIII, Fuga . Os mais importantes levantes populares deste período foram aqueles contra Urbano VIII , por conta do mal feito pelo Barberini e contra o cardeal Cascia , após a morte de Bento XIII .

    O pontificado de Pio VI , ilustre para suas obras de utilidade pública, que terminou com a proclamação da República de Roma (10 de fevereiro de 1798) eo papa exílio. Pio VII foi capaz de retornar, mas depois de 1806, houve um francês de Governo em Roma lado a lado com o papal , e em 1809 a cidade foi incorporada no império. Geral Miollis, de fato, merecia bem de Roma para as obras públicas quecausaram a ser executado (a Pincian ) e os arqueológico escavações, que foram vigorosa e sistemática continuou nos pontificados seguintes, especialmente a de Pio IX . Das obras de arte levados para Paris apenas uma parte foram restauradas após o Congresso de Viena .

    Mas o revolucionário germe ainda permanecia plantada em Roma, embora não deu sinais de atividade ou em 1820 ou em 1830 e 1831. Alguns políticos assassinatos eram a única indicação do fogo que ardia debaixo das cinzas . A eleição de Pio IX , saudado como o Liberal pontífice , eletrizou todo Roma.O papa viu seu poder se esvaindo, o assassinato de Pellegrino Rossi e os tumultos antes do Quirinal (25 de novembro de 1848) aconselhou seu vôo para Gaeta . O triunvirato foi formado e, em 6 de Fevereiro de 1849, convocou a Assembléia Constituinte, que declarou a papal poder abolido. A multidão abandonou -se ao massacre de indefesos sacerdotes , ea destruição de igrejas e palácios.do Oudinot franceses tropas restaurou o papal de energia (6 de agosto de 1849), o papa reter algunsfranceses regimentos. Segredo plotagem continuou, embora em nenhum Roma ousou tentativa nada (o julgamento Fausti). Só em 1867, quando Garibaldi, o vencedor em Monterotondo , derrotado emMentana , invadiram as Estados Pontifícios , foi a revolta preparado que era para ter estourado enquanto Enrico Cairoi estava tentando entrar na cidade, mas o coup de main falhou; as lojas de armas e munições foram descobertos, a única ocorrência grave foi a explosão de uma mina, que destruiu o Quartel Serristori no Borgo . Não até 20 de Setembro de 1870, foi retirado de Roma a papase fez a capital real do Reino de Itália .

    Igrejas e outros monumentos

    O “Anuário ecclesiastico” enumera 358 públicas igrejas e oratórios em Roma e seus subúrbios. Além disso, há as capelas dos seminários , escolas , mosteiros e outras instituições. Desde 1870 muitasigrejas foram destruídas, mas muitos novos surgiram nos novos aposentos.

    Os principais patriarcais basílicas são St. Pedro (a Basílica do Vaticano ), St. João de Latrão (a Basílicade Constantino ) e St. Maria Maior (o liberiano Basílica ).

    A Basílica da Libéria remonta ao século IV, quando foi chamado a Basílica Sicinini, no século V, sobSisto III , foi adornada com interessantes mosaicos de bíblicos sujeitos; Eugene III acrescentado o pórtico, quando os mosaicos da abside e os fachada foram restaurados e, em certa medida, modificados. Nos dois lados são duas capelas com cúpulas : o de Sisto V , que contém o altar doSantíssimo Sacramento e os túmulos de Sisto V e St. Pio V , o outro, o de Paulo V , com a Madonnade St. Lucas , que existia já no século VI. Bento XIV causou a ser restaurado por Fuga (1743), que projetou a fachada , que agora quase exclui a visão dos mosaicos . Sob o altar-mor , o baldaquino de que é apoiado por quatro pórfiro colunas , são as relíquias de St. Matthew e do Santo Berço (daí o nome, S. Maria ad prœsepe ). Aqui estão enterrados St. Jerome , Nicolau IV , Clemente VIII , IX e X , e Paul V . ( Veja também SAINT PAUL Fora dos Muros .)

    Entre os menores basílicas é S. Croce in Gerusalemme (Basílica Sessoriana) , fundada, diz-se, por St.Helena no lugar chamado Sessorium, restaurado por Lúcio II (1144) e Bento XIV (1743). Aqui, na tribuna, é o afresco de Pinturicchio representando o Encontro da Cruz , e aqui estão conservadas asrelíquias da cruz de Jesus Cristo , o título, um dos espinhos , o dedo de St. Thomas , etc A igreja é servido por cistercienses , cujo convento , no entanto, foi convertido em quartel.

    São Lourenço Fora dos Muros , outro menor basílica , que fica no Cemitério de S. Ciriaco , onde osanto foi enterrado , foi construído sob Constantino e, ao lado de St. Pedro , era o mais freqüentadosantuário em Roma no final do século IV (ver de Prudêncio descrição). Pelágio II (578), Honório III , ePio IX fez os reparos completos nesta basílica , a última chamada acrescentando afrescos deFracassini , representando o martírio de São Lawrence . Os afrescos do átrio data do século XIII. Oaltar-mor está sob uma elevada ambão , atrás da qual é o simples túmulo de Pio IX . Os mosaicos da data arco triunfal desde o tempo de Pelágio II . Perto desta basílica é o cemitério de Roma, construído em 1837, e superado por poucos na Itália para a sumptuosidade dos seus monumentos. Tanto a igrejaeo cemitério são servidos por Capuchina .

    São Sebastião Fora dos Muros , perto do cemitério ad Catacumbas ( ver CATACOMBS ), construído no quarto ou quinto século e alterado em 1612, contém Giorgini da estátua do santo . As igrejas até agora nomeados são os “Sete Igrejas” normalmente visitados pelos peregrinos e residentes para ganhar as grandes indulgências que lhes são inerentes.

    S. Agnese fuori le Mura , perto das catacumbas de mesmo nome, foi construída por Constantino , decorado pelo Papa Symmachus com mosaicos , em que esse papa retrato aparece, e restaurado porHonório II (retrato), pelo cardeal Giuliano della Rovere ( 1479), e por Pio IX . É servido por Cônegos Regulares de S. João de Latrão . Em um dos edifícios adjacentes Pio IX , em 1856, caiu com o piso de uma sala, mas sem sofrer qualquer ferimento.

    Não muito longe é S. Costanza , o mausoléu de Constantino da filha, que foi feita em uma igreja em 1256. S. Giorgio em Velabro , do Cardeal Newman diaconal título, leva o nome da antiga Velabrum, onde ela está, e data do século IV, que tem uma bela tenda , mas a igreja está muito danificado pela umidade. S. Lorenzo em Damaso , construído pelo Papa Dâmaso (370), foi, no tempo de Bramante , fechado no palácio do Cancelleria, que contém afrescos modernos e os túmulos de Annibale Caro ePellegrino Rossi . S. Maria ad Martyres (Panteão) é uma circular grandiosas construção com um pórtico. Foi construído em 25 aC por Marcus Agrippa e muitas vezes tem sido restaurada, em 662Constantino II causou o bronze que cobria sua cúpula para ser tirado, que contém os túmulos deRaphael , Cardeal Consalvi e Reis Victor Emmanuel II e Humberto I. S . Maria em Cosmedin , que fica sobre as fundações de um templo de Hércules e um celeiro, data do século VI, o mais tardar, era umdiaconato e da sede do grego colônia e foi restaurado por Adrian I , Nicolau I , e Cardeal Albani (1718) e, finalmente, foi remodelado em sua forma original. Ele tem uma notável ambão e tabernáculo (c. 130), e seu campanário, com sete intercolumnars, é o mais gracioso em Roma. Este foi o título deCardeal Reginald Pole . S. Maria em Trastevere , o título de cardeal Gibbons , arcebispo de Baltimore , data de St. Calisto , ou, mais provavelmente, a partir de St. Julius I , e foi restaurado por Eugene IIIpor Nicolau V , e por Pio IX , com a última chamada dos quais são devidos os mosaicos da fachada , os antigos colunas , eo rico barroco teto. Os mosaicos da tribuna são do século XII, os outros são por Cavallini (1291). Ele contém os túmulos de Hosius Stanislaus e outros cardeais . As quatro basílicasenumerados acima têm colegiados capítulos .

    S. Agostino foi construído (1479-1483) pelo Cardeal d’Estoutevile, com Giacomo di Pietrasanta paraarquiteto . No altar-mor , por Bernini , é a Madonna de St. Lucas , trazido de Constantinopla . Suacapela de Santo Agostinho contém uma imagem, Guercino, em sua capela do Santíssimo Sacramento é o túmulo de St. Monica , o seu altar de St. Peter tem um relevo por Cotignola , e abaixo de uma das pilastras é de Rafael Isaias . No porão desta igreja é a Madonna del Parto, a obra de Jacopo Tatto , um dos mais altamente venerados imagens em Roma. O adjacente convento , uma vez que a residência do general da Agostinianos , agora é o Ministério da Marinha, mas a Angelica Biblioteca , fundada (1605) pelo Cardeal Angelo Rocca , um agostiniano , ainda está lá. S. Alfonso , construído em 1855 para a Redentoristas , que têm o seu generalato lá, tem imagens multa por von Rhoden . O seualtar-mor possui um bizantino imagem de origem desconhecida, chamada de Madonna del PerpetuoSocorro . S. Ambrogio della Massima , na mansão paternal de St. Ambrose , pertence aos Cassinensebeneditinos . S. Andrea della Valle ( Teatinos ), notável para a majestade grave de suas linhas, foi construído por Carlo Maderna em 1591, que contém a capela do Strozzi, os túmulos de Pio II , de Nicolò della Guardia, e, em frente, de Pio III , e os afrescos de Domenichino , seu mais perfeitotrabalho, bem como de outros afrescos muito modernos. Nesta igreja , em cada festa da Epifania ,solene missa é celebrada em cada rito sujeitas a Roma, e há sermões nas diversas europeus línguas – um festival . instituído pelo Ven Vincent . Gallotta S. Andrea de Quirinale pertence aos jesuítas , que têm a sua noviciado aqui, em que a célula de S. Stanislaus Kostka ainda está para ser visto. S.Andrea delle Fratte , pertencentes às Minims , era, nas Idade Média , o nacional da igreja da Escócia , que recebeu sua forma atual (a cúpula e uma fantasiosa Campanile ) do arquitetos Guerra e Borromini, no século XVII e tem dois anjos de Bernini . Antes da Lady altar desta igreja ocorreu a conversão deVenerável Marie Alphonse Ratisbonne . S. Angelo na Peixaria , construída no século VIII e restaurado em 1584, é ocupado pelos clérigos regulares menores , que foram transferidos para ele de S. Lorenzoem Lucina . S. Anselmo , no Aventino, é um edifício românico (1900), anexo ao internacional colégiodos beneditinos , e é a residência do abade primaz de sua ordem. Santi Apostoli , ao lado da Casa Geral dos Menores Conventuais , data do quinto século, foi restaurado por Martin V , com afrescos deMelozzo da Forli , remodelado em 1702 por Francesco Fontana e contém os túmulos dos cardeaisRiario e Bessarião . O convento é ocupado pela sede de uma divisão militar. S. Bartolomeo all ‘Isola ,Frades Menores , fica no local do antigo templo de Esculápio e foi construído por Otto III , em 1001, em honra de St. Adalberto . As relíquias de St. Bartolomeu foram levados para lá a partir deBeneventum , aqueles de St. Paulino de Nola ser dado em troca. A igreja foi restaurada várias vezes.S. Bernardo alle Terme , Cistercienses , é uma rodada igreja construída em 1598, suas bases que estão sendo colocados no calidarium dos banhos ( italiano terme ) de Diocleciano . S. Bonaventura , no Palatino , Frades Menores , contém o túmulo de St. Leonardo de Porto Maurício . S. Camillo , um moderno igreja , é a residência dos Camilline Atendentes dos Enfermos, e tem um hospital, ligado a ele. S. Carlo (Carlino) dos espanhóis trinitários pertence ao Borromini . S. Carlo Catinari , Barnabitas , anteriormente dedicado a São Biagius, foi colocado em sua forma atual por Rosati em 1612, com afrescos e imagens emolduradas por Domenichino , Pietro da Cortona , Guido Reni , e Andrea Sacchi .Sua convento é ocupado por uma seção do Ministério da Guerra . S. Carlo al Corso , a igreja doslombardos , foi construído pelo Lunghi para a canonização de St. Charles Borromeo , no local de uma pequena igreja dedicada a S. Nicolau del Tufo. As decorações da cúpula são por Pietro da Cortona , há uma imagem de Maratta e uma estátua de Judith por Le Brun. O rosminianos já oficializou nestaigreja há alguns anos passados. S. Claudio dei Borgognoni é servido pela Congregação da maioriaSanto Sacramento , que tem exposição de todo o ano.

    S. Clemente , a Igreja da Irlanda Dominicanos (1643), e titular da igreja de William cardeal O’Connell,arcebispo de Boston , existia já no século IV, dedicado a St. Clemente , papa e mártir . É caracterizada pelos dois Ambos que projetam a meio da nave e um átrio que é também o pátio doconvento que fica em frente à basílica . O Ambos data de João VIII (872), o altar eo sacrário , dePascoal II . A igreja foi destruída no incêndio acendeu por Robert Guiscard (1084), a sua reconstrução foi iniciada imediatamente, mas o plano foi adotado de levantar um pouco a calçada da antiga igreja , que foi preenchido com detritos, a nova igreja também era menos espaçoso . Neste período, osmosaicos da abside foram executados . Na capela . of St Catherine são alguns afrescos atribuídos aMasaccio (1428), na capela do Santíssimo Sacramento , os túmulos dos cardeais Brusati e Roverella , em que de St. Cyril , que está enterrado na basílica , afrescos modernos. Em 1858, a escavação da antiga basílica foi iniciada, através dos esforços da Dominicana anteriores , Mulhooly. Os afrescos, sétimo ao século XI, são importantes, neles podem ser distinguidos os primeiros indícios de um novo nascimento da arte cristã e, particularmente interessante são as relativas aos Santos. Cirilo e Metódio. O original basílica foi levantada sobre os restos de um edifício ainda mais cedo, em que, além disso, houve uma spelœum , ou gruta, de Mithras , é provável que este edifício foi St. De Clemente casa paterna. Santissima Concenzione , capuchinhos , próximo à Piazza Barberini , foi construído pelocapuchinho Cardeal Barberini , irmão gêmeo de Urbano VIII (1624). Bl. Crispin de Viterbo estáenterrado aqui. A igreja é conhecida por um St. Michael por Guido Reni , a St. Francis por Domenichino, a St. Felix de Cantalico por Turchi , e as outras fotos por Sacchi e Pietro da Cortona . Sob a igreja é o ossário dos frades . Santos. Cosme e Damião , franciscanos terciários , é composto por dois edifícios antigos, os templos de Rômulo , filho de Maxêncio e da Sacra Urbs , que foram dadas à Igrejapor Teodorico e convertido em uma basílica por Felix IV (528), a quem são devidos os mosaicos daabside ea arco , retocada no nono e décimo sexto séculos. Urbano VIII causou seu pavimento a ser levantada 10 pés. Na cripta estão o túmulo de Felix II e alguns objetos pertencentes à antiga igreja .

    St. Crisogono , trinitários , data pelo menos tão longe para trás como o século V, e foi restaurado pelo cardeal Scipione Borghese (1623). Tem um bom tabernáculo e, na abside , mosaicos por Cavillini (1290). As escavações foram realizadas recentemente sob esta igreja , que está associado comInglês história como tendo sido o titular da igreja do cardeal Langton . S. Cuore al Castro Pretorio ,Salesianos , uma bela igreja construída em 1887 por Vespegniani, é devido ao zelo de Don Bosco .Conectado com ele é um colégio interno de arts e indústrias. S. Francesca Romana (S. Maria Nova),Olivetanos , foi erguido por Leo IV no lugar de S. Maria Antiqua, que estava em perigo de ser ferido pelas ruínas do Palatino , em uma parte do arruinado Templo de Vênus e Roma, onde antes havia umacapela comemorativa da queda de Simon Magus . Foi restaurado por Honório III e sob Paul V Na.abside são mosaicos de 1161, na confissão , o túmulo de St. Frances de Roma (1440). Há um grupo de Meli, também os túmulos de Gregório XI (1574), Cardinal Vulcani e Francesco Rido. S. Francesco a Ripa , o Provincialado dos Frades Menores (1229), tem imagens do Cavaliere d’Arpino e por Sabiati (Anunciação), eo túmulo de Lodovico Albertoni , uma das de Bernini melhores trabalhos. S. Francescodi Paola pertence aos Minims , o convento está sendo agora ocupada por um instituto técnico.

    O Gesù , conectado com a casa professa e residência do general dos jesuítas , é o trabalho deVignola (1568-1573), completado por Giacomo della Porta , através da generosidade do Cardeal Alessandro Farnese . Tornou-se o modelo do estilo conhecido como “jesuíta”. Seu altar de St. Inácio , que está enterrado lá, tem uma prata estátua do santo , que é normalmente coberta por uma imagempintada pelo jesuíta Pozzo , o globo e quatro colunas são de lapis lazuli oposto é o altar de St. Francis Xavier , onde um braço de que santo é preservada, e uma imagem de Maratta . O teto é pintado por Gaulli com o Triunfo do Nome de Jesus . A Madonna della Strada é venerado em uma das capelas .Nesta igreja estão os túmulos do Cardeal Belarmino e Ven. Giuseppe Maria Pignatelli . Gesù e Maria , Calced Agostinianos , com o seu magnífico altar elevado , está no Corso. S. Gioacchino ,Redentoristas , foi erguido para a sacerdotal jubileu de Leão XIII , o seu lado capelas ser subscritas por várias nações. S. Giovanni Calibita , na ilha de S. Bartolomeo , pertence ao Fatebenefratelli , que tem um Hospital . SS. Giovanni e Paolo , no Célio, Passionistas , foi construída por Pamáquio na casa dos dois santos , que eram funcionários do palácio de Constantia , filha de Constantino , e forammortos por ordem de Julian . Em 1154 a igreja foi ampliada e adornada com afrescos, alguns dos quais estão preservados na capela do Santíssimo Sacramento . A capela de St. Paulo da Cruz é moderno.De acordo com a igreja ainda estão para ser visto treze interstícios da casa dos santos com outrossantos . Este foi o titular da igreja de Edward Cardinal Howard, depois cardeal-bispo de Frascati(falecido em 1892). S. Gregorio al Celio , Camaldolese , foi construída por Gregory II na casa paterna de St. Gregório, o Grande , e foi modernizado por Soria (1633) e Ferravi (1734). Ele contém um altardo santo , com a sua pedra de cama e cadeira de mármore, e há uma imagem antiga da Madonna .Nos monges jardim há também três capelas , aqueles de St. Silvia , mãe de St. Gregory , com suaestátua por Cordieri e afrescos de Guido Reni , de St. Andrew , decorado por Reni e Domenichino , e de St. Barbara , com uma estátua de St. Gregory por Cordieri . O título desta igreja foi levado sucessivamente por Henry Edward Cardinal Manning e Herbert Cardeal Vaughan , arcebispos deWestminster .

    S. Ignazio , jesuítas , foi construída em 1626 pelo Cardeal Ludovisi, sob a direção do jesuíta Grassi. Os afrescos da abóbada, o que representa a apoteose de St. Inácio , foram pintadas pelo jesuíta irmão leigo Pozzo , cujo são também algumas das fotos sobre os altares . . Santos Luís Gonzaga e João Berchmans , enterrado aqui, têm esplêndidos altares , no adjacente Colégio Romano (atual Ginnasio-Liceo e Biblioteca Nacional), há ainda outras capelas com lembranças desses dois santos . No ponto mais alto da fachada Pai Secchi causou a ser erguido um poste com uma bola, que, por um dispositivo mecânico, cai precisamente ao meio-dia todos os dias. S. Isidoro pertence aos irlandeses franciscanos. No adjacente convento famoso Estofo Lucas escreveu sua história da Ordem Franciscana . S.Marcello , Servitas , é acreditado para ser construído sobre o estábulo em que o Papa São Marcelo foi obrigado a servir. Foi restaurado em 1519 por ordem de Giuliano de ‘ Medici ( Clemente VII ), concluído em 1708 por Carlo Fontana e contém pinturas por Pierin del Vaga e Federico Zuccaro. Foi o titular da igreja de Thomas Cardeal Weld . S. Maria em Ara Cœli , no Capitólio, uma vez que a residência do geral dos Franciscanos (início de 1250), é (1911), o titular da igreja do cardeal Falconio. Ele fica no local da antiga cidadela de Roma e do templo de Juno Moneta , e é abordado por um vôo de 124 degraus. A fachada ainda é de tijolo, ea igreja contém antigos colunas e capitéis, no Buffalini capelasão frescos (Vida de S. Bernardino ) por Pinturicchio , e no altar-mor é a Madonna . atribuído a SãoLucas , onde estava anteriormente o Madonna de Foligno . Para a esquerda, um pequeno edifício, conhecido como o Papai Cappella di Sant ‘ Elena (Santo Capela de Santa Helena ), marca o local onde, segundo uma lenda guincho pode ser rastreada até o século IX, o imperador Augusto viu aSantíssima Virgem em cima de um altar do céu ( Latin Ara Coeli ). Para esta lenda algo foi contribuído por Virgílio quarta écloga, no qual ele fala das “Nova progênies” descendo do céu , e que foi interpretada de Christian antiguidade como uma profecia da vinda de Cristo (assim Constantino nosermão “Ad sanctorum cœtum “). Na sacristia é venerado o “Santo Bambino”, um pouco de figura de madeira de oliveira a partir do Monte das Oliveiras (século XVI) para o qual a romanos têm uma grandedevoção . Os sepulcrais monumentos desta igreja são numerosos e importantes, incluindo os decardeal Louis d’Albert, com figuras de St. Michael e St. Francis ; Michelangelo Marchese di Saluzzo, por Dosio; Vincenti de Pietro “, por Sansovino , Honório IV e outros do Savelli família Savelli na capela, que remonta a séculos XIII e XIV, o cardeal Mateus de Acquasparta ; Catherine , Rainha da Bósnia(1478). O presépio , construído todos os anos na segunda capela do lado esquerdo, é famosa, noNatal e Epifania crianças recitar diálogos e pequenos discursos perto dele.

    S. Maria em Traspontina , no Borgo , Calced Carmelitas , foi erguido por Sisto IV no local de umacapela que havia sido construído lá, em 1099, para afastar os demônios que assombravam as cinzasde Nero . O arquiteto foi Meo del Caprina; Bramante e Bernini modificou o edifício. É um dos mais belos monumentos do Renascimento , sua cúpula é o primeiro de seu tipo construída em Roma. Ele contémpinturas de Pinturicchio – a adoração dos pastores, todas as pinturas da Lady Chapel ea capela de Santo Agostinho, os afrescos da abóbada, etc Raphael desenhou os mosaicos do Chigi capela , e hápinturas por Caracci , Caravaggio e Sebastiano del Piombo (o nascimento da Virgem ). Os sepulcraismonumentos são caros, incluindo aqueles de Giovanni della Rovere, Cardeal Costa , o cardeal Podocatharo, o Cardeal Girolamo Basso , por Sansovino , e Cardeal Sforza , pelo mesmo escultor ,Agostino Chigi, na Chigi capela após sugestões e decorado, por Raphael , e Cardinal Pallavicino . Ospintadas janelas , o mais bonito em Roma, são por Guillaume de Marcilot (1509). S. Maria del Priorato ,Cavaleiros de Malta , no Aventino, foi construído em 939, quando Alberico II deu o seu palácio de St.Odo de Cluny . A forma atual da igreja , no entanto, é devido a Piranesi (1765). Alguns dos túmulosdos grandes mestres da Ordem de Malta – Caraffa , Caracciolo e outros – são interessantes. A residência adjacente comanda um esplêndido panorama. S. Maria del Rosario , em Monte Mario , pertence ao dominicanos . S. Maria della Scala , Descalças Carmelitas , construído por Francesco da Volterra, é assim chamado a partir de uma imagem da Madonna encontrado embaixo da escada de uma casa vizinha, e contém pinturas por Saraceni e Gerhard Honthorst. No adjacente convento , grande parte dos quais é ocupado pelo Guardie Pubblica di Sicurezza , os frades têm uma farmácia onde eles fazem o “Acqua della Scala”. S. Maria della Vittoria , carmelitas , foi erguida por Paulo V , em memória da vitória dos imperialistas sobre a protestantes em Praga (1623), e contém fotos porDomenichino , Guercino e Serra (1884), também um grupo famoso por Bernini , de St. Teresaparalisado por um anjo , e turcos padrões capturados no cerco de Viena (1683). S. Maria em Aquiro , o antigo diaconato titulus Equitii , foi restaurado em 1590. Antiga

  10. São Pedro o nosso primeiro Bispo olha meus irmãos e minhas irmãs católicas saibam que há poucos anos atrás, foi descoberto o túmulo desse Apóstolo e primeiro Papa nas criptas do Vaticano.
    ////////////
    Lá foi encontrado o túmulo com a inscrição em sua lápide: “Pedro está aqui”.
    Caso você vá um dia a Roma, não deixe de visitar a prisão Mamertina, onde São Pedro e São Paulo ficaram presos.
    /////////
    Lá é uma prisão cavada no rochedo do Capitólio. Na parede, ao lado de uma escada de pedra, lá está gravada a face de Pedro em baixo relevo, pois quando um dos guardas o empurrou, São Pedro bateu com o rosto na parede de pedra, ficando lá gravada a imagem de sua face.
    ///////
    E na masmorra, na pedra, nasceu milagrosamente uma fonte, no seio da rocha, cuja água foi usada por São Pedro e São Paulo para batizar os soldados que os guardavam (São Processo e São Martiniano).
    //////////
    Agora veja a grande prova, bíblica e histórica.
    Que mostra claramente que a cidade de babilônia citada por São Pedro é a cidade de Roma.
    VEJA:
    1 Pedro 5, 13. A igreja escolhida de Babilônia saúda-vos, assim como também Marcos, meu filho.
    Com certeza esta é a principal prova de que Pedro esteve em Roma, visto que Roma era tira como a babilônia na época pela semelhança que tinha com a babilônia (Ap 17,5; 18, 10). Assim, na mente de Pedro, a Roma dos seus dias lembrava a antiga Babilônia em riqueza, luxúria e licenciosidade isso é incontestável pois existem livros de historiadores contemporâneos com testemunhas oculares com fatos verídicos e fonte histórica da época que afirmam que na época de são Pedro a cidade de babilônia estava em ruína.
    /////////
    Objeção:
    Alguns dizem que está babilônia era Babilônia do Egito ou ainda mais fortemente a Babilônia do Eufrates é considerada por muitos como o lugar aí designado, pois muitos Judeus, ainda moravam em Babilônia.
    Refutação:
    A babilônia do Egito, sendo provavelmente um posto militar do Império Romano, no local onde hoje é a cidade do Cairo, não existe nenhum registro das missões e da tradição que havia uma comunidade de cristãos ali naquela época muito menos que Pedro tenha estado ali, não encontramos nenhum indicio de cristianismo lá.
    Já a babilônia do Eufrates não existe notícia nem tradição de qualquer apóstolo ter estado na Mesopotâmia, salvo Tomé.
    Ou seja, em nenhuma das outras babilônias literais há qualquer noticia de comunidade cristã por perto, somente Roma se encaixa na descrição de Pedro.
    ////////////////////

    Por isso é muito fácil provar que São Pedro veio a Roma e em Roma morreu
    E mais antes de estabelecer de um modo positivo o fato do martírio de São Pedro em Roma, convém recordar esta prova negativa: que ninguém assinalou nunca para a tumba de São Pedro um lugar diferente de Roma.
    Mas podemos ir mais longe, já que a Sagrada Escritura nos permite estabelecer positivamente o fato do martírio de São Pedro em Roma. Assim, a 1ª epístola de São Pedro:Diz “Saúda-vos a igreja que está em Babilônia” (5, 13). A Tradição estabelece que São Pedro ocupou sucessivamente as sedes episcopais de Jerusalém, Antioquia e Roma; mas também demonstra que nunca esteve em Babilônia.

    Assim pois, como saúda da parte da igreja que está em Babilônia?
    A resposta não oferece dúvidas para os contemporâneos dos judeus do século I:Pois Babilônia era o nome que São Pedro dava a Roma por causa da sua corrupção. Assim, com este texto tão curto,
    São Pedro situa-nos no itinerário da sua estadia em Roma.

    Saúda-vos a igreja que está em Babilônia e Marcos meu filho”. Ora, Marcos nesta época (c. 1-62) não se achava em Babilônia mas em Roma.

