As vítimas se tornam criminosos para os defensores de Fidel Castro

1

Objeção: (…) Sobre os que fugiram… tirando a boa parte de criminosos (condenados pelo próprio regime de Fulgêncio),em grande parte são pessoas que não se adaptaram a todos poderem ter oportunidades. (…)

Recebido em 18/7/99

Pós-modernidade ou Postmodernity? Um erro ou ouma intenção?

Ao fazer uma pesquisa, deparei-me com este site. Vejo algumas incorreções, principalmente com o nome… porém, vejo um certo repúdio para com um povo, que em sua esmagadora maioria, apoia um regime de governo que o libertou da escravidão (escravidão é uma palavra interessante para igraja católica, não?). Vejo também um certo “ar de UDN” no discurso que cria calúnias a respeito de um movimento que luta pela acesso à terra, que é um das premissas para uma vida livre e honesta. Mas acredito eu, que a
ganância pela propriedade privada (coisa prega pelo próprio vaticano), seja a principal meta para este texto preconceituoso.

Viva o povo cubano! Viva à vitória do povo! Viva à revolução!

* Resposta

Respondido em 19/7/99

M,

Recebemos o seu e-mail e seu registro em nosso livro de visitas.

Apenas tenho a lamentar sua indiferença para com o povo cubano, que precisa fugir da ilha que você vê como ideal.

Caso não saiba, já fugiram centenas e centenas de milhares de cubanos dessa ilha por você tão defendida.

Onde você leu que o povo cubano é favorável ao regime imposto em Cuba? Certamente não foi no “Granna” (jornal do PC cubano). O próprio Fidel se nega a realizar qualquer consulta popular sobre a continuidade ou não de seu regime. Se ele tivesse tanta certeza como você, certamente procuraria se legitimar um pouquinho diante dos inúmeros organismos internacionais que denunciam a opressão existente em sua ilha.

Sobre o MST, vejo que você é um pouco ingênuo. Você, realmente, acredita que eles querem um pouco de terra? Acho que você deveria ler a página da internet deles… Eles não querem a terra (documento deles), mas querem implantar um outro regime: o socialismo.

Sobre sua dúvida ortográfica, parece-me dispensável tentar esclarecer a diferença entre “Post” e “Pós”, em um título de jornal.

Atenciosamente,
Frederico Viotti
Frente Universitária Lepanto

Tréplica em 23/7/99

Acredito que seja dispensável a questão não ortográfica da Pós-modernidade.

Com relação à Cuba, não li em nenhum lugar, li sim nos lábios de diversos cubanos, não só os que lá residem, mas também nos que por aqui passam e vêm estudar (uma das únicas formas rais de libertação). Sobre os que fugiram… tirando a boa parte de criminosos (condenados pelo próprio regime de Fulgêncio), em grande parte são pessoas que não se adaptaram a tdos poderem ter oportunidades. O discurso de que “se acabou com a miséria e se instalou a pobreza”, pode até ser correto, mas sem sombra de dúvidas é
melhor do que a desigualdade defendida nos dias atuais (inclusive pela igraja católica que a defende por séculos).

Quanto ao MST, é claro que não querem apenas terra, querem dignidade e igualdade! Fato que só se pode conquistar quando não é escravo dos meios de produção. O que é a terra? Um punhado de chão pra se plantar? Não, não é! É o meio que sobrevivência pelo qual essas pessoas (em sua maioria ligada à pastoral da terra e não com nenhum movimento ideológico) lutam e que, por consequência, se aproximam com o socialismo (ou qualquer outro rótulo de justiça que puderem colocar).

Uma dúvida: de onde é esta frente universitária? Qual (ou quais) universidades, cursos e entidades fazem parte deste moviemento?

Um abraço,
M M.

* Resposta

Resposta em 24/7/99

Você vai encontrar uma descrição na página “Redatores”.

Infelizmente, não concordo com suas colocações e acho perda de tempo discutir que a CPT é uma entidade ideológica, que a igualdade é correta apenas sobre certo ponto de vista (pois existe a desigualdade da criação) etc.

Atenciosamente,
Frederico Viotti
Frente Universitária Lepanto

1 COMENTÁRIO

  1. Caro MM, só quem gosta do comunismo é quem tem algum proveito ou não o conhece. Só um desinformado não conhece o terrorismo que foi feito na Rússia. Ou você tem algum interesse por ganho próprio ou não conhece o comunismo, como você não conhece a Igreja Católica. Eu te desafio a conhecer a Igreja Católica, assim como eu não conhecia: meu maior desejo, antes de conhecê-la era ser um grande terrorista, um grande guerrilheiro. Mas depois de conhecer a Igreja Católica que me trouxe os ensinamentos de Jesus, eu me encantei, sou capaz de morrer por Jesus e perdoar meus algoz. Viva Cristo e sua Igreja!
    Eu te lanço um desafio: Se você seria capaz de estudar a Igreja para desmascará-la? Se você for humilde, você, depois dos estudos, será uma pessoa muito feliz! Seja feliz, estude sobre a Igreja. Que Deus te abençoe! Você é apenas um pobre homem que está mal informado. Estou rezando por você.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.