Vídeo: O mistério do Santo Sudário – Final

0

Última parte do documentário sobre o Santo Sudário de Turim.

Parte 5: Fim

[youtube clip_id=”mVHgxhanYAc”]

Dois oficiais da Força Aérea norte-americana, John Jackson e Eric Jumper, analisando o Sudário perceberam que a figura foi impressa de maneira tridimensional, de tal forma que é possível conhecer a distância entre o tecido e as diversas partes do corpo de Nosso Senhor, o que não acontece numa fotografia comum.

Assim, partes do corpo que não estiveram em contato com o tecido também se achavam misteriosamente impressas na fotografia da mortalha.

Normalmente os cientistas só conseguem reconstituir uma imagem tridimensional a partir de fotos, quando tiradas de enormes distâncias, como as de planetas longínquos.

De tal modo que a distância possa influenciar, de maneira mensurável, a intensidade de luz recebida ou refletida pelos objetos.

Santo Sudario, imagem tridimensional de Giovanni TamburelliPara a reconstituição da tridimensionalidade, utiliza-se um aparelho chamado VP-8. Jackson e Jumper tomaram uma simples fotografia do Santo Sudário e a introduziram no aparelho.

Qual não foi o seu espanto quando… veja o documentário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here