    Di-lo abertamente S. Paulo em duas epístolas escritas durante o seu primeiro cativeiro na capital do império. Na epístola aos colossenses, IV, 10, Diz”Saúda-vos Aristarco… e Marcos, primo de Barnabé; na epístola a Filemon v. 24: saúda-te Marcos, etc.”.
    2ª Prova bíblica.
    Colossenses 4, 10. Saúda-vos Aristarco, meu companheiro de prisão, e Marcos, primo de Barnabé, a respeito do qual já recebestes instruções.
    Assim como Pedro diz que Marcos está com ele em Babilônia (ROMA), Paulo também quando escreve sua carta aos Colossenses diz que Marcos está com ele em Roma.
    Paulo manda Timóteo levar Marcos a Roma Em II Timóteo:
    II Timóteo 4,11b. Toma contigo Marcos e traze-o, porque me é bem útil para o ministério.
    Timóteo estava em Éfeso e só poderia Marcos estar lá ou em uma cidade por perto no caminho para Roma, e não em Babilônia do Eufrates.
    Se formos ver as datas das cartas veremos que II Timóteo foi escrita antes de 1 Pedro, portanto as datas se encaixam, Marcos foi para Roma com Timóteo por volta do ano 65 quando Paulo escreveu a 2ª carta a ele , e antes do ano 67 Pedro escreveu sua carta as comunidades da Ásia menor com Marcos. E alguns Anos depois Paulo escreveu sua Cartas aos Colossenses e Marcos estava com ele em Roma. Será que Marcos iria de Éfeso a Roma, Depois ir pra Babilônia do Eufrates mais de 3000 km de distancia escrever a carta com Pedro e voltar pra Roma? É meio que absurdo para a época, sem meios de transportes e nem estradas e etc. veja o mapa:

    Ele estaria viajando mais de 6000 km em um curto período de tempo o que é ilógico, como já disse, para a época.
    3ª Prova bíblica
    I Pedro 5, 12. Por meio de Silvano, que estimo como a um irmão fiel, vos escrevi essas poucas palavras. Minha intenção é de admoestar-vos e assegurar-vos que esta é a verdadeira graça de Deus, na qual estais firmes.
    Todos Sabem que Silvano Andava junto a Timóteo, e na região de Éfeso próximo a Europa, o que era que Silvano iria fazer na Babilônia? Marcos e Silvano iriam para a babilônia do Eufrates somente para escrever a carta com Pedro e Depois voltarem para Roma? É geograficamente e fisicamente impossível eles estarem em 2 lugares ao menos tempo.

    Ainda falando sobre Babilônia.
    Três cidades podem ser designadas com esse nome:
    1. A Babilônia da Mesopotâmia (hoje Iraque).
    2.
    3. Que no século I depois de Cristo ainda estava habitada; porém, não há nenhum vestígio de tradição local que associe esta Babilônia com o apóstolo São Pedro.

    2. Cidade do Egito, onde está a atual cidade de Cairo, com uma fortaleza romana que controlava o canal entre o Nilo e o mar Vermelho (não é o moderno Canal de Suez). Não existe nenhuma tradição que relacione São Pedro com o Egito; e esse lugar era apenas uma fortaleza militar.

    3. Roma: é chamada Babilônia no Apocalipse (14, 8; 16, 19; 17, 5).

    Agora se os protestantes dizem que Babilônia não é uma maneira figurada de designar Roma;

    pergunte então a eles de qual Babilônia São Pedro escreveu a sua primeira carta.
    Foi de Babilônia – Mesopotâmia, hoje Iraque?

    Foi da cidade do Egito (fortaleza militar), onde está a atual cidade de Cairo?

    Qual quer grande historiador primitivo que seja mestre em linguística e doutor em ciência e em palavras que estuda idiomas costumes dialetos símbolos e suas origens
    Sabe muito bem que a expressão metafórica de Babilônia mostra claramente que São Pedro ao referir-se do nome de Babilônia realmente ele somente estava se referindo a cidade de Roma, pois não existe registro histórico nenhum da passagens de são Pedro em babilônia e de cristãos nessa Cidade e mais
    Todos os padres apostólicos afirmam unânimes como também os antigos intérpretes historiadores e escritores da época dos fatos de dentro e de fora da igreja afirmam que a cidade de babilônia era um cativeiro na época

    Veja o que diz

    JOSEFO FLÁVIO 38 — ca. 100), veja o que Josefo historiador dos hebreus
    diz No lugar indicado e que leio? Que Herodes Magno antes da era vulgar depôs a Ananel, sumo pontífice, oriundo dos judeus que haviam sido deportados em massa para Babilônia. Quem duvidou jamais deste fato? Mas que prova ele em favor da existência de uma numerosa colônia judaica em Babilônia
    Irmãos católicos saibas que na época em que S. Pedro escreveu a sua primeira epístola? O próprio FLAVIO, no l. XVIII, c. 9, fala dos tempos de Calígula (estamos, pois, na idade apostólica isso é a patrística e mais…

    Saibam que a cidade de Babilônia da época de São Pedro(Babylon-onis) não passava de uma deserto;Pois na região de babilônia não havia judeus quando S. Pedro escreveu a sua epístola.
    Vejam aqui algumas provas contundentes que você pode encontrar em alguns relatos dos historiadores da época dos fatos que dizem o mesmo a cidade de babilônia estava deserta e servia somente de cativeiro para os romanos

    Para maior entendimento e aprofundamento procure por esses historiadores da época dos fatos.
    VAMOS LÁ:
    Estrabão (em grego: Στράϐων; (63 a.C. ou 64 a.C. — ca. 24) foi um historiador, geógrafo e filósofo grego. Foi o autor da monumental Geographia, e um tratado de 17 livros contendo a história e descrições de povos e locais de todo o mundo que lhe era conhecido à época.
    ////////////

    Plínio, o Velho (Gaius Plinius Secundus), Foi um nobre romano, cientista e historiador que morreu na erupção do Vesúvio em 79 d.C.;
    ////////////

    Diodoro Sículo ou Diodoro da Sicília (em grego Διόδωρος ὁ Σικελός; ca. 90 a.C. — 30 a.C.), foi um historiador grego, que viveu no século I a.C
    ////////////////

    Luciano de Samósata, 115 d.C foi escritor e historiador romano ETC…
    ////////////

    Pausânias (c. 115 – 180 d.C.) foi um geógrafo e viajante grego, autor da Descrição da Grécia, obra que presta um importante contributo para o conhecimento da Grécia Antiga, graças às suas descrições de localidades da Grécia central e do Peloponeso.

    Irmãos e irmãs católicas saiba que são unânimes os testemunhos históricos dos padres apostólicos e de todos os historiadores e escritores eclesiásticos em seus livros e cartas sermões apologéticas e epístolas que comprovam como verdades absolutas o primado de são Pedro em Roma
    //////////////

    VEJA AQUI ALGUNS TESTEMUNHOS SANTOS E VERDADEIROS
    Veja o que diz o 3 terceiro bispo de Roma após São Pedro de nome São Clemente Romano a nascido no ano 30 da era cristã

    “Lancemos os olhos sobre os excelentes apóstolos: Pedro foi para a glória que lhe era devida; e foi em razão da inveja e da discórdia que Paulo mostrou o preço da paciência: depois de ter ensinado a justiça ao mundo inteiro e ter atingido os confins do Ocidente, deu testemunho perante aqueles que governavam e, desta forma, deixou o mundo e foi para o lugar santo. A esses homens […] juntou-se grande multidão de eleitos que, em conseqüência da inveja, padeceram muitos ultrajes e torturas, deixando entre nós magnífico exemplo.” (São Clemente Bispo de Roma, ano 96, Carta aos Coríntios, 5,3-7; 6,1).

    Clemente o 3º Bispo de Roma após Pedro, dá testemunho do belíssimo exemplo que o Apóstolo deixou entre os cidadãos Romanos
    //////////
    “Assim, Mateus publicou entre os hebreus, na língua deles, o escrito dos Evangelhos, quando Pedro e Paulo evangelizavam em Roma e aí fundavam a Igreja.” (Santo Ireneu Bispo de Lião – Contra as Heresias,III,1,1 – 180 d.C).
    ///////////

    “Sob Cláudio [Imperador], Fílon [quande estoriador judeu] em Roma relacionou-se com Pedro, que então pregava aos seus habitantes.” (Eusébio de Cesaréia – HE II,17,1 – 317 d.C).
    ///////////
    Eusébio de Cesaréia, narrando sobre a primeira sucessão Apostólica em Roma escreve: “Depois do martírio de Pedro e Paulo, o primeiro a obter o episcopado na Igreja de Roma foi Lino. Paulo, ao escrever de Roma a Timóteo, cita-o na saudação final da carta [cf. 2Tm 4,21].” (Eusébio Bispo de Cesaréia – HE,III,2 – 317 d.C).

    “[…]quanto a Lino, cuja presença junto dele [do Apóstolo Paulo] em Roma foi registrada na 2ª carta a Timóteo [cf. 2Tm 4,21], depois de Pedro foi o primeiro a obter ali o episcopado, conforme mencionamos mais acima.” (Eusébio Bispo de Cesaréia – HE,IV,8 – 317 d.C).

    “[…]Alexandre recebeu o episcopado em Roma, sendo o quinto na sucessão de Pedro e Paulo” (Eusébio Bispo de Cesaréia – HE,IV,1 – 317 d.C).
    /////////////

    Papias (nascido no ano 70 e morto no ano 155 da era cristã ),

    Veja o que diz Papias
    diz-nos que Marcos escreveu seu evangelho (baseado em sermões de Pedro), na cidade de Roma.
    ////////////////

    VEJA O QUE DIZ O PAPA ZEFERINO MORTO NO ANO 217 DA ERA CRISTÃ
    EPÍSTOLA DO PAPA ZEFERINO
    Zeferino,
    Bispo da cidade de Roma,
    aos mui queridos irmãos que servem ao Senhor no Egito.
    “Recebemos uma grande responsabilidade do Senhor, fundador desta Santa Sé e da Igreja apostólica, e do bem-aventurado Pedro, chefe dos apóstolos:
    /////////

    bispo Dionísio de Corinto morto no ano 170 da era cristã,
    Veja o que ele diz num extrato de uma de suas cartas aos romanos (170):
    “Tendo vindo ambos a Corinto, os dois apóstolos Pedro e Paulo nos formaram na doutrina evangélica. A seguir, indo para a Itália, eles vos transmitiram os mesmos ensinamentos e, por fim, sofreram o martírio simultaneamente.”
    /////////
    Santo Irineu nascido no ano 130 da era cristã.
    Carta contra heresias:
    “Mas visto que seria coisa bastante longa elencar, numa obra como esta, as sucessões de todas as igrejas, limitar-nos-emos à maior e mais antiga e conhecida por todos, à igreja fundada e constituída em Roma, pelos dois gloriosíssimos apóstolos, Pedro e Paulo.
    ///////////

    Cipriano (NASCIDO NO ANO 258 DA ERA CRISTÃ)
    Veja O QUE ELE DIZ:
    “atrevem-se estes a dirigir-se à cátedra de Pedro, a esta igreja principal de onde se origina o sacerdócio… esquecidos de que OS ROMANOS NÃO PODEM ERRAR NA FÉ”
    (Epist. 59,n.14, Hartel, 683)
    ////////

    Gaio presbítero romano, em 199 da era cristã: “diz assim
    nós aqui em Roma temos algo melhor do que o túmulo de Filipe. Possuímos os troféus dos apóstolos fundadores desta Igreja local. Ide à Via Ostiense e lá encontrareis o troféu de Paulo; ide ao Vaticano e lá vereis o troféu de Pedro
    ////////////

    Tertuliano nascido no ano 150 da era cristã falou da morte de Pedro em Roma assim
    “A Igreja também dos romanos publica – isto é, demonstra por instrumentos públicos e provas – que Clemente foi ordenado por Pedro.”
    “Feliz Igreja, na qual os Apóstolos verteram seu sangue por sua doutrina integral!” – e falando da Igreja Romana, “onde a paixão de Pedro se fez como a paixão do Senhor.”
    “Nero foi o primeiro a banhar no sangue o berço da fé. Pedro então, segundo a promessa de Cristo, foi por outrem cingido quando o suspenderam na Cruz.”
    ////////////
    Inscrição de Abercius
    Não muitos anos desde que uma nova e importante peça de evidência foi trazida à luz na Ásia Menorque datam deste período. A inscrição sepulcral de Abercius , Bispo de Hierápolis (m. cerca de 200), contém um relato de suas viagens redigida em linguagem alegórica. Ele fala, portanto, da Igreja Romana : “Para Roma Ele [ Cristo ] enviou-me para contemplar a majestade. e ver uma rainha vestida de ouro e dourado-sandália ” É difícil não reconhecer nesta descrição um testemunho para a posição suprema da Sé Romana .
    /////////

    AGORA LEIA…

    O poema Contra o Marcionites do segundo século.
    “Nesta cadeira em que se tinha sentado, Peter em Roma ordenou poderoso Linus, o primeiro eleito, para se sentar. Após ele, Cletus também aceitou o rebanho da dobra. Como seu sucessor, Anacleto foi eleito por sorteio. Clement segue ele, bem conhecido para os homens apostólicos. Depois dele Evaristo governou o rebanho, sem crime. Alexander, sexto em sucessão, elogia a dobra de Sisto. Após seus momentos ilustres foram concluídas, ele passou para Telesphorus. Ele foi excelente, um fiel mártir … “( Poema Contra o Marcionites 276-284 [AD 267]).
    ///////////////
    ENCANTE-SE AGORA COM UM TESTEMUNHO DE
    Firmiliano morto no ano 268 da era cristã
    “[O Papa] Stephen … orgulha do lugar de seu episcopado, e afirma que ele segura a sucessão de Pedro, a quem os alicerces da Igreja foram estabelecidas [Matt. 16:18] …. Stephen … anuncia que ele tem por sucessão ao trono de Pedro “(coletado em de Cipriano Letters 74 [75]: 17 [AD 253]).

    Firmilian
    “Mas o que é o seu erro … que não permanecem na base da única Igreja que foi fundada sobre a rocha por Cristo, pode ser aprendido com isso, o que Cristo disse Peter sozinho para [Mateus 16:18.]: ‘ Todas as coisas que você deve ligar na terra será ligado no céu, e tudo o que desligares na terra, que será desligado nos céus “[Mateus 16:19].” (coletado em de Cipriano Letters 74 [75]: 16 [AD 253 ]).
    “[O Papa] Stephen [I] … orgulha do lugar de seu episcopado, e afirma que ele segura a sucessão de Pedro, a quem os alicerces da Igreja foram estabelecidas [Matt. 16:18] …. [ Papa] Stephen … anuncia que ele tem por sucessão ao trono de Pedro “(ibid., 74 [75], 17).
    //////////

    AGORA VEJA O QUE DIZ
    Taciano, o Sírio (que nasceu no ano 120 e faleceu no ano 180 da era cristã)
    /
    “Simão Cephas respondeu e disse:” Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo ‘. Jesus respondeu, e disse-lhe: “Bem-aventurado és tu, Simão, filho de Jonas: a carne eo sangue não revelou a ti, mas o meu Pai que está nos céus E eu te digo também, que você é Cefas, e assim por diante. esta pedra edificarei a minha Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela “( O Diatesseron 23 [170 dC]).
    ////////
    A Carta de Clemente para Tiago
    “Seja conhecido de vós, meu senhor, que Simão [Pedro], que, por causa da verdadeira fé, eo fundamento mais seguro de sua doutrina, foi criado para além de ser o alicerce da Igreja, e para este fim foi pelo próprio Jesus, com a boca verdadeira, chamado Pedro “( Carta de Clemente para Tiago 2 [AD 221]).
    ////

    As Homilias Clementine
    “[Simão Pedro disse a Simão Mago em Roma:] [. Mateus 16:18]” Porque você está agora em oposição direta a mim, que sou uma rocha firme, a fundação da Igreja “( Homilias Clementine 17:19 [ AD 221]).
    ////
    AGORA MAIS UM OUTRO VERDADEIRO TESTEMUNDO

    Orígenes ( que nasceu no ano 184 e faleceu no ano 254 da era cristã)
    “Olhe para [Pedro], a grande fundação da Igreja, que a mais sólida das rochas, sobre a qual Cristo edificou a Igreja [Matt. 16:18]. E o que nosso Senhor disse a ele? ‘Oh gente de pouca fé, ‘ele diz,’ por que duvidaste? ” [Matt. 14:31] “( Homilias sobre Êxodo 05:04 [248 dC]).
    ///////////////
    Concílio de Constantinopla I
    “O bispo de Constantinopla deve ter a primazia de honra após o Bispo de Roma, pois sua cidade é a nova Roma” (cânon 3 [381 dC]).
    ////////
    MAIS UMA GRANDE REFERÊNCIA

    O Pequeno Labirinto
    “Victor … foi o décimo terceiro Bispo de Roma, de Peter” ( The Little Labyrinth [AD 211], em Eusébio, História da Igreja 05:28:03).
    //////////
    E MAIS
    Os Atos apócrifos e os Atos de São Pedro e São Paulo, atribuídos a Pedro, embora não reconhecidos pela Igreja como livros canônicos, pertencem igualmente à série de testemunhos importantes sobre a obra e a morte dos dois Apóstolos em Roma. Existe uma coletânea de livros editados na França em 1870, onde se encontram diversos textos interessantes dos mencionados manuscritos, os quais testemunham a presença e a obra de Pedro e Paulo em Roma e na Ásia Menor. Também há vários fragmentos que foram preservados por Clemente de Alexandria e publicados. (cf. Dobschuts, “Das Kerygma Petri kritisch untersucht” em ” Texte u. Untersuchungen “, XI, I, Leipzig, 1893).
    /////////////
    E MAIS
    Santo Hegésipo NASCIDO NO ANO 110 DA ERA CRISTÃ
    EM GREGO Ἅγιος Ἡγήσιππος, foi um cronista cristão durante o cristianismo primitivo e que provavelmente era um judeu convertido e que certamente escreveu contra heresias como o gnosticismo e o Marcionismo.
    também escreveu e descreve a luta entre Pedro e Simão Mago – EM ROMA – respeito de um parente do imperador Nero, que foi ressuscitado dentre os mortos, e então como o sedutor (Simão Mago) chegou a um trágico fim. Por causa da morte de Mago (67 d.C) Nero (que o tratou como um favorito) ficou tão enfurecido que ele lançou Pedro na prisão até o seu retorno a Roma.
    /////////
    ISSO AQUI É SÓ UM POUCO DE PATRÍSTICA QUE CONFIRMA QUE SÃO PEDRO FOI O PRIMEIRO BISPO DE ROMA!

      • BRUNO CATÓLICO NUNCA É E NUNCA SERÁ IGUAL A PROTESTANTE.
        VOU TI DA SÓ UM PEQUENO EXEMPLO EM 2000 MIL ANOS DE HISTÓRIA
        A IGREJA CATÓLICO JAMAIS COMETEU UM SÓ ERRO DE DOUTRINA.
        ////////
        AGORA VEJO OS PROTESTANTES 50 MIL CEITAS SÓ NO BRASIL IGREJA DA MACONHA,
        IGREJA DE HOMOSSEXUAIS, IGREJA DOS MÓRMONS , IGREJAS ADVENTISTAS ETC…
        ////
        TODAS ESSAS CEITAS NASCERAM E NASCE A CADA DIA POR CAUSA DO LIVRE EXAME BÍBLICO MEU CARO BRUNO ESTUDE MEU AMIGO MAS ESTUDE NAS FONTES OK
        ///////
        NADA DE LÊ LIVROS FALSOS E DE RACIONALISTA

        • nunca cometeu erro de doutrina? hj a igreja católica já até aceita a evolução e acreditava que o sol era quem girava em torno do sol “Afirmar que a terra gira em torno do sol é tão errôneo quanto afirmar que Jesus não nasceu de uma virgem.” Cardeal Bellarmino (1615, durante o julgamento de Galileu. acho que vc tem que estudar mais.

          • BRUNO disse:
            23 de junho de 2013 às 18:44
            nunca cometeu erro de doutrina? hj a igreja católica já até aceita a evolução e acreditava que o sol era quem girava em torno do sol “Afirmar que a terra gira em torno do sol é tão errôneo quanto afirmar que Jesus não nasceu de uma virgem.” Cardeal Bellarmino (1615, durante o julgamento de Galileu. acho que vc tem que estudar mais.
            ///////////
            É BRUNO JÁ VI QUE VOCÊ NAO TEM NADA NO CÉREBRO JUNTE-SE AOS REFUTADOS RENATO DE CARVALHO VAI ESTUDAR NAS FONTES!
            //////

            O QUE SOL E GALILEU TEM COM DOUTRINAS VIBRADOR?

            DOUTRINAS SÃO DOGMAS DE FÉ
            NÃO CONFUNDA ERROS ADMINISTRATIVOS DISPUTAS COM DOUTRINA E DOGMA.

          • Erros administrativos? eu chamo de abuso de poder, no fundo eles são como os políticos sempre estão mudando as estratégias pra manipular o povo, a igreja católica sempre chamou os outros que não concordavam com suas idéias de hereges, foi assim com Galileu,Giordano Bruno, Joana D’arc entre outros e depois de condená-los de uma hora pra outra quando veem que estão errados mudam de opinião e declaram eles santos.

          • BRUNO ATÉ HOJE EU ESTOU ESPERANDO SEU IRMÃO PROTESTANTE RENATO DE CARVALHO O FILHO DE LUTERO DISSE QUE IA ME TRAZER FALSIFICAÇÕES BLÁ BLÁ BLÁ DOS ESCRITOS DOS PRIMEIROS SÉCULOS KKKKKKKKKKKK
            POIS É BRUNO VOCÊS PROTESTANTES DE 50 MIL SEITAS NO BRASIL APODRECEU O PROTESTANTISMO QUAL DAS SEITAS PROTESTANTE VOCÊ PERTENCE?

          • BRUNO VOCÊ É UM DEMÔNIO CHEIO DE ÓDIO E RANCOR!
            LAVE A BOCA PARA FALAR DA IGREJA CATÓLICA!
            VAMOS DEBATER FILHO DAS TREVAS.
            MAIS EU NÃO DEBATO PONTO DE VISTA EU DEBATO COM A BÍBLIA E HISTORICAMENTE POIS ATÉ AGORA VOCÊ SÓ VEIO COM PONTOS DE VISTA.
            ////////////
            OLHA OS PROTESTANTES DE HOJE NÃO SÃO FIEIS A LUTERO E MUITO MENOS A SUA IGREJA LUTERANA.
            //////////
            ESTUDE LUTERO NAS FONTES BRUNO
            /////////
            ME FALE POR QUE O PROTESTANTISMO É RACHADO EM 50 MIL CEITAS NO BRASIL!
            ME FALE POR QUE CADA DIA SURGE UMA NOVA HERESIA PROTESTANTE!
            ISSO SIM É ERROS DE DOUTRINAS!
            ///////////

            E MAIS MOISÉS MATOU E TEVE MUITAS DISPUTAS NA IGREJA DO POVO DE DEUS MAIS ELES NUNCA ERRARAM NA QUESTÃO DE FÉ
            ///////
            DAVI COMETEU ADULTÉRIO E COMETEU UM ASSASSINATO MAIS NUNCA ERROU NA QUESTÃO DE DOUTRINA SALOMÃO ETC…
            /////////
            EVA E ADÃO ////

            OS ANJOS DOS CÉUS MUITOS SE REVOLTARAM
            DEIXA DE PAPAGAIADA BRUNO VENHA COM FATOS NÃO ME VENHA COM SEUS PONTOS DE VISTA

          • BRUNO VOCÊ É UM SEMI ANALFABETO PROTESTANTE QUE NUNCA ESTOU HISTÓRIA COM FONTE HISTÓRICA E TESTEMUNHAS OCULARES NA VIDA!
            ////////
            VOCÊ É MAIS UM DOENTE VIBRADOR QUE LÊ ESTÓRIAS DE HISTORIADORES PROTESTANTES E RACIONALISTAS E DE ATEUS E GNÓSTICO
            VOCÊ É SÓ MAIS UMA PIADA DA NOVA ERA BRUNO

  11. O Império e a Igreja Primitiva

    Um conto de perseguição e Justiça

    Eles se recusam a obedecer um decreto imperial para queimar incenso diante dos ídolos dos antigos deuses romanos. São 40 legionários que servem na fronteira armênio e eles são cristãos. Cristianismo recentemente tinha sido declarado legal por Constantino, mas a sua autoridade está no oeste. Seu colega no leste é Licínio, que está ressentido com crescente poder de Constantino e de seu crescente interesse no cristianismo. Licínio ignora as lições aprendidas pelos imperadores, governadores e prefeitos das últimas três séculos de Roma: A perseguição só aumentou a determinação e os números desta seita problemático. Ele ignora as palavras de Tertuliano que o sangue dos mártires é a semente da fé.

    O magistrado local adverte os soldados da desgraça que vai acontecer a eles que eles não deveriam oferecer o sacrifício. Ele oferece promoção para os que vão. Ainda “nenhuma ameaça ou suborno irá levá-los a abandonar Jesus Cristo” (Giuseppe Riciotti, The Age of Martyrs: o cristianismo de Diocleciano a Constantino , 212).

    Amarrado com uma corrente e confinado a uma pequena cela, eles escrevem uma carta exortando seus irmãos cristãos a deixar de lado as coisas deste mundo e para corrigir os seus corações no céu. Sabendo que eles estão a ser martirizados, incitam seus companheiros cristãos para não brigar por suas relíquias.

    Depois de semanas de prisão, eles são condenados: Devem ser despojados de suas roupas, marchou para o meio de um lago congelado, e expostos ao frio e vento do inverno armênio até que eles estão mortos. Ao redor do lago do governador local postou guardas e criar incêndios e banhos quentes para tentá-los, mas “uma barreira intransponível está entre eles ea costa: o Cristo invisível, que eles teriam que negar a entender a vida que está deixando seu corpos momento a momento “(Riciotti, 212). Os soldados rezar para que nenhum deles irá falhar, que todos os 40 vai ganhar a coroa do martírio.

    O frio ea escuridão da noite tem o seu preço. A fé de um vacila, e ele rasteja para o banco, mas quando ele é mergulhado em um banho de choque da água quente leva a sua vida. Um guarda pagão, inspirado pela fé dos restantes 39, declara-se um cristão, retira suas roupas e corre para o gelo, restaurando o seu número para 40. Pela manhã, eles estão todos mortos salvar o caçula, Melitão, que morre logo depois nos braços de sua mãe.

    O calvário dos 40 Mártires de Sebastia é o último piscar de olhos da cauda do dragão. Dentro de três anos Licínio vai cair para os exércitos de Constantino. Eusébio lança a guerra entre os dois Augusti como um conflito na história da salvação, com Constantino, o campeão do cristianismo contra Licínio, o último defensor dos antigos deuses pagãos.

    Mas há mais para a história. Para ter certeza, foi Constantino, que finalmente trouxe liberdade para a Igreja primitiva, mas seus editais não foram sem precedentes. É uma caricatura para descrever os primeiros 300 anos da Igreja como uma organização secreta constantemente perseguido por um Estado romano hostil. Enquanto houve períodos de terríveis perseguições, também houve longos períodos de cooperação e convergência que culminaram no Édito de Milão de Constantino.

    Durante as primeiras décadas da Igreja, os cristãos na Palestina geralmente contava com a proteção da justiça romana, que, como sabemos a partir do julgamento de nosso Senhor, reservou para si as sentenças capitais e tentou não interferir com as religiões dos vários povos do império. O apedrejamento de Santo Estêvão, por exemplo, foi um dos “atos ocasionais de justiça popular brutal que eram não-autorizado, mas que as autoridades romanas nem sempre podia evitar” (Marta Sordi, os cristãos e do Império Romano , 12).

    Protegido por Tibério

    Tertuliano e registro Justin Martyr que após a crucificação de Jesus Cristo, Pôncio Pilatos informou ao imperador a sua frustração com o Sinédrio, porque eles reagiram ao crescimento do cristianismo com uma série de provas ilegais e execuções.

    Tertuliano diz que o imperador Tibério, depois de ler o relatório de Pilatos, foi tão tomado com a natureza pacífica dos cristãos que ele propôs ao senado que Jesus Cristo seja adicionado ao panteão romano.O Senado, talvez porque Tibério era impopular, rejeitou a proposta e declarou o cristianismo a superstitio illicita , um culto ilegal. Tibério, na esperança de libertar os cristãos da opressão do Sinédrio, minar a lei com um veto contra qualquer acusação futuros contra os cristãos. A veracidade da história é debatida por historiadores, mas uma vez que é o único relato escrito de como o cristianismo passou a ser ilegal, há boas razões para acreditar.

    Tibério, em seguida, enviou um emissário para a Judéia para saquear Caifás, o sumo sacerdote dos judeus, provavelmente, para o crime de execução de Stephen. Os Atos dos Apóstolos relata que, posteriormente, a “Igreja tinha paz por toda a Judéia, Galiléia e Samaria” (Atos 9:31), as mesmas três regiões sob o domínio romano .

    Para as próximas três décadas cristãos contava com a proteção de veto de Tibério, com duas exceções. Primeiro, 41-44, os romanos se renderam regra da Judéia a Herodes Agripa, durante cujo reinado Tiago Maior tornou-se o primeiro apóstolo a morrer por Cristo. Herodes Agripa, vendo que sua execução de Tiago “agradava aos judeus” (Atos 00:03), detido e preso Peter.

    Em segundo lugar, durante a ausência subseqüente do domínio romano em 62, Tiago, o Menor, primeiro bispo de Jerusalém, foi atirado do telhado do templo, em seguida, apedrejado, em seguida, desferiu o golpe mortal na cabeça com um taco. Relatórios historiador judeu Flávio Josefo que os Ananius sumo sacerdote eo Sinédrio estavam se aproveitando de uma vaga temporária no assento do governador romano.

    O tratamento de Paulo

    É ilustrativo olhar para o tratamento de Paulo aos romanos. Ele foi levado perante o procônsul romano (Atos 18) e duas vezes perante o procurador romano na Judéia pelas autoridades judaicas (Atos 21, 23, 25). Os romanos se recusou a intervir em uma briga religiosa entre cristãos e judeus. É nesta atmosfera de algo entre tolerância e benevolência que Sergius Paulus, procônsul romano de Chipre, movido pela pregação de Paulo e Barnabé, “aprendeu a crer” (Atos 13:12).Sérgio Paulo se tornou um amigo próximo de Paulo, e toda a sua família convertida.
    coisas não ficar escuro para a Igreja até o reinado de Nero, embora não imediatamente, pois Paulo é absolvido em seu primeiro julgamento, e continua a pregar o evangelho em a casa do imperador (Fl 1:13) e durante todo o pretório (Fl 4:22). Seu tempo lá talvez inspirado no imaginário de toda a armadura de Deus, em Efésios.

    Durante o reinado de Nero, uma mulher da classe senatorial, Poponia Graecina, um convertido ao cristianismo, foi declarado inocente em um julgamento público. Relatórios Pagan historiador Tácito que ela continuou sua maneira austera de vida e passou em seu cristianismo a seus descendentes. Outros proeminentes famílias das classes aristocráticas eram cristãos: A família Pudens alojados e alimentados com Peter, e sua casa na colina Esquilino é o site de Santa Pudenziana hoje.

    Nero Violinos

    Quando os rumores de que Nero começou o grande incêndio de 64 não ia embora, ele escolheu um bode expiatório fácil: a comunidade cristã em Roma. Os cristãos não eram universalmente gostava. Seu código moral rigoroso pode explicar por que eles foram acusados ​​de, como Tácito coloca, “o ódio da raça humana.” Peter descreve pagãos caluniando os cristãos para a sua falta de vontade de participar de “desordens sem lei” (1 Pe 4:4). Inimigos pagãos e judeus espalhar histórias selvagens de atividades criminosas. “Eles vão falar mal de você como trabalhadores de maldades”, escreve Pedro (1 Pd 2:12).Sabemos de fontes contemporâneas que essas maldades foram: o sacrifício humano eo canibalismo (deturpações deliberadas da Eucaristia) e incesto (a torção deliberada da prática cristã de chamar um outro irmão e irmã).

    O historiador romano Lactantius culpa perseguições de Nero sobre o número crescente de romanos que estavam abandonando a adoração de ídolos para a nova religião. O fogo pode ter perseguições aceleradas que já foram ganhando força. Paul parece ter sido martirizado diante do fogo e Peter depois.

    Quando a tempestade quebrou, a primeira perseguição foi brutal.Tácito, não é amigo dos cristãos, relata:

    No entanto, nenhum esforço humano, não há generosidade principesca nem oferendas aos deuses podiam fazer esse boato infame desaparecer que Nero tinha de alguma forma ordenou o incêndio. Portanto, a fim de abolir esse boato, Nero falsamente acusado e executado com os mais requintados punições aqueles chamados cristãos. . . E perecendo, eles foram também feitas em esportes: Eles foram mortos por cães por ter as peles de animais que lhes são inerentes, ou eles foram pregados a cruzes, ou incendiados, e, quando a luz do dia faleceu, eles foram usados ​​como luzes noturnas. . . . [P] essoas começaram a pena estes doentes, porque eles não foram consumidos para o bem, mas na conta pública do furor de um homem. (Anais , 44,2-44,5)

    Nero, ao permitir que os cristãos a ser acusados ​​de superstitio illicita, criou um precedente legal que até então só existia nos livros. Os dois primeiros governantes da dinastia dos Flávios, Vespasiano e seu filho Tito, no entanto, rejeitou imperador culto e tolerado o número crescente de cristãos, mesmo em suas próprias casas. O irmão de Vespasiano, Flávio Sabino, foi um deles. Vespasiano tinha chegado a conhecer o cristianismo durante o seu tempo na Palestina, onde ele concluiu que os cristãos não eram uma ameaça política para o império.

    Quando o segundo filho Domiciano de Vespasiano (81-96) reviveu a idéia do imperador como um deus, ele reacendeu a perseguição dos cristãos, matando seu próprio primo, Flavius ​​Clemens, um cônsul.Perseguições de Domiciano coincidir com a escrita do Apocalipse, assim: a mulher “embriagada com o sangue dos mártires de Jesus” (Ap 17:06). Sucessores de Domiciano, de Nerva a Marco Aurélio (96-161), manteve as leis contra o cristianismo, mas não assume qualquer campanha geral da perseguição.

    Situação de Plínio

    Temos um vislumbre de relações entre a Igreja eo Império, durante o reinado de Trajano (98-117). Trajano foi um grande soldado e administrador do trabalhador. Quando os problemas eclodiram na província de Bitínia, enviou Plínio, o Jovem para solucionar problemas.Sua correspondência resultou no famoso documento todos os bons estudantes latino conhecido como Édito de Trajano .

    Plínio explica que o cristianismo é muito popular entre as pessoas de todas as classes e idades, urbanas e rurais, e porque muitos se converteram, o negócio templo-sacrifício é para baixo. Os cristãos tinham feito inimigos não apenas de sacerdotes pagãos mas também comerciantes de gado. Porque ele “nunca participou em ensaios de cristãos”, Plínio não sabe o que “infracções que é a prática de punir ou investigar.” É um fator de idade? Deve ser concedido o perdão para o arrependimento? Ele pergunta: “se o próprio nome, mesmo sem ofensas, ou apenas os crimes associados ao nome devem ser punidos.”

    Ele descreve o procedimento que tem vindo a seguir, quando as acusações são trazidos diante dele. Ele interroga o acusado, e se ele ou ela confessa, ele repete o questionamento várias vezes na esperança de ganhar o arrependimento. O teimoso foram executados, embora os cidadãos romanos foram transferidos para Roma, como Paulo tinha sido.
    Plínio é desdenhoso de denúncias anônimas, e ele não encontra nenhuma evidência de má conduta real em cerimônias cristãs:

    Eles estavam acostumados a reunir-se em um dia fixo antes do amanhecer e cantar juntos um hino a Cristo como a um deus, e vincular-se por juramento, e não a algum crime, mas não para cometer fraude, roubo ou adultério, não falsificar sua confiança , nem de se recusar a devolver a confiança quando chamados a fazê-lo. Quando isso acabou, ele era seu costume de partir e de montar novamente para participar de comida, mas vulgar e inocente. ( Cartas 10)

    Trajano responde:

    Você observado o procedimento adequado, meu caro Plínio, em peneirar os casos daqueles que foram denunciados a você como cristãos. Pois não é possível estabelecer qualquer regra geral para servir como uma espécie de padrão fixo. Eles não devem ser procurados (Conquirendi non sunt), se eles são denunciados e sua culpabilidade, eles devem ser punidos, com esta reserva, que quem nega que ele é um cristão e realmente comprova isso, isto é, adorando a nossa deuses, mesmo que ele estava sob suspeita no passado, deve obter o perdão através do arrependimento. Mas as acusações postadas anonimamente deve ter lugar em qualquer acusação. Para isso é ao mesmo tempo uma espécie de precedente perigoso e fora de sintonia com o espírito de nossa época.

    Então, do ponto de vista romano, a prática do cristianismo realizada a pena de morte, mas Trajano não busca razões para executar pessoas.Nenhum esforço deveria ser feito para procurá-los e há denúncias anônimas poderia levar a uma prisão. Esta é a burocracia romana no seu melhor e no seu pior. Trajano e Plínio são dedicados funcionários públicos trabalhando em precedentes legais que podem levar à morte de inocentes. Trajano não pode repudiar a lei a partir do reinado de Tibério, mas ele inventa uma interpretação leniente para Plínio de seguir.

    Durante este era um cristão poderia ser dedurou, mas informantes foram pensados ​​mal de na sociedade romana, e eles corriam o risco de derrubar o peso de justiça romana em si deve ir suas acusações não provadas. Assim, perseguições variou conforme a região. Em uma área com uma grande população cristã como Bitínia, só um tolo abertamente denunciar um vizinho, para os cristãos que seguiam a liminar de Paulo não deliberadamente para procurar o martírio desfrutado de relativa segurança.

    Imigrantes saem pior

    Em Lyon, no entanto, as questões eram muito piores. Há uma correspondência entre o imperador Marcus Aurelius e os oficiais romanos em Lyons semelhantes rescrito de Trajano, mas nesta região, onde a população cristã composta por imigrantes da Ásia Menor, eles eram desprezados pela população gaulesa local.

    A conta dos Mártires Lyons, uma carta contemporânea copiado por Eusébio, descreve as provações terríveis dos líderes desta comunidade cristã (o mais famoso é Bl Blandina.), Incluindo:

    confinamento nas celas escuras e mais mau-cheiro da prisão. . . em que um grande número sufocada. . . o alongamento dos pés sobre os estoques. . . a fixação de placas em brasa de bronze, para as partes mais delicadas do corpo. . . exposição às feras e assar durante um incêndio em uma cadeira de ferro. ( História da Igreja V)

    O próximo imperador, Commodus, foi o depravado filho adotivo de Marcus Aurelius. Mas, mesmo na sua corte havia cristãos. Sua concubina, Marcia, que mais tarde conspirou em seu assassinato, era simpático ao Cristianismo. Por sua intervenção, os escravos cristãos foram libertados das minas da Sardenha.

    Rescrito de Trajano manteve a lei, durante o reinado de Septímio Severo (193-211), que procurou verificar o crescimento do cristianismo, fazendo a conversão de um crime. O famoso mártires convertido deste período, mencionado no Cânon da Missa, são santos.Perpétua e Felicitas de Cartago.

    Começando com o reinado de Caracalla (211-217), os cristãos gostava de paz. Havia até mesmo um imperador cristão durante este período.Filipe, o Árabe tem sido considerado como um dos piores imperadores do império, mas a opinião pode ser mais o resultado de subseqüente propaganda anti-cristã do que um relato honesto de sua administração, que durou cinco anos, excepcionalmente longo para esse período de agitação. Ele foi assassinado por Décio (249-251), que provavelmente matou sua reputação.

    Atormentado por invasões bárbaras, Décio acredita que o crescimento da seita cristã foi derrubada desfavor dos deuses, então ele emitiu um decreto exigindo que todos os cristãos a oferecer sacrifícios aos deuses pagãos. Valeriano (253-260) abriu um em todo o império série de perseguições, e é nesta faixa etária que o patrono dos coroinhas, Tarcísio, deu a sua vida (ver “Tarcísio”, página 11).
    Duas décadas mais tarde, o imperador Aureliano ( que construiu a maior parte do muro que circunda Roma hoje) tolerada cristianismo e mesmo interveio em uma disputa sobre a propriedade de um prédio da Igreja de Antioquia, governando em favor dos cristãos que estavam em união com o Bispo de Roma! Embora o pior ainda estava por vir sob Diocleciano, o caminho já estava sendo liberado para a convivência pacífica.

    Na primeira, Paz

    O mais sangrento, e melhor documentado, das grandes perseguições veio sob Diocleciano (284-305), embora este imperador para quem a perseguição é lembrado não foi, em primeiro lugar, o seu instigador.Para a maioria do reinado de Diocleciano, os cristãos gostava de paz e prosperidade.

    Diocleciano era um general corajoso. Sua inovação política, a tetrarquia, que dividiu regra do enorme Império Romano entre doisAugusti , uma no leste e outra no oeste, e sua Césares, ou diretores, restaurou a ordem de um império que tinha há cinco décadas sofreu caos, legionários rebelados, Pretorianos em revolta e guerra civil. Dos 28 imperadores que precederam Diocleciano, 22 tinham sido assassinados.

    Ele transferiu a capital imperial de Roma para Nicomédia, perto do Bósforo, com o fundamento de que o imperador era mais necessário na fronteira. Sob Diocleciano, construção e obras públicas começou de novo a sério por todo o império, incluindo os banhos extraordinários nomeados para ele em Roma. Ele trouxe a inflação sob controle. Ele ainda emitiu um édito promover a instituição do casamento, sustentando que a castidade seria sacar o favor dos deuses sobre o império. No final do seu reinado, o velho imperador abdicou e partiu para a sua fazenda crescer repolhos.

    Havia cristãos na casa de Diocleciano. Sua esposa, Prisca, e sua filha, Valeria, eram catecúmenos. Oficiais de sua corte, incluindo dois eunucos nomeados pelo próprio Diocleciano, Gorgonius e Pedro, eram abertamente cristã. Além disso, Diocleciano tinha nomeado cristãos como governadores de várias províncias.

    Diocleciano César Galério, no entanto, era um soldado menor e um homem de menor caráter completamente, apesar de um auto-promotor especializado. Um homem violento e muito grande, ele subiu de pastor analfabeto a César, e, eventualmente, para Augusto, no leste, seguindo a abdicação de Diocleciano. Diocleatian deu-lhe sua filha, Valeria, em casamento.

    Não foi Valeria, no entanto, mas a mãe Galério “, uma sacerdotisa Corybantic, que tinha influência sobre Galério. Ela e outros adivinhos, oráculos e adivinhos vira-as no dia-seus negócios de Trajano sofrem como o Cristianismo se espalhou por todo o império. Galério também levou a sério o trabalho de panfletários pagãos que argumentou que a rejeição explícita do cristianismo das divindades romanas tradicionais ameaçou o império. Galério visto cristãos que servem no exército como uma ameaça para a coesão da unidade e disciplina, embora não haja evidência de que este era nada mais do que o preconceito. (Muitos soldados perderam suas vidas durante essas perseguições, inclusive São Sebastião e São Jorge).

    O Pior começa

    Na primeira Diocleciano estava relutante em abrir uma nova rodada de perseguições. Nesta fase, os cristãos estavam bem integradas em todos os níveis da sociedade romana, e viu perseguição como politicamente imprudente. Quando, finalmente, Galério prevaleceu no velho imperador, o resultado foi uma série de quatro editais começam em 302, cada um mais grave do que o anterior.

    Eusébio relata que esse primeiro edital ordenaram a destruição de igrejas ea queima das Sagradas Escrituras. É também necessário a degradação dos homens da estação, que eram cristãos. Os próximos três editais ordenou a prisão dos bispos e do clero, então a tortura de presos bispos e do clero, e, finalmente, a tortura ea prisão dos leigos.

    Esta perseguição foi acirrada eo império inteiro. Mártires, no Egito, por exemplo, teve as pernas amarradas a duas árvores jovens empenhados em direção ao outro e, em seguida, permissão para pular de volta, rasgando a vítima pela metade. A perseguição continuou no leste durante o reinado Galério “e por isso de Licínio, sob o qual os 40 Mártires de Sebastia foram congelados até a morte.

    Triunfo

    O triunfo de Constantino trouxe as perseguições ao fim com a exceção de um breve período de meio século mais tarde, sob Juliano, o Apóstata.

    Como vimos, a concepção comum de que os cristãos dos primeiros 300 anos foram bandidos eternamente perseguido por um estado hostil não é preciso. Houve períodos de brutal perseguição e também períodos de paz. A maioria das perseguições eram local. Apenas dois foram império de largura, os de Valeriano e Diocleciano. No caso das perseguições de Diocleciano, Constâncio, pai de Constantino, não participou, deixando a Grã-Bretanha, Gália e grande parte da Espanha em paz. Com exceção das perseguições sob Nero, as perseguições sistemáticas e horrível ocorreu nas províncias, e não em Roma.

    Esses fatos, de modo algum diminui o heroísmo dos mártires cujas privações e torturas são boas para lembrar quando os inconvenientes da vida diária nos mover para a auto-piedade. A caridade dos mártires para os seus torturadores traz reflexão quando nos deparamos com o idiota periódica. O Papa João Paulo II coloca mais eloquentemente emVeritatis Splendor :

    Embora martírio representa o ponto alto do testemunho da verdade moral, e ao qual poucas pessoas são chamados, há, contudo, um testemunho coerente que todos os cristãos devem estar prontos a fazer, mesmo à custa de sofrimento e de graves sacrifícios. De fato, diante das muitas dificuldades que a fidelidade à ordem moral pode exigir, mesmo nas circunstâncias mais comuns, o cristão é chamado, com a graça de Deus invocado na oração, para um compromisso por vezes heróico. (93)

    João Paulo enfatiza que os mártires são um testemunho de clareza moral:

    Dando pleno testemunho do bem, eles são uma viva censura para os que transgridem a lei (cf. Sb 2,12), e eles fazem as palavras do profeta ressoar: “Ai dos que ao mal chamam bem e ao bem, mal que fazem da escuridade luz e da luz, escuridade, que põem o amargo por doce eo doce por amargo! “(Is 5:20) (VS 93)

    Nesta época em que a tolerância é apontado como o maior bem, é bom lembrar que os primeiros mártires não eram mártires da causa da tolerância religiosa. Eles eram mártires para o Primeiro Mandamento.Domínio romano foi tão bem sucedido, em parte por causa de sua capacidade de conciliar tantas crenças e tantos deuses, para a satisfação da maioria dos seus cidadãos. Esse sincretismo entrincheirados reagiram com tudo de ridículo a raiva de um cristianismo que insistiu em um só Deus em três pessoas antes que não havia outros. No início de Christian disse a seu amigo pagão, “Você chama o Sol Invictus e eu chamá-lo de Jesus Cristo, mas, basicamente, adoram o mesmo Deus”.

    A tolerância religiosa de um tipo prático tem valor político, como mais do que um oficial romano aprendido, mas a tolerância dogmática é um pecado contra a verdade, e quem não pode ver esta distinção não pode defender sua fé. Um tempo pode estar se aproximando rapidamente, no entanto, quando eles serão chamados em circos o horror de que irá rivalizar com Nero. A diferença haverá períodos de alívio da ordem do direito romano.

    BARRAS LATERAIS

    Tarcísio

    Quando o imperador Valeriano ordenou a execução de bispos, presbíteros e diáconos, os cristãos à missa em porões e nas catacumbas de fora das muralhas da cidade. Diáconos levaria Comunhão aos cristãos para quem chegar a missa foi muito perigoso.

    Em uma dessas ocasiões, nenhum diácono estava disponível. O padre não sabia o que ele iria fazer até o seu altar menino, um menino Roman jovem de 11 Tarcísio nomeados, deu um passo adiante, depois da missa e disse que iria levar a Comunhão a alguns cristãos que esperam dentro das muralhas da cidade. O padre Tarcísio admirado por sua garra, deu-lhe as hóstias sagradas embrulhadas em seda, juntamente com uma bênção rápida, e enviou-o para a cidade.

    Tudo estava indo bem até que Tarcísio correu para alguns meninos pagãos de sua idade que lhe pediu para vir e participar do seu jogo.Tarcísio agradeceu-lhes, explicou que ele tinha uma missão a ser executado, mas disse que ele iria se juntar a eles mais tarde.

    “Oh! Menino cristão! “Um dos meninos pagãos zombou. “Será que você pensa que é muito bom para jogar com a gente?” E eles circularam em torno Tarcísio.

    “Nem um pouco”, disse Tarcísio. “Eu tenho algo para entregar e deve estar no meu caminho.”

    “Bem-nos mostrar o que é! Qual é o segredo grande, menino cristã “?

    “Não é da sua conta”, disse Tarcísio, olhando para cada um dos meninos diretamente nos olhos. “Agora passo para o lado e abrir caminho.”

    Ao invés de passo para o lado, os meninos pagãos fechado seu círculo em torno de Tarcísio e, como eles fizeram, pegaram varas pesadas e pedras do chão. Um deles gritou: “Aposto que está levando os mistérios cristãos!”

    “Você, rapaz cristão?” Que outro. “Mostra-nos!”

    Tarcísio, segurando sua preciosa carga em seu peito fez um traço para o que parecia ser uma abertura no círculo, mas ele não foi rápido o suficiente. A multidão de meninos fecharam em torno dele e eles começaram a club-lo com as pedras e paus pesados. Tarcísio não gritou, mas rezou silenciosamente, sempre agarrado ao Santíssimo Sacramento no peito.

    Os meninos pagãos espancaram até a morte.

    Com as mãos ensangüentadas, pegaram o corpo machucado e quebrado de Tarcísio e tentou torcer o pano de seda levar a Eucaristia de seus braços mortos. Embora ele não tinha vida deixado por ele, Tarcísio não largava do nosso Senhor. Os meninos tentaram durante horas para erguer os braços abertos, mas eles não conseguiram e fracassaram novamente. Eles deixaram o corpo de Tarcísio ao lado da estrada para os urubus para comer.
    Depois de algum tempo, alguns cristãos foi à procura de Tarcísio, e quando encontraram seu corpo quebrado e sangrando ainda agarrados ao Santíssimo Sacramento, que adivinhou o que tinha acontecido.Cuidadosamente levantar o corpo do pequeno menino, furam-o suavemente de volta para o sacerdote, que até agora tinha crescido profundamente preocupados com sua jovem coroinha. Os cristãos definir o corpo do rapaz ao pé do padre, que se ajoelhou e calmamente afastou o cabelo do Tarcísio, emaranhado com sangue, longe do seu rosto e com o polegar fez o sinal da cruz em sua testa. Naquele momento, o corpo de Tarcísio descruzou os braços e lançou o Santíssimo Sacramento para o sacerdote, e todos os que testemunharam este sabia que aqui era um menino cristão santo, que ocupava Jesus em seus braços e que agora estava sendo mantido para sempre nos braços de Jesus .

    Reinados de imperadores romanos relevantes

    Tibério 14-37
    Nero 54-68
    Vespasiano 69-79
    Tito 79-81
    Domiciano 81-96
    Trajano 98-117
    Marco Aurélio 161-180
    180-192 Commodus
    Septímio Severo 193-211
    211-217 Caracalla
    Phillip o árabe 244-249
    Décio 249 -251
    Valerian 253-260
    Aureliano 270-275
    Diocleciano 284-305
    Licínio 308-324
    306-337 Constantino,
    Juliano, o Apóstata 355-363

  12. HEREGE BRUNO AGORA VAMOS

    usar a lógica é muito facil desmontar a sua argumentação e de todas seitas protestante.

    PRIMEIRO VOCÊS BRUNO DAS SEITAS, protestantes usam um dicionário da lingua portuguesa para justificar a igualdade de adorar e venerar.

    BRUNO OLHA além de tosca essa argumentação lembramos que o dicionário (carinhosamente apelidado de PAI DOS BURROS)

    se vale de similaridades para esplicar aos seus filhos (OS BURROS) o que significa a palavra desconhecida. Quando uma pessoa não sabe algo, nos valemos de exemplos SIMILARES para dar a noção à quem desconhece. Na verdade, podemos dizer sem sombra de dúvida que para duas palavras existem dois significados…

    bruno olha Se adorar é igual a venerar então…

    sagrado (definido no dicionário)

    do Lat. sacratu

    adj.,

    relativo aos ritos ou ao culto religioso;

    que foi consagrado;
    profundamente venerável;
    puro;

    santo;

    a que se deve o maior respeito;

    inviolável;

    s. m.,

    aquilo que é sagrado;

    prov.,

    adro da igreja;

    o chão do cemitério.

    Que dizer da bíblia sagrada? Protestantes consideram um livro como sendo sagrado? Se assim o fazem são idólatras de um livro. Um livro que merece todo respeito pois contém a palavra de Deus, mas ainda assim um livro. Existe idolatria em se respeitar a bíblia?

    “I Coríntios 3:17 Se alguém destruir o santuário de Deus, Deus o destruirá; porque o santuário de Deus, que sois vós, é SAGRADO.”

    (Êxodo 19,23)

    Moisés respondeu ao Senhor: “O povo não poderia subir o monte Sinai, pois vós no-lo ordenastes expressamente, dizendo: fixa limites ao redor do monte, e declara-o sagrado.”

    (Êxodo 29,29)

    Os ornamentos sagrados de Aarão servirão para seus filhos depois dele, que os vestirão quando se lhes der a unção e forem empossados.

    Aliás isso é legal pra quem critica as vertes liturgicas da igreja…

    (Êxodo 31,10)

    as vestes litúrgicas, os ornamentos sagrados para o sacerdote Aarão, as vestes de seus filhos para as funções sacerdotais;

    (Êxodo 31,14)

    Guardareis o sábado, pois ele vos deve ser sagrado. Aquele que o violar será morto; quem fizer naquele dia uma obra qualquer será cortado do meio do seu povo.
    (Êxodo 34,15)

    Guarda-te de fazer algum pacto com os habitantes do país, pois, quando se prostituírem a seus deuses e lhes oferecerem sacrifícios, poderiam convidar-te e tu comerias de seus banquetes sagrados;

    (Números 7,9)

    Aos filhos de Caat, porém, não deu carros nem bois, porque tinham o cuidado de objetos sagrados que levavam aos ombros.

    (Números 10,21)

    Os caatitas partiram em seguida, levando os objetos sagrados. E, antes que chegassem, era montado o tabernáculo.

    (Números 18,3)

    Eles farão o serviço que te é devido e o serviço da tenda, mas não se aproximarão dos objetos sagrados, nem do altar, para que não morram, e vós juntamente com eles.

    (I Crônicas 16,29)

    tributai ao Senhor a glória devida ao seu nome. Trazei oferendas e chegai à sua presença, adorai o Senhor com ornamentos sagrados.

    (II Crônicas 5,5)

    e transportaram-na com a tenda de reunião e todo o seu mobiliário de utensílios sagrados. Foram os sacerdotes levíticos que fizeram essa transladação.

    (Salmos 46,9)

    Deus reina sobre as nações, Deus está em seu trono sagrado.

    (I Macabeus 4,49)

    Fizeram novos vasos sagrados e transportaram ao santuário o candeeiro, o altar dos perfumes, e a mesa.

    (Salmos 28,2)

    Rendei-lhe a glória devida ao seu nome; adorai o Senhor com ornamentos sagrados.

    (Eclesiástico 26,22)

    Como a lâmpada que brilha no candelabro sagrado, assim é a beleza do rosto na idade madura.

    (Jeremias 17,2)

    nos ângulos de seus altares. (Lembrando-se de seus filhos), (pensam) em suas estelas e marcos sagrados, junto das árvores verdejantes no alto das colinas elevadas.

    (Ezequiel 42,14)

    Uma vez que tiverem entrado, os sacerdotes não sairão do lugar santo para o átrio exterior, sem ter deixado ali as suas vestes litúrgicas, porque esses paramentos são sagrados. Eles se revestirão de outros hábitos para penetrar nos lugares destinados ao povo.

    Paramentos são sagrados??? Alguns acham que não… Mas como é possível isso? Não esta dito na bíblia???

    (Ezequiel 45,6)

    Para o domínio da cidade, assinalareis uma porção de cinco mil côvados de largura, por vinte e cinco mil de comprimento, paralelamente ao espaço sagrado já reservado. Ela pertencerá a toda a casa de Israel.

    (Joel 4,17)

    Sabereis então que eu sou o Senhor, vosso Deus, que habita em Sião, minha montanha santa. Jerusalém será um lugar sagrado onde os estrangeiros não tornarão mais a passar.

    (Miquéias 5,13)

    Extirparei de tua terra os bosques sagrados e arrasarei tuas cidades.

    aliás … pela mesma fonte, temos que…

    consagrar

    Conjugar

    de sagrar

    v. tr., tornar sagrado; sagrar; dedicar a Deus; converter (pão e vinho) no corpo e sangue de Jesus Cristo; oferecer em homenagem; destinar; dedicar ao culto; sancionar;

    v. int., ant.,

    jurar pela sagrada hóstia;

    v. refl.,

    dedicar-se.
    Continuando… Se ‘sagrado’ é aquilo que é ‘profundamente venerável’ e consagrar é ‘tornar sagrado’. Quando ouvimos muitos religiosos dizerem que eu me consagro a Deus, podemos ter que esta pessoa esta por seus méritos próprios (por seus ‘poderes’) SE tornando sagrado e portanto digno e profundamente venerável…?

    Ora, me parece que de duas, uma… Ou o dicionário não se presta a responder quesitos da fé… Ou temos muitos hipócritas por ai…
    A cereja em cima do bolo…

    BRUNO o dicionário ainda aponta que

    santo

    do Lat. sanctu

    adj.,

    sagrado; bem-aventurado;

    venerável; virtuoso; bondoso; santificado (dia);

    s. m.,

    indivíduo que morreu em estado de santidade ou foi canonizado; por ext. homem reconhecidamente virtuoso e bom.

    campo -: cemitério;

    lugar -: a igreja; qualquer templo;

    nariz de -: algo que se faz meticulosamente;

    remédio -: remédio eficaz;

    Santo Ofício: tribunal da Inquisição;

    – de pau carunchoso: pessoa sonsa, velhaca; o m. q. santo de pau oco;

    – de pau oco:vd. santo de pau carunchoso;

    – sacrifício: missa.

    Assim acaba o raciocínio de que o dicionário aponta como sendo “santo” o que é sagrado;

    venerável…

    Se a bíblia fala que “(Êxodo 29,31)

    Tomarás o carneiro de inauguração e farás cozer a sua carne em um lugar santo.” Temos então que EXISTE um lugar santo…

    Se diz que “(Êxodo 30,35)

    Farás com tudo isso um perfume para a incensação, composto segundo a arte do perfumista, temperado com sal, puro e santo.” Temos um perfume SANTO…

    “(Levítico 2,3)

    O que sobrar da oblação será para Aarão e seus filhos; isto é, o que há de mais santo entre os sacrifícios feitos pelo fogo ao Senhor.” Existe um sacrificio SANTO…

    “(Levítico 6,11)

    Todo varão entre os filhos de Aarão comerá dela. Essa é uma lei perpétua, no tocante às partes destinadas a vossos descendentes, das ofertas feitas pelo fogo ao Senhor. Todo aquele que tocar essas coisas será santo.” ” Existem homens SANTOS…”(Levítico 11,44)

    Pois eu sou o Senhor, vosso Deus. Vós vos santificareis e sereis santos, porque eu sou santo. Não vos contaminareis com esses animais que se arrastam sobre a terra, …”

    BRUNO ME DIGA se existem santos (que são sagrados;bem-aventurados;veneráveis) e se sagrado é o profundamente venerável… Alguém me explica porque cargas d’água falam que católicos são idolatras por venerar um santo?

    Então antes de usar um dicionário como instrumento de estudo teológico, vamos pensar.

    BRUNO HEREGE VAI UM CONSELHO ESTUDE PATRÍSTICA

    • São Firmilian (morto no ano269 da era cristã
      VEJA O QUE ELE ESCREVE SOBRE SÃO PEDRO
      “Mas o que é o seu erro … que não permanece na fundação da Igreja um que foi fundada sobre a rocha de Cristo, pode ser aprendido com isso, o que Cristo disse a Pedro sozinho [Mateus 16:18.]: ‘ tudo o que o que ligares na terra será ligado também no céu, e tudo o que desligares na terra, será desligado no céu “[Mateus 16:19].” (coletados em Cipriano Cartas 74 [75]: 16 [AD 253 ]).
      “[Papa] Stephen [I] … se orgulha de o lugar do seu episcopado, e sustenta que ele segura a sucessão de Pedro, de quem os fundamentos da Igreja foram postos [Matt. 16:18] …. [ Papa] Stephen … anuncia que ele tem pela sucessão do trono de Pedro “(ibid., 74 [75], 17).
      A Carta de Clemente para Tiago
      “Seja conhecido para você, meu senhor, que Simão [Pedro], que, por causa da verdadeira fé, eo fundamento mais seguro de sua doutrina, foi designado para ser o alicerce da Igreja, e para este fim foi pelo próprio Jesus, com a boca verdadeira, chamado Pedro “( Carta de Clemente para Tiago 2 [AD 221]).
      Taciano ou Taciano, o Sírio nascido no ano 120 e morto no ano 180 da era cristã
      foi um escritor cristão do segundo século e discípulo de São Justino
      VEJA O QUE ELE DIZ SOBRE SÃO PEDRO
      “Simão Cephas respondeu e disse:” Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo ‘. Jesus respondeu, e disse-lhe: “Bem-aventurado és tu, Simão, filho de Jonas: a carne eo sangue não revelou a ti, mas o meu Pai que está nos céus E eu te digo, também, que você é Cefas, e sobre. esta pedra eu edificarei a minha Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela “( O Diatesseron 23 [170 dC]).
      VEJA AGORA
      O poema Contra o marcionitas
      “Neste cadeira em que ele próprio tinha sentado, Pedro, em Roma ordenou poderoso Linus, o eleito em primeiro lugar, para se sentar. Depois dele, Cletus também aceitou o rebanho da dobra. Como seu sucessor, Anacleto foi eleito por sorteio. Clemente segue ele, bem conhecido para os homens apostólicos. Depois dele Evaristo governou o rebanho, sem crime. Alexander, sexto em sucessão, elogia a dobra de Sisto. Após seus tempos ilustres foram concluídas, ele passou para Telesphorus. Ele foi excelente, um fiel mártir … “( Poema Contra o marcionitas 276-284 [AD 267]).

      • A IGREJA CATÓLICA É UMA RELIGIÃO DOGMÁTICA, OU SEJA DE TEMPOS EM TEMPOS ELA INVENTA UM NOVO DOGMA E SEMPRE MUDAM DE IDEIA, TEMOS VÁRIOS CASOS, COMO AS INQUISIÇÕES AS CRUZADAS, QUEIMAR JOANA DARC E DEPOIS CONSIDERAR ELA SANTA, PRENDER GALILEU POR FALAR QUE A TERRA GIRA EM TORNO DO SOL, QUEM SÃO VCS PARA FALAREM MAL DE ALGUÉM, NUNCA FORAM DONOS DA VERDADE E NUNCA SERÃO, VENDA DE INDULGÊNCIAS NA IDADE MÉDIA, PERDOAVA ATÉ ANTES DO PECADO SER COMETIDO, BASTAVA SOMENTE UMA GRANDE QUANTIA EM DINHEIRO E TAMBÉM NÃO TEM PROBLEMA NENHUM EM DESFAZER CASAMENTOS DE FAMOSOS SE ELES PAGAREM BEM, SUA IGREJA É SUJA COMO MUITAS EVANGÉLICAS, POR ISSO EU VIREI ATEU, PQ EU VI QUE TUDO NÃO PASSA DE UM JOGO PRA CONTROLAR AS PESSOAS E QUE DEUS TB É UMA INVENÇÃO, PQ AS PESSOAS SÃO CARENTES E GOSTAM DE SE ILUDIR E USAM A RELIGIÃO COMO PLACEBO.

        • BRUNO VOCÊ É DAQUELES QUE ACREDITAM EM LENDAS COMO BRANCA DE NEVE E OS SETE ANÕES

          VAI ESTUDAR MEU CARO PARE DE LÊ AS PAPAGAIADAS DE HISTORIADORES PROTESTANTES OU DESSES SITES PROTESTANTES

          PARA VOCÊ AFIRMAR UMA COISA VOCÊ TEM QUE PROVAR-LA COM ESCRITOS TESTEMUNHAS OCULARES FATOS VERÍDICOS COM NOTAS DE RODA PÉ

          VOCÊ É MAS UM LEIGO DO MUNDO MODERNO

          • MEU CARO VC É QUE NÃO QUER VER A VERDADE, ATÉ MESMO UMA PROFESSORA QUE EU TIVE QUE ERA MUITO CATÓLICA SABE QUE A “ICAR” FEZ ESTAS COISAS ELA FALOU PRA CLASSE CERTA VEZ, QUE ELA ERA CATÓLICA, MAS QUE A IGREJA JÁ FEZ MUITO MAL, EU SEI QUE TEM MUITAS COISAS QUE SAEM NA MIDIA QUE SÃO INVENTADAS, MAS DAI FALAR QUE A IGREJA NUNCA AGIU PARA BENEFICIO PRÓPRIO É BRINCADEIRA, NÃO ACREDITE EM MIM, APENAS VISITE UM MUSEU DA IDADE MÉDIA E VEJA OS INSTRUMENTOS QUE ERAM UTILIZADOS PARA TORTURAR OS CONSIDERADOS “HEREGES”, Por que uma igreja que devia evangelizar pelo amor de Jesus era capaz de cometer tais atos de tortura em nome de Deus?

  13. BRUNO QUAL QUER PESSOA QUE ESTUDAR TEOLOGIA E PATRÍSTICA PEGA NOJO E DAS SEITAS PROTESTANTES

    PRIMEIRO BRUNO NÃO EXISTEM VERSÍCULOS BÍBLICOS EM QUE DEUS DA AUTORIDADES PARA HOMENS FUNDAR IGREJAS E MAIS CARO BRUNO SE AS SEITAS PROTESTANTES FOSSEM VERDADEIRAS TERIA 2000 MIL ANOS E NÃO SERIA DIVIDIDA VOCÊ É DE QUAL SEITA AS QUE NEGAM QUE JESUS CRISTO É DEUS OU DA METROPOLITANA DO BRASIL

    CARA SE CONVERTA SAIA DESSE BURACO

    E DEPOIS BRUNO VOCÊ ME VEM COM VERSÍCULO QUE NEM SABE A ORIGEM

    VC ME DIZ
    Bruno disse:
    1 de dezembro de 2012 às 23:59
    vc quer falar em contradições então toma essa. “porque há um só Deus e só um mediador entre deus e os homens. cristo Jesus homem”. 1 Timóteo2
    ai me vem o vaticano e me declara maria como mediadora isto é uma grande contradição, até mesmo porque maria não é onisciente e não poderia ouvir todas as orações.

    BRUNA DA SEITA PROTESTANTES OLHA SÓ Jesus é o Único Mediador entre Deus e os Homens

    Esta é uma frase bíblica que vocês das 50 mil seitas protestantes do Brasil recortam e tiram fora do contexto para acusar falsamente a doutrina bíblica da intercessão dos Santos ensinada pela Igreja. Primeiro lugar, este versículo está recortado, o versículo completo fica assim:

    “Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem, o qual morreu em resgate por todos” I Tim 2,5

    Bruno agora você Observou? o versículo terminado diz que somente Ele morreu por Nós, ou seja, Só Jesus Cristo é o Salvador, este versículo ensina que a Salvação vem somente de Jesus Cristo, isso nada tem a ver com a intercessão dos Santos.

    É fácil ver o por que de São Paulo ter escrito isso, naquela época

    os fariseus acreditavam em Deus, mas nao acreditaram em Jesus, e até hoje os Judeus nao creem na divindade de Jesus Cristo. Por isso ele escreveu isso, que de nada adianta você crer em Deus, se nao tem Jesus como teu Senhor e Salvador. BRUNO HEREGE ME DIGA E agora o que isso tem a ver com a intercessão dos Santos?

    Sendo que nós acreditamos que os Santos apenas oram/rezam/intercedem por nós, e NAO acreditamos que eles salvam (o que seria um absurdo)?

    HEREGE BRUNO OLHA na verdade, existem muitos intercessores.

    O novo testamento está repleto de passagens que nos exortam a interceder uns pelos outros, inclusive, a que precede o versículo citado acima:

    “Acima de tudo, recomendo que se façam preces, orações, súplicas, ações de graça por todos os homens (…). Isto é bom e agradável diante de Deus, nosso Salvador” (1Tm 2,1-3).

    “Orai uns pelos outros para serdes curados” (Tg 5,16b)

    Logo, Jesus não pode ser o único intercessor. No entanto, todo e qualquer intercessor, sempre ora e obtém a graça em nome de Nosso Senhor Jesus Cristo, e não em seu próprio nome. Pois é somente através de Jesus Cristo que temos acesso ao Pai. Quanto mais santo o intercessor, mais eficaz é a intercessão. Diz ainda a Bíblia, que quanto mais santo o intercessor, maior a eficácia da oração:

    “A oração do justo tem grande eficácia.” (Tg 5,16c)

    Ora, se a oração de um justo tem grande eficácia, não há dúvida que é melhor pedir a intercessão de um justo do que de um pecador. E, como não existem homens neste mundo mais santificados do que aqueles que já estão no Céu, obviamente, é melhor pedir a intercessão de um santo do Céu do que de um homem que ainda vive neste mundo. Os santos do Céu estão vivos. Porém, argumentam alguns: “Mas como podem interceder se estão mortos e inconscientes?” E quem disse que estão mortos aqueles que estão VIVOS diante do Trono de Deus, porque o nosso Deus não é Deus de mortos, mas de vivos, como ensinou Jesus:

    “Moisés chamou ao Senhor: Deus de Abraão, Deus de Isaac, Deus de Jacó. Ora Deus não é Deus dos mortos, mas dos vivos porque todos vivem para Ele.” (Lc 20, 37-38)

    Portanto HEREGE BRUNO , Jesus nos diz que os santos falecidos (como Abraão, Isaac e Jacó) estão vivos na Presença de Deus, pois VIVEM para Ele.

    Não estão mortos, nem inconscientes! O livro do Apocalipse também ensina que os santos falecidos não estão adormecidos, mas mesmo antes da ressurreição, suas almas dialogam e intercedem junto a Deus:

    VEJA HEREGE BRUNO

    “Vi sob o ALTAR as ALMAS DOS HOMENS IMOLADOS por causa da Palavra de Deus e por causa do testemunho que dela tinham prestado. E CLAMARAM EM ALTA VOZ: Até quando ó Senhor, Santo e Verdadeiro, tardarás a fazer justiça, vingando o nosso sangue contra os habitantes da terra? A cada um deles foi dada, então, uma veste branca, e foi-lhes dito, também, que aguardassem ainda um pouco, até que se completasse o número dos seus companheiros e irmãos, que iriam SER MORTOS COMO ELES.” (Apc 6,9-11)

    Neste diálogo, as almas dos santos falecidos clamam a Deus para que apresse o Dia do Juízo Final. Observe que as almas não estão adormecidas, mas estão sob o altar de onde falam com Deus. Elas clamam ansiosas pelo Dia do Juízo Final, que será também o dia da aguardada ressurreição da carne. Deus lhes dá uma veste branca (símbolo da santidade) e ordena que aguardem mais um pouco. E, enquanto aguardam, o que fazem estas almas? Aguardam adormecidas ou vivas e acordadas? Vejamos:

    “Então um dos anciões falou comigo e perguntou-me: Esses, que estão revestidos de vestes brancas, quem são e de onde vêm? Respondi-lhe: Meu Senhor, tu o sabes. E ele me disse: Esses são os SOBREVIVENTES da grande tribulação. Lavaram as suas vestes e as alvejaram no sangue do Cordeiro. Por isso, ESTÃO DIANTE DO TRONO DE DEUS, E O SERVEM, DIA E NOITE, NO SEU TEMPLO.” (Apc 7,13-15)

    Portanto, esta é a situação das almas enquanto aguardam pelo ansioso dia do Juízo Final e da ressurreição da carne, quando finalmente

    “Deus os abrigará em sua tenda e não haverá nem fome, sede, sol ou calor e Deus enxugará toda lágrima de seus olhos” (Apc 7,15-16).

    Veja também como estas almas (os santos, pois estavam com vestes brancas, símbolo da santidade), intercedem diante do Trono de Deus:

    “Outro anjo pôs-se junto ao ALTAR, com um turíbulo de ouro na mão. Foram-lhe dados muitos perfumes para que os oferecesse com as ORAÇÕES DE TODOS OS SANTOS NO ALTAR de ouro, que ESTÁ ADIANTE DO TRONO. A fumaça dos perfumes subiu da mão do anjo com AS ORAÇÕES DOS SANTOS, DIANTE DE DEUS.” (Apc 8,3-4)

    Eis aí uma passagem bíblica que nos garante a intercessão dos santos falecidos, e que agora estão diante do Trono de Deus. São oferecidas a Deus as orações de TODOS os santos. Se são de todos os santos, são tanto as orações dos santos da terra (cristãos que levam uma vida santa) quanto dos santos do Céu (que estão vestidos de branco diante do Trono de Deus). Embora este trecho da abertura dos 7 selos esteja se referindo aos santos do Céu (no quinto, sexto e sétimo selos), podemos entender as orações que chegam a Deus, também vindas dos santos da terra, pois é afirmado ser as orações de TODOS os santos. Um exemplo destas orações de santos falecidos, encontra-se em Macabeus. Nela, Judas Macabeus relata uma visão que teve de Onias e Jeremias, já falecidos, intercedendo pelo povo:

    “Onias (…) estava com as mãos estendidas, INTERCEDENDO por toda a comunidade dos judeus. Apareceu a seguir um homem notável (…) Esse é aquele que MUITO ORA pelo povo e por toda cidade santa, é Jeremias, o Profeta de Deus.” (2Mac 15,12-14).

    E como os santos conhecem nossas preces? Eles são onipresentes?De modo algum. Só Deus é Onipresente. No entanto, todos pertencemos ao Corpo Místico de Cristo no qual vivenciamos a comunhão dos santos, ou seja, vivenciamos o fluxo de amor e relacionamentos entre todos os membros do Corpo Místico. De um modo especial, os santos que estão no Céu já possuem uma relação de profunda intimidade com Deus, de modo que através da onipresença de Deus, os santos tomam conhecimento das preces que lhes são dirigidas. Em outras palavras, é o próprio Deus quem lhes transmite as nossas preces. Eis como Dom Estevão Bettencourt explica esta questão:

    “Os bem-aventurados têm conhecimento das preces que neste mundo lhes são dirigidas, pois Deus, que fez os homens solidários entre si, não permite que essa comunhão seja dissolvida pela morte. Por isso pedimos aos santos que intercedam por nós no Céu, e Deus lhes dá a conhecer nossas orações para que, de fato, eles rezem por nós ao Pai.”

    Mas, então, qual a necessidade desta intercessão, se Deus já conhecia a prece antes mesmo do santo interceder? Na verdade, toda e qualquer prece feita neste mundo, já era do conhecimento de Deus, antes mesmo de nós formularmos nossas súplicas. Embora assim seja, Deus quer façamos nossas súplicas. Vejamos o que disse Jesus a respeito:

    “O Pai já sabe de vossas necessidades antes mesmo de pedirdes.” (Mt 6,8)

    “Pedi e recebereis, para que a vossa alegria seja completa.” (Jo 16,24).

    Embora Jesus reconheça que Deus já conheça nossas necessidades antes mesmo de fazermos nossa prece, Jesus insiste que devemos formular nossas preces dizendo: Pedi e recebereis. Porquê? Para que tenhamos um diálogo, uma relação com Deus através da oração. Ora, esta relação amorosa, Deus também deseja que exista entre todos os membros do seu Corpo Místico. Por isso, mesmo já conhecendo de ante-mão as nossas súplicas, Deus incentiva a prática da oração e da intercessão para que exista este relacionamento amoroso entre nós e Deus e também entre todos os filhos de Deus, ou seja, para que “a nossa alegria seja completa”. Interceder por alguém é um ato de amor entre os filhos de Deus. Deixar de interceder é falta de amor. Deus jamais proibirá a intercessão porque Deus é Amor.

    “Naquele dia pedireis em meu nome e já não digo que rogarei ao Pai por vós. Pois o mesmo Pai vos ama, porque vós me amastes e crestes que saí de Deus.” (Jo 16,26-27)

    VAI ESTUDAR HEREGE BRUNO MAIS ESTUDEM NAS FONTES E NÃO EM LIVROS PONTOS DE VISTA DE HEREGES PASTORES

  14. BRUNO VAI ESTUDAR MEU AMIGO VOCÊ NEM SABE QUANTO É 5 MAIS 5 OLHA EU AMO REFUTAR E DESMASCÁ LADRÕES ENGANADORES E FANÁTICOS PROTESTANTES E PASTORES E HEREGES COMO VOCÊ

    ANALFABETO BRUNO SAIBAS QUE OS CRIADORES DA SEITA PROTESTANTE LUTERO E CALVINO ERAM DEVOTOS DE MARIA

    Bruno olha Calvino , reformador protestante, aceita o título “Mãe de Deus”. Sustenta a perpétua virgindade de Maria, afirmando que “os irmãos de Jesus” citados em Mt 13,55 não são filhos de Maria, mas parentes do Senhor; professar o contrário, segundo Calvino, significa “ignorância”, “louca sutileza” e “abuso da S. Escritura” (***)

    – É confirmado por São Jerônimo, tradutor da Bíblia, que a traduziu entre os hebreus, que a palavra “irmãos de Jesus” no pobre dialeto hebraico, significava “PRIMOS de Jesus”. A tradução para o grego apenas manteve a forma como os hebreus falavam, causando tremenda confusão entre os recentes evangélicos brasileiros, que nunca encontrarão na bíblia, outro que não seja Jesus, sendo chamado de “filho de Maria”.

    “… há pontos difíceis de entender, que os indoutos e inconstantes torcem, como o fazem também com as outras Escrituras, para sua própria perdição” (2 Ped 3,16).
    Fonte: Montfort

    Refutação a outro engano primário:

    Outros, ignorando que os hebreus falavam em aramaico, dialeto do hebraico, pegam os termos gregos: irmão (adelphós), primo (anepsiós) e parentes (sungenes), e alegam que São Paulo sabia a diferença entre irmãos, primos e parentes, pois escreveu em suas cartas:

    “Saúdai-vos Aristarco, meu companheiro de prisão, e Marcos, o primo de Barnabé…” (Cl 4.10). [b[“Saudai a Herodião, meu parente” (Rm 16.11). Dizem eles que, São Paulo jamais se enganaria chamando de “irmãos carnais de Jesus”, aqueles que não o fossem.

    – Resposta: Isso nada mais é do que uma manobra. São Paulo não chama ninguém de “irmãos carnais de Jesus” . São Paulo escrevia posteriormente, já em grego, e emprega esta distinção acima, em grego, apenas aos seus contemporâneos, e escreveu assim sobre seus contemporâneos… (Cl 4.10), (Rm 16.11), como escreveríamos sobre os nossos hoje, utilizando nosso idioma, definindo os diversos graus de parentescos, coisa que não havia no hebraico idioma de Jesus. Em Romanos 16,17-18 , São Paulo manda seus “irmãos” que não são filhos de sua mãe, desviar-se dos que promovem divisões da fé, e que não servem a Cristo, mas ao próprio vente. São esses que tentam enganar os corações dos humildes, com essas manobras chulas, que acabamos de refutar.

    ==========================

    (*) – “… conforme o que está escrito na lei do Senhor: Todo primogênito do sexo masculino será consagrado ao Senhor (Ex 13,2)… ” (São Lucas 2,23)

    (**) – Êxodo 13:2 – “Santifica-me todo o primogênito, o que abrir toda a madre entre os filhos de Israel, de homens e de animais; porque meu é”

    (***) Harmonia de Mateus, Marcos e Lucas, sec. 39 (Genebra, 1562), vol. 2 / De Comentários de Calvino, tr. William Pringle, Grand Rapids, MI: Eerdmans, 1949, p.215; em Mateus 13:55

  15. Senhores, voces realmente concordam com o sr edmilson? é cansativo ver alguem se eforçar tanto, repetindo textos isolados da biblia ou cartas deixadas por padres, santos e papas.

    aonde esta escrito na biblia que maria é mediadora entre os homens e jesus? e aonde esta escrito que devemos pedir a intercessaõ de maria ou venerar a sua imagem ou dos santos apostolos ou martires?

    não encontramos nenhum texto sequer onde os apostolos tenham prestado algum culto a maria ou algum santo que os antecederam. quando leio sobre os dogmas, por exemplo da imaculada conceição e assunção de nossa senhora, não consigo entender porque nos desviamos tantos do verdadeiro proposito da igreja.

    precisamos todos deixar a religião de lado e nos converter ao cristianismo verdadeiro, aquele pregado pelos apostolos…

    • A SOLA SCRIPTURA NUNCA FOI BÍBLICO E SE FOSSE BÍBLICO SERIA PREGADA A 2000 MIL ANOS ATRÁS
      E NÃO TRARIA DIVISÕES EM CIMA DE DIVISÕES E HERESIAS
      VEJA COMO OS PROTESTANTES SÃO DESMASCARADOS

      A) “Nenhuma profecia da Escritura é de interpretação pessoal” (2Pd, 1,20).
      B) “Assim vos escreveu também o nosso caríssimo irmão Paulo, segundo a sabedoria que lhe foi dada, falando-vos dessas coisas, como faz também em todas as suas cartas. Nelas há, porém, alguma coisa difícil de compreender, que as pessoas pouco instruídas ou pouco firmes deturpam, como fazem também com as outras escrituras, para sua própria ruína” (2Pd 3, 15-16).
      C) “Muitas são as opiniões dos homens, e as más imaginações levam ao engano” (Eclo 3,24).Onde está escrito que qualquer um pode interpretar ‘livremente’ o texto Sagrado?
      Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos anunciamos, seja anátema.” Gálatas 1.8
      Protestantes não existe liberdade de modificar, ainda que com interpretações diversas, o que está escrito e que foi transmitido pela Igreja.
      Se houvesse o Livre Exame, cada um poderia interpretar segundo sua ‘inspiração’ ou ‘iluminação’ pessoal, subjetiva, quebrando a unidade e colocando em perigo sua própria salvação.
      Agora os católicos conhecem a Bíblia muito mais do que os protestantes, que apenas lêem segundo seus olhos e sua interpretação.
      Lembre-se do que disse S. Pedro: “Assim vos escreveu também o nosso caríssimo irmão Paulo, segundo a sabedoria que lhe foi dada, falando-vos dessas coisas, como faz também em todas as suas cartas. Nelas há, porém, alguma coisa difícil de compreender, que as pessoas pouco instruídas ou pouco firmes deturpam, como fazem também com as outras escrituras, para sua própria ruína” (2Pd 3, 15-16).
      Protestantes como pode a Bíblia ser “suficiente para instrução” se ela mesma nega isso!

      Não ultrapasse o que está escrito.
      “6. Se apliquei tudo isso a mim e a Apolo foi por vossa causa, para que, por meio de nós,aprendais a não ultrapassar o que está escrito e para que vos não ensoberbeçais tomando partido a favor de um e com prejuízo de outrem.” (I Coríntios capítulo 4)
      Esse é o versículo Bíblico mais usado pelos hereges protestantes para tentar defender a heresia da sola scripture, pois nele São Paulo diz para não ultrapassar o que está escrito, mas será que São Paulo estava defendendo mesmo a sola scripture nesse texto?
      Vou mostra para todos vocês que além de São Paulo não estar defendendo nada de sola scripture, nem das escrituras ele estava falando! Para entender isso dever-se ler toda a carta de I Corintos. Vejam meus irmãos que São Paulo escreve essa carta por um motivo de divisão dentro da comunidade onde se criou o boato de que São Paulo, São Pedro e Apolo haviam entrado em contenda e assim haviam gerado uma divisão no Cristianismo.
      “11. Pois acerca de vós, irmãos meus, fui informado pelos que são da casa de Cloé, que há contendas entre vós. 12. Refiro-me ao fato de que entre vós se usa esta linguagem: Eu sou discípulo de Paulo; eu, de Apolo; eu, de Cefas; eu, de Cristo.” (I Coríntios capítulo 1)
      Percebam que São Paulo já começa a carta dando uma bronca na comunidade por ter criado e acreditado nesses boatos.
      Agora nesses versículos São Paulo começa a esclarecer que entre ele e Apolo não existe nenhum tipo de divisão e que todos são de Cristo.
      “4. Quando, entre vós, um diz: Eu sou de Paulo, e outro: Eu, de Apolo, não é isto modo de pensar totalmente humano? 5. Pois que é Apolo? E que é Paulo? Simples servos, por cujo intermédio abraçastes a fé, e isto conforme a medida que o Senhor repartiu a cada um deles: 6. eu plantei, Apolo regou, mas Deus é quem fez crescer. 7. Assim, nem o que planta é alguma coisa nem o que rega, mas só Deus, que faz crescer.” (I Coríntios capítulo 3)
      Assim São Paulo esclarecer que esse boato (fofoca) de que ele e Apolo estariam divididos um dia seria totalmente colocado as claras o que estava escondido.
      “5. Por isso, não julgueis antes do tempo; esperai que venha o Senhor. Ele porá às claras o que se acha escondido nas trevas. Ele manifestará as intenções dos corações. Então cada um receberá de Deus o louvor que merece.” (I Coríntios capítulo 4)
      Depois São Paulo esclarece que nada existe entre ele e Apolo, Então vem o famoso versículo usado pelos protestantes, infelizmente além deles usarem esse versículo isoladamente são obrigados a corta-lo pela metade deixando só a parte onde são Paulo diz “não ultrapasseis o que está escrito”.
      Mas o que acontece é que São Paulo não estava falando de escrituras ou doutrinas religiosas, ele estava se referindo ao boato que inventaram sobre ele e Apolo dizendo que os dois haviam brigado e se dividido.
      “6. Se apliquei tudo isso a mim e a Apolo foi por vossa causa, para que, por meio de nós,aprendais a não ultrapassar o que está escrito e para que vos não ensoberbeçais tomando partido a favor de um e com prejuízo de outrem.” (I Coríntios capítulo 4)
      O que São Paulo escreve nesse versículo era justamente para que a comunidade de Corintos não ultrapassasse o que estava escrito sobre ele e Apolo, ou seja, para não acreditarem nos boatos que inventaram de que os dois haviam se divididos. E assim não ficar um grupo a favor de São Paulo e outro a favor de Apolo.
      Só isso e mais nada.
      Infelizmente alguns pastores safados, sem vergonha, mau caráter, filhos do demônio e esquizofrênicos usam metade de um versículo isoladamente para tentar defender essa doutrina maligna da sola scripiture.
      E tem trouxa que cai nessa.
      Observem:
      “6 Se apliquei tudo isso a mim e a Apolo foi por vossa causa, para que, por meio de nós, aprendais a não ultrapassar o que está escrito” (I Coríntios capítulo 4)

      1º Ai não fala nada das Escrituras

      2º Paulo não está exortando ninguém a ler a Bíblia

      3º Paulo está falando para eles não crêem em nada que não estivesse escrito sobre ele, Apolo e Pedro na carta que ele já tinha previamente Escrito.

      “6. Se apliquei tudo isso a mim e a Apolo foi por vossa causa, para que, por meio de nós,aprendais a não ultrapassar o que está escrito, para que vos não ensoberbeçais tomando partido a favor de um e com prejuízo de outrem.” (I Coríntios capítulo 4)

      E o que é que estava escrito a respeito de Paulo e de Apolo?
      Justamente o conteúdo de uma carta que ele tinha mandados aos Coríntios previamente:
      Observem:

      “Na minha carta vos escrevi que não tivésseis familiaridade com os impudicos. Porém, não me referia de um modo absoluto a todos os impudicos deste mundo, os avarentos, os ladrões ou os idólatras, pois neste caso deveríeis sair deste mundo.” (1 Cor 5, 9-10)
      Onde está esta carta?

      E o conteúdo dela?

      Por que ela não foi considerada um livro inspirado?

      É uma carta chamada de “pré canônica” que não foi conservada e logo após depois de Paulo ter recebido a noticia na casa de Cloé (1 Cor 1, 11) resolveu escrever esta outra cartaque para nós é 1ª Coríntios.

      São João Crisostomo: “Mas qual é o significado de não ser sábio acima do que está escrito?”

      Veja que há uma variação nas palavras de São João Crisostomo em relação a está passagem que também é uma tradução válida “não ser sábio além do que está escrito” por causa de variações nos manuscritos (Koiné e Bizantino) que contém uma palavra φρονεῖν (phronein ) que ao pé da letra é traduzida como “saber”, “pensar”, “ter uma opinião” e está no particípio passado.

      Se formos traduzir ao pé da letra seria “não ter uma opnião além do que está escrito”.

      Além do que, está palavra ULTRAPASSAR que está presente na João Almeida não está presente no Grego!
      Vejamos a tradução correta se assim formos levar em conta tudo o que vimos aqui:

      “Ταῦτα δέ, ἀδελφοί, μετεσχημάτισα εἰς ἐμαυτὸν καὶ Ἀπολλὼ δι᾽ ὑμᾶς, ἵνα ἐν ἡμῖν μάθητε τὸ μὴ ὑπὲρ ὃ γέγραπται φρονεῖν, ἵνα μὴ εἷς ὑπὲρ τοῦ ἑνὸς φυσιοῦσθε κατὰ τοῦ ἑτέρου.”

      “para que, sobre nós (ou em nós), não tenham uma opnião além do que está escrito,para que vos não ensoberbeçais tomando partido a favor de um e com prejuízo de outrem. “(1 Cor 4, 6)
      Não falar nada de Paulo e de Apolo além do que eles mesmos souberam por uma carta previamente escrita (por Paulo) é uma coisa, e insentivar a Sola Scriptura é outra totalmente diferente.

      Esta interpretação protestante está a léguas de distancia da exegese correta da passagem.

      O entendimento correto da passagem vendo direto do grego é este ai…

      CHECK MATE NAS HERESIAS PROTESTANTES!

  16. Bruno vocês protestantes são muito engraçado vocês são os conhecidos protestantes sola scriptura que procuram em um dicionário sentidos e respostas de certas palavras da bíblia em vez de estudar essas palavra na origem e na época em que ela foi escrita amigos muitos protestantes erradamente procuram
    estudar as palavras venerar idolatrar entre tantas outras na ignorância

    UM EXEMPLO CERTO
    nenhum dicionário (isso, incluindo o Aurélio) é tratado de epistemologia, de hermenêutica ou de exegese e qualquer estudo mais sério de sinonímia dirá que não há sinônimo que seja absolutamente equivalente.

    Isto é, se existem duas palavras distintas para designar algo ou uma ação, é porque cada uma delas dá um matiz diverso da coisa ou da ação designada. Se duas palavras são absolutamente idênticas, a língua tende a eliminar uma delas.

    Assim, ADORAR NÃO É VENERAR, NEM, MUITO MENOS, IDOLATRAR. Cada uma dessas palavras têm sentidos diferentes o próprio Moisés estava levantando a imagem de uma serpente de bronze no deserto e não sendo repreendido por nenhum hebreu, ou encimando dois anjos na Arca da Aliança quando o próprio mandamento que trouxera nos braços proibira anteriormente a feitura de imagens “Do que há nos Céus, e do que há na terra…” Contradição? Não olham os filhos de Dã levantaram para si aquela IMAGEM DE ESCULTURA, e Jônatas, filho de Gérson, o filho de Manassés, ele e seus filhos foram sacerdotes da tribo dos danitas, até ao dia do cativeiro da terra. Assim, pois, A IMAGEM DE ESCULTURA, que fizera Mica, estabeleceram para si, todos os dias que a casa de Deus esteve em Siló” (Jz 18,30-31). (conf. Bíblia J. Ferreira)

    Se fosse proibido fazer imagens jamais a própia bíblia faria referencia delas em hipótese alguma muito pelo contrario as imagens serviu de exemplo e serviu para enfeitar os templos a mando de Deus olha como o protestantismo é inocente ao afirmar a maior mentira do século que não se pode fazer imagens

    vejam no livro de Ezequiel 411 ENTÃO me levou ao templo, e mediu os pilares, seis côvados de largura de um lado, e seis côvados de largura do outro, que era a largura da tenda.(…)
    17 No espaço em cima da porta, e até na casa, no seu interior e na parte de fora, e até toda a parede em redor, por dentro e por fora, tudo por medida.

    E foi feito com querubins e palmeiras, de maneira que cada palmeira estava entre querubim e querubim, e cada querubim tinha dois rostos, A saber: um rosto de homem olhava para a palmeira de um lado, e um rosto de leãozinho para a palmeira do outro lado; assim foi feito por toda a casa em redor.

    amigos não seria contradição fazer imagens
    Se o próprio Deus todo poderoso diz para não fazer imagens de nada acima do céu e nem embaixo da terra claro que não.
    Deus proíbe ídolos

    Olhem o que Deus diz para Moisés

    Deus informa a Moisés o seguinte: Eu escolhi Bezalel, filho de Uri, filho de Hur, da tribo de Judá, e o enchi do Espírito de Deus, dando-lhe destreza, habilidade e plena capacidade artística para desenhar e executar trabalhos em ouro, prata e bronze, para talhar e esculpir pedras, para entalhar madeira e executar todo tipo de obra artesanal quem é contra imagens jamais daria ordens nem dom para fazer-las o problema é que poucos sabem quem o tradutor da bíblia protestante João ferreira de Almeida adulterou certos trechos da bíblia em nomes que era pra ser traduzido ídolos ele traduziu por imagens agora olhem essa passagem bíblica que seria contradição se realmente fosse proibido fazer imagens como os protestantes divididos afirmam inocentemente

    Vejam o que diz nessa passagem

    Moisés
    Dt 10:1-3 – “Naquele mesmo tempo, me disse o SENHOR: Alisa duas tábuas de pedra, como as primeiras, e sobe a mim a este monte, e faze uma arca de madeira. E, naquelas tábuas, escreverei as palavras que estavam nas primeiras tábuas que quebraste, e as porás na arca. Assim, fiz uma arca de madeira de cetim, e alisei duas tábuas de pedra, como as primeiras, e subi o monte com as duas tábuas na minha mã”.

    Agora em Êxodo 37 notem o que Bezalel fez vai contra todo tipo de argumentos de protestantes sola scriptura

    1 Bezalel fez a arca da aliança de madeira de acácia; a arca media um metro e dez de comprimento por sessenta e seis centímetros de largura e sessenta e seis de altura.

    e fez mais

    notem que

    2 Ele a revestiu de ouro puro por dentro e por fora e pôs em toda a volta um remate de ouro.

    e tem mais Bezalel

    3 Fez quatro argolas de ouro e as colocou nos quatro pés da arca, ficando duas argolas de cada lado.

    e aonda

    4 Ele fez cabos de madeira de acácia e os revestiu de ouro.

    5 Depois enfiou os cabos nas argolas nos dois lados da arca, para que pudesse ser carregada.

    6 Bezalel fez uma tampa de ouro puro de um metro e dez de comprimento por sessenta e seis centímetros de largura.

    7 Ele fez dois querubins de ouro batido,

    8 um para cada ponta da tampa. Ele os fez de tal modo, que formavam uma só peça com a tampa.

    9 Os querubins ficavam de frente um para o outro, olhando para a tampa, e as suas asas abertas cobriam a tampa.

    10 Bezalel fez uma mesa de madeira de acácia, com as seguintes medidas: oitenta e oito centímetros de comprimento por quarenta e quatro de largura e sessenta e seis de altura.

    11 Ele revestiu de ouro puro a mesa e colocou um remate de ouro em volta dela.

    12 Também fez em volta da mesa um friso de quatro dedos de largura e pôs um remate de ouro em volta do friso.

    13 Fez quatro argolas de ouro e as pôs nos quatro cantos, perto dos quatro pés.

    14 Perto do friso estavam as argolas por onde passavam os cabos que eram usados para se carregar a mesa.

    15 Ele fez os cabos de madeira de acácia e os revestiu de ouro.

    16 Fez também de ouro puro as vasilhas para a mesa, isto é, os pratos, os copos, as taças e as jarras que eram usados para as ofertas de vinho.

    17 Bezalel fez de ouro puro batido o candelabro, a sua base e a sua haste. As flores que enfeitavam o candelabro, com os seus botões e as suas pétalas, formavam uma só peça com ele.

    18 Dos seus lados saíam seis braços, três de um lado e três do outro.

    19 Cada um dos seis braços tinha três flores com o formato de flor de amendoeira, com os seus botões e as suas pétalas.

    20 A haste do candelabro tinha quatro flores com o formato de flor de amendoeira, com os seus botões e as suas pétalas.

    21 Havia um botão de amendoeira debaixo de cada um dos três pares de braços.

    22 Os botões, os braços e o candelabro formavam uma só peça de ouro puro batido.

    23 Bezalel também fez sete lamparinas para o candelabro; as tesouras de cortar os pavios das lamparinas e os cinzeiros eram de ouro puro.

    24 Ele usou trinta e quatro quilos de ouro puro para fazer o candelabro e todas as peças que o acompanhavam.

    25 Bezalel fez um altar de madeira de acácia para queimar incenso em cima dele. O altar era quadrado, medindo quarenta e cinco centímetros de comprimento por quarenta e cinco de largura; e tinha noventa centímetros de altura. As pontas, nos quatro cantos, fo

    26 Bezalel revestiu de ouro puro a tampa, os quatro lados e as pontas e colocou um remate de ouro em volta do altar.

    27 Também fez duas argolas de ouro e as colocou debaixo do remate, uma de cada lado. Por dentro das argolas passavam os cabos que eram usados para carregar o altar.

    28 Os cabos foram feitos de madeira de acácia e revestidos de ouro.

    29 Bezalel preparou o azeite sagrado de ungir e o incenso puro de cheiro agradável, misturado como perfume.

    Nessas passagens ficam claro como o protestantismo é inocente fraco e sem argumento tudo isso que Bezalel fez era para enfeitar o templo e tinha varias imagens e a arca da aliança e tudo isso que fez Bezaleu foi a mando de Deus amigos o protestantismo usa de sofismo quando fala de imagens eles não tem autoridade nenhuma para falar de um assunto que eles mesmo não entendem amigos e amigas a igreja católica tem os seus santos e suas imagens que apenas representam uma pessoa que existiu e que foi exemplo de fé virtude e respeito e que serviu e que serve de modelo para seguirmos os seus passos nada mais

    Bezalel era muito obediente e sensível a voz de Deus. Capítulo 36:1.
    E fez tudo “conforme a tudo o Senhor tinha ordenado”
    Ele fez a Arca da Aliança, o Propiciário, a Mesa, o Candelabro, o Altar de Holocausto, o Átrio e tantas outras coisas.

    agora vejam essas passagens que vai contra toda tese do protestantismo

    Salomão mandou colocar no Santo templo imagens de

    – 2 QUERUBINS no Oráculo (III Reis 6,23-28),

    -mandou colocar no templo

    12 BOIS na bacia de bronze! (III Reis 7,25);

    mandou colocar no templo

    BOIS e LEOES e QUERUBINS! (III Reis 7,28-29) e

    e ainda “como que figuras de HOMENS EM PÉ”, e

    mais QUERUBINS e LEÕES (III Reis 7,36);

    seria contradição se realmente fosse proibido fazer imagens pois quem ordena e abomina quem faz imagens jamais em hipótese alguma daria ordens para faze-las

    se fosse proibido fazer imagens jamais se faria referencias a elas que um exemplo se no livro diz é pecado adulterar e em outras passagens do mesmo livro diz que se pode adulterar esse livro não estaria entrando em contradição? Claro que sim por isso não é e nunca foi proibido fazer imagens e sim ídolos para adoração

    vejam mais passagens bíblicas agora em Samuel 6

    que se referem ao mesmo tema imagens

    Vejam

    Os filisteus roubaram a arca da alinça e pagaram caro por isso então eles consutaram seus advinhos e eles disseram essa ordem dada pelo senhor de israel para colocar

    A arca do SENHOR sobre o carro, como também o cofre com os ratos de ouro e com as imagens das suas hemorroidas.

    Os filisteus oferecem a Deus pela expiação da culpa, “cinco hemorroidas de ouro e cinco ratos de ouro”.

    Então, disseram: Qual é a expiação da culpa que lhe havemos de oferecer? E disseram: Segundo o número dos príncipes dos filisteus,
    cinco hemorroidas de ouro e cinco ratos de ouro, porquanto a praga é uma mesma sobre todos vós e sobre todos os vossos príncipes.

    Os filisteus oferecem a Deus pela expiação da culpa, “cinco hemorroidas de ouro e cinco ratos de ouro”Os filisteus oferecem a Deus pela expiação da culpa, “cinco hemorroidas de ouro e cinco ratos de ouro”.

    5 – Fazei, pois, umas imagens das vossas hemorroidas e as imagens dos vossos ratos, que andam destruindo a terra, e dai glória ao Deus de Israel; porventura, aliviará a sua mão de cima de vós, e de cima do vosso deus, e de cima da vossa terra.

    Os filisteus oferecem a Deus pela expiação da culpa, “cinco hemorroidas de ouro e cinco ratos de ouro”.

    Se Deus todo poderoso fosse contra imagens não aceitaria essa expiação pelos pecados dos filisteus por terem roubado a arca da alinça do povo de Israel

    Vejam outro exemplo

    O mesmo Deus, no mesmo livro do Êxodo, manda Moisés fazer dois querubins de ouro e colocá-los por cima da Arca da Aliança ( Ex 25,18-20 ). Manda-lhe, também fazer uma serpente de bronze e colocá-la por cima duma haste, para curar os mordidos pelas serpentes venenosas ( Num 21,8-9 ).

    A Serpente de Bronze: Um fato histórico

    Olhem o que fala João 3:14 diz: “E de modo por que Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do homem seja levantado”

    agora outro exemplo e erro do protestantismo

    se fosse proibido se prostrar como os protestantes ingênuos afirmam você nunca veria dentro da bíblia alguém se prostrar pois seria muita contradição os protestantes são divididos que um exemplo vê as teorias de uma testemunha de jeová é um absurdo comparada as dos mórmons ou de uma adventista do sétimo dia ou da nova igreja criada no Brasil de nome Igreja Comunidade Cristã Nova Esperança

    Olhem mais estudos que desmascaram o protestantismo

    “Abraão levantou os olhos e viu três homens de pé diante dele. Levantou-se no mesmo instante da entrada de sua tenda, veio-lhes ao encontro e prostrou-se por terra” (Gn 18,2).

    “Pela tarde chegaram os dois anjos a Sodoma. Lot, que estava assentado à porta da cidade, ao vê-los, levantou-se e foi-lhes ao encontro e prostrou-se com o rosto por terra” (Gn 19,1).

    “Farás também dois querubins de ouro; de ouro batido os farás, nas duas extremidades do propiciatório. Farás um querubin na extremidade de uma parte, e outro querubin na extremidade de outra parte; de uma só peça com o propiciatório fareis os querubins nas duas extremidades dele.” (Ex 25,18-19)

    “Qual é o seu aspecto? É um ancião, envolto num manto. Saul compreendeu que era Samuel, e prostrou-se com o rosto por terra” (1Sm 28,14).

    (Êxodo 31.1-6). Para os que ignoram a Escritura é preciso deixar claro: o que é proibido é a prostração ‘adorativa’ perante criaturas (sejam imagens ou não); e não a prostração SEM adoração. Vejamos, alugns exemplos, lícitos, de prostrações sem a adoração:

    Quando chegou o profeta Natã… Ele veio perante o rei e se prostrou diante dele” (1 Rs 1,22s.) – “Esse terceiro chefe subiu, dobrou os joelhos diante de Eliseu e suplicou-lhe assim: “Ó homem de Deus…” ” (2 Rs 1,13).

    Olhem essa

    Prostrai-vos perante o seu monte sagrado” (Sl 99(98),9).

    Se prostrar por respeito e honra a um Anjo:
    E, levantando Davi os seus olhos, viu o anjo do SENHOR, que estava entre a terra e o céu, com a sua espada desembainhada na sua mão estendida contra Jerusalém; então Davi e os anciãos, cobertos de sacos, se prostraram sobre os seus rostos. (1Cr 21:16 ACF)

    Então o SENHOR abriu os olhos a Balaão, e ele viu o anjo do SENHOR, que estava no caminho e a sua espada desembainhada na mão; pelo que inclinou a cabeça, e prostrou-se sobre a sua face. (Num 22:31 ACF)

    E sucedeu que, subindo a chama do altar para o céu, o anjo do SENHOR subiu na chama do altar; o que vendo Manoá e sua mulher, caíram em terra sobre seus rostos. (Juízes 13:20 ACF)

    Se prostrar por respeito e honra a um homem:

    Vendo, pois, Abigail a Davi, apressou-se, e desceu do jumento, e prostrou-se sobre o seu rosto diante de Davi, e se inclinou à terra. (1Sm 25:23 ACF)

    E o fizeram saber ao rei, dizendo: Eis aí está o profeta Natã. E entrou à presença do rei, e prostrou-se diante dele com o rosto em terra. (1Re 1:23 ACF)

    E mandou o rei Salomão, e o fizeram descer do altar; e veio, e prostrou-se perante o rei Salomão, e Salomão lhe disse: Vai para tua casa. (1Re 1:53 ACF)

    Estando, pois, Obadias já em caminho, eis que Elias o encontrou; e Obadias, reconhecendo-o,prostrou-se sobre o seu rosto, e disse: És tu o meu senhor Elias? (1Re 18:7 ACF)

    Vendo-o, pois, os filhos dos profetas que estavam defronte em Jericó, disseram: O espírito de Elias repousa sobre Eliseu. E vieram-lhe ao encontro, e se prostraram diante dele em terra. (2Re 2:15 ACF)

    E veio Judá com os seus irmãos à casa de José, porque ele ainda estava ali; e prostraram-se diante dele em terra. (Gen 44:14 ACF)

    E o rei no seu furor se levantou do banquete do vinho e passou para o jardim do palácio; e Hamã se pôs em pé, para rogar à rainha Ester pela sua vida; porque viu que já o mal lhe estava determinado pelo rei. Tornando, pois, o rei do jardim do palácio à casa do banquete do vinho, Hamã tinha caído prostrado sobre o leito em que estava Ester. Então disse o rei: Porventura quereria ele também forçar a rainha perante mim nesta casa? Saindo esta palavra da boca do rei, cobriram o rosto de Hamã. (Est 7:7-8 ACF)

    E ele mesmo passou adiante deles e inclinou-se à terra sete vezes, até que chegou a seu irmão. Então Esaú correu-lhe ao encontro, e abraçou-o, e lançou-se sobre o seu pescoço, e beijou-o; e choraram. Depois levantou os seus olhos, e viu as mulheres, e os meninos, e disse: Quem são estes contigo? E ele disse: Os filhos que Deus graciosamente tem dado a teu servo. Então chegaram as servas; elas e os seus filhos, e inclinaram-se. E chegou também Lia com seus filhos,e inclinaram-se; e depois chegou José e Raquel e inclinaram-se. (Gen 33:3-7 ACF)

    E, não tendo ele com que pagar, o seu senhor mandou que ele, e sua mulher e seus filhos fossem vendidos, com tudo quanto tinha, para que a dívida se lhe pagasse. Então aquele servo, prostrando-se, o reverenciava, dizendo: Senhor, sê generoso para comigo, e tudo te pagarei. (Mat 18:25-26 ACF)

    Porém, depois da morte de Joiada vieram os príncipes de Judá e prostraram-se perante o rei; e o rei os ouviu. (2Cr 24:17 ACF)

    Então saiu Moisés ao encontro de seu sogro, e inclinou-se, e beijou-o, e perguntaram um ao outro como estavam, e entraram na tenda. (Exo 18:7 ACF)

    Depois também Davi se levantou, e saiu da caverna, e gritou por detrás de Saul, dizendo: Rei, meu senhor! E, olhando Saul para trás, Davi se inclinou com o rosto em terra, e se prostrou. (1Sm 24:8 ACF)

    E Mefibosete, filho de Jônatas, o filho de Saul, veio a Davi, e se prostrou com o rosto por terra e inclinou-se; e disse Davi: Mefibosete! E ele disse: Eis aqui teu servo. (2Sm 9:6 ACF)

    E a mulher tecoíta falou ao rei, e, deitando-se com o rosto em terra, se prostrou e disse: Salva-me, ó rei. (2Sm 14:4 ACF)

    Então foi Joabe ao rei, e assim lho disse. Então chamou a Absalão, e ele se apresentou ao rei, e se inclinou sobre o seu rosto em terra diante do rei; e o rei beijou a Absalão. (2Sa 14:33 ACF)

    Então Joabe se prostrou sobre o seu rosto em terra, e se inclinou, e agradeceu ao rei; e disse Joabe: Hoje conhece o teu servo que achei graça aos teus olhos, ó rei meu senhor, porque o rei fez segundo a palavra do teu servo. (2Sm 14:22 ACF)

    E, atravessando a barca, para fazer passar a casa do rei e para fazer o que bem parecesse aos seus olhos, então Simei, filho de Gera, se prostrou diante do rei, quando ele passava o Jordão. (2Sm 19:18 ACF)

    E Bate-Seba inclinou a cabeça, e se prostrou perante o rei; e disse o rei: Que tens? (1Re 1:16 ACF)

    Então Bate-Seba se inclinou com o rosto em terra e se prostrou diante do rei, e disse: Viva o rei Davi meu senhor para sempre. (1Re 1:31 ACF)

    E entrou ela, e se prostrou a seus pés, e se inclinou à terra; e tomou o seu filho e saiu. (2Re 4:37 ACF)

    E Davi veio a Ornã; e olhou Ornã, e viu a Davi, e saiu da eira, e se prostrou perante Davi com o rosto em terra. (1Cr 21:21 ACF)

    Os gentios se prostrariam à Jerusalém:

    Também virão a ti, inclinando-se, os filhos dos que te oprimiram; e prostrar-se-ão às plantas dos teus pés todos os que te desprezaram; e chamar-te-ão a cidade do SENHOR, a Sião do Santo de Israel. (Is 60:14 ACF)

    Assim diz o SENHOR: O trabalho do Egito, e o comércio dos etíopes e dos sabeus, homens de alta estatura, passarão para ti, e serão teus; irão atrás de ti, virão em grilhões, e diante de ti se prostrarão; far-te-ão as suas súplicas, dizendo: Deveras Deus está em ti, e não há nenhum outro deus. (Is 45:14 ACF)

    Josué se prostra perante um objeto santo:

    Então Josué rasgou as suas vestes, e se prostrou em terra sobre o seu rosto perante a arca do SENHOR até à tarde, ele e os anciãos de Israel; e deitaram pó sobre as suas cabeças. (Jos 7:6 ACF)

    Hebreus se prostraram ao Senhor e ao Rei:

    Então disse Davi a toda a congregação: Agora louvai ao SENHOR vosso Deus. Então toda a congregação louvou ao SENHOR Deus de seus pais, e inclinaram-se, e prostraram-se perante o SENHOR, e o rei. (1Cr 29:20 ACF)

    Perceba que nesta passagem mostra justamente um ato parecido, porém com sentidos e razões diferentes: eles se prostram a Deus, para adora-lo, mas também ao Rei, para reverencia-lo. Deus em momento algum se enfureceu com aquilo.

    Objeções

    João se prostrou ao anjo e foi repreendido:

    E eu, João, sou aquele que vi e ouvi estas coisas. E, havendo-as ouvido e visto, prostrei-me aos pés do anjo que mas mostrava para o adorar. (Apo 22:8 ACF)

    Aqui perceba que claramente João deixa muito claro qual foi o ato dele: adoração. Ele se prostrou justamente para adora-lo, e foi repreendido pelo próprio anjo:

    E disse-me: Olha, não faças tal; porque eu sou conservo teu e de teus irmãos, os profetas, e dos que guardam as palavras deste livro. Adora a Deus. (Apo 22:9 ACF)

    O mal aqui não estava em se prostrar, mas em se prostrar para adora-lo. Compare o ato de João com os citados acima, como 1Cr 21, 16 em que Davi se prostra para o anjo e não é repreendido pelo mesmo.

    Cornélio se prostrou a Pedro e foi repreendido:

    E aconteceu que, entrando Pedro, saiu Cornélio a recebê-lo, e, prostrando-se a seus pés o adorou. Mas Pedro o levantou, dizendo: Levanta-te, que eu também sou homem. (At 10:25-26 ACF)

    Aqui acontece a mesma coisa: Cornélio se prostra para adora-lo e não simplesmente reverencia-lo, por isso foi repreendido. Compare com esse texto:

    E, acordando o carcereiro, e vendo abertas as portas da prisão, tirou a espada, e quis matar-se, cuidando que os presos já tinham fugido. Mas Paulo clamou com grande voz, dizendo: Não te faças nenhum mal, que todos aqui estamos. E, pedindo luz, saltou dentro e, todo trêmulo, se prostrou ante Paulo e Silas. E, tirando-os para fora, disse: Senhores, que é necessário que eu faça para me salvar? E eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa. (At 16:27-31 ACF)

    A diferença entre esse texto e o de cima fica clara: em um houve adoração, já no outro não. Paulo e Silas não repreendem o carcereiro, pois o que ele fez foi apenas um ato de respeito, uma suplica, um pedido em desespero, longe de ser uma adoração aos mesmos.

    Conclusão

    Quando prestamos devida reverencia aos ícones sagrados, estamos apenas mostrando um respeito pelo que eles representam e não adorando os mesmos como ídolos. Nem toda vez que nos prostramos, como ficou claro nesse texto, é um ato de adoração. Por isso a Igreja não repreende quando é realizado ao sacerdote, ao altar, a uma relíquia, ao ícone, etc.

    É óbvio que certas posições, como a genuflexão, é recomendada pela Igreja para somente ser feita a Deus, em um ato de adoração. Com o tempo se criou o costume de diferenciar os dois hábitos, ou seja, dobrando-se o joelho esquerdo com sentido de respeito, obediencia e submissão ao Rei, e para Deus, dobrando-se o joelho direito, significando um ato de adoração, o culto a Deus, pois, somente Deus é adorado[1]. Mas aos ícones e as pessoas importantes, devemos reverencia-los pelo que significam para nós e pelo o que são para nós, respectivamente.

    • você acha que uma pessoa que é idólatra, se considera idólatra? claro que não, meu amigo, sua igreja se desviou claramente dos ensinos da biblia, como pode o vaticano dar o atributo de mediadora a Maria sendo que unico mediador entre deus e os homens é jesus. estou sem tempo agora depois falo mais.

      • A BÍBLIA DO VELHO TESTAMENTO AO NOVO TESTAMENTO é repleta de referências que MOSTRA E CONFIRMA A INTERCESSÃO

        COMO a tradição e a vida no seio de Abraão após a morte

        E para provar isso existem varias passagens bíblicas dos nossos antepassados que já morreram a milhares de anos atrás E QUE TESTIFICAM TUDO ISSO

        E É APOIADO NISSO que São Paulo pede para guarda as tradições por atos e palavras o nosso Senhor Jesus disse que Abraão se exaltou de alegria por ver Jesus descer até nós.

        Horas Abraão já estava morto a muitos séculos quando Jesus disse isto.

        Se Jesus afirma isso é sinal que Abraão está no céu. Pois todos os profetas bíblicos narram claramente que está no céu Moisés, Davi Abraão Jacó Elias Eliseu entre tantos outros profetas .

        VEJAM

        que O PRÓPRIO Deus todo poderoso disse que todas as descendências chamaria Abrão de pai da fé e Abrão morreu e mesmo assim ele é referencia em toda Bíblia e todos os profetas do velho testamente ao novo testamento recita Abraão Moisés Davi Jacó Elias Eliseu entre tantos outros como exemplo de fé e modelo a ser seguido aí vem um protestante de fundo de quintal querer questionar isso É IMPOSSIVEL OLHEM PROVAS CLARAS que demonstram a tradição e a intercessão isso é bíblico

        VEJAM

        Moisés intercedeu pelo o povo e Deus concedeu o perdão para o povo e notem que esse mesmo Moisés apareceu novamente no novo testamento ele e Elias conversando com Jesus

        VEJAM QUE EM

        (Mateus 17:3) – E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com ele. VEJAM

        (Mateus 17:4) -E Pedro, tomando a palavra, disse a Jesus: Senhor, bom é estarmos aqui; se queres,façamos aqui três tabernáculos, um para ti, um para Moisés, e um para Elias.

        AMIGOS E AMIGAS ELIAS E MOISÉS JÁ ESTAVAM MORTOS E ELES APARRECERAM e conversaram com JESUS ISSO DEMONSTRA QUE QUANDO MORREMOS SE ESTAMOS SALVOS JÁ ESTAMOS UNIDOS A DEUS É IMPOSSIVEL REFUTAR ISSO OLHAM MAIS PROVAS CLARAS que demonstra que os salvos estão com Deus no céu e pode interceder pelo povo

        VEJAM

        Eu digo a vocês: muitos virão do Oriente e do Ocidente, e se sentarão à mesa no Reino do Céu junto com Abraão, Isaac e Jacó. (Mt 8,11).

        VEJAM

        AGORA PROVAS claríssimas sobre interceder e vida no céu apos a morte

        Jeremias: “E o Senhor disse-me: ainda que Moisés e Samuel se pusessem diante de mim, a minha alma não se inclinaria para este povo; tira-os da minha face e retirem-se” (Jer 15, 1 ss).

        No tempo de Jeremias, estavam mortos Moisés e Samuel, mas sua possível intercessão é confirmada pelas palavras do próprio Deus: “ainda que Moisés e Samuel se pusessem diante de mim…“, quer dizer que eles poderiam se colocar diante de Deus para pedir clemência para com aquele povo. Em outras palavras, Deus deixa clara a possibilidade da intercessão após a morte.

        Os “santos são como os anjos de Deus no céu” (S. Mateus 22, 30).

        Zacarias diz: “que o anjo intercedeu por Jerusalém ao Senhor dos exércitos” (1, 12 -13).

        AGORA VEJAM EM OUTRO GRANDE EXEMPLO DISSO

        Tobias 12

        12. Quando tu oravas com lágrimas e enterravas os mortos, quando deixavas a tua refeição e ias ocultar os mortos em tua casa durante o dia, para sepultá-los quando viesse a noite, eu apresentava as tuas orações ao Senhor.

        15. Eu sou o anjo Rafael, um dos sete que assistimos na presença do Senhor.

        Veja que Rafael se apresenta como um dos 7 Anjos que estão na presença de Deus e possuem essa missão de levar nossa orações até Deus. Veja que São João também usou o termo do livro de Tobias para escrever o Apocalipse.

        Já no apocalipse São João nos descreve uma situação parecida com a citada nos livro de Tobias, mas dessa vez o Anjo pega as orações dos Santos que estão na presença de Deus e as joga essas orações sobre a terra. (Intercessão)

        Apocalipse 8

        3. Adiantou-se outro anjo e pôs-se junto ao altar, com um turíbulo de ouro na mão. Foram-lhe dados muitos perfumes, para que os oferecesse com as orações de todos os SANTOS no altar de ouro, que ESTÁ adiante DO TRONO.

        4. A fumaça dos perfumes subiu da mão do anjo com as orações dos santos, diante de Deus.

        5. Depois disso, o anjo tomou o turíbulo, encheu-o de brasas do altar e lançou-o por TERRA; e houve trovões, vozes, relâmpagos e terremotos.

        NOTEM QUE AQUI

        Primeiro o Anjo recebe o perfume (incensado) que são as orações de todos os Santos que estão diante de Deus.

        Segundo o Anjo toma o turíbulo com as orações dos Santos e enche de brasa do altar.

        Terceiro ele joga essas orações dos Santos que estão diante de Deus (incensadas) SOBRE A TERRA.

        CONCLUSÃO

        Realmente não preciso explicar mais nada, o livro do Apocalipse aprova a intercessão dos Santos, doutrina da única Igreja do Nosso Senhor Jesus Cristo, por isso o autor de Hebreus inspirado pelo Espírito Santo escreveu que estamos cercados por uma nuvem de testemunhas.

        VEJAM A GRANDE PROVA AQUI

        Hebreus 12

        1. Desse modo, cercados como estamos de uma tal nuvem de testemunhas, desvencilhemo-nos das cadeias do pecado. Corramos com perseverança ao combate proposto, com o olhar fixo no autor e consumador de nossa fé, Jesus.

        Nuvem = está no céu.

        Testemunhas = Mártires que morreram em nome de Jesus Cristo.

        OLHEM O QUE DIZ O

        Cântico dos cânticos 6

        9. uma, porém, é a minha pomba, uma só a minha perfeita; ela é a única de sua mãe, a predileta daquela que a deu à luz. Ao vê-la, as donzelas proclamam-na bem-aventurada, rainhas e concubinas a louvam.

        10. Quem é esta que surge como a aurora, bela como a lua, brilhante como o sol, temível como um exército em ordem de batalha?

        OLHEM MAIS REFERENCIAS EM

        Isaias 7

        14. Por isso, o próprio Senhor vos dará um sinal: uma virgem(Maria) conceberá e dará à luz um filho, e o chamará Deus Conosco.(Jesus Cristo)

        POR ISSO O ANJO MARAVILHADO DIZ QUE TODAS AS GERAÇÕES CHAMARÃO MARIA DE BEM AVENTURADA

        O ANJO NÃO DISSE VOCÊ MARIA SÓ SERÁ BEM AVENTURADA EM VIDA E DEPOIS ESQUECIDA

        MAS DISSE DE HOJE EM DIANTE TODAS AS GERAÇÕES PARA SEMPRE LHE CHAMARÁS DE BEM AVENTURADA

        E É FIRMADO NISSO QUE NÓS CATÓLICOS PROCLAMAMOS MARIA COMO BEM AVENTURADA

        ASSIM COMO ABRAÃO É CONSIDERADO PARA SEMPRE COMO O PAI DA FÉ POR TODAS AS NAÇÕES

        OLHEM O QUE DIZ O LIVRO DO APOCALIPSE SOBRE OS QUE MORREM NA GRAÇA ELES ESTÃO DIANTE DE DEUS NO SEU TRONO LOUVANDO

        VEJAM

        “Vi sob o ALTAR as ALMAS DOS HOMENS IMOLADOS por causa da Palavra de Deus e por causa do testemunho que dela tinham prestado. E CLAMARAM EM ALTA VOZ: Até quando ó Senhor, Santo e Verdadeiro, tardarás a fazer justiça, vingando o nosso sangue contra os habitantes da terra?

        A cada um deles foi dada, então, uma veste branca, e foi-lhes dito, também, que aguardassem ainda um pouco, até que se completasse o número dos seus companheiros e irmãos, que iriam SER MORTOS COMO ELES.” (Apc 6,9-11)

        AMIGOS AQUI MOSTRA CLARAMENTE QUE QUANDO VOCÊ MORRE E É SALVO VOCÊ ESTÁ COM DEUS
        E por isso VOCÊ PODE INTERCER PELOS OS QUE ESTÃO NA TERRA

        VEJAM

        MAIS PASSAGENS BÍBLICAS QUE SÓ CONFIRMAM ISSO

        “Então um dos anciões falou comigo e perguntou-me: Esses, que estão revestidos de vestes brancas, quem são e de onde vêm?

        Respondi-lhe: Meu Senhor, tu o sabes. E ele me disse: Esses são os SOBREVIVENTES da grande tribulação. Lavaram as suas vestes e as alvejaram no sangue do Cordeiro. Por isso, ESTÃO DIANTE DO TRONO DE DEUS, E O SERVEM, DIA E NOITE, NO SEU TEMPLO.” (Apc 7,13-15)

        OLHEM MAIS PROVAS CLARÍSSIMAS SOBRE INTERCESSÃO

        “Onias (…) estava com as mãos estendidas, INTERCEDENDO por toda a comunidade dos judeus. Apareceu a seguir um homem notável (…) Esse é aquele que MUITO ORA pelo povo e por toda cidade santa, é Jeremias, o Profeta de Deus.” (2Mac 15,12-14)

        II Macabeus 15

        11. Assim armou a todos não com a segurança que vem das lanças e dos escudos, mas com a coragem que suscitam as boas palavras. Narrou-lhes ainda uma visão digna de féuma espécie de visão que os cumulou de alegria.

        12. Eis o que vira: Onias, que foi sumo sacerdote, homem nobre e bom, modesto em seu aspecto, de caráter ameno, distinto em sua linguagem e exercitado desde menino na prática de todas as virtudes, com as mãos levantadas, orava por todo o povo judeu.

        13. Em seguida havia aparecido do mesmo modo um homem com os cabelos todos brancos, de aparência muito venerável, e nimbado por uma admirável e magnífica majestade.

        14. Então, tomando a palavra, disse-lhe Onias: Eis o amigo de seus irmãos, aquele que reza muito pelo povo e pela cidade santa, Jeremias, o profeta de Deus.

        VEJAM MAIS PROVAS QUE VOCÊ PODE SIM INTERCEDER NO CÉU

        VEJAM

        “Outro anjo pôs-se junto ao ALTAR, com um turíbulo de ouro na mão. Foram-lhe dados muitos perfumes para que os oferecesse com as ORAÇÕES DE TODOS OS SANTOS NO ALTAR de ouro, que ESTÁ ADIANTE DO TRONO.

        A fumaça dos perfumes subiu da mão do anjo com AS ORAÇÕES DOS SANTOS, DIANTE DE DEUS.” (Apc 8,3-4)

        Eis aí uma passagem bíblica que nos garante a intercessão dos santos falecidos, e que agora estão diante do Trono de Deus.

        São oferecidas a Deus as orações de TODOS os santos. Se são de todos os santos, são tanto as orações dos santos da terra (cristãos que levam uma vida santa)

        Quanto dos santos do Céu (que estão vestidos de branco diante do Trono de Deus).

        Aqui certamente podemos entender as orações que chegam a Deus, também vindas dos santos da terra, pois é afirmado ser as orações de TODOS os santos.

        OLHEM O QUE DEUS DIZ PARA ABRAÃO ISSO É CLARO NINGUÉM DORME QUANDO MORRE

        VEJAM

        Quanto a você [Abraão], irá reunir-se em paz com seus antepassados e será sepultado após uma velhice feliz. (Gn 15,15).

        OLHEM ESSA OUTRA PASSAGEM QUE MOSTRA CLARAMENTE VIDA NO CÉU APOS A MORTE

        Quando Jacó acabou de dar instruções aos filhos, recolheu os pés na cama, expirou e se reuniu com seus antepassados. (Gn 49,33).

        Passam os dias na alegria, e descem tranqüilamente à região dos mortos” (JÓ capítulo 21)

        AGORA OLHEM ESSA OUTRA PASSAGEM BÍBLICA QUE TAMBÉM CLARAMENTE MOSTRA QUE QUEM MORRE E SE SALVO VAI PARA O CÉU

        VEJAM O QUE DIZ SÃO PAULO

        “2. Conheço um homem em Cristo que há catorze anos foi arrebatado até o terceiro céu. Se foi no corpo, não sei. Se fora do corpo, também não sei; Deus o sabe. 3.

        E sei que esse homem – se no corpo ou se fora do corpo, não sei; Deus o sabe – 4. foi arrebatado ao paraíso e lá ouviu palavras inefáveis, que não é permitido a um homem repetir” (II Coríntios capítulo 12)

        VEJAM MAS PROVAS

        O Senhor disse a Moisés: “Eu sou o Deus de Abraão, Isaac e Jacó..”(Ex 3,6).

        No tempo de Moisés, Abraão, Isaac e Jacó já haviam morrido. Como Deus disse que era o “DEUS DELES” ?

        Ora, ele não é Deus dos mortos, mas dos vivos. (Mt 22,31-32).

        PODE TER ESSA CERTEZA QUE

        A oração de uma pessoa que já esta na graça de Deus esta oração é muito mais eficaz.

        POR ISSO SABEMOS

        Que os Santos não onipresentes e nem onipotentes.”

        Como se Deus não pudesse conceder aos seus Santos o direito de receber as nossas orações e nossos pedidos de intercessão, porém eu vou mostrar Biblicamente que um Santo de Deus pode sim receber as nossas orações e os nossos pedidos de intercessão, mesmo não tendo onipresença e onisciência própria.

        VEJAM

        Atos 16

        9. De noite, Paulo teve uma visão: um macedônio, em pé, diante dele, lhe rogava: Passa à Macedônia, e vem em nosso auxílio!

        10. Assim que teve essa visão, procuramos partir para a Macedônia, certos de que Deus nos chamava a pregar-lhes o Evangelho.

        São Paulo não precisou de onipresença e nem de onisciência própria para assim receber a oração do Macedônio.

        VEJAM

        Nosso Senhor nos manda “Orar uns pelos outros” (MT 5, 44).

        S. Tiago nos ordena de “orar uns pelos outros” (Tgo. 5, 16).

        SÃO PAULO DIZ

        Acima de tudo, recomendo que se façam súplicas, pedidos e intercessões, ações de graças por todos os homens, pelos reis e por todos os que estão constituídos em autoridade, para que possamos viver uma vida calma e tranqüila, com toda a piedade e honestidade.

        OLHEM MAIS REFERENCIAS DE ORAR UNS PELOS OUTROS

        VEJAM

        S. Paulo diz que “ora pelos colossenses” (Col. 1, 3).

        VEJAM

        A oração do justo tem grande eficácia.” (Tg 5,16c)

        LEIA AGORA EM CORINTIOS O QUE SÃO PAULO DIZ

        2 Corintios 1:11= Se nos ajudar também a vos com orações em nossa intenção.Assim esta graça obtida por intervenção de muitas pessoas lhes será ocasião de agradecer a Deus a nosso respeito.

        Olhem agora uma passagens bíblicas com referencias sobre VIDA NO CÉU OU INFERNO

        O que é confirmado por São Paulo, quando diz expressamente:

        “…está determinado que os homens morram uma só vez, e logo em seguida vem o juízo,” (Hb 9,27)

        VEJAM MAIS PROVAS CLARAS AGORA EM

        São Lucas 23:39-43: “E um dos malfeitores que estavam pendurados blasfemava dele, dizendo: Se tu és o Cristo, salva-te a ti mesmo, e a nós.

        Respondendo, porém, o outro, repreendia-o, dizendo: Tu nem ainda temes a Deus, estando na mesma condenação? E nós, na verdade, com justiça, porque recebemos o que os nossos feitos mereciam; mas este nenhum mal fez.

        E disse a Jesus: Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino. E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo hoje que estarás comigo no Paraíso.”

        VEJAM AGORA OUTRA PASSAGEM

        “22. Ora, aconteceu morrer o mendigo e ser levado pelos anjos ao seio de Abraão. Morreu também o rico e foi sepultado. 23. E estando ele nos tormentos do inferno, levantou os olhos e viu, ao longe, Abraão e Lázaro no seu seio.

        24. Gritou, então: – Pai Abraão, compadece-te de mim e manda Lázaro que molhe em água a ponta de seu dedo, a fim de me refrescar a língua, pois sou cruelmente atormentado nestas chamas.

        25. Abraão, porém, replicou: – Filho, lembra-te de que recebeste teus bens em vida, mas Lázaro, males; por isso ele agora aqui é consolado, mas tu estás em tormento.

        26. Além de tudo, há entre nós e vós um grande abismo, de maneira que, os que querem passar daqui para vós, não o podem, nem os de lá passar para cá”

        RESUMINDO

        Com a Revelação do “Seio de Abraão” os homens de Deus passaram a pregar e transmitir que o Ímpio teria como sorte depois da morte o inferno, o Justo seria recebido pelos patriarcas Hebreus (Abraão, Isaque e Jacó) em um lugar de paz fora do Paraíso aguardando a redenção de Jesus Cristo na Cruz, os dois lugares separados por um abismo.

        VEJAM QUE NA PASSAGEM BÍBLICA DE SÃO PEDRO NA BÍBLIA FALA SOBRE ISSO

        NOTEM

        1 Pedro 3:19; 04:06 – Jesus pregou aos espíritos na “prisão”.

        AGORA NOTEM

        E observem como os Livros posteriores ao Exílio Babilônico nos transmite essa Idéia.

        VEJAM

        “7. antes que a poeira retorne à terra para se tornar o que era; e antes que o sopro de vida retorne a Deus que o deu” (Eclesiastes capítulo 12)

        NOTEM MAIS REFERENCIAS

        VEJAM

        “1. Mas as almas dos justos estão na mão de Deus, e nenhum tormento os tocará.

        2.Aparentemente estão mortos aos olhos dos insensatos: seu desenlace é julgado como uma desgraça.

        3. E sua morte como uma destruição, quando na verdade estão na paz!

        4. Se aos olhos dos homens suportaram uma correção, a esperança deles era portadora de imortalidade” (Sabedoria capítulo 3)

        AGORA LEIAM UMA PASSAGEM BÍBLICA DE SÃO PEDRO

        VEJAM

        Eles darão conta àquele que está pronto para julgar os vivos e os mortos.

        Pois para isto foi o Evangelho pregado também aos mortos; para que, embora sejam condenados em sua humanidade de carne, vivam segundo Deus quanto ao espírito” (I Pedro capítulo 4)

        Isso é levou com sigo todos Justos que aguardavam no “Seio de Abraão” a redenção da Cruz e a abertura do caminho no Paraíso de Deus.

        Existem alguns hereges pregando por ai que o inferno não é literal, e que o tormento da Alma é deixar de Existir.

        Vamos ver o que Jesus Cristo diz a respeito disso:

        “28. Não temais aqueles que matam o corpo, mas não podem matar a alma; temei antes aquele que pode precipitar a alma e o corpo na geena” (Mateus capítulo 10)

        Observem que nem Deus se colocar a disposição de aniquilar a Alma, até por que toda Alma é um germe divino, ele joga essa Alma no fogo do inferno a deixando apenas em Ruínas e não a Destruído inteiramente.

        “14. Subirei sobre as nuvens mais altas e me tornarei igual ao Altíssimo.

        15. E, entretanto, eis que foste precipitado à morada dos mortos, ao mais profundo abismo” (Isaias capítulo 14)

        Eu sou a videira; vós, os ramos. Quem permanecer em mim e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.

        Se alguém não permanecer em mim será lançado fora, como o ramo. Ele secará e hão de ajuntá-lo e lançá-lo ao fogo, e queimar-se-á.

        Se permanecerdes em mim, e as minhas palavras permanecerem em vós, pedireis tudo o que quiserdes e vos será feito (Jo 15,5-7)

      • LEIA ESSA PASSAGEM PIADISTA BRUNO VOCÊ É MUITO CONTRADITÓRIO E DIVERTIDO

        BRUNO Vamos ler em Atos 28 o que fez O Católico São Paulo quando embarcou em um Navio indo Para ROMA

        “Ao termo de três meses, embarcamos num navio de Alexandria, que havia passado o inverno na ilha. Este navio levava por INSÍGNIAS* os DIÓSCUROS*”. (At 28,11)

        *INSÍGNIAS : EMBLEMAS, IMAGENS

        *DIÓSCUROS: A IMAGEM DE CASTOR E PÓLUX, ORNANDO A PROA DO NAVIO
        Paulo, não aproveitou a ocasião para condenar aquelas imagens, porque era Católico e não protestante (QUE NEM EXISTIAM AINDA) e sabia muito bem distinguir Imagem de Ídolo.
        Será que Protestante Lê isso?

      • Nossa Bruno, que salada tu fizestes! Ninguém disse que Maria é onisciente, o problema é que busca conhecimento em fontes erradas, no mínimo suspeitas, por isso forma uma doutrina viciada. Discutir a primazia de São Pedro, a interseção dos santos e a livre interpretação é uma coisa simples que infelizmente os protestantes transformam em um livro infindável. Bruno tu ADORAS a Bíblia, mas te esqueces que a Bíblia já estava pronta quando tua seita foi fundada, em sentido contrário, desde a morte e ressurreição do Nosso Senhor, por quase IV séculos não havia uma Bíblia organizada para hereges evangélicos debaterem o que é ou não é o certo, o que só aconteceu no concílio de Nicéia, por isso viviam até então somente com a Tradição. Se os Evangelhos são o coração da Bíblia, leia o evangelho de São João 21, 25 e toda esta discussão se findará, pois bem claro está, que nem o mundo inteiro poderia conter os livros que se deveriam escrever acerca das muitas outras coisas que Jesus fez, assim, entendo que a Bíblia é um livro que ocupa um espaço muito pequeno em minha estante para esclarecer tudo o que Deus quer de nós. Está escrito, é só ler com sinceridade. Todos os seus questionamentos eu já fiz como herege e blasfemador que já fui também, no entanto, se não estiver com o coração aberto e submisso a aceitar o peso de sua cruz com humildade, não adiantará nada, porém, uma coisa é certa, todas as tuas questões tem respostas que vão além deste debate e além do seu conhecimento humano mundano, moderno e deturpado.

        Assim, lamento por sempre que tu, como todos os protestantes, ao se sentirem acuados, pulam para o próximo item, que quase sempre é ofender a Santa Virgem. Engraçado que Santa Isabel, ao ouvir a voz de Maria se encheu do Espirito Santo e afirmou que Ela seria bendita entre as mulheres, mas tu, só em ouvirdes falar de Maria, fica estrebuchando de ódio… Decerto não é o Espirito Santo que faz isso contigo.

        Lembre-se que não respondestes nenhum dos meus questionamentos.

        Que Deus o abençoe e o ilumine sempre!

  17. PAPA ou JESUS CRISTO

    “EM QUEM DEVEMOS CONFIAR?”

    O Papa ostenta o título de “Vigário de Cristo” que significa ser, o substituto de Cristo na Terra, mas a Bíblia, que é a Palavra de Deus diz: “Mas o Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, vos ensinará todas as coisas e vos fará lembrar de tudo o que vos tenho dito” (João 14.26).

    O substituto de Cristo na terra segundo a Bíblia é o Espírito Santo, não um homem!

    O Papa mora em um suntuoso palácio (Vaticano) onde goza de todo conforto, utiliza taças de ouro e tem para sua segurança 130 soldados (guarda suíça). Quanta diferença de nosso Senhor Jesus Cristo, que certa vez disse que não tinha nem ao menos lugar para repousar sua cabeça. (Mateus 8.20)

    Jesus vivia no meio do povo simples; dormia, comia, orava, curava os enfermos e pregava o evangelho. Enquanto o Papa vive rodeado de pessoas ilustres, ricas e famosas, recebe visitas de presidentes, ministros e celebridades. quando tem que falar com o povo, mantêm-se distante, na janela da Basílica de S. Pedro, não se mistura com o povo.

    Jesus era contra o divórcio (Mateus 19.9), mas, o Papa apesar de declarar-se contra, mantém no vaticano um conselho que se chama “Tribunal de Rota” onde anula-se casamentos de personalidades mediante grandes somas em dinheiro.

    Jesus ordenou que examinássemos as Escrituras (Bíblia) João 5.39, mas o Papa quer voltar a celebrar a missa em latim, um idioma que ninguém poderá entender nada, assim como eram as missas até 1962. Como o povo poderá ler, estudar e aprender a Palavra de Deus em uma língua desconhecida? Será que o papa não quer que o povo conheça realmente a Palavra de Deus?

    Enquanto Jesus, mesmo sendo Filho de Deus era humilde; o Papa aceita adoração, permite que se prostrem diante dele, que lhe chamem de “Vossa Santidade”, que lhe beijem as mãos, que o exaltem e confiem nele. O próprio apóstolo Pedro quando Cornélio se prostrou aos seus pés disse: “Levanta-te! Também eu sou um homem!” (Atos 10.26). E o papa ainda diz ser o seu sucessor. Será que alguém concorda com este absurdo?

    Jesus disse: “…amarás teu próximo como a ti mesmo” (Mateus 19.19 ), mas os Papas através da Inquisição (1184) criada por eles mataram em todo o mundo mais de 25 milhões de pessoas somente porque não concordavam com a maneira de agir da Igreja Católica Romana (livro: “A face oculta do catolicismo romano”-Ano 1998- pág. 39).

    Jesus Cristo disse: “adorarás o Senhor teu Deus, e só a Ele servirás” (Mateus 4.10). Enquanto o Papa incentiva a adoração de imagens de escultura, inclusive atribuindo poderes a elas. Colocando-as como intercessoras entre os homens e Deus. Ao contrário a Bíblia diz: “Porque há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens: Jesus Cristo homem” (1 Timóteo 2.5).

    O povo de Deus não pode ter um “santo” para cada coisa, e sim, um Deus Todo-Poderoso para todas as coisas.

    Lembre-se que o Papa veio ao Brasil e teve um tratamento em nada semelhante ao que teve Jesus quando esteve entre nós. Eis alguns privilégios que o Papa teve:

    · Lençóis de puro algodão egípcio;
    · 15 tipos de vinhos diferentes (www.noticias.terra.com.br);
    · O bordado dos paramentos das vestes consumiram 15 km de linhas de ouro e prata (www.noticias.terra.com.br).
    · O Santuário Nacional de Aparecida produziu 6.000 medalhas comemorativas para sua visita ao Brasil, sendo 2.000 de ouro, 2.000 de prata e 2.000 de bronze para serem comercializadas (www.noticias.terra.com.br);
    · As roupas que foram usadas nas cerimônias em Aparecida foram de seda indiana (Revista Época-30/04/07);
    · Os brasões do Papa foram gravados nas peças de porcelana “limoges” que ele usou em São Paulo. Para esta pintura foram utilizadas tintas que levam pó de ouro e de platina (Revista Época-30/04/07);
    · O cálice que foi usado para a consagração do vinho na Missa do Campo de Marte custou R$ 3.000,00.
    (Revista Época-30/04/07);
    · Foi construído em Aparecida um palco para o Papa que custou R$ 900.000,00 (Jornal Nacional-20/03/07);
    · Os Correios lançaram em 10/05/2007 um selo em homenagem ao pontífice (Folha Online, 04/05/07);
    · Somente o Estado de São Paulo e sua Prefeitura gastariam R$ 2.4 milhões com a visita de Bento XVI (Folha Online 12/04/07);
    · Todos os mendigos seriam afastados das proximidades da Catedral da Sé no dia 11/05/07 quando o Papa teria um encontro com os Bispos brasileiros (Folha de São Paulo- Lilian Christofoletti-16/04/07); e
    · Seriam gastos aproximadamente R$ 8 milhões para receber Bento XVI (Jornal Nacional, 17/04/07).

    Prezado leitor (a)

    Deus nos criou capazes de pensar e decidir entre o certo e o errado. Após todas as informações apresentadas, analise por você mesmo com quem está a verdade! Com o homem (Papa) ou com o Filho de Deus nosso Senhor Jesus Cristo através dos evangelhos?

    Quando os discípulos perguntaram a Jesus qual deles era o maior entre eles, Jesus disse: “Se alguém quer ser o primeiro, seja o último de todos e o servo de todos” (Marcos 9.35).

    Pergunta-se:

    Estaria mesmo o Papa servindo ao povo ou sendo servido?

    Você sabia ?

    1) Que o seminarista para ser ordenado padre tem que fazer voto de pobreza?
    Como pode alguém exigir tal voto de seus sacerdotes, se não der o exemplo?

    2) Que o Papa Alexandre VI no ano de 1492 foi amante de sua própria filha Lucrecia Bórgia? (www.cacp.org.br).

    3) Que o Papa Marcelo ll no ano 1555 disse: “Não sei como um Papa poderá escapar da condenação eterna e do inferno”? (Vila del Marcelo-pág.132).

    4) Que o Papa Inocêncio VIII teve 16 filhos com várias senhoras casadas?

    5) Que o Papa Leão X não acreditava na eternidade? (www.cacp.org.br ).

    6) O lucro anual do Vaticano chega a US$ 200 milhões? (Revista Super-Interessante- Edição 239 – maio/2007).

    7) Os clérigos do catolicismo têm pregado que algumas imagens choram, sorriem, exalam fragrância, falam, sangram e assim por diante, e isso com o apoio do Vaticano? (www.pastorjoel.com.br ). Como alguém pode crer nestas coisas se até mesmo o Cardeal-Arcebispo Dom Aluísio Lorscheider disse: “Eu não acredito em imagem de Nossa Senhora que chora. Os bobos correm atrás disso, pois não sabem quantas mutretas há por trás de coisas assim” (Revista Veja-22/05/91).

    8) Que o Vaticano envolveu-se escandalosamente na Segunda Guerra (1939-1945)? A imprensa mostrou o Clero abençoando as tropas e os armamentos italianos que partiram para matar os negros na Etiópia (Livro: “100 Respostas Bíblicas para o Catolicismo” – Editora Transcultural – Autor: Édino Melo).

    Conclusão:

    Milhares de pessoas mudaram as suas rotinas, economizaram vários meses de seus salários e programaram férias, tudo isso só para poder viajar e acompanhar a visita daquele que elas acreditam ser o representante de Deus na Terra. Infelizmente não conhecem a verdadeira Palavra de Deus que diz: “Maldito o homem que confia em outro homem…” (Jeremias 17.5).

    “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará!” (João 8.32)

    Leia a Bíblia!

    Luciano de Sena Pereira

    • BRUNO VAI ESTUDAR DEIXA DE TANTA HERESIA E SOFISMA
      OLHA RELIGIÃO SE DISCUTE AGORA PONTOS DE VISTA NÃO

      A IGREJA CATÓLICA É BÍBLICA MEU CARO

      AGORA BRUNO SE O PROTESTANTISMO FOSSE VERDADEIRO TERIA QUE TER 2000 MIL ANOS
      E NÃO PODERIA SER DIVIDIDO SÓ AQUI NO BRASIL JÁ PASSA DAS 50 MIL SEITAS

      BRUNO TEM ATÉ IGREJAS DE HOMOSSEXUAIS

      VAI ESTUDAR MEU CARO CONVERSE ASNEIRAS NÃO

    • ISSO AQUI BRUNO É A IGREJA CATÓLICA INCONTESTAVELMENTE VERDADEIRA

      APOLOGÉTICA DA IGREJA CATÓLICA

      Mateus 16

      18. E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra ela.

      Hebreus 12-23 à universal assembléia e igreja dos primogênitos inscritos nos céus, e a Deus, o juiz de todos, e aos espíritos dos justos aperfeiçoados;

      Assembléia = Igreja

      Universal = Católica

      A Igreja Católica (o termo “católico”, derivado da palavra grega: καθολικός (katholikos), significa “universal” ou “geral”),

      Paulo Efésios 2, 20 :“Edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, de que Jesus Cristo é a principal pedra da esquina;”

      Jesus realmente prometeu que o Espírito Santo estaria com Sua Igreja e a ensinaria para sempre (cf. João 14,16-17)!

      Estas coisas te escrevo, mas espero ir visitar-te muito em breve. Todavia, se eu tardar, quero que saibas como deves portar-te na casa de Deus, que é A IGREJA de Deus vivo, coluna e sustentáculo da verdade.”
      1Timóteo 3:14-15

      (Atos dos Apóstolos 20,28)

      Cuidai de vós mesmos e de todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo vos constituiu bispos, para pastorear a Igreja de Deus, que ele adquiriu com o seu próprio sangue.

      Eu escrevi esse pequeno estudo só com documentos registros e provas de escritores eclesiástico e de padres da igreja

      E também de alguns historiadores não cristãos do primeiro segundo e terceiro século muito antes de Constantino ter nascido

      Sabe porque? Por que quantas e quantas vezes Meus irmãos católicos e minhas irmãs católicas vocês tiveram que escutar a palhaçada desses pastores e historiadores protestante que tem a cara de pau e a mentira e a safadeza de vim dizer que a Santa Igreja Católica foi fundada por Constantino no século IV?

      E o pior disso tudo é que eles dizem descaradamente só para os leigos mostrando sempre a mesma história e os mesmos documentos falsificados e sem nenhuma origem e sem nenhuma fonte histórica

      resumindo sobre Constantino ter fundado a igreja católica isso é uma piada cheia de mentiras contradições e falsificações barata que só ilude mesmo quem não estuda e prefere viver na mentira

      Por isso não caia na farsa dividida em mais de 50 mil seitas no Brasil

      De nome Protestantismo,

      E o pior é que muitos pastores sabem mais descaradamente não aprendem ou não querem aprender que a Igreja Católica Apostólica Romana foi fundada por JESUS CRISTO

      assim também todos os Padres da Igreja afirmam e confirmam em seus escritos que Jesus cristo fundou a Igreja Católica.

      Agora os únicos que acreditam na historinha de Constantino

      são os protestantes baseados em fábulas inventadas por historiadores protestantes séculos depois dos fatos narrados por eles;

      E MAIS: todos os fatos narrados por esses tais historiadores protestantes são baseadas em fábulas que eles mesmos criaram sem qualquer fonte material ou documental de testemunhas oculares. Isso é fato

      AGORA SIM ESSA É

      A verdadeira historia da Igreja Católica segundo os Padres da Igreja.

      VAMOS AO ESTUDO QUE MOSTRARAR CLARAMENTE A IGREJA CATÓLICA FUNDADA POR JESUS CRISTO NA HISTÓRIA E NOS ESCRITOS E NA ARQUEOLOGIA

      E MAS AQUI NESSE PEQUENO ESTUDO MOSTRAREI CLARAMENTE

      A IGREJA CATÓLICA MUITO ANTES DE CONSTANTINO TER NASCIDO

      AGORA DESMASCARANDO A SEITA PROTESTANTE VEJA O QUE DIZ SANTO IRINEU DE LYON NASCIDO NO ANO 130 DA ERA CRISTÃ

      Santo Irineu carta contra heresias:

      “Mas visto que seria coisa bastante longa elencar, numa obra como esta, as sucessões de todas as igrejas, limitar-nos-emos à maior e mais antiga e conhecida por todos, à igreja fundada e constituída em Roma, pelos dois gloriosíssimos apóstolos, Pedro e Paulo, e, indicando a sua tradição recebida dos apóstolos e a fé anunciada aos homens, que chegou até nós pelas sucessões dos bispos, refutaremos todos os que de alguma forma, quer por enfatuação ou vanglória, quer por cegueira ou por doutrina errada, se reúnem prescindindo de qualquer legitimidade. Com efeito, deve necessariamente estar de acordo com ela, por causa de sua origem mais excelente, toda a Igreja, isto é, os fiéis de todos os lugares,porque nela sempre foi conservada, de maneira especial, a tradição que deriva dos apóstolos.”

      IRMÃOS ISSO É INCONTESTÁVEL

      ISSO É A PATRÍSTICA QUE MOSTRA CLARAMENTE A IGREJA FUNDADA POR JESUS CRISTO

      AGORA SE ALGUM PASTOR OU HISTÓTIADOR PROTESTANTE DUVIDA OU CONTESTA ISSO

      ME MOSTRE PROVAS MAIS ME TRAGAM PROVAS QUE PROVE O CONTRÁRIO COISA QUE CERTAMENTE É IMPOSSIVEL

      POIS A HISTÓRIA POR SI PRÓPRIA RELEVA OS FATOS

      AGORA PARA CONFIRMAR ESSA BEM AVENTURANÇA DE QUE A IGREJA NASCEU CATÓLICA VEJA

      O QUE DIZ O DISCÍPULO DE SÃO JOÃO EVANGELISTA

      Santo Inácio de Antioquia NASCIDO NO ANO 35 DA ERA CRISTÃ E MORTO NO ANO 107 DA ERA CRISTÃ pelo Imperador Trajano

      VEJA O QUE ELE DIZ

      Onde comparecer o Bispo, aí esteja a multidão, do mesmo modo que, onde estiver Jesus Cristo, aí está a IGREJA CATÓLICA”

      (Epístola aos Esmirnenses c 8, 2).

      ISSO É INCONTESTÁVEL E FASCINANTE

      A IGREJA NASCEU CATÓLICA AGORA SE ALGUM PROTESTANTE QUERER VIM ME REFUTAR SAIBAS QUE ESTOU AO DISPOR

      MAIS RESUMINDO EU SÓ RESPONDO COM FONTE HISTORICA E TESTEMUNHAS OCULARES E FATOS VERÍDICOS DA ÉPOCA

      POIS NA HISTÓRIA UM SÓ ACENTO QUE SE TIRA DE QUAL QUER OBRA É MOSTRADO E DESMASCARADO

      AGORA VAMOS CONTINUAR A AULA

      VEJA O QUE DIZ

      São Policarpo:

      NASCIDO NO ANO 69 DA ERA CRISTÃ E FALECIDO NO ANO 156 DA ERA CRISTÃ

      VEJA O QUE ELE DIZ EM UMA DE SUAS OBRAS

      “A Igreja de Deus que peregrina em Esmirna à Igreja de Deus que peregrina em Filomélio e a todas as paróquias da IGREJA SANTA E CATÓLICA em todo o mundo”.

      “fez menção de todos quantos em sua vida tiveram trato com ele, pequenos e grandes, ilustres e humildes, e especialmente de toda a IGREJA CATÓLICA, espalhada por toda a terra”

      SÓ POR AQUI CAI TODA FARSA PROTESTANTE DE DIZER QUE CONSTANTINO FOI QUEM FUNDOU A IGREJA CATÓLICA

      E MAS CAI A FARSA TAMBÉM DE AFIRMAR QUE A IGREJA PRIMITIVA NÃO ERA CATÓLICA ESSA AFIRMAÇÃO É SEM BASE E É PRATICAMENTE RIDÍCULA

      AGORA SIM ISSO É A IGREJA CATÓLICA AMIGOS E AMIGAS

      CHOREM E LOUVEM A DEUS POIS É A IGREJA CATÓLICA COM 2000 MIL ANOS E É A MESMA IGREJA QUE JESUS DIZ

      QUE AS PORTAS DO INFERNO NÃO PREVALECERÃO CONTRA ELA

      CONFIRMANDO ISSO

      VEJA O QUE DIZ FIRMILIANO DO SÉCULO TRÊS ISSO É MUITO ANTES DE CONSTANTINO TER NASCIDO

      MAS UMA VEZ CAI A MASCARA PROTESTANTE

      VEJA

      No século III, Firmiliano, bispo de Capadócia, diz assim: “Há uma só esposa de Cristo que é a IGREJA CATÓLICA” (Ep. De Firmiliano nº 14).

      ISSO TOCA O CORAÇÃO ISSO É A IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA CONVERTENDO PESSOAS NOS SEUS PRIMEIROS SÉCULOS DA ERA CRISTÃ E MAIS A MAIORIA DESSES BISPOS E PADES DA IGREJA QUE ESTOU MOSTRANDO AQUI FORAM MARTIRIZADOS E MORTOS POR IMPERADORES

      E A ARQUEOLOGIA E A GEOLOGIA COMPRAVAM TUDO ISSO E MAIS A PRÓPRIA HISTÓRIA NOS SEUS ARQUIVOS AS TESTIFICAM

      AGORA PARA CONFIMAR TUDO ISSO MAIS UMA VEZ

      VEJA O QUE DIZ

      São Frutuoso, martirizado no ano 259, diz:

      “é necessário que eu tenha em mente a IGREJA CATÓLICA, difundida desde o Oriente até o Ocidente”. (Ruinart. Acta martyrum pág 192 nº 3).

      ISSO MOSTRA MAIS UMA VEZ POR QUE O NOME DA IGREJA É CATÓLICA

      ESSA RESPOSTA É MUITO SIMPLES A IGREJA É UNIVERSAL POR QUE ELA TEM A MISÃO DE CONVERTER O MUNDO PARA O CRISTIANISMO

      AGORA IRMÃOS CATÓLICOS E CATÓLICAS DO BRASIL

      VEJA O QUE DIZ O QUARTO PAPA DA IGREJA CATÓLICA SÃO CLEMENTE ROMANO

      PARA QUEM NÃO SABE ESSE PAPA É NARRADO EM FILIPENSES PELO PRÓPRIO APOSTÓLO DE JESUS CRISTO DE NOME SÃO PAULO

      VEJA O QUE SÃO CLEMENTE ROMANO DIZ

      São Clemente:

      NASCIDO NO ANO 30 E FALECIDO NO ANO 102 DA ERA CRISTÃ

      “Não só pela essência, mas também pela opinião, pelo princípio pela excelência, só há uma Igreja antiga e é a IGREJA CATÓLICA. Das heresias, umas se chamam pelo nome de um homem, como as que são chamadas por Valentino, Marcião e Basílides; outras, pelo lugar donde vieram, como os Peráticos; outras do povo, como a heresia dos Frígios; outras, de alguma operação, como os Encratistas; outras, de seus próprios ensino, como os Docetas e Hematistas“.(Stromata 1.7. c. 15).

      RESUMINDO

      QUEM ESTUDA A PATRÍSTICA A SÉRIO SE CONVERTE AO CATÓLICISMO DE CORPO E ALMA POIS AMIGOS E AMIGAS NÃO EXISTEM DUAS HISTÓRIAS POR ISSO QUANDO UM PROTESTANTE VIER COM MENTIRAS CONTESTAÇÕES E FALACIAS CONTRA PAPAS SANTOS ETC..

      PEÇA A ELES PROVAS DOCUMENTOS FONTE HISTÓRICA NOME DE AUTORES TESTEMUNHAS OCULARES DA ÉPOCA

      AÍ ENTÃO ELES NÃO PROVARÃO NADA E LEVARÃO O NOME DE MENTIROSOS E FALSIFICADORES

      AGORA VEJAM O QUE DIZ

      São Cipriano em 249, isso é muito antes de Constantino nascer, e antes do Concílio de Nicéia, já testemunhava:

      Cipriano (NASCIDO NO ANO 200 E MORTO NO ANO 258 DA ERA CRISTÃ)

      vejam

      “atrevem-se estes a dirigir-se à cátedra de Pedro, a esta igreja principal de onde se origina o sacerdócio… esquecidos de que OS ROMANOS NÃO PODEM ERRAR NA FÉ”

      (Epist. 59,n.14, Hartel, 683)

      “Estar em comunhão com o Papa é estar em comunhão com a Igreja Católica.”

      (Epist. 55, n.1, Hartel, 614);

      “E não há para os fiéis outra casa senão a Igreja Católica.”

      (Sobre a unidade da Igreja, cap. 4);

      “Roma é a matriz e o trono da Igreja Católica.”

      (Epist. 48, n.3, Hartel, 607).

      AMIGOS E AMIGAS CATÓLICOS DO BRASIL ISSO É INCONTESTÁVEL ISSO É INREFUTÁVEL POIS TEM FONTE HISTÓRICA E POSSUI TESTEMUNHAS OCULARES COM FATOS VERDADEIROS E VERÍDICO

      AGORA EU VOU MOSTRAR MAIS UM GRANDE DOCUMENTO ESCRITO POR UM PADRE DA IGREJA MUITO TEMPO ANTES DE CONSTANTINO TER NASCIDO

      VEJA

      Conheça o Cânon de Muratori.

      ISSO É A IGREJA CATÓLICA SAIBAM QUE TODOS OS HISTÓRIADORES PADRES DA IGREJA AFIRMAM QUE A OGREJA FOI FUNDADA POR JESUS CRISTO

      POIS NÃO EXISTE NENHUM HISTÓRIADOR DA ÉPOCA OU PADRES DA IGREJA OU ESCRITORES ECLESIASTICOS QUE ESCREVERAM OU AFIRMARAM QUE A IGREJA CATÓLICA FOI FUNDADA POR HOMENS QUEM AFIRMA O CONTRÁIO É MENTIROSO E HEREGE.

      AGORA VEJA A GRANDE PROVA

      NO CÂNON DE MURATORI.

      ISSO É MUITO MAIS MUITO ANTES DE CONSTANTINO TER NASCIDO ISSO TEM FONTE HISTÓRICA TEM TESTEMUNHAS OCULARES É CONFIMADO PELA GEOLOGIA E PELA ARQUEOLOGIA

      INCRIVEL

      ISSO SE CHAMA IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA

      Amigos e amigas eu já estou de saco cheio de escutar a mesma historinha protestante de que até o Século IV a Igreja Católica não existia e que só após uma suposta conversão do Imperador Constantino a Igreja Católica foi fundada e nasceu para o mundo, assim eles negam a Cátedra do Bispo de Roma, o Papado e sua autoridade;

      Para desmascara essa mentira eu mostrarei aqui para vocês um documento do Século II e foi escrito pelo Pastor Hermas por volta do ano 150 D.C, esse documento é chamado:

      Cânon de muratori nele o autor cita alguns livros que hoje temos como canônicos e outros que nem temos conhecimento dos seus conteúdos.

      O mais importante nesse documento são as citações sobre a Igreja Católica e a autoridade do bispo de Roma (PAPA).

      “E além disso, são tidas como sagradas uma [epístola] a Filemon, uma a Tito e duas a Timóteo; ainda que sejam filhas de um afeto e amor pessoal, servem à honra da Igreja católica e à ordenação da disciplina eclesiástica.

      Correm também uma carta aos Laodicenses e outra aos Alexandrinos, atribuídas [falsamente] a Paulo, mas que servem para favorecer a heresia de Marcião, e muitos outros escritos que não podem ser recebidos pela Igreja católica porque não convém misturar o fel com o mel.”

      Perceberam meus Irmãos Católicos, o autor “Hermas morto no ano 160 da era cristã”

      um Cristão do II Século, muito tempo antes de Constantino foi bem claro em sua afirmação sobre a autoridade da Igreja Católica, mas nossos amigos hereges podem vir com aquela falácia de que tudo bem a Igreja se chamava mesmo Católica, mas não era romana.

      Infelizmente o mesmo autor “Hermas” cita a autoridade da Cátedra do Bispo de Roma, pois ele nada mais era do que irmão do Santo Padre PIO.

      Veja a grande prova

      Cânon de Muratori.

      “Recentemente, em nossos dias, Hermas escreveu em Roma “O Pastor”, sendo que o seuirmão, Pio, ocupa a cátedra de bispo da Igreja de Roma. É, então, conveniente que seja lido, ainda que não publicamente ao povo da Igreja, nem aos Profetas – cujo número já está completo -, nem aos Apóstolos – por ter terminado o seu tempo. De Arsênio, Valentino e Melcíades não recebemos absolutamente nada; estes também escreveram um novo livro de Salmos para Marcião, juntamente com Basíledes da Ásia…”

      Agora caiu a mascara protestante, pois além do autor que se chama “Hermas” ter citado a igreja Católica ele cita a Cátedra do Bispo de Roma, ou seja, (PAPA);

      O autor desse documento chamado “Hermas falecido no ano 160 da era cristã” escreveu por volta de 150 D.C e se apresenta como irmão de PIO que ocupava a Cátedra de Bispo da Igreja de Roma, para quem não sabe esse BISPO PIO era nada mais nada menos que:

      São PIO bispo de Roma entre 140 a 155DC nascido em Aquiléia na Grécia, foi o décimo PAPA depois de São Pedro sucedeu a São Higino e foi sucedido por Santo Aniceto.

      Como EU SOU FELIZ de ser Católico da única e verdadeira Igreja de Jesus Cristo, será que agora mesmo sabendo disso os hereges continuarão em suas seitas satânicas? Fingindo que acreditam nas mentiras que seus pastores inventam?

      Assim diz as escrituras sagradas.

      Mateus 16

      18. E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra ela.

      AGORA MAIS UM POUCO DE ARQUEOLOGIA E HISTÓRIA

      VEJA AQUI PROVAS CLARAS DA ÉPOCA DO OCORRIDO E DOS FATOS

      VEJAM

      O TROFÉU DE GAIO é o monumento construído sobre o túmulo do Apóstolo Pedro “ A tradição cristã atesta que o apóstolo Pedro foi crucificado em Roma e sepultado no cemitério Vaticano ”

      Como também os padres da igreja confirmam isso e também a arqueologia também confirmam tais verdades absolutas vamos lá

      VEJA A GRANDE PROVA AQUI

      ISSO É A PATRÍSTICA ISSO É HISTÓRIA E OS FATOS QUE SE UNEM E SE CONFIRMAM POR SI PRÓPRIA SEM NENHUMA CONTRADIÇÃO

      VEJA

      Gaio, presbítero romano, em 199 da era cristã: “diz assim

      nós aqui em Roma temos algo melhor do que o túmulo de Filipe. Possuímos os troféus dos apóstolos fundadores desta Igreja local. Ide à Via Ostiense e lá encontrareis o troféu de Paulo; ide ao Vaticano e lá vereis o troféu de Pedro.“

      E CONTINUA O SEU DISCUSO AFIRMANDO O QUE TODOS PADRES DA IGREJA AFIRMAM em seus escritos de SÃO PEDRO SER O PRIMEIRO BISPO EM ROMA

      VEJAM

      Gaio dirigiu-se nos seguintes termos a um grupo de hereges: “Posso mostrar-vos os troféus (túmulos) dos Apóstolos. Caso queirais ir ao Vaticano ou à Via Ostiense, lá encontrareis os troféus daqueles que fundaram esta Igreja.

      História também contada pelo maior historiador cristão ”(Eusébio de Cesaréia nascido no ano 265 da era cristã, História Eclesiástica, 1125, 7.)

      ISSO É FANTÁSTICO MEUS IRMÃOS CATÓLICOS

      E MAS ESSES TESTEMUNHOS HISTÓRICOS DE GAIO TEM BASES E POSSUEM SUSTENTAÇÕES

      PRA QUEM NÃO SABE O PRESBÍTERO GAIO OU CAIO VIVEU NO TEMPO DO PAPA ZEFERINO NASCIDO NO ANO 199 E FALECIDO NO ANO 217 DA ERA CRISTÃ

      Agora voltando ao texto o presbítero Gaio ao discutir com Probo, chefe da seita dos catafrígios, indica onde Pedro e Paulo foram sepultados: “ Eu, porém, posso mostrar o troféu dos Apóstolos. Se, pois, quiseres ir ao Vaticano ou à Via Ostiense, encontrarás os troféus dos fundadores desta Igreja ”

      VOU DA MAIS UMA REFERÊNCIA MEUS AMIGOS E AMIGAS

      ESSE EPISODIO VOCÊ ENCONTRA NO LIVRO

      DO MAIOR HISTORIADOR CRISTÃO DA HUMANIDADE NASCIDO NO ANO 265 DE NOME EUSÉBIO DE CESARÉIA QUE FOI MORTO NO ANO 339 DA ERA CRISTÃ}

      O BISPO EUSÉBIO DE CESARÉRIA ESCREVEU A HISTÓRIA ECLESIÁSTICA QUE CONTA EM 10 VOLUMES A HISTÓRIA DA IGREJA COM MAIS OU MENOS 5000 MIL PAGINAS

      NESSA OBRA VOCÊ ENCONTRARÁ UM POUCO DOS FATOS E DA HISTÓRIA DE MUITOS ESCRITORES ECLESIÁSTICOS E DOS BISPOS PADRES DA IGREJA

      E DE VARIAS OBRAS E ESCRITOS COMO TAMBÉM DAS HERESIAS E DOS RELATOS DOS MÁRTIRES E DOS IMPERADORES DO PRIMEIRO SÉCULOS ATÉ O ANO 303 DA ERA CRISTÃ

      E MAS NESSA OBRA HISTÓRIA ECLESIÁSTICA DE EUSÉBIO DE CESARÉRIA ELE FAZ REFERÊNCIAS A UMAS 250 OBRAS ESCRITAS DE VÁRIOS PADRES DA IGREJA E ESCRITORES ECLESIÁSTICOS

      AGORA VAI UMA DICA TEM UNS HISTORIADORES PROTESTANTES VAGABUNDOS E MENTIROSOS QUE DIZEM QUE EUSEBIO DE CESAREIA NÃO CITA SÃO PEDRO COMO O PRIMEIRO PAPA ISSO É UM ABSURDO

      PRIMEIRO EUSEBIO DE CESAREI FOI UM BISPO DA IGREJA E MAIS OS PADRES DA IGREJA DO SEU TEMPO TESTIFICAM ISSO

      COMO TODOS OS PADRES DA IGREJA TAMBÉM TESTIFICAM E AINDA FAZEM REFERÊNCIAS POR ISSO EU DIGO CUIDADO COM ESSES HISTORIADORES PROTESTANTES POIS ELES TIRAM FRASES DO CONTESTO E FAZEM JOGO DE PALAVRAS TIRANDO VERSOS E PALAVRAS DE SUAS REAIS FRASES

      AGORA DESMASCARANDO A CEITA PROTESTANTE QUE AFIRMAM QUE CONSTANTINO FOI QUEM FUNDOU A IGREJA CATÓLICA

      VOU MOSTRAR E PROVAR AGORA

      REAIS PROVAS CLARAS QUE É TESTIFICADO NOS ESCRITOS DO SEU TEMPO

      COMO É TAMBÉM CONFIRMADO COMO VERDADEIRO PELA ARQUEOLOGIA

      VAMOS LÁ

      = Pedro jaz aqui ou Pedro está aquiine sortePMas extraordinária foi a descoberta, no muro vermelho, de uma inscrição em grego afirmando que Pedro está ali. A pedra onde está escrito PETR[…] ENI[…] –

      = Pedro em paz .]ener[i ne ]so[rteP14. Outra interpretação: PETR[OC] EN I[RENE] –

      = Pedro jaz aqui .ine sorteP15. Desenho da pedra escrita

      16. No muro “g” foram encontrados grafites com inscrições e símbolos

      17. Alguns grafites do muro “g”

      18. O muro “ g ” , onde estão os grafites

      , e em Pedro = PE nome em forma de chave simb óli ca.sotsirC19. Grafites do muro “g” com o desejo de vida em Cristo XP = IN

      , Cristo), e P E (PETRUS, Pedro).sotsirC20. Aparece tamb ém o nome de Maria nos grafites do muro “g” junto com os s ímbolos XP (

      21. Conclusões – o TROFÉU DE GAIO prova que o Apóstolo Pedro foi sepultado em Roma – prova também que a devoção a Maria estava presente em Roma antes da construção da basílica de São Pedro por Constantino, ou seja, 100 anos antes do Concílio de Éfeso, que decretou o dogma de que Maria é Mãe de Deus

      TESTIFICANDO ISSO VOU MUITRAR AQUI UM TESTEMUNHO DESSAS VERDADES MUITO ANTES DISSO

      QUEBRANDO TODA TESE DOS PROTESTANTES

      VEJAM

      Esse é uns dos textos mais antigo relatando a Assunção de Virgem Maria é o texto de Dionísio Areopagita morto no ano 96 da era cristã :

      Dionísio de Areopagita (morto no ano 96 da era cristã,Foi discípulo do apóstolo São Paulo

      Esses testemunhos é relatado na tradição

      nos escritos dos padres da igreja e guardado na história incontestavelmente

      VEJA

      Um pedaço da carta de Dionísio de Areopagita que fala sobre Maria

      veja

      “Pois até mesmo entre os nossos hierarcas inspirados, quando, como tu sabes, nós juntamente com ele [um presbítero ateniense chamado Hierotheos] e muitos de nossos santos irmãos se reuniram para contemplar aquele corpo mortal [de Maria], Fonte da Vida, que recebeu o Deus encarnado, e Tiago, irmão de Deus [isto é, Tiago de Jerusalém] estava lá, e Pedro, o chefe maior dos escritores sagrados.

      E ainda existem protestantes que dizem que São Pedro não foi o chefe dos apóstolos isso é uma piada e mais essa carta é do primeiro século e escrita por um discípulo do apóstolo São Paulo e mais isso é no primeiro século meus irmãos amados

      ISSO É A IGREJA CATÓLICA MEUS AMIGOS E AMIGAS

      VEJA O QUE DIZ AGORA

      o bispo Dionísio de Corinto morto no ano 170 da era cristã,

      Veja o que ele diz num extrato de uma de suas cartas aos romanos (170):

      “Tendo vindo ambos a Corinto, os dois apóstolos Pedro e Paulo nos formaram na doutrina evangélica. A seguir, indo para a Itália, eles vos transmitiram os mesmos ensinamentos e, por fim, sofreram o martírio simultaneamente.”

      ISSO É INCONTESTÁVEL POIS TEM FONTE HISTÓRICA E MOSTRA CLARAMENTE A IGREJA CATÓLICA COM SEUS BISPOS

      ISSO É FATO

      PARA QUEM NÃO SABE SE VOCÊ COLOCAR UMA SÓ VÍRGULA EM QUAL QUER ESCRITO ANTIGO

      A PRÓPRIA HISTÓRIA MOSTRA QUE ESSE ATO FOI ADULTERADO

      SE CASO ISSO FOSSE MENTIRA TERIAMOS MILHARES DE ESCRITOS

      QUE POR SI PRÓPRIO IRIAM SE CONTRADIZER

      SENDO ASSIM A HISTÓRIA ENTRARIA EM CONTRADIÇÕES COISA QUE NÃO EXISTE

      VOU MOSTRAR AGORA OUTRO FATO OCORRIDO NA HISTÓRIA QUE É CONFIRMADO PELA ARQUEOLOGIA E PELOS PADRES DA IGREJA DA ÉPOCA

      E MAIS EXISTEM MILHARES DE PROVAS E ESCRITOS E TESTIFICAÇÕES DE VÁRIOS PADRES DA IGREJA DESSE FATO OCORRIDO QUE É INCONTESTÁVEL

      CONHEÇAM O EPITÁFIO DE ABÉRCIO DE HIERÁPOLIS MORTO NO ANO 167 DA ERA CRISTÃ

      VEJA

      O epitáfio de Abércio de Hierápolis, do final do século II, é o monumento de pedra mais antigo que se refere à eucaristia. Abércio tinha sido bispo de Hierápolis, na Frígia. Aos 72 anos de idade mandou fazer a inscrição, na qual fala, entre outras coisas, do seu envio a Roma pelo Pastor, encontrando por toda parte irmãos na fé, dos quais recebeu o “peixe” (ICHTHYS, em grego, abreviação de “Jesus Cristo, Filho de Deus, Salvador” – a iconografia cristã aproveitará esta simbologia), vinho misturado e pão. Atesta o costume cristão de se orar pelos mortos.

      ISSO É A IGREJA CATÓLICA

      AGORA TIREM MAIS PROVAS CLARAS NOS ESCRITOS DE ORÍGINES (NASCIDO NO ANO 185 E FALECIDO NO ANO 253 DA ERA CRISTÃ)

      Orígenes foi responsável pela Escola catequética em Alexandria

      veja o que ele afirmou:

      “Pedro, ao ser martirizado em Roma, pediu e obteve fosse crucificado de cabeça para baixo”

      “Pedro, finalmente tendo ido para Roma, lá foi crucificado de cabeça para baixo.”

      AQUI

      ORÍGENES ESSE GRANDE PADRE DA IGREJA

      CONFIRMA O QUE O PRÓPRIO HISTORIADOR ROMANO DE NOME CORNÉLIO TÁCITO NASCIDO NO ANO 55 DA ERA CRISTÃ ESCREVEU

      QUE NERO MATAVAM OS CRISTÃOS DO SEU TEMPO

      E MUITOS DELES ERAM MORTOS NO SEU CIRCO

      O FAMOSO E CONHECIDO CIRCO DE NERO ESCRITO PELO HISTORIADOR ROMANO CORNÉLIO TÁCITO NASCIDO NO ANO 55 DA ERA CRISTÃ

      AGORA VAI UM AVISO SINCERO

      MEUS CAROS IRMÃOS CATÓLICOS

      NUNCA LEIAM NADA DAS MÃOS DE PROTESTANTES POIS ELES ADULTERAM TEXTOS SAFADAMENTE E VENDEM CALUNIAS E MENTIRAS QUE CONTAMINAM A MENTEPARA ENGANAR PESSOAS DE BOA FÉ

      POR ISSO VAI UM AVISO

      LEIAM SEMPRE OS ORIGINAIS

      AGORA PRA CALAR A BOCA DE TODOS OS HEREGES HISTORIADORES PROTESTANTES QUE NEGAM A IGREJA CATÓLICA E O PRIMADO DE SÃO PEDRO EM ROMA

      VOU MOSTRAR INDISCUTIVELMENTE AQUI

      UNS DOIS MAIORES HISTORIADORES DA ÉPOCA DE SÃO PEDRO

      ISSO É FATO VERÍDICO TEM LUZ E PROVAS E É CONFIRMADO E TESTIFICADO POR TODOS

      VOU MOSTRAR AGORA O QUE ESCREVEU NUMA DE SUAS OBRAS UNS DOS MAIORES HISTORIADORES ROMANOS DE TODOS OS TEMPOS

      Públio (Caio) Cornélio Tácito (em latim Publius (Gaius) Cornelius Tacitus) ou simplesmente Tácito, (NASCEU NO ANO 55 E FALECEU NO ANO 120 DA ERA CRISTÃ) CORNÉLIO TÁCITO foi um historiador, orador e político romano.

      Ocupou os cargos de questor, pretor (88), cônsul (97) e procônsul da Ásia (aproximadamente110-113).

      AGORA PRA QUEM NÃO SABE ESSE HISTORIADOR NUNCA FOI CRISTÃO

      VEJA O QUE ELE DIZ EM SEU LIVRO

      O historiador romano Tácito descreveu essa perseguição: “Portanto, em primeiro lugar foram presos aqueles que confessavam abertamente sua crença [na ressurreição de Cristo]; depois, por denúncia destes, foi presa uma grande multidão, não tanto sob a acusação de ter provocado o incêndio, mas, sim, pelo ódio que tinham à espécie humana. À morte de todos eles acrescentava-se o escárnio, pois que, revestidos de peles de animais, pereciam dilacerados pelos cães, ou eram pregados nas cruzes, ou queimados vivos, ao pôr-do-sol, como tochas para a noite. Nero cedeu seus jardins para esse espetáculo, e providenciou jogos circenses, participando deles misturado à multidão, em vestes de auriga, ou de pé sobre o carro. Por isso, embora fosse gente culpada e merecedora de tão originais tormentos, crescia um sentimento de piedade por eles, pois eram sacrificados não para o bem comum, mas em razão da crueldade de um só” (Anais, XV, 44, 4-5).

      ISSO FICA CLARO QUE OS NOSSOS PADRES DA IGREJA SANTO INÁCIO,

      POLICARPO DE ESMIRNA E VÁRIOS OUTROS MÁRTIRES FORAM REALMENTES MORTOS POR MÃOS DE IMPERADORES

      COMO CLARAMENTE MOSTRA ESSE HISTORIADOR DA ÉPOCA

      QUE AFIRMA NO SEU LIVRO QUE OS MÁRTIRES MORRIAM NO COLISEU NA BOCA DE LEÕES

      COMO MOSTRA TAMBÉM QUE NERO MATAM OS MÁRTIRES E MUITOS MORRIAM NUMA CRUZ

      POR ISSO NÃO É LENDA SÃO PEDRO MORREU NUMA CRUZ PREGADO DE CABEÇA PRA BAIXO

      COMO AFIRMAM VÁRIOS ESCRITORES ECLESIÁSTICOS E PADRES DA IGREJA DA ÉPOCA

      ISSO É FATO VERÍDICO

      A IGREJA NASCEU CATÓLICA

      VEJA

      Para provar isso vou mostrar que Santo Ireneu de Lião nascido no ano 130 da era cristã escreveu a lista dos bispos da Cidade Eterna, na qual diz que “depois dos Santos Apóstolos (Pedro e Paulo) terem fundado a Igreja,

      São Lino passou a ocupar o episcopado romano (pra quem não sabe esse papa de nome São Lino é mencionado por São Paulo em 2Timóteo 4,21),agora para confirmar tudo isso

      veja o que diz Santo Irineu de Lião nascido no ano 130 da era cristã

      sendo sucedido por Anacleto e, depois deste, Clemente (Romano), que conheceu Pedro pessoalmente”.

      ISSO ACABA COM QUAL QUER TESE VINDA DE QUAL QUER SEITA PROTESTANTE QUE CONTESTA O PRIMADO DE PEDRO AGORA SE CONTINUAR A CONTESTAR POR FAVOR ME MOSTRE APENAS UM FATO VERÍDICO DA ÉPOCA QUE DIZ O CONTRÁRIO

      EU DUVIDO

      IRMÃO E IRMÃS VOU MOSTRAR MAS PROVAS HISTÓRICAS

      AGORA VEJA COMO A IGREJA CATÓLICA ERA ERA NOS PRIMEIROS SÉCULOS

      OLHA ESSE RELATO DESSE PADRE DA IGREJA

      ISSO É INCONTESTÁVEL

      Tertuliano, nascido no ano 160 da era cristã e morto no ano 220 da era cristã diz isso em sua obra o eminente pai da igreja menciona, por volta do ano 218, “aqueles a quem Pedro batizou no Tibre” (Sobre Batismo, 4). Em seu trabalho Prescrição contra os hereges (36), ele diz que a igreja de Roma “afirma que Clemente foi ordenado por Pedro.”

      “A Igreja também dos romanos pública – isto é, demonstra por instrumentos públicos e provas –que Clemente foi ordenado por Pedro.“

      “Feliz Igreja, na qual os Apóstolos verteram seu sangue por sua doutrina integral!” – e falando da Igreja Romana,“onde a paixão de Pedro se fez como a paixão do Senhor.“

      AGORA VEJA

      O QUE ELE DIZ É CONFIRMANDO O QUE O PRÓPRIO HISTORIADOR CORNÉLIO TÁCITO ESCREVEU NO PRIMEIRO SÉCULO

      VEJA

      Tertuliano, nascido no ano 160 da era cristã

      “Nero foi o primeiro a banhar no sangue o berço da fé. Pedro então, segundo a promessa de Cristo, foi por outrem cingido quando o suspenderam na Cruz.” (Scorp. c. 15)

      AGORA VEJA OUTRA GRANDE PROVA INCONTESTÁVEL

      VEJA O RELATO DE

      Papias (nascido no ano 70 e morto no ano 155 da era cristã ),

      Veja o que diz Papias

      diz-nos que Marcos escreveu seu evangelho (baseado em sermões de Pedro), na cidade de Roma.

      ISSO É MARAVILHOSO E É UM GRANDE TESTEMUNHO DE FÉ POIS MOSTRA CLARAMENTE COMO TODOS OS ESCRITOS DA ÉPOCA QUE SÃO PEDRO VIVEU SUA DE VIDA SENDO BISPO DA CIDADE DE ROMA ISSO É INCONSTESTÁVEL

      MEUS IRMÃOS E MINHAS IRMÃS

      EU VOU MOSTRAR AGORA MAIS UMA VEZ OUTRO DOCUMENTO QUE É MUITO ANTES DE CONSTANTINO TER NASCIDO

      COMO TODA MATÉRIA DESSE ESTUDO

      VEJAM

      OLHE O QUE DIZ O PAPA ZEFERINO MORTO NO ANO 217 DA ERA CRISTÃ

      EPÍSTOLA DO PAPA ZEFERINO

      Zeferino,
      Bispo da cidade de Roma,
      aos mui queridos irmãos que servem ao Senhor no Egito.

      “Recebemos uma grande responsabilidade do Senhor, fundador desta Santa Sé e da Igreja apostólica, e do bem-aventurado Pedro, chefe dos apóstolos: a de que possamos trabalhar com amor infatigável pela Igreja universal, que foi remida pelo Sangue de Cristo, e, assim, com autoridade apostólica, apoiar os que servem ao Senhor, bem como ajudar a todos os que vivem fielmente. Todos os que vivem piedosamente em Cristo devem resistir à condenação dos ímpios e dos estranhos; estes devem ser desprezados como estúpidos e loucos. Assim se farão melhores e mais puros aqueles que renunciam às boas coisas temporais com o fim de conquistar as da eternidade. Porém, o desdém e a burla daqueles que os afligem e os desvalorizam se voltarão sobre eles mesmos quando sua abundância tornar-se necessidade e seu orgulho [tornar-se] confusão.”

      ISSO É INCONTESTÁVEL

      Agora Continuando a matéria veja o que diz Santo Inácio de Antioquia nascido no ano 35 da era cristã

      Veja

      “Não é como Pedro e Paulo que eu vos dou ordens; eles foram apóstolos, eu não sou senão um condenado” (Santo Inácio Bispo de Antioquia – Carta aos Romanos 4,3 – 107 d.C).

      ESSE TESTEMUNHO DE SANTO INÁCIO TOCA A NOSSA ALMA DE EMOÇÃO FELICIDADE

      vou mostrar agora algumas outras obras que surgiram no segundo século que falam que São Pedro esteve em Roma

      VAMOS LÁ

      Nos primeiros anos do século II um documento siríaco,

      chamado A Pregação de Pedro, foi escrito. Sua data é indicada pelo fato de que o gnóstico Heracleon, o utilizou em seus escritos durante o tempo do imperador Adriano (117-138 dC).

      Para quem não sabe a pregação de Pedro traz “São Pedro e São Paulo juntos em Roma, e divide os discursos e declarações que tiveram lugar lá entre os dois … é notoriamente fundado sob fato universalmente admitido de São Pedro ter trabalhado em Roma.”

      É inconcebível pensar que tal documento (alegando aceitação como um produto genuíno da era apostólica) teria apresentado uma fábula sem fundamento sobre a presença de Pedro em Roma, numa altura em que muitos que tinham visto o apóstolo ainda estavam vivos!

      Que exemplos

      Procurem por escritos da época e mais pra frente que mostre o contrário isso não existe

      Somente as seitas protestante por não estudar nas fontes as contesta

      E REFORÇANDO ESSA MESMA TESA DE SÃO PEDRO EM ROMA

      Saibas que trinta anos depois do martírio do Apóstolo São Pedro em Roma

      O papa Santo Anacleto construiu um oratório no local onde os fiéis se reuniam. Também se acha o testemunho do papa São Clemente Romano, que escreveu uma carta contemporânea do Evangelho de São João (90 d.C.), em que cita a morte gloriosa do pescador da Galiléia.

      Essa história é registrado em vários escritos primitivos sem nenhuma sombra de duvida

      E PARA REFORÇAR ESSAS VERDADES ABSOLUTAS

      MEUS IRMÃOS CATÓLICOS E CATÓLICAS

      Vou mostrar que dos relatos não-cristãos também se sobressai a crônica de Celso ao imperador Adriano (117-138), em que ele assegura que o nome de Pedro gozava de grande popularidade na capital do Império

      ISSO É FATO

      E MAIS EXISTEM LIVROS DE HISTÓRIA DE VARIOS AUTORES NÃO CRISTÃO DO PRIMEIRO E SEGUNDO SÉCULO QUE COMPROVAM ESSAS VERDADES ABSOLUTAS

      AGORA VEJA MAIS PROVAS PRIMITIVAS CLARAS SOBRE A PRESENÇA DE SÃO PEDRO EM ROMA

      VEJA

      Fílon de Alexandria (grego: Φίλων ο Αλεξανδρινός Fílon o Alexandrinós, hebraico פילון האלכסנדרוני,Pilon ha-Alexandroni) foi um filósofo judeo-helenista (25 a.C. — ca. 50) que viveu durante o período do helenismo.

      Diz a história nos seus livros e nos catálogos que quando Claudio subiu ao trono em 41, ele tentou resolver este conflito – ordenando representantes de ambos os grupos étnicos para comparecerem perante ele em Roma.

      A segunda delegação, mais uma vez dirigida por Fílon, fez a viagem a Roma. Quando eles chegaram, Eusébio afirma que Fílon “Disse ter lido diante do Senado inteiro dos romanos sua descrição da impiedade do [Imperador] Caio, que ele intitulou, com certas ironias, refere a suas Virtudes, e suas palavras eram tão admiradas como se pudessem ter um lugar nas bibliotecas.”

      Enquanto Fílon estava em Roma ele se encontrou com Pedro!

      Note o que Willian Cave disse:

      “Aqui [em Roma], dizem-nos, ele [Pedro] se reuniu com Filon o judeu, que recentemente veio em sua segunda embaixada até Roma, em nome de seus compatriotas em Alexandria, e contraíu uma íntima amizade e familiaridade com ele.” (A vida dos Apóstolos. Oxford 1840. Pp. 200-201.)

      E mais para confirmar e mostrar essas verdades absolutas um grande historiador de nome Eusébio de Cesaréia comenta que “a tradição diz que ele [Filon] chegou a Roma no tempo de Cláudio para falar com Pedro que estava naquele tempo a pregação os de Roma. Isso, de fato, não pode ser improvável uma vez que o tratado a que nos referimos, composto por ele [Filon] muitos anos depois, obviamente, contém as regras da igreja que ainda são observados em nosso próprio tempo”(História Eclesiástica de Eusébio. Harvard University Press, Londres. 1975. p. 145).

      Meus irmãos e minhas irmãs saibam também que a partir do século I uma obra apócrifa chamada Ascensão de Isaías chegou até nós, e este é provavelmente é o primeiro documento mais antigo e que atesta o martírio de São Pedro em Roma.

      Em uma passagem (cap. 4, 2s), lemos a seguinte previsão:

      Então surgirá Belial, o grande príncipe, o rei deste mundo, que governa desde sua origem, e ele descerá do seu firmamento em forma humana, rei da maldade, assassino de sua mãe, ele mesmo é o rei deste mundo, e ele vai perseguir a planta que os 12 apóstolos do Amado plantaram, um dos12 será entregue em suas mãos.”

      Esta é uma clara referência ao imperador Nero, que assassinou sua mãe Agripina em 59 d.C, e colocou Pedro a morte em fevereiro de 68 d.C. Ele não pode ter se referido a Paulo, pois este foi decapitado em janeiro de 67 d.C, por Hélio, um dos prefeitos que foram deixados no comando de Roma enquanto Nero estava longe na Grécia entretendo os bajuladores cidadãos desta província.

      ISSO É FATO POIS NÃO EXISTE CONTRADIÇÕES

      E ESTÁ ESCRITO NA HISTÓRIA

      QUAL QUER UM QUE DUVIDAR É MUITO SIMPLES LEIA OS ESCRITOS DA ÉPOCA E ENCANTE-SE

      Irmão e irmãs notem agora o que diz “Hegésipo nascido no ano 110nos da era cristã e morto no ano 180 da era cristã

      Veja o que ele nos relata – em seu quarto livro de Memórias que chegou até nós – e que nos deixou um registro completíssimo de sua constatação.

      Neles, conta que numa viagem para Roma, encontrou um grande número de bispos e que recebeu a mesma doutrina deles.

      E mais Hegésipo faz referências da Epístola do papa São Clemente aos Coríntios

      isso mostra claramente mais uma vez o que todos os padres da igreja testificam sem nenhuma voz discorde

      E mais Hegésipo ainda fala do papa Aniceto cujo o seu nascimento é do ano 110 da era cristã

      E, cujo diácono era Eleutério.

      E mas Aniceto foi sucedido por Sótero, e esse por Eleutério. Em cada sucessão, e em cada cidade se confirmou que foi pregado de acordo com a lei, os profetas e o Senhor'” essa passagem você também encontrar no livro de 10 volumes de nome história eclesiástica escrito por Eusébio de Cesaréia que nasceu no ano 265 da era cristã (em fragmento na História Eclesiástica de Eusébio 4,22; ~180 dC).

      ISSO TUDO SÃO VERDADES ABSOLUTAS MEUS IRMÃOS E MINHAS IRMÃS

      ISSO SÃO PROVAS CLARISSÍMAS DOS FATOS OCORRIDOS DA ÉPOCA E DOS SEUS ACONTECIMENTOS E MAIS SAIBA QUE EM TODOS OS ESCRITOS DOS PADRES DA IGREJA A MAIORIA FAZEM REFERÊNCIAS DAS OBRAS DE CADA UM

      OLHA O QUE ESCREVEU NUM DE SEUS LIVROS SÃO CIPRIANO DE CARTAGO MORTO NO ANO 258 DA ERA CRISTÃ

      VEJA

      “Nosso Senhor, cujos preceitos e recomendações devemos observar, descrevendo a honra de um bispo e a ordem de Sua Igreja, falou no Evangelho, dizendo a Pedro: ‘Eu te digo que tu és Pedro, e sobre essa pedra edificarei a minha Igreja; e as portas do inferno não prevalecerão contra Ela. Eu te darei as chaves do Reino dos Céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus; e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.’ Daí, através do passar dos tempos e susseções, a ordem dos bispos e a hierarquia da Igreja permaneceu, de modo que a Igreja está fundamentada sobre os bispos, e cada ato da Igreja está controlado por aqueles mesmos administradores. Desde então, está fundamentada na lei divina. Eu me admiro de que alguns, com atrevida temeridade, preferiram me escrever como se escrevessem em nome da Igreja; isso quando a Igreja foi estabelecida sobre os bispos e o clero, e todos os que permaneceram firmes na fé” (Cipriano, Epístola 26,33 [aos proscritos]; 250 dC).

      15; ~445 dC).

      A IGREJA NASCEU CATÓLICA

      AGORA PARA OS PROTESTANTES QUE FURTAM FRASES DO CONTEXTO VOU DA

      A VERDADEIRA FRASE QUE EUSÉBIO DE CESARÉIA AFIRMA NO SEU LIVRO HISTÓRIA ECLESIÁSTICA

      VEJA

      Historia Eclesiástica XXV Livro VII
      “E Pedro, sobre quem se edifica a Igreja de Cristo, contra a qual não prevalecerão as portas do Hades

      E MAIS

      Note que Eusébio diz ainda que Depois de Pedro Alexandre foi o 5º bispo de Roma ou seja o 6º bispo de Roma:

      Pedro -> Lino -> Anacleto -> Clemente -> Evaristo -> Alexandre

      AGORA ALGUMAS PROVAS BÍBLICAS DOS APÓSTOLOS EM ROMA

      VEJAM

      Romanos 1,7. “a todos os que estão em Roma, queridos de Deus, chamados a serem santos: a vós, graça e paz da parte de Deus, nosso Pai, e da parte do Senhor Jesus Cristo!”

      Romanos 1, 8. “Primeiramente, dou graças a meu Deus, por meio de Jesus Cristo, por todos vós, porque em todo o mundo é preconizada a vossa fé.”

      E por fim diz que Satanás será esmagado aos pés desta mesma Igreja: católica apostólica romana.

      VEJAM

      Romanos 16,20 “O Deus da paz em breve não tardará a esmagar Satanás debaixo dos vossos pés. A graça de nosso Senhor Jesus Cristo esteja convosco!”

    • BRUNO VOCÊS PERTENCENTES AS SATÂNICAS SEITAS DE NOME PROTESTANTISMO ignoram que a expressão “até que” (“éoos óu”, do grego, “ad ki” do hebraico e “donec” do latim) tem um sentido especial em várias passagens da Bíblia em proposições negativas – que é o caso dessa objeção – em que entra a expressão “até que”. Cf. Gên. 3, 19; Deut. 7, 24; 2 Sm. 6, 23; 1 Reis, 5,3; Is. 22, 14; Sab. 10, 14; Sal. 111,8; 70,18. Dois exemplos: “(O justo) não temerá até que (ad ki) veja confundidos os seus inimigos” (Sal. 111,8). Ou seja: Se não temeu antes, não temerá depois. – “Michol não teve filhos até que (ad ki) morreu” (2 Sm. 6, 23); é claro o sentido: nunca teve filhos. O mesmo nos outros exemplos. Assim, em Mt. 1,25 temos, por paridade: E José não a conheceu depois. O sentido exato é: “Ela deu à luz sem que (éoos óu) José a tivesse conhecido”, como nos exemplos acima. É não só a afirmação explícita da concepção virginal de Cristo, é também a afirmação implícita da perpétua virgindade de Maria Santíssima. Ou, ao menos, não se pode concluir nada, em nome da Bíblia, sobre o depois iniciado com o “até que” de Mt. 1, 25. E os protestantes erram outra vez… Nota: Às vezes, edições mais recentes da Bíblia substituem o “até que” por “a fim de que”, “sem que”, “sem”, “enquanto não”, ou algo semelhante. Mas o caso é sempre o mesmo. Espero com isso fazer vocês entenderem que exegese não é algo simples de se fazer. bruno eu lamento o fato de voces protestantes filhos de Lutero interpretarem um texto bíblico do jeito que lhes convém e lhes agrada sem respeitar as técnicas de hermenêutica e exegese.

      BRUNO essa mania só causa dissensões catastróficas que exemplos as seitas protestantes não tem 500 anos e só no Brasil é dividida em mais de 50 mil seitas tem até igrejas de homossexuais vai estudar patrística Bruno herege olha religião se disculte agora pontos de vista não.

  18. QUAL É A DIFERENÇA ENTRE CATÓLICO E PROTESTANTE.

    Basta lembrar-se do primeiro mandamento- “Amarás o teu Deus de todo…, …e ao teu irmão como a te mesmo”. A diferença é simples, os dois amam a Deus de todo coração e amor. Mas só o católico ama o irmão de forma complexa em sua totalidade. Se perguntar a um evangélico o que é amar ao irmão como a ti mesmo, ele se lembrará normalmente dos menos favorecidos. Já o católico entende que não há sequer duas pessoas iguais, ele dirá com certeza que uma pessoa há de ser mais evoluída que a outra. O católico assim como o evangélico, ama e presta sua misericórdia ao menos favorecido. Mas como fazer com o que superior a te? O católico tem ainda maior apreço aquele que lhe é superior, busca neles proteção e interação durante a sua trajetória neste vale de lágrimas. Recorre aos anjos, a Virgem Maria e aos santos. a isto se dá o nome de ” Comunhão dos santos”. Isto se pensarmos bem veremos que isto não foi uma criação do homem, mas uma instituição do próprio Deus.
    É importantíssimo lembrar que Jesus poderia vir ao mundo de qualquer outra maneira, porém veio de forma humana, provando que o projeto humano era totalmente possível e viável, ninguém neste mundo pode contestar isso. E mais, se encarnou no seio da Virgem Maria para que esta fosse valorizada e resgatasse a culpa da primeira mulher e que ela pudesse nesta única oportunidade derrotar o seu maior inimigo, o dragão. Através da primeira mulher(Eva) o pecado entrou no mundo para matar o homem(Adão). Mas através de uma outra mulher(Maria) a ressurreição e a vida (Cristo) voltou ao homem.
    Só uma coisa me intriga, no Apocalipse o Apostolo João disse que o Dragão vomitou um rio atrás da mulher. Segundo os estudiosos águas significam povos ou muita gente. Este rio teria como finalidade tragar a mulher que fugiu para o deserto. E ao dragão só restou lutar contra a descendência da mulher( que somos nós). Mas a terra abriu a sua boca e engoliu o rio. Agora eu pergunto o que você que lê estas linhas quer ser? A descendência da Mulher (Virgem Maria), ou o vômito do Dragão?

  19. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    INTERPRETA ESSA PASSAGEM BÍBLICA AÍ PRA NÓS, CARO ISAÍAS 45:20.

    AFFFFFFFFFFFF…É CADA UMA, QUE PARECEM MIL

    NÃO ESTUDAM BÍBLIA, E QUANDO ESTUDAM ALGO O FAZEM NÃO EM BUSCA DA VERDADE, MAS EM BUSCA DA INTERPRETAÇÃO MAIS FAVORÁVEL ÀS HERESIAS DA INSTITUIÇÃO RELIGIOSA DAS NAÇÕES PAGÃS.

    AÍ A CASA CÁI, E ELES VÊM QUERENDO INTERPRETAR UM VERSÍCULO ISOLADO, SEM QUALQUER BASE BÍBLIA, CAINDO EM CONTRADIÇÃO NESSE PRÓPRIO VERSÍCULO.

    MUUUUUUUUUITO FRACO. NÃO SABEM NEM O QUÊ É IGREJA. FALOU DE 2 PEDRO, E AINDA ACHA QUE A IGREJA CATÓLICA É A IGREJA DE JESUS.

  20. É impressionante como estes protestantes não desistem de distorcer o que já foi mais que esclarecido. Protestantes não acreditam em Deus, eles acreditam na Bíblia, nem se o próprio Jesus voltasse a Terra para esclarecer-lhe isto, eles não acreditariam. Esperneiam, esperneiam e esperneiam, mas não conseguem explicar o escrito em 2Pe 1,20.

    • Se a Igreja Católica Apostólica Romana não é a Igreja de Jesus, qual é então a verdadeira Igreja de Jesus?

      Tenho outras perguntas interessantes para o Sr.:

      Quantos anos tem a sua seita e quem a fundou meu Nobre Amigo? Ela é a legítima “Igreja de Deus”, explique bem isso a todos os seus irmão das outras 20.000 seitas protestantes.
      Em que ano foi usado a palavra católica e por quem?
      Quem deu o título ao seu pseudo pastor? Ele mesmo? O Esprito Santo?
      Se é livre a interpretação bíblica, porque a dos protestantes é correta e a dos católicos não?

      O protestantismo só tem uma unidade, descordarem da Igreja de Deus.
      Que a Santa Virgem rogue por ti a seu Filho, para que assim este encha o seu coração da VERDADE e não de pré conceitos sem qualquer supedâneo legítimo, preconceitos que não está sendo colocado por Deus, mas por homens!
      In corde Jesu, semper!

      • DEUS PROIBE FAZER DEUSES FALSOS E NÃO IMAGENS – ALEGAÇÃO CATÓLICA

        Esta é uma alegação do livro Resposta aos crentes :

        Pe. Vicente Sverdi, diz que Deus não proibiu fazer imagens, mas o que Deus proibiu é fazer deuses falsos e adora-los.

        Vamos analisar: A ordem de não fazer imagens é justamente para não virar o que virou!

        Existe mais adoração a ídolos do que para Deus, existe mais devoção ou veneração aos santos do que para Deus, você não acha?

        – Se você é católico e passa uma dificuldade para quem você recorre primeiro?

        – Para Deus ou para o seu santo?

        Se faz promessa para quem?

        Se paga promessa para quem?

        Em dias comemorativos dos santos vemos pessoas que “oram, pedindo para os santos”, muitos já nem usam o crucifixo e sim a Santinha (o) pendurado no pescoço.

        Então o que virou as imagens?

        Não virou um deus ou deusa para muitos?

        Sim, viraram deuses, e são mais lembrados pelos seus devotos do que Deus, a igreja católica já possui mais santos do que os dias do ano, por isso que existe o dia de todos os santos, para que pelo menos se esqueceram de algum santo durante o ano, ele será lembrado neste dia.

        PARE E PENSE – É JUSTO LEMBRAR MAIS DA CRIATURA DO QUE DO CRIADOR?

        • VEJA PIADISTA CONTRADITÓRIO BRUNO

          Â tarde chegaram os dois anjos a Sodoma. Ló estava sentado à porta de Sodoma e, vendo-os, levantou-se para os receber; prostrou-se com o rosto em terra,
          Gênesis 19:1

          • vc quer falar em contradições então toma essa. “porque há um só Deus e só um mediador entre deus e os homens. cristo Jesus homem”. 1 Timóteo2
            ai me vem o vaticano e me declara maria como mediadora isto é uma grande contradição, até mesmo porque maria não é onisciente e não poderia ouvir todas as orações. e não há nem sequer nenhuma menção de algum apóstolo falando que maria tinha este poder. outra coisa quando jesus nos ensinou a orar ele disse que tudo que pedissemos fosse em nome do pai do filho e do espirito santo e só. quer mais quando Jesus curava alguém ele não ficava perguntando se aquela pessoa tinha feito os sete sacramentos e nem falava que só a igreja católica salvava até mesmo pq o ladrão que estava do lado dele na cruz não tinha cumprido nenhum ritual imbecil destes que vcs foram acrescentando durante os séculos e mesmo assim foi perdoado. quer mais quando Jesus morreu na cruz ele disse está consumado, ou seja está pago,e vcs ainda continuam praticando o sacrifício, como se o sacrifício que ele fez na cruz não tivesse sido suficiente. enquanto ao versiculo que vc citou acima, aquilo foi somente uma reverência o que vcs praticam é muito mais do que reverência pq vcs prestam culto e fazem petições e está escrito que só ao senhor teu Deus prestarás culto e somente a ele adorarás, mas eu sei que vc vai dizer que não adora outros Deuses somente venera, mas eu entendo, porque a pessoa que é idólatra nunca se acha idólatra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